Eliziane critica declaração do ministro Ricardo Salles

0comentário

A senadora maranhense Eliziane Gama (Cidadania) criticou, a declaração do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles que afirmou que a “COP 25 não deu em nada”.

Eliziane Gama que participou da conferência do clima da ONU de Madri lamentou nas redes sociais que decisões que vão impactar nas próximas gerações foram adiadas.

“Quem perde com o não avanço da COP 25 somos nós. Não há o que se comemorar pois decisões que impactariam nas nossas vidas e na vida das próximas gerações foram adiadas. A questão ambiental é hoje um dos principais debates no mundo e adiar ações nos faz ligar o alerta”, disse.

“Também é fato o quão desagradável é comemorar que a COP 25 não ‘deu em nada’, isso beira a irracionalidade, mesmo os que ponderam a questão ambiental e climática sabem que ações concretas precisam ser tomadas e com urgência”, acrescentou.

Quem também se manifestou sobre o assunto nas redes sociais foi o governador Flávio Dino (PCdoB) e criticou o posicionamento do Brasil.

“O fracasso da COP 25 em Madri não deve ser comemorado. Reduzir a emissão de gases de efeito estufa é uma necessidade objetiva. E é também preocupante o crescente isolamento do Brasil na arena internacional, fragilizando parcerias diplomáticas e comerciais”, afirmou.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Deputados querem discutir privatização dos Lençóis

1comentário

Deputados federais que integram a bancada maranhense na Câmara defenderam, em entrevista a O Estado, uma ampla discussão a respeito da sugestão apresentada pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em seu perfil em rede social, de privatização do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Salles visitou municípios da região dos Lençóis [Barreirinhas e Santo Amaro] no feriado da Semana Santa. Ele elogiou o potencial turístico do parque e sugeriu a entrega à iniciativa privada.

“O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses vale muito a visita. Se concedido ao setor privado então, se tornará um dos principais destinos de ecoturismo do mundo. Vamos em frente”, escreveu numa publicação como legenda de uma foto do local.

A declaração do ministro repercutiu de imediato no estado e deputados federais ue integram a bancada maranhense se posicionaram sobre o tema.

O deputado Hildo Rocha (MDB) alertou para a necessidade de se abrir um amplo debate com a população maranhense “Isso não pode acontecer apenas pela vontade do ministro. A população maranhense tem de ser ouvida sobre essa possibilidade”, enfatizou.

André Fufuca (PP) sugeriu a exploração do espaço integral por meio do Executivo Estadual. “Sou favorável desde que seja concedido ao Governo do Estado, pois realmente conhece os desafios para a manutenção do parque”, pontuou.

Juscelino Filho (DEM), coordenador da bancada maranhense na Câmara Federal, disse que é necessário se discutir o tema com a bancada maranhense.
“[…] Já em relação à proposta de uma possível privatização do parque nacional, soube disso pela imprensa. A bancada federal do estado gostaria de ouvi-lo a respeito a antes de emitir opinião sobre o assunto”, afirmou.

Já o deputado Márcio Jerry (PCdoB), rechaçou a proposta do Governo Federal. “Sou contra, pelo menos na forma como o Governo Federal pretende fazer”, resumiu.

Eduardo Braide (PMN) também se posicionou sobre a sugestão levantada pelo ministro. “Não podemos achar que a solução está na privatização. Tenho certeza de que se o parque contasse com mais atenção e investimentos do poder público, não precisaríamos nem falar em privatizá-lo”, finalizou.

(mais…)
1 comentário »

Edilázio e ministro visitam os Lençóis Maranhenses

0comentário

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) recebeu no último fim de semana, durante o feriado da Semana Santa, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles e cumpriu extensa agenda de trabalho.

Ele acompanhou o ministro numa visita técnica aos Lençóis Maranhenses e percorreu os municípios de Santo Amaro e Barreirinhas. O Governo Federal estuda a concessão do Parque dos Lençóis Maranhenses a iniciativa privada.

Em Santo Amaro, o ministro visitou os povoados de Betânea – atingido por enchente -, e de Queimada dos Britos. Já em Barreirinhas, onde o ministro foi recebido pelo prefeito Albérico Filho. Lá, ele foi até a sede do ICMBio [Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade].

Em Barreirinhas ele também verificou a situação da construção do aeroporto, que apresenta obras inacabadas. Ele lembrou que o Governo Federal liberou recursos por meio de um convênio ao Governo do Estado há cerca de 4 anos. Apesar disso, o terminal aeroportuário jamais foi entregue. Para Edilázio, uma inoperância do Executivo Estadual.

De acordo com Edilázio, o ministro retornou à Brasília com a melhor das impressões em relação às belezas naturais de toda a extensão dos Lençóis Maranhenses. Apesar disso, ele relatou frustração do ministro com relação aos lixões no estado.

Um dos lixões fica localizado na entrada de Santo Amaro e outro no município de Paço do Lumiar, próximo ao aeroporto de onde desembarcou para retornar a Brasília. O ministro fez referência aos lixões em seu perfil em rede social, disse tratar-se de uma vergonha e assegurou que o Programa Lixão Zero, do Governo Federal, vai solucionar o problema. “Faremos de tudo para acabar com essa tristeza”, escreveu o ministro.   

Foto: Divulgação

sem comentário »

Ministro mostra decepção com lixões no Maranhão

0comentário

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles que passou o feriado da Semana Santa no Maranhão fez duas postagens no Twitter de encher qualquer maranhense de vergonha.

A primeira decepção do ministro foi com um lixão em pleno Lençóis Maranhenses. Ricardo Salles se mostroi indgnado com um lixão em meio à bela imagem do maior cartão postal do Maranhão.

“Em plena APA dos Lençóis Maranhenses, um vergonhoso lixao a céu aberto. Problema recorrente em prefeituras de todo o Brasil e que motivou nossa prioridade na Agenda Ambiental Urbana, cuja Fase 2 – Resíduos Sólidos será lançada no próximo dia 30/04 em Curitiba”, escreveu.

Neste domingo, o ministro voltou a se decepcionar com mais um lixão no Maranhão, desta vez em Paço do Lumiar.

“Inacreditável! Um dia depois de ter presenciado o vergonhoso lixão em Santo Amaro, desembarco em Paço do Lumiar e me deparo com outro! Programa Lixão Zero vai acabar com tudo isso ai: coleta seletiva, reciclagem, incineração etc. Faremos de tudo para acabar com essa tristeza!”, disse Ricardo Salles que esteve acompanhado pelo deputado Federal Edilázio Júnior (PSD).

sem comentário »