Honorato participa de reunião no Rio Grande

0comentário

O vereador Honorato Fernandes(PT), pré-candidato a deputado estadual,  participou na manhã deste sábado de uma reunião na  Zona Rural de São Luís, na localidade do Rio Grande. A reunião contou com a participação  expressiva  de moradores  da localidade  e de comunidades vizinhas. Ao final  do evento teve  ato de filiação.

Presente na reunião o secretário de Organização do PT Estadual, Francimar Melo, falou sobre a necessidade das pessoas estarem juntas na luta pela democracia e pelo Direito de Lula ser presidente. Francimar também fez um retrospecto de direitos conquistados durante o governo de Lula e Dilma que estão sendo tirados do povo Brasileiro.

” O que está  acontecendo é o desmonte do nosso País. Estão massacrando a classe trabalhadora. Não podemos ficar parado. Temos que lutar. Lula livre” , disse Francimar.

O presidente da  Associação de Moradores do Rio Grande, Raimundo Teixeira, destacou que a comunidade está unida unida em torno da Defesa da democracia, do direito dos trabalhadores e do movimento Lula Livre.

Na sua fala o vereador e pré candidato Honorato Fernandes fez um retrospecto do trabalho que vem fazendo na Zona Rural e falou dos pleitos que tem levado as Secretarias. Honorato também destacou a importância de lutar contra o desmonte das políticas sociais implantadas nos governos de Lula e Dilma.

“Temos que ser firmes e lutar contra este desmonte que aí está . Temos que seguir fimes na luta pela liberdade do presidente Lula, e  está luta se faz diariamente dentro de nossas casas, no nosso ambiente de trabalho e na rua. Temos que dizer Lula Livre. Não vamos nos calar. É do nosso presente e futuro que estamos falando. Que estamos defendendo ,” disse Honorato Fernandes que convocou os novos filiados a fazerem parte desta luta.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Honorato defende força tarefa na Saúde

4comentários

Durante sessão realizada na manhã de hoje (11), na Câmara Municipal de São Luís, o vereador Honorato Fernandes (11) utilizou a tribuna da Casa para chamar a atenção com relação ao processo sucateamento do Sistema Único de Saúde (SUS) e seus reflexos nos serviços ofertados à população maranhense.

O primeiro problema apontado pelo parlamentar diz respeito à indisponibilidade dos exames de ressonância no Hospital Djalma Marques, o Socorrão I. De acordo com o vereador, muitos usuários do SUS têm reclamado da espera para poder realizar os exames de ressonância solicitados pelos médicos. Na tentativa de solucionar a questão, o parlamentar sugeriu a integração de ações entre o Legislativo e o Executivo Municipal.

“Acredito que esta Casa precisa fazer uma força tarefa junto ao Executivo, talvez por meio de emendas, para pelo menos tentarmos ajudar o sistema de saúde municipal com relação à ausência de ressonâncias no Socorrão I”, sugeriu o parlamentar aos demais vereadores da Casa.

Honorato deu sequência à fala destacando também a ausência da bolsa coletora ofertada aos pacientes ostomizados. A ostomia é um procedimento cirúrgico realizado em pacientes que sofrem de alguns tipos de câncer e consiste na construção um novo trajeto para que seja possível eliminar a urina e as fezes. A necessidade da bolsa coletora se dá justamente, pois o paciente não tem como controlar a saída desses materiais.

“Não é justo submeter essas pessoas, já tão abaladas por conta do procedimento cirúrgico pelo qual elas passam, a situação degradante de ter que andar com uma sacola de supermercado por conta da ausência da bolsa de colestomia”, disse o parlamentar

Finalizando a fala, o vereador relatou a situação de abandono pela qual pacientes com diabetes têm passado, há meses, no Centro de Medicina Especializada (Cemesp), em virtude da falta de medicamentos e insumos para tratar a doença.

“Tive a oportunidade de falar com o secretário Lula, se não me falhe a memória, no dia 19 de Março, com relação a ausência de insumos aos diabéticos. Na ocasião, o secretário me informou que a questão estava em processo de adesão de uma ata.. No dia 13 e maio, voltei a tratar do assunto com o secretário, o qual afirmou que a adesão da ata já estava efetivada. E, hoje, infelizmente, volto a pedir a atenção do município, pois o atendimento às pessoas com diabetes ainda não foi regularizado”, finalizou o vereador.

Foto: Divulgação

4 comentários »

Honorato instala comitê em defesa de Lula

0comentário

O presidente do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores de São Luís, vereador Honorato Fernandes, acompanhado de dirigentes do PT Estadual e Municipal, deu início hoje ao projeto do Comitê Móvel em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser candidato a presidente da República. O objetivo é levar a vários localidades a mensagem da importância da luta pela democracia, a luta pelo direito dos trabalhadores e, sobretudo, o direito de Lula ser candidato.

Na manhã desta terça-feira (23) o Comitê Móvel foi para a Zona Rural. A primeira parada foi no terminal da Integração do Maracanã. No local foi feito uma panfletagem e populares gravaram mensagens em defesa da democracia do ex-presidente Lula.

“O objetivo deste Comitê é ampliar o alcance da nossa mensagem, que é a mensagem pela Democracia e pelo direito legitimo de Lula ser candidato. Estamos nessa luta e junto com os companheiros, e da grande maioria da nossa população, seguimos firmes”, destacou o vereador Honorato Fernandes.

“É muito importante levar a nossa mensagem para a população. Não podemos nos calar diante deste processo de desmonte e perseguição que acontece no nosso País”, ressaltou o secretário Estadual de Organização do PT, Francimar Melo.

“Sempre votei no presidente Lula e o meu voto continua sendo dele. Ele vai voltar”, disse o aposentado Francisco Silva.

Residencial – A segunda parada do Comitê Móvel foi no Residencial Vila Maranhão II. No local a comitiva foi recebida por uma comissão de moradores que pediram ajuda ao vereador no sentido de buscar melhorias para o local em áreas como Educação, saúde e Infra Estrutura. A visita ao local foi coordenada pelo secretário de Cultura do Município, Marlon Botão.

“Precisamos muito que alguém nos ajude a solucionar os problemas da região. Não temos escolas para as nossas crianças e carecemos de um posto de saúde nas proximidade. Esperamos que o vereador nos ajude nesta empreitada”, explicou a moradora Samila Monteiro Silva.

Após ouvir os moradores o vereador Honorato se colocou a disposição e disse estar feliz em ver a mobilização dos moradores em busca de melhorias para o local.

“Eu posso fazer a ponte mais tudo acontece a partir desta mobilização que vemos aqui dos moradores. Saímos daqui com uma agenda a ser cumprida nas próximas semanas”, disse Honorato Fernandes.

Durante a visita ao Residencial Honorato também falou sobre o objetivo do Comitê Móvel e da mensagem que o mesmo está levando às localidades. No local ouviu depoimentos de várias pessoas que tiveram conquistas durante governo de Lula e Dilma e que hoje passam por recessão.

“Durante o Governo Lula e Dilma comprei minha casa, carro e moto E consegui meios de montar um pequeno negócio. Com a mudança perdi o meu negócio e hoje a situação não está fácil”, disse o morador Naldo Sousa.

Ainda durante a reunião o secretário de Organização, Francimar Melo, a dirigente Ana Marinho e o secretário Marlon Botão falaram sobre este importante momento em que a participação popular é fundamental.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Câmara debate privatização no setor elétrico

0comentário

A Câmara Municipal de São Luís realizou, na quinta-feira (16), audiência pública para discutir os impactos econômicos do projeto de privatização do setor elétrico brasileiro. A proposta do debate, solicitado pelo vereador Honorato Fernandes (PT), nasceu do convite feito pelo advogado Wellington Araújo Diniz, secretário de assuntos jurídicos do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão – STIU-MA, para integrar a luta, já travada pela entidade, contra a privatização da Eletrobrás.

O debate contou com a presença do deputado federal Zé Carlos (PT), de representantes de entidades e centrais sindicais, como a Central Única dos Trabalhadores do Maranhão (CUT- MA), da Nova Central Sindical dos Trabalhadores do Maranhão (NCST-MA), da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no Maranhão (CTB-MA), representantes do Sindicato dos Urbanitários, além da sociedade civil e trabalhadores da Eletronorte.

Autor da proposição que deu origem a audiência, o vereador Honorato Fernandes, destacou a necessidade da sociedade se organizar na luta contra todos os desmontes das políticas sociais e do patrimônio nacional promovido pelo governo Temer, pontuando que a privatização do setor elétrico integra um conjunto de ações perversas da política entreguista do Governo Federal.

“Todos os dias, através de uma canetada, Temer entrega algo do nosso patrimônio ao capital estrangeiro, comprometendo a expectativa de futuro do povo brasileiro. E nós precisamos reagir, nos unindo para promover uma reflexão acerca destes acontecimentos e traduzi-los àqueles cujo aceso à informação é mais escasso. Qualquer país que se respeite não aceita entregar aquilo que deve ser de controle estratégico da nação e do seu desenvolvimento”, afirmou o vereador, que concluiu a fala colocando seu mandato a disposição da luta contra a privatização do setor elétrico.

O presidente do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão, Fernando Pereira, lembrou a luta travada pela entidade ao longo dos anos contra a privatização de algumas estatais, como a Cemar, na década de 90 e da Caema, no início do ano, destacando a necessidade, diante da conjuntura atual, de prosseguir a luta em defesa do patrimônio e da soberania nacional. De acordo com o presidente do Sindicato dos Urbanitários do Maranhão, a privatização o setor elétrico brasileiro significa, entre outras coisas, a entrega do setor ao capital estrangeiro, tendo em vista o valor irrisório de venda do mesmo.

(mais…)

sem comentário »

Honorato destaca ações contra feminicídio

0comentário

O vereador Honorato Fernandes (PT), em pronunciamento realizado durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de hoje (14), voltou a destacar a importância de fortalecer as ações de combate ao feminicídio e parabenizou o Governo do Estado pela inauguração da Casa da Mulher Brasileira, importante mecanismo de prestação de serviço às mulheres vítimas de violência.

Ao tratar da questão do feminicídio, o parlamentar reiterou sua indignação com relação aos atos de violência contra mulher, relatados diariamente e destacou o caso de agressão sofrida pela advogada Ludmila Rosa Ribeiro da Silva, espancada pelo ex-marido Lúcio André Silva Soares, na noite do último sábado.

De acordo com o parlamentar, as denúncias de feminicídio, cada vez mais frequentes, é um retrato de uma sociedade cuja cultura do machismo está enraizada de tal forma que a objetificação da mulher já se tornou natural.

“A questão da violência, sobretudo, contra a mulher, já é comportamento costumeiro da sociedade brasileira. Boa parte da população cresce achando natural ver a mulher sendo tratada como objeto. Temos que mudar esta pratica”, destacou o vereador.

Durante o pronunciamento, Honorato destacou ainda o início do funcionamento da Casa da Mulher Brasileira, parabenizando o Governo do Estado pela inauguração da unidade que vai atender casos de violência doméstica, estupros entre outros crimes de gênero. A instituição prestará assistência completa às mulheres vítimas de violência, através de diversos órgãos e entidades de referência do Município, Estado, Justiça e Sociedade Civil Organizada.

“Parabenizo o Governo do Estado pela inauguração da Casa da Mulher Brasileira, que prestará atendimento 24 horas ás mulheres vítimas de violência. Importante iniciativa que deve ser destacada e que mostra o compromisso no enfrentamento da violência contra a mulher”, afirmou Honorato.

Inaugurada hoje, a Casa da Mulher Brasileira é uma inovação no atendimento humanizado às mulheres, integrando no mesmo espaço os serviços de acolhimento e triagem, apoio psicossocial.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Honorato participa de lançamento no PT

0comentário

O presidente do Diretório Municipal do PT de São Luís, vereador Honorato Fernandes, participou na quinta-feira(21), em São Paulo, do lançamento da Plataforma Brasil que o Povo Quer, que contou com a presença do ex-presidente Lula, da presidenta do PT Gleisi Hoffmann (PT-PR), a ex-ministra Tereza Campello e o presidente da Fundação Perseu Abramo, Marcio Pochmann, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT-SP), o vereador Eduardo Suplicy (PT-SP), a deputada Benedita da Silva, o deputado Carlos Zarttini (PT-SP) os senadores Lindbergh Farias (PT-RJ) e Humberto Costa (PT-PE), além de representantes de movimentos sociais.

Márcio Pochmann apresentou a plataforma, que faz parte de um projeto mais amplo, incluindo também debates presenciais transmitidos ao vivo com lideranças políticas e especialistas, além de um relatório final que será entregue ao Diretório Nacional do PT.

“Esse é um projeto para escutar a maior riqueza desse país, que é a diversidade. Diversidade de gênero, diversidade de religiões, diversidade de cultura, diversidades regionais”, afirmou Pochmann destacando o papel da plataforma para “viabilizar a participação popular”. Como parte do lançamento da Plataforma teve o debate Fome e Miséria no Brasil.

O ex-presidente Lula que um dos objetivos do lançamento desta Plataforma é fazer um chamamento à sociedade para que ela diga ao Brasil que ela quer.

“Essa é a primeira demonstração de que o PT evoluiu e a esquerda evoluiu para compreender que o País não é nosso. Nós que somos do País”, disse Lula.

O vereador Honorato Fernandes destacou a importância do lançamento da plataforma que será um poderoso instrumento de informação e acompanhamento da situação que o Brasil vive.

“A fome voltou a assombrar a nossa população. Este governo golpista que ai está trabalha incansavelmente no desmonte das políticas públicas implantadas pelo PT. É necessário que a população tome conhecimento da real situação que o nosso País se encontra para que juntos possamos trabalhar para mudar este sombrio quadro”, disse Honorato Fernandes.

Fotos: Divulgação

sem comentário »

Honorato pede intervenção em escola

7comentários

O vereador Honorato Fernandes (PT) esteve reunido no início da tarde desta segunda-feira (21), com o secretário de Municipal de Educação, Moacir Feitosa para solicitar a intervenção da Prefeitura de São Luís na Escola Roseno de Jesus, na Vila Janaína.

O vereador disse que esteve visitando a escola a convite de moradores e constatou o estado lastimável em que se encontra.

“De acordo com os moradores, a escola só não está completamente deteriorada, porque a própria comunidade, através de uma espécie de rodízio, faz a segurança do prédio, evitando que vândalos a destruam por completo”, disse.

Diante do quadro constatado, Honorato solicitou ao secretário Moacir Feitosa providências no enfrentamento à essa triste realidade.

“O secretário reconhece a necessidade de intervenções na escola e determinou realização de ações na área da gestão e engenharia para sanar as pendências com a comunidade. Quero crer que em pouco tempo essa situação será resolvida”, disse.

“Acredito que escolas abandonadas resultam em crianças ociosas e vulneráveis a criminalidade. Além de entender, que não garantiremos o futuro para jovens e crianças se não conseguirmos garantir minimamente as condições para se viver o presente”, finalizou.

Foto: Divulgação

7 comentários »

Audiência debate ações contra à LGBTfobia

2comentários

Criar um espaço de debate acerca da violência motivada pela intolerância e crimes de ódio contra gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais. Esta foi a proposta da audiência pública realizada, na quinta-feira (10), por meio do mandato do vereador Honorato Fernandes (PT), na Câmara Municipal de São Luís.

O debate contou com a presença de representantes do Poder Público, do Conselho Municipal da Juventude, Secretaria de Estado da Juventude, do Conselho Estadual LGBT, da Defensoria Pública, da comunidade LGBT,deputado federal Zé Carlos, de entidades sindicais, como o SINDSEP-MA, além de estudantes da rede pública de ensino e de alguns parlamentares da Casa.

O autor da proposição, que também preside a Comissão de Direitos Humanos do Parlamento Municipal, vereador Honorato Fernandes deu início às discussões da audiência ressaltando os frequentes registros de crimes motivados pela LGBTfobia, tanto à nível nacional, quanto local. “É fato que os registros de violência contra a população LGBT têm sido altíssimos e aqui na cidade de São Luís este tem sido um fato cada vez mais corriqueiro”, destacou o vereador.

Respeito à diversidade nas escolas

O tema relacionado à diversidade sexual e de gênero volta a ser pauta central do Legislativo Municipal um ano após a aprovação do projeto de lei do Executivo Municipal que tratou do Plano Municipal de Educação. O Plano contemplava uma série de medidas relacionadas à educação sobre gênero e combate à LGBTfobia, e que seriam adotadas pelas escolas da rede municipal de ensino. No entanto, tais medidas não foram aprovadas.

Na sua fala, Honorato defendeu a educação de gênero nas escolas e o resgate da discussão do Plano Municipal de Educação, de modo a reverter a decisão que retirou da grade escolar disciplinas que abordam temas relacionados à diversidade sexual e de gênero.

“Tenho me preocupado com o pensamento de algumas pessoas que defendem a idéia de que temas, como política e diversidade sexual e de gênero, não devem ser debatidos nas escolas, o que só tem reforçado o ciclo vicioso da violência”, afirmou.

(mais…)

2 comentários »

Honorato vence eleição no PT

4comentários

Vereador Honorato Fernandes vence a eleição no PT no primeiro turno com 52,58% dos votos

O vereador Honorato Fernandes é o novo presidente do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT).

Ele obteve 52,58% dos votos e venceu a eleição no primeiro turno com a chapa Unidade para Renovar.

“Muito obrigado aos amigos e amigas que torceram e votaram nas eleições internas do Partido dos Trabalhadores, conduzindo nossa chapa Unidade para Renovar a vitória e que nos deram 52,58% dos votos para presidente do partido já no primeiro turno. Chegou o momento de construirmos novas pontes para o futuro de nosso partido”, destacou Honorato.

Com a vitória nas urnas, Honorato vai comandar o Partido dos Trabalhadores em São Luís nos próximos dois anos.

4 comentários »

Honorato lamenta desespero e boataria

0comentário

O vereador Honorato Fernandes que disputa a eleição neste domingo (9) para a presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em São Luís, lamentou o desespero por parte de adversários que divulgaram a notícia sobre a impugnação da sua candidatura.

Segundo Honorato tudo não passa de boato e medo dos adversários com a sua vitória que deve ser confirmada após às 17h. A candidatura de Honorato não foi impugnada como chegou a ser notíciado na mídia.

“Eu sei que a onda de boataria está muito grande, mas eleição se ganha é com voto e hoje até às 17h,nós estaremos recebemos todos os filiados e filiadas para confirmarem o seu voto em Honorato Fernandes presidente 500. Venha, não entre na boataria, pois isso não faz parte da democracia”, disse

A eleição para os diretórios do PT acontece até às 17h.

Clique aqui e veja o vídeo de Honorato

sem comentário »