Projeto SuperAção movimenta Espigão

2comentários

Executado semanalmente em oito bairros de São Luís, o projeto SuperAção, uma iniciativa apoiada pelo vereador Raimundo Penha (PDT), movimentou, na tarde desta última sexta-feira (24), o Espigão Costeiro, na Ponta D´Areia.

A etapa itinerante do projeto reuniu centenas de pessoas, que participaram de uma animada aula de Zumba e desfrutaram de um belíssimo pôr do sol.

O SuperAção é executado com recursos de emenda parlamentar do vereador pedetista, que constantemente participa de suas atividades, mantendo contato direto com os beneficiados.

O projeto consolidou-se na capital como importante ferramenta que vem melhorando a qualidade de vida dos ludovicenses, que passaram a ter contato direto com atividades gratuitas esportivas e de lazer, como treinamento funcional, aulas de zumba e dança que acontecem duas vezes por semana nos bairros polos.

“Além de podermos desfrutar de um pôr do sol maravilhoso, tivemos a oportunidade de nos exercitar, de promovermos a nossa saúde por meio da Zumba. O projeto é muito bom e agradecemos o apoio dado pelo vereador Penha”, disse a aposentada Maria do Rosário Silva.

Presente na etapa itinerante, Raimundo Penha também destacou a importância do projeto na promoção da saúde e bem-estar de vários públicos, em especial os integrantes da Melhor Idade.

“O SuperAção trouxe mais qualidade de vida para moradores dos bairros de São Luís. Me sinto feliz e honrado em estar contribuindo com esta ferramenta importante de promoção da saúde”, afirmou o vereador.

Foto: Divulgação

2 comentários »

Moto supera problemas até chegar à decisão

1comentário

O Moto chega à decisão do Campeonato Maranhense com todo o merecimento pela campanha que realiza. Que fique bem claro que chegou por méritos, mas ainda não ganhou nada.

Nem preciso falar mais sobre as dificuldades que são inúmeras no clube. Além de ter que superar os adversários, o Moto, dia-a-dia tem buscado driblar e vencer os problemas financeiros, estruturais e administrativos.

O segredo é o trabalho sério e comprometido do elenco que é limitado, mas que tem peças capazes de se multiplicar ao ponto de manter o clube invicto na competição, dentre eles o goleiro Rodrigo Ramos – que para muitos já é um “velhinho”.

No comando, o Moto tem o questionado Marcinho Guerreiro que tem sido bem mais do que um treinador. O “burro” Marcinho Guerreiro como muitos torcedores chamam chegou à final.

Para o Moto, agora é outro campeonato. Venha Imperatriz ou São José, o time rubro-negro sabe que não ganhou nada e que não terá nenhuma moleza na decisão.

E nem pensem que os problemas no Moto acabaram apenas porque a equipe está na final. E a sua diretoria que até aqui se mostrou incapaz, precisa de fato resolver todos os problemas, especialmente o financeiro, pois ninguém gosta de trabalhar com salários atrasados.

Mas aconteça o que acontecer e é claro que para os rubro-negros que venha o título, o Moto já é um vencedor, pois mesmo com uma tabela que lhe prejudicou e sem nenhum patrocínio, chegou onde muita gente jamais imaginava.

O título agora, viria coroar a campanha marcada pela superação de um grupo de atletas que tem feito de tudo para recolocar o Moto no lugar que merece e a torcida precisa reconhecer isso mais do que nunca, além, do fato de que definitivamente calaria aqueles que não querem que Moto continue vivo.

Foto: Raillen Martins / Maranhão

1 comentário »

A superação dos guerreiros do Moto

5comentários

O Moto fechou a primeira fase do Campeonato Maranhense com 15 pontos e como a única equipe invicta na competição.

Ë impossível mencionar a boa campanha que o clube faz, sem mencionar a dificuldade que o Moto atravessa e que a cada dia parece aumentar.

O Moto hoje se resume a um grupo de jogadores comprometidos, trabalhadores e dispostos a colocar o clube no lugar que ele merece, com a força uma torcida sofrida e apaixonada, mas que está ausente dos estádios.

Sua diretoria se resume a um ou dois “malucos”, “sonhadores” que também são vítimas da falta de interesse e apoio de “motenses” tidos como históricos que só procuram o clube quando querem tirar vantagens, geralmente na política.

Em meio a esse quadro, o Moto se supera dia-a-dia e vai, como diz o seu hino, surpreendendo a muitos que apostavam num fracasso na temporada e que abandonaram a equipe no momento em que ela mais está precisando em sua história de glórias.

Mas é claro que o Moto não ganhou ainda nada, pois o seu objetivo é o título para que possa retornar às competições nacionais.

Pela campanha que faz até aqui, o Moto já é uma equipe vitoriosa e com o envolvimento e compromisso do grupo de jogadores e comissão técnica vem mostrando que é capaz de ir ainda mais longe. Os guerreiros não abandonarão o Moto nas batalhas que faltam.

Agora é hora de confirmar tudo que já fizeram pelo Moto até aqui…

Foto: Divulgação/ Moto

5 comentários »

Moto supera problemas e foca na semifinal

1comentário

Superação. Essa é a palavra do momento no Moto Club.

Numa semana de muita turbulência e que culminou com o afastamento temporário do presidente Célio Sérgio, o Moto deu um passo importante rumo às semifinais do Campeonato Maranhense.

Castigado por uma tabela mal elaborada e que obrigou a equipe a fazer três dos cinco primeiros jogos fora de casa, o Moto conseguiu vencer o Bacabal por 1 a 0, no Correão e mostrou que apesar dos problemas está mais vivo do que nunca.

Mesmo com os salários atrasados, o jogadores se mostram fechados e dispostos a levar o Moto ao lugar que merece. E jogo a jogo, o Moto vai avançando em relação ao seu maior objetivo que é o título estadual.

Fora de campo, a diretoria tenta viabilizar recursos por meio da Lei de Incentivo e do patrocínio do Governo do Maranhão para atualizar os salários o que pode acontecer nos próximos dias.

Agora, o Moto terá pela frente dois duelos decisivos contra Santa Quitéria e Maranhão. Nas contas do rubro-negro mais quatro pontos e o Moto estará na próxima fase, mas o foco será em duas vitórias para terminar esta fase nas primeiras colocações e garantir a vantagem do empate na semifinal.

Foto: Lucas Almeida

1 comentário »