Requalificação da Rua Grande entra na reta final

1comentário

Executadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em parceria com a Prefeitura de São Luís, as obras de revitalização da Rua Grande chegam à última quadra. Os serviços de pavimentação já foram finalizados até a oitava quadra e o trabalho agora se concentra na nona e décima quadras. Além dos serviços estruturais, o projeto inclui a instalação de mobiliário urbano e nova iluminação. A reforma da via faz parte do grande pacote de ações que vêm sendo executadas para a revitalização do Centro da cidade resultado de parceria Iphan e gestão do prefeito Edivaldo. O pacote de obras é o maior dos últimos trinta anos realizado na região. 

Como gestor municipal, o prefeito Edivaldo Holanda Junior acompanha o andamento dos trabalhos. “Já é possível observar os reflexos positivos desta obra. Com a redução dos obstáculos, nas quadras onde o trabalho foi concluído, a via está mais acessível aos cidadãos e o espaço mais adequado para a atividade comercial. O trabalho caminha para as quadras finais e a entrega desta obra, mais uma importante parceria do Iphan com a Prefeitura,  será mais um presente para a cidade de São Luís, a exemplo do Complexo Deodoro e da Praça Pedro II”, destaca o prefeito Edivaldo.

O superintendente do Iphan no Maranhão, Maurício Itapary, ressalta que a obra segue progredindo mesmo com o período chuvoso na cidade. “Estamos avançando para a conclusão dos serviços estruturais na via. O trabalho intenso segue o cronograma estipulado e os resultados positivos já são perceptíveis na vida quem trabalha ou frequenta a área”, destaca o superintendente do órgão, que também acompanha de perto o andamento das obras.

Além de revitalizar a área, o projeto de requalificação para a Rua Grande, propõe o conjunto de soluções urbanísticas e arquitetônicas que visam também promover a acessibilidade. A proposta de revitalização da área busca integrar os princípios da acessibilidade universal ao desenho urbano. Dessa forma, com a execução do projeto, estão sendo retirados os obstáculos, com redução dos desníveis de acesso aos imóveis para permitir a locomoção do pedestre sem restrições.

Foto: A. Baeta

1 comentário »