Flávio Dino reage a ‘perseguição’ de Bolsonaro

4comentários

O governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) reagiu, nas redes sociais ao que chamou de perseguição contra um ente da Federação pelo presidente da República Jair Bolsonaro (PSL).

Bolsonaro conversava em off com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, quando teria criticado os governadores do Maranhão, Flávio Dino e o da Paraíba, João Azevêdo, antes de uma reunião com jornalistas nesta sexta-feira (19), no Palácio do Planalto. (Clique aqui e veja o vídeo).

Sem perceber que estava sendo gravado, o presidente Jair Bolsonaro afirmou; “O governador de Paraíba é pior que esse do Maranhão. Não tem que ter nada com esse cara”.

Era tudo que Flávio Dino sonhava…

Nas redes sociais, a reação do governador do Maranhão foi imediata.

“Independentemente de suas opiniões pessoais, o presidente da República não pode determinar perseguição contra um ente da Federação. Seja o Maranhão ou a Paraíba ou qualquer outro Estado. “Não tem que ter nada para esse cara” é uma orientação administrativa gravemente ilegal”, disse.

“Como conheço a Constituição e as leis do Brasil, irei continuar a dialogar respeitosamente com as autoridades do Governo Federal e a colaborar administrativamente no que for possível. Eu respeito os princípios da legalidade e impessoalidade (art 37 da Constituição)”, acrescentou Dino.

Foto: Reprodução / Redes sociais

4 comentários »

Roseana diz que governo persegue adversários

0comentário

Ao visitar o município de Lajeado Novo, nesta sexta-feira (14), a candidata Roseana Sarney classificou de crueldade o fim dos programas sociais, o aumento de impostos e a apreensão de veículos adotados pelo atual governo. Ela declarou que as divergências políticas não podem causar prejuízos à população, como vem ocorrendo atualmente no Maranhão.

“Ao perseguir adversários, a gestão do atual governador persegue o povo. Ao tentar encobrir o meu legado não dando continuidade às obras da minha gestão, esquece dos mais carentes, que necessitam dos hospitais, da energia elétrica, do abastecimento de água potável, do leite das crianças. Mas eu vou trazer de volta todos esses benefícios, além de criar outros, como o Viva-Gás”, afirmou Roseana.

Na reunião que aconteceu na casa do ex-prefeito Deusdete Pereira, o Dete, estavam presentes o candidato a vice-governador, Ribinha Cunha, e os candidatos a senador Sarney Filho e Edison Lobão. A jovem vereadora Luana Pereira, 26 anos, disse que a história da sua cidade se confunde com sua admiração pela ex-governadora Roseana, que construiu praças, estradas vicinais, as sedes da Câmara Municipal e da prefeitura de Lajeado Novo.

“Nossa cidade só é um município emancipado graças à gestão da ex-governadora Roseana. As obras que executou e fez questão de voltar a cidade para inaugurar estão firmes e fortes até hoje, de escola a asfalto de qualidade. Ela construiu um hospital que era nosso sonho, mas o atual governo não entregou. Passaram-se quatro anos e o hospital virou um prédio abandonado. Nem as mães de Lajeado Novo têm direito de dar a luz aos seus bebês aqui. Nossos filhos nascem em outros municípios”, declarou.

Barra do Corda

Uma multidão acompanhou a candidata a governadora Roseana Sarney em uma grande caminhada pelas ruas de Barra do Corda para ouvir suas propostas de governo em comício no bairro Trizidela. Cerca de cinco mil pessoas percorreram com ela um trajeto de 5 km, e por onde passava Roseana era carinhosamente cumprimentada pelos moradores.

Das janelas das casas, nas calçadas ou das portas dos estabelecimentos comerciais, os moradores de Barra do Corda acenavam para Roseana e para os candidatos ao Senado, Sarney Filho e Edison Lobão, e a deputado estadual, Rigo Teles. Os barracordenses pediam a volta dos programas sociais e a devolução de veículos apreendidos.

No comício, Roseana lembrou que milhares de maranhenses de baixa renda foram prejudicados com o término de programas como o Viva Luz, o Viva Água,  o programa do leite, e que os micro, pequenos e médios empresários também sofrem com os altos impostos impostos pelo atual governo.

“Voltarei com todos os programas sociais que ajudavam os mais carentes, criarei o Viva Gás e reduzirei a carga tributária, para que a nossa economia volte a crescer”, afirmou a ex-governadora.

Em seu discurso, Rigo Teles destacou a luta da oposição no Legislativo estadual do Maranhão, contra as iniciativas do governo Flávio Dino que geraram dificuldades para os maranhenses, como os projetos que aumentaram a cobrança de impostos no estado.

Fotos: Divulgação

sem comentário »

Roseana critica ‘perseguição’ no atual governo

1comentário

A candidata da coligação “O Maranhão quer mais”, Roseana Sarney (MDB), afirmou nesta segunda-feira (27), durante o programa Sabatina O Estado, que caso seja eleita no mês de outubro, retomará os programas sociais e os investimentos no Maranhão.

Ela citou o programa Viva Luz, que assegurava a quitação da conta de energia elétrica do cidadão de baixa renda, falou sobre o programa Saúde é Vida – que construiu 72 novos hospitais em todas as regiões do estado e anunciou que pretende criar o Viva Gás.

Roseana também falou sobre a necessidade de retomar o crescimento econômico do estado e promover emprego e renda.

“A crise financeira no país e no Maranhão é muito forte. O sistema de saúde do Maranhão está falindo. O desemprego aumentou. Por isso eu decidi colocar meu nome à disposição para o Governo. Para tentar mudar esse quadro”, disse.

“Na minha gestão eu consegui tirar cerca de 500 mil pessoas da linha de pobreza. E agora os dados oficiais mostram que pelo menos 300 mil pessoas voltaram para a linha de pobreza. Isso é preocupante”, completou.

Roseana também criticou a perseguição política, segundo ela, imposta pelo atual governador, Flávio Dino, a adversários e disse que nas suas gestões, jamais agiu de forma semelhante.

“Esse governo tem um equívoco muito grande. Você não é eleito governador de um lado, de um partido ou grupo político, mas sim governador de todos os lados. Eu não era uma governadora de uma parte dos maranhenses, eu era de todos. Me sentia privilegiada por isso. Não se pode beneficiar aliados e prejudicar os demais”, disse.

Ela citou nominalmente os exemplos dos prefeitos de Imperatriz e São Pedro dos Crentes, que fazem oposição ao Palácio dos Leões. Para a emedebista, ambos são perseguidos.

“O prefeito de São Pedro dos Crentes, por exemplo, que está sempre nas redes sociais, é perseguido. O prefeito de Imperatriz também é perseguido, porque você não mandar recursos para a saúde do município, é perseguição”, concluiu.

O Estado

1 comentário »

Roseana assegura fim do ‘medo e perseguição’

1comentário

“Quero voltar a governar porque amo o Maranhão e os maranhenses, e não posso deixar meu povo refém do medo e da perseguição”, afirmou a candidata a governadora Roseana Sarney na noite de sábado (19) no Anjo da Guarda, para um público que a recebeu com muito carinho e empolgação. Ao lado da ex-prefeita de São Luís, Conceição Andrade, e do líder comunitário Sebastião Santos, Roseana arrancou aplausos dos moradores ao dizer que, se eleita, retomará os programas sociais e de desenvolvimento econômico do estado, sem massacrar o povo com o aumento de impostos e o desemprego.

“Nós não vamos perseguir os pobres e trabalhadores, tomando carros e motos de pessoas que já estão sofrendo com o desemprego. Ao contrário, retomaremos os programas sociais do nosso governo, como o Viva Água e o Viva Luz, que tanto ajudaram as famílias mais carentes. E apoiar os micro e pequenos empresários, para que possam desenvolver seus negócios e dar oportunidade de emprego aos jovens”, afirmou Roseana, sob aplausos dos moradores do Anjo da Guarda.

Ela lembrou dos benefícios que levou para a área Itaqui Bacanga, como o asfaltamento de ruas e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), e garantiu que fará muito mais por aquela comunidade. “O Maranhão tem hoje mais famílias na pobreza, mais pessoas desempregadas, mais violência e medo. Com o apoio de vocês, serei governadora novamente, para o nosso estado voltar a se desenvolver e o maranhense voltar a sorrir”, finalizou ela.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Roseana prega governo sem perseguição

2comentários

“Não vamos perseguir ninguém. Vamos trabalhar para retomar o desenvolvimento do Maranhão e devolver a esperança aos maranhenses”, enfatizou a pré-candidata a governadora Roseana às lideranças e demais pessoas que a receberam nos nove municípios da Região Tocantina por ela visitados de quinta-feira (9) a sábado (11). Por onde passou, ela e sua comitiva receberam o carinho da população, que demonstrou o apoio à sua pré-candidatura, com cartazes, aplausos e abraços calorosos.

Além do pré-candidato a vice-governador, Ribinha Cunha, e dos pré-candidatos ao Senado, Edison Lobão e Sarney Filho, lideranças políticas locais e da região acompanharam Roseana nos municípios, e em todas as cidades ela foi recebida com muito carinho. “Quero ser governadora para dar continuidade ao trabalho que iniciamos nessa região e que está estagnado. Por isso, reunimos um time que tem experiência e compromisso com nosso povo, como Sarney Filho e Lobão, e meu vice Ribinha, filho desta região e liderança fundamental para nos ajudar a devolver a esperança ao povo”, declarou ela.

Em São Pedro da Água Branca, os ex-prefeitos Vanderlúcio Simão Ribeiro e Juca Gonçalves ressaltaram que as cidades do interior ficaram esquecidas nos últimos anos. “Apoiamos Roseana porque queremos de volta as parcerias com o Governo do Estado e, principalmente, a atenção ao social, às comunidades, com diversas iniciativas direcionadas para famílias carentes, como o Viva Luz, Viva Água e o Programa do Leite. Roseana liberou para o nosso município R$ 3 milhões para a infraestrutura local que o atual governo só começou a utilizar agora, às vésperas da eleição. Mas nossa guerreira vai voltar pra liderar e trazer de volta a alegria de nosso povo”, ressaltou Vanderlucio. “Ficamos muito felizes com a escolha de Ribinha, que é daqui e sabe do que nosso povo precisa”, acrescentou Juca Gonçalves.

A recepção também foi calorosa em Vila Nova dos Martírios. “Andamos por toda a região e as pessoas clamam pelo retorno do desenvolvimento e da prosperidade. As obras realizadas estão por toda parte”, ressaltou Lobão. Ele afirmou que no Maranhão “nenhum cidadão ficou sem energia em casa”, lembrando que o programa Luz para Todos beneficiou mais de um milhão e 200 mil famílias, quando ele era ministro de Minas e Energia.

Ribinha Cunha agradeceu pela presença dos jovens com cartazes de apoio e incentivo às candidaturas: “Não vamos desistir de lutar pelo nosso povo. Contamos com vocês para representar a comunidade no Governo do Estado. Queremos que o brilho nos olhos de todos permaneçam, pois vamos juntos construir um Maranhão vitorioso. Serei o porta-voz do meu povo em todas as demandas”.

Em Açailândia, a caravana foi recebida pelos ex-prefeitos Gleide Santos e Deusdete Sampaio, e pelo empresário Nelson Bragato, no Distrito do Pequiá. “Muitas cidades foram emancipadas por Lobão e Roseana, que cresceram e se desenvolveram, como Itinga. Tenho orgulho de dizer que o Maranhão precisa desse grupo, com o presente que ela nos deu: o vice da Região Tocantina”, enfatizou.

Sarney Filho também teve o reconhecimento dos cidadãos, pela experiência e atuação de destaque no cenário nacional, como deputado federal e ministro de Meio Ambiente, e reforçou que vai enfrentar as dificuldades para proporcionar melhores condições de vida aos maranhenses. “O Maranhão quer retomar o progresso, diminuir os impostos, aumentar os empregos. Com Lobão e Roseana, vamos apoiar nosso povo, cuidar da população e trabalhar pelos mais humildes”, concluiu.

Foto: Divulgação

2 comentários »

‘É preciso dar um basta a essa perseguição’, diz Braide

0comentário

O presidente do Partido da Mobilização nacional no Maranhão (PMN), deputado Eduardo Braide divulgou nota repudiando o uso político da Polícia Militar pelo governo Flávio Dino como forma de intimidar adversários políticos.

“Estamos vivendo tempos estranhos no Maranhão. Por isso, o Partido da Movilização Nacional (PMN) repudia a forma truculenta que o governo Flávio Dino tenta intimidar seus opositores políticos”, afirmou.

Em nota, Eduardo Braide pede o fim do que chamou de onda de “perseguição” no Maranhão.

“O PMN acredita que é preciso dar um basta a essa perseguição que beira a insanidade, uma vez que a Polícia Militar está sendo usada como instrumento político perseguidor, prática que deveria ter acabado junto com a Ditadura”, disse.

Ainda segundo Eduardo Braide, o PMN entrará com representação na Justiça Eleitoral para garantir a transparência das eleições no Maranhão.

“O PMN tomará todas as providências necessárias a fim de que o Estado Democrático de Direito seja preservado, garantindo a todos, eleições verdadeiramente livres”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Sousa Neto denuncia perseguição a delegada

0comentário

O deputado estadual Sousa Neto (Pros), criticou nas redes sociais, a remoção da delegada que relatou, no Facebook, as péssimas condições de trabalho na delegacia onde estava lotada.

A delegada Virgínia Loiola que comandava uma a 4ª Distrito Policial, em Imperatriz foi transferida após o episódio para Açailância, onde assume a Delegacia da Mulher e segundo o parlamentar foi mais uma demonstração de “punição e perseguição’ do governador Flávio Dino e do secretário Jefferson Portela.

“Como uma espécie de ‘punição’ e ‘retaliação’ por ter denunciado, nas redes sociais, às péssimas condições de trabalho, Flávio Dino removeu a delegada Virgínia Loiola do 4º Distrito Policial de Imperatriz para Delegacia da Mulher de Açailândia. Na época, fiz um pronunciamento sobre o caso e da insatisfação da polícia na Assembleia Legislativa, o que gerou grande repercussão na imprensa em todo o Estado, face a incompetência do secretário Jefferson Portela e do Governo Comunista em gerenciar o Sistema de Segurança, atestada pelos alarmantes índices de criminalidade e violência que afetam a sociedade. Mais uma vez, estamos assistindo a um ato abusivo, covarde e medíocre, como inúmeros já denunciados pela Oposição, de um governo ridículo, que tem como lema ‘perseguir os opositores e beneficiar protegidos’. Flávio Dino, respeite os profissionais que têm, verdadeiramente, o compromisso de bem servir o Estado; ao contrário de sua ‘curriola’, que só sabe maltratar nossa população”, disse.

Sousa Neto disse que levará o assunto à Tribuna da Assembleia Legislativa na próxima semana.

“Na segunda-feira (13), voltarei a tratar desse assunto na sessão plenária, e farei encaminhamentos pela Comissão de Segurança, solicitando que haja providências desta Casa para dar garantia de trabalho aos servidores da Segurança Pública e para frear esses desmandos, como temos visto nestes três anos do Governo Flávio Dino, contra aqueles que ‘ousam’ ir contra o domínio comunista”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Paulo Marinho aponta perseguição de Dino

8comentários

O ex-deputado federal e ex-prefeito de Caxias, Paulo Marinho se manifestou pela primeira vez após ser solto graças a um habeas corpus na sexta-feira. Ele foi preso e levado para a Penitenciária de Pedrinhas por não pagar pensão alimentícia para uma filha.

Paulo Marinho agradeceu o apoio recebido da família e de amigos e disse que foi mais uma vítima da perseguição implacável do governador Flávio Dino.

“A resposta para Flávio Dino está na bíblia livro negado pelo comunismo. “não matarás” ,,, ele bem que tentou “matar minha honra, minha reputação e a minha dignidade,,não conseguiu. Obrigado a todos mais uma vez!!! Usando um velho jargão dos meus tempos de militante estudantil na Uma ” a luta continua “, disse.

Leia a nota de Paulo Marinho na íntegra:

“Agradecer a minha família, minha esposa Marcia, meus filhos verdadeiros, aos advogados do Maranhão, a OAB e ao Sindicato dos Advogados, ao meu irmão e amigo Senador Roberto Rocha, ao Presidente Sarney, a Roseana, a Luiza Rocha, e a todos os meus amigos que de forma direta ou indireta manifestaram preocupação com os momentos de terror vividos por mim fruto da perseguição implacável do Governador Flávio Dino e seus amigos.

Aproveito para informar que nossa posição política continua imutável contrária ao autoritarismo, a arrogância, a perseguição, e ao despreparo administrativo. Caxias jamais apoiará um governador como Flávio Dino que aqui usou a máquina pública impunemente mesmo assim saiu derrotado.

A resposta para Flávio Dino está na bíblia livro negado pelo comunismo. “não matarás” ,,, ele bem que tentou “matar minha honra, minha reputação e a minha dignidade,,não conseguiu. Obrigado a todos mais uma vez!!! Usando um velho jargão dos meus tempos de militante estudantil na Uma ” a luta continua “. Bom domingo˜.

8 comentários »

Sousa Neto denuncia perseguição a policial

1comentário

Sousa Neto denuncia prisão arbitrária e perseguição do Governo Flávio Dino a militares

O deputado estadual Sousa Neto (PROS) usou a Tribuna da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (18), para denunciar a prisão arbitrária do soldado Alexandre Leite, da Polícia Militar, por ordem do Comando da Segurança Pública do Maranhão.

“Soldado Leite está sofrendo uma grande injustiça, provocada pela perseguição desse governo Flávio Dino contra servidores que criticam ou que ousam se posicionar em desfavor deles”, delatou o parlamentar.

Após tomar conhecimento do fato, na última segunda-feira (17), Sousa Neto foi até o Quartel Geral da PM, no Calhau, onde o militar esteve recolhido. O deputado recebeu mensagens de vários grupos de policiais no whatsapp, que relatavam o abuso e a retaliação as quais vêm sofrendo praças e oficiais. “Fui até o Comando Geral para acompanhar a situação do militar, preso ilegalmente pelo Comando da Corporação. Este é mais um fato lamentável para o Maranhão”.

Soldado Leite, atualmente lotado no 11º Batalhão da Polícia Militar (BPM), em Timon, passa por tratamento psicológico, e foi determinado a se apresentar semanalmente na Junta Médica de Saúde (JMS) da PM, em São Luis. “Não bastassem às despesas a que está tendo o militar, que precisa vir à capital maranhense toda semana, ainda fica detido porque disseram que cometeu desacato. Não estou aqui querendo dizer que um militar tem que desacatar seu superior. Mas como é que um policial pode ficar psicologicamente e fisicamente bem para trabalhar nessas condições?”.

Em seu pronunciamento, ele questionou sobre a legalidade do serviço prestado pela Junta Médica de Saúde (JMS), diante dos abusos cometidos contra os pm’s. “Como membro da Comissão de Segurança desta Casa, contesto aqui a legalidade do serviço que a Junta Médica da PM vem fazendo, onde não há especialistas para tal atividade, e que tem maltratado muitos policiais no Estado do Maranhão. Não tem nenhum psicólogo, não tem psiquiatra, é formada por pediatras e outras especialidades”, disse.

(mais…)

1 comentário »

A fama de “ódio e perseguição”de Flávio Dino

17comentários

Governador do Maranhão Flavio Dino

Governador do Maranhão Flavio Dino

A cada dia que passa, a fama de “especialista em ódio e perseguicão”, do governador Flávio Dino fica mais evidente.  A fama ruim preocupa tanto o governador que ele anda bastante preocupado e busca reagir utilizando os métodos que já conhecemos.

A tática é sempre a mesma. Toda vez que algo de ruim acontece e desta vez foi o resultado da eleição em que o governador sofreu derrotas inesperadas, logo surge uma investigação contra adversários.

Um a um, os adversários políticos do governador, principalmente aqueles que o enfrentam são alvo de destruição, aqui e, principalmente na imprensa nacional.

Mas Dino não é tão inteligente assim como tenta passar a todos. Ele também deixa evidentes as marcas do “ódio e perseguição”aos seus adversários.

Nas redes sociais, o governador escreveu: “Especialistas em “ódio e perseguição” são aqueles que maltrataram o líder camponês Manoel da Conceição, entre tantos outros. Em 22 meses de governo, jamais pedi para processar ou deixar de processar qualquer pessoa. Me ocupo consertando o caos que recebi. Ou seja, cada um que cuide dos seus problemas em cada processo que responde. Isso realmente não me interessa. Tenho as redes sociais para me manifestar, enquanto eles têm um império midiático. Mas não tenho medo. Uso a verdade como arma”, disse.

É sempre assim. O discurso é permanente e sempre remete ao tal “caos que recebi” para justificar uma mudança que ainda não chegou e que decepciona aos maranhenses.

As urnas deixaram um recado claro a Flávio Dino e ele sabe muito bem que não convencerá mais a ninguém apenas com o seu “discurso perfeito”. É necessário trabalhar e fazer muito para que de fato possa mostrar que de fato veio para mudar o Maranhão.

Mas sem conseguir avançar como imaginava, o jeito é continuar perseguindo e destruíndo os adversários, tirando-os do caminho de 2018 para que possa consolidar o seu projeto político.

A população se mostra atenta e por isso deu o recados importantes em Imperatriz, Caxias, Grajaú e até mesmo em São Luís.

E Flávio Dino começou a reagir com “ódio e perseguição”…

17 comentários »