Encontro em Salvador

0comentário

robertorocha

Lideranças do PSB, PPS e Rede do Nordeste se reuniram na sexta-feira (21), em Salvador, no 3° Seminário Regional Programático das legendas. Foram discutidas diretrizes relacionadas ao desenvolvimento da região, educação, cultura, políticas sociais e urbanismo. O pré-candidato ao Senado pela oposição do Maranhão, Roberto Rocha, esteve no evento e garantiu que o Maranhão também está inserido nessa discussão dos partidos.

O debate teve o objetivo de aprofundar as Diretrizes do Programa de Governo do pré-candidato a presidência da República, Eduardo Campos, governador de Pernambuco, com as principais demandas da Região Nordeste.

Além do governador de Pernambuco, estiveram no seminário programático o ex-senadora Marina Silva, o deputado federal e presidente nacional do PPS, Roberto Freire, além de novas lideranças como Eliana Calmon.

Maranhão – Além de Roberto Rocha, estavam presentes no encontro o ex-governador José Reinaldo Tavares, o presidente estadual do PSB e prefeito de Timon, Luciano Leitoa e ainda o deputado estadual Bira do Pindaré. Pelo PPS estavam a deputada Eliziane Gama e o secretário da legenda, Paulo Matos.

Para as lideranças maranhenses, o estado tem papel importante no debate sobre mudanças no Brasil e nos estados. Segundo Roberto Rocha, essa época de pré-campanha é importante discutir o Brasil não somente como um todo, mas também em partes porque existem diferentes “Brasis” dentro da nação, cuja marca maior é a desigualdade entre as regiões.

“Aqui hoje no Nordeste é possível ver a pujança da região não somente no voto, mas também no desenvolvimento”, disse.

Ainda de acordo com Rocha, o que foi discutido no seminário do PSB, PPS e Rede poderá ser levado a um debate mais específico no Maranhão, que é um estado produtor. “A partir dessas discussões, poderemos incrementar ainda mais nosso plano de desenvolvimento para o nosso Estado”, afirmou Roberto Rocha.

sem comentário »

Registro negado

1comentário

marinaest

Por seis votos a um, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta-feira (3)  não conceder registro ao partido Rede Sustentabilidade, da ex-senadora Marina Silva, por falta de assinaturas de apoio necessárias para a criação da legenda. Com isso, o partido não poderá participar das eleições de 2014.

“Ainda somos um partido. Não temos registro, mas temos o mais importante: temos ética. Vamos ficar mais fortes”, disse Marina

“O plano A já vitorioso, amanhã (4) vou dar uma coletiva para vocês para dizer qual é o meu posicionamento. Eu não discuti nada de planos outros com ninguém”, afirmou.

Foto: Andre Dusek/Estadão Conteúdo

As informações são do G1

1 comentário »