Madrugada de terror em Aldeias Altas

0comentário

Madrugada de tiros, explosões, pânico e de filme de terror no município de Aldeias Altas.

A cidade que fica a 392 Km de São Luís foi invadida por bandidos fortemente armados. Alguns moradores fotam feitos reféns, mas ninguém ficou ferido.

Os bandidos explodiram as agências do Banco do Brasil e Bradesco, além da agência dos Correios e uma casa lotérica.

Segundo testemunhas, a ação teve a participação de pelo menos 15 bandidos.

Fotos: Divulgação/ Polícia

sem comentário »

Sousa Neto critica Segurança Pública

0comentário

Deputado Sousa Neto (Pros) critica onda de explosões de agências bancárias no Maranhão

O deputado estadual Sousa Neto (Pros) criticou nas redes sociais a onde da violência a bancos que tem tomado conta do Maranhão desde o ano passado.

Na madrugada de hoje, oito bandidos voltaram a agir no interior do Maranhão, desta vez em Bom Jardim, onde o pânico tomou conta da população.

“A cidade de Bom Jardim, a 277 km da capital, está aterrorizada com a ação audaciosa de uma quadrilha fortemente armada, nesta madrugada, que invadiu a agência do Banco do Brasil e, usando dinamites, destruiu os caixas eletrônicos. Segundo relatos, eles ainda tentaram explodir o Bradesco, e em seguida, fugiram, atirando pelas ruas, intimidando a polícia e causando pânico e medo aos moradores”, disse.

Sousa Neto tem sido um dos maiores críticos da Segurança Pública no governo Flávio Dino (PCdoB). Sem resposta do poder público, o parlamentar pergunta até quando vamos ter que conviver com essa onda de insegurança.

“De novo? Até quando ficaremos desassistidos, Governador Flávio Dino? O Maranhão se tornou terra sem lei. A situação lastimável a que chegou a Segurança Pública, a falta de policiamento e a vulnerabilidade dos municípios é o cenário ideal para criminosos agirem no estado. O que nos deixa indignados é que esses casos já viraram rotina, e o governo comunista nada faz para coibir novos ataques. Não há estratégias de prevenção, não há estrutura para as polícias, não há reforço no patrulhamento, principalmente em períodos de maior movimentação bancária”, finalizou.

Foto: Divulgação

sem comentário »