Duarte Jr. homenageia medalhistas do Pan

0comentário

Na manhã desta segunda-feira, 26 de agosto, a Assembleia Legislativa do Maranhão prestou homenagem aos atletas maranhenses que integraram o time brasileiro nos Jogos Pan-Americanos 2019 de Lima, no Peru.

Realizada através de requerimento do deputado estadual Duarte Jr e presidida pelo deputado Wellington do Curso, a sessão solene celebrou os feitos dos medalhistas de ouro Ana Paula, ouro no handebol; Bruno Lobo, ouro no kite surf; e Marlon Zanotelli, ouro no hipismo. Também foram homenageados Welington Silva, que disputou a prova de arremesso de peso, Thalia Costa e Daniel Silva, jogadores da seleção brasileira de rúgbi.

Esteve presente na sessão Bruno Lobo, primeiro campeão da classe estreante na competição. Kite surfista desde os 17 anos e formado em Medicina, Bruno já havia se sagrado tricampeão brasileiro e campeão sul-americano. Ele considera que a homenagem também é um incentivo a mais para que ele e novos atletas possam seguir na modalidade.

“Eu espero ser o primeiro a dar esse espaço e que possam vir realmente outros atletas e dar continuidade”, declarou Bruno, que ainda pode representar o Brasil nas Olimpíadas de 2024, quando o kite surf irá estrear como esporte olímpico. “É o que eu pretendo. Ainda vão ter as seletivas, mas esse é meu plano, meu sonho e vou trabalhar pra isso”, afirma.

Os outros atletas foram representados por suas famílias, como Ana Paula, que atualmente joga pelo clube Rostov-Dan, da Rússia. Gal Rodrigues, mãe da medalhista, representou a filha e muito emocionada, declarou que o sucesso dos filhos é o que toda mãe espera. “Toda a família se dispõe e luta, dá apoio, conquista, justamente pra que ela chegue até onde Deus permite, nós só chegamos até onde Deus permite”, disse.

A filha da Dona Gal havia conversado através de uma rede social com Duarte Jr mais cedo, antes da sessão solene, conforme revelou o deputado, que também parabenizou os atletas, seus familiares e discursou ressaltando o poder do esporte na vida das pessoas. “Essa sessão é mais do que uma justa homenagem, porque o esporte é mais do que esporte. Ele permite que pessoas aparentemente comuns demonstrem seus talentos e sirvam de verdadeiros exemplos para outras pessoas e para a humanidade. No mundo em que nós vivemos, onde há uma crise moral, ética e de confiabilidade, esses atletas homenageados se apresentam como um sopro de esperança”, discursou Duarte.

Apoio ao esporte maranhense

Já para o pai de Ana Paula, Severino Bispo, a medalha de ouro e a homenagem vieram para coroar a difícil trajetória da maranhense no handebol. “Nós tivemos que mandar uma filha com 13 anos pra longe, sem ter ninguém conhecido. Hoje ela tá dando muita alegria pra família e pra todo o povo maranhense”, declarou Severino.

Thalia Costa também está entre os atletas que precisam treinar fora do Maranhão. A jogadora da seleção brasileira de rúgbi treina no Núcleo de Alto Rendimento Esportivo (NAR) de São Paulo. Sua mãe, Ivanilde Lima, recebeu a homenagem em seu nome na Assembleia. “A minha filha é merecedora desta homenagem, até porque toda a infância, a vida inteira foi dedicada ao atletismo, já foi reconhecida em vários troféus locais e nesse momento se encontra em São Paulo. Eu só tenho a agradecer pela homenagem”, disse Dona Ivanilde.

Presente na cerimônia representando o Governo do Maranhão, o secretário estadual de Esportes, Rogério Cafeteira, ressaltou a força das políticas públicas e das leis locais voltadas para o esporte. “O momento que o país passa é muito difícil, mas diante dessa realidade o Maranhão está na vanguarda do que diz respeito à legislação do esporte, lei de incentivo e agora nessa legislatura foi aprovado o Conselho do Fundo de Esporte, que já poderá ser utilizado”, informou o secretário.

Também prestigiaram a cerimônia Rogério Luna, presidente da Associação de Velejadores do Maranhão (Avema); Bruno Lima e Socorro Reis, kite surfistas maranhenses de destaque nacional; além das autoridades Helena Duailibe, deputada estadual; Gerson Pinheiro, secretário estadual de Igualdade Racial; Rommeo Amin, secretário municipal de Esportes; Emanuel Salvador, chefe do departamento de Educação Física da UFMA, representando a reitoria da universidade.

Fotos: JR Lisboa / Agência Assembleia

sem comentário »

Brasil decide com o Peru que foi longe demais…

0comentário

A Copa América disputada no Brasil terá uma final que ninguém imaginava. Quando a bola rolar no próximo domingo, às 17h, no Maracanà, no Rio de Janeiro estarão em campo Brasil e Peru. Isso mesmo o Peru.

O Brasil pela Seleção que possui e pelo fato de jogar em casa era algo esperado, mas o Peru é a grande surpresa da Copa América.

Liderado pelo atacante Paolo Guerrero, do Internacional, os peruanos atropelaram o Chile na semifinal e venceram por 3 a 0. Antes, já haviam realizado outro feito e eliminaram o Uruguai, nos pênaltis.

Se o Brasil já tinha a obrigação de ganhar a competição, agora, numa final contra o Peru é que essa tarefa ficou ainda maior. Não é que eu ache que ficou mais fácil, na verdade a responsabilidade do Brasil é que aumentou.

Não passa pela cabeça de nenhum brasileiro, a nossa seleção, no Maracanã que estará lotado vir a perder para os peruanos.

Vamos esquecer o encontro na primeira fase na Arena Corinthians quando o Brasil goleou o Peru por 5 a 0, com direito a pênalti perdido, pois a história agora é outra.

Isso é verdade, mas ainda assim, o Brasil tem amplo favoritismo e total obrigação de ser campeão.

Quando ao Peru, fez bonito na competição, mas não tem time para bater o Brasil no Maraca.

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

sem comentário »

Vitória na marra

0comentário

Neymar

O Brasil penou para vencer o Peru, na marra com um gol nos acréscimos por 2 a 1, na estreia na Copa América, no Chile.

A Seleção Brasileira dirigida pelo técnico Dunga foi totalmente dependente de Neymar que marcou um dos gols e serviu a Douglas Costa marcar o gol da vitória. Parecia o filme que vimos na Copa do Mundo.

Um empate contra a fraca Seleção do Perú seria mais um vexame para a nossa Seleção após o desastre na Copa do Mundo e daquele inesquecível 7 a 1 para a Alemanha.

No outro jogo do grupo, a Colômbia foi derrotada pela Venezuela por 1 a 0. O Brasil volta a jogar na quarta-feira, às 21h, contra a Colômbia, em Santiago.

Foto: Reuters

sem comentário »

Dunga aposta na Argentina

0comentário

Dunga parece mais convicto do que Maradona de que a Argentina estará na Copa do Mundo de 2010. Nesta terça-feira, em entrevista para o Arena SporTV em Porto Alegre, o treinador da seleção brasileira cravou que os hermanos estarão na África do Sul. Mas vale uma ressalva: a declaração pode conter traços de ironia, em resposta à admiração pelo time de Messi manifestada por jornalistas brasileiros antes da derrota em Rosário.

– A Argentina muda. Só tem uma chance de não ir à Copa: não ganhar do Peru. O Uruguai joga com o Equador no Equador. Contra o Uruguai, a Argentina vai dar a vida. Vai direto. Ganha do Peru e ganha do Uruguai. Falo de coração. Ganha do Uruguai. Vai ser uma reposta dos jogadores. Eles são top de linha, então vão ganhar – disse Dunga.

Ao classificar os rivais como top de linha, Dunga aproveitou para alfinetar quem louvou a qualidade dos jogadores da equipe de Maradona.

– Será que o Messi, com tudo que falam dele, não vai tirar o orgulho lá do fundo? Vai jogar a vida contra o Uruguai. Vai ganhar.

O treinador da seleção brasileira disse que irá com força máxima para os jogos finais das eliminatórias. Ele abriu a possibilidade de convocar um número maior de atletas para aumentar o leque de observações antes da Copa.

A Argentina recebe o Peru em Buenos Aires no dia 10 de outubro. Na semana seguinte, visita o Uruguai em Montevidéu.

Leia mais no Globoesporte.com

sem comentário »