MP recebe representação contra estudante da UFMA

0comentário

 

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) recebeu, na manhã desta terça-feira (30), na Procuradoria Geral de Justiça, representantes de grupos de defesa dos Direitos Humanos, que protocolaram representação criminal contra o estudante de Química Industrial, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Marcos Silveira, 28. Ele fez postagens no Facebook, com mensagens de intolerância e de ódio contra homossexuais, mulheres e pessoas com ideologia de esquerda.

Segundo o advogado Thiago Viana, da Comissão da Diversidade Sexual da OAB/MA, que assina a representação ao lado da também advogada Renata dos Reis Cordeiro,integrante do Coletivo de Assessoria Jurídica Popular e Feminista, o documento aponta três ilegalidades cometidas pelo estudante: incitação ao crime; injúria coletiva contra a comunidade LGBT e contra mulheres; e apologia à tortura e perseguição a pessoas com posicionamento ideológico.

O grupo, formado por advogados, professores e ativistas, foi recebido pelo diretor da Secretaria de Assuntos Institucionais, promotor de justiça Marco Antonio Santos Amorim, que ressaltou o papel da instituição ministerial na defesa dos Direitos Humanos e afirmou que a representação, a ser recebida pela Ouvidoria do MPMA, terá o encaminhamento, de acordo com as atribuições do Ministério Público do Maranhão.

“O Ministério Público é uma instituição vocacionada à defesa dos direitos fundamentais, da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis. Todo ato de intolerância merece repúdio, e o Ministério Público estará sempre vigilante para resguardar os direitos das minorias”, afirmou o promotor de justiça.

sem comentário »

Repercute post de estudante sobre ‘caça a viadinhos’

0comentário

Publicações do estudante da Universidade Federal do Maranhão, Marcos Silveira, têm repercutido nas redes sociais por citar ‘caça aos viadinhos’, ‘atirar na cabeça’, além de exaltar Carlos Brilhante Ustra, o brasileiro declarado pela Justiça torturador durante o período da ditadura militar.

Nesta segunda-feira (29) o estudante apagou as mensagens, pediu desculpas e disse estar profundamente arrependido.

Marcos é de São Luís e aluno do curso de Química Industrial da UFMA. Em uma das postagens, Marcos diz que está ‘liberada a caça legal aos viadinhos’ e que ‘não vale atirar na cabeça’. Em outra, diz que ‘é hora de entregar os esquerditas ao Departamento de Ordem Política e Social (DOPS) e cita o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra.

O Coordenador do curso de Química Industrial, professor Arão Pereira da Costa Filho, emitiu uma nota de repúdio em nome de alunos do curso e também pede ações contra Marcos por parte da UFMA. A nota diz ainda que declarações de cunho racista, homofóbico e machista têm sido presenciado por alunos da UFMA e causando constrangimento, repulsa e medo.

Leia a mais no G1

sem comentário »

Estudante morre ao cair de pau de arara

0comentário

Um estudante do município de Montes Altos, a 640 km de São Luís, identificado como Adriel Oliveira Lima, de apenas 13 anos, morreu na terça-feira (31) após sofrer na semana passada um acidente quando ia para a escola em um caminhão pau de arara.

Apesar do acidente que vitimou o garoto, estudantes da zona rural continuam sendo transportados no meio de transporte. O motorista Silvano Bandeira de Sousa diz que não adianta reclamar.“Não tem como reclamar porque se reclamar não vai dar jeito. Eu não posso falar nada porque eu trabalho para a prefeitura. Eu não posso nem lhe contar”, revelou.

A secretária de Educação de Montes Claros, Jeane Dias Barros, afirma que a prefeitura não tem dinheiro para investir no transporte escolar. “A gente pretende fazer uma mudança gradual. À medida que haja possibilidade e, isso é uma das principais metas do município, a gente vai trabalhar as estradas para que os ônibus possam transitar e a gente está analisando a possibilidade de financiamento dos ônibus”.

A promotora de Justiça, Paloma Ribeiro Gonçalves, diz que o Ministério Público já instaurou um procedimento para investigar o transporte de alunos afirma que a prefeitura tem a obrigação de prestar um serviço de qualidade. “Porque na verdade está sendo paga uma empresa para prestar esse serviço e, com certeza, os termos do contrato são para se prestar um serviço de forma satisfatória, um serviço de qualidade. A prefeitura não pode contratar um serviço de má qualidade”, finalizou.

Leia mais

sem comentário »

PMs são denunciados por homicídio em Balsas

0comentário

O Ministério Público do Maranhão ofereceu denúncia contra quatro policiais militares acusados de matar a estudante Karina Brito Ferreira e de tentativa de homicídio da irmã dela, Kamila Brito Ferreira, em Balsas. A denúncia é assinada pela promotora de justiça Rita de Cássia Pereira Souza, da 5ª Promotoria de Justiça da Comarca de Balsas.

Os policiais André Zacarias Passos Dias, Bruno Rafael Moraes, Joas Gomes Nunes e Raifran de Sousa Almeida foram denunciados por homicídio doloso (quando há intenção de matar) qualificado, mediante recursos que impossibilitaram a defesa da vítima.

De acordo com o MPMA, as vítimas voltavam de um velório, na madrugada de 14 de dezembro do ano passado, quando foram perseguidas pelos policiais militares em um carro descaracterizado. Elas receberam diversos tiros e mesmo após o carro delas estar parado continuaram a ser alvejadas. Karina Ferreira tinha 23 anos e levou 17 tiros.

Os denunciados realizavam diligências com o objetivo de localizar o esconderijo da associação criminosa que explodiu as agências do Banco do Brasil e do Bradesco, no dia anterior ao homicídio, na cidade de Fortaleza dos Nogueiras, quando avistaram o veículo das vítimas e as perseguiram.

Ao serem ouvidos pela autoridade policial, Raifran de Sousa Almeida negou a prática do crime, afirmando que atirou apenas nos pneus. Os policiais militares Bruno Rafael Moraes e André Zacarias Passos Dias confessaram a prática do delito e Joas Gomes Nunes negou.

O Ministério Público solicitou à Justiça o recebimento da Denúncia e o prosseguimento do processo até julgamento pelo Tribunal do Júri.

Foto: Reprodução/ TV Mirante

sem comentário »

Morte de estudante

5comentários

estudante

Morreu por volta de 0h desta terça-feira (5), o estudante Rondinely Ferreira da Costa, de 18 anos. Ele foi atingido com um tiro na cabeça ontem à tarde, durante um assalto a ônibus, em frente à Maternidade Marly Sarney, na Cohab.

Rondinely teve o telefone celular roubado e baleado na cabeça. A vítima foi levada para o Hospital Socorrão II, onde foi submetido a uma cirurgia e acabou morrendo.

Nas últimas duas semanas, foram registrados 11 assaltos a ônibus em São Luis.

O número de casos de latrocínio também aumentou. Entre abril e maio já são 9 casos.

Foto: Marcial Lima

5 comentários »