X – COPA FÉRIAS DE HANDEBOL 2015 – AVISOS; NOVA TABELA…

0comentário

X – COPA FÉRIAS DE HANDEBOL 2015

PREZADOS TÉCNICOS (as) DIRIGENTES DE INSTITUIÇÕES INSCRITAS NO EVENTO.
Por desistência das equipes do MCH Adulto feminino e do BGH-B Infantil feminino assim como remanejamento de jogo das equipes que estão nas finais da evento JOGABEM, estamos atualizando a tabela dos fogos da X – COPA FÉRIAS DE HANDEBOL 2015.

TABELA DE JOGOS

DIA 27 – 01 NO GINÁSIO DO COLÉGIO BARBOSA DE GODOIS.

01 – 17 Hs IF AESF X BGH-A
02 – 17 30 JF AESF X RGN
03 – 18 Hs JF BGH X JOVENS – MA
04 – 18;30 JM A SPORTIVUS X BGH – A
05 – 19 ;hS AF B PHC X JOVENS – MA
06 – 19;30 AF A CUBANAS X UFMA
07 – 20;Hs AM A EST. SAÚDE X AESF
08 – 20;30 AM A UFMA X GHC

DIA 28 – 01 QUARTA-FEIRA

09- 17 – Hs IF AES X RGN 10 17 – 30 JF BGH X RGN 
11 – 18;-Hs JM B BGH B X RGN
12 – 18;-30 AF B SPORTIVUS X PHC
13 – 19 -Hs AF A UFMA X AESF
14 – 19 -30 AM B MHC X BGH
15 – 20 -Hs AM A GHC X EST. SAÚDE
16 – 20;-30 AM B SPORTIVUS X LAUNÉ
17 – 21 -Hs AM A AESF X UFMA

DIA 29 – 01 QUINTA – FEIRA

18 – 17 Hs IM BGH – B X RGN
19 – 17 – 30 JM A SPORTIVUS X SABARÁ
20 – 18 – Hs JM B BGH – B X AESF
21 – 18;30 JF JOVENS-MA X AESF
22 – 19 ; Hs AF B SPORTIVUS X JOVENS -MA
23 – 19 ;30 AM B MHC X LAUNÉ
24 – 20; Hs AM A EST. SAÚDE X UFMA
25 – 20;30 AM B BGH X SPORTIVUS
26 – 21;Hs AM A AESF X GHC

DIA 30 – 01 SEXTA – FEIRA

27 – 17 ; Hs IM BGH A X BGH B
28 – 17 ; 30 JF BGH X AESF
29 – 18; Hs JF JOVENS MA X RGN
30 – 18 ;30 JM A BGH X SABARÁ
31 – 19 ;Hs JM B RGN X AESF
32 – 19 ;30 AF A CUBANAS X AESF
33 – 20 ;Hs AM B MHC X SPOTIVUS
34 – 20 ;30 AM B BGH X LAUNÉ

DIA 31 01 – SÁBADO

35 – 14-Hs IM BGH – A X RGN
36 – 14-30 IF RGN X BGH

SEMI-FINAIS

37 15 – Hs JM 1° do A X 2° do B
38 15 – 30 JM 1° do B X 2° do A
39 16 – Hs AF 1° do A X 2° do B
40 16 – 30 AF 1° do B X 2° do A 
41 17 – Hs AM 1° do A X 2°do B
42 17 – 30 AM 1° do B X 2° do A

DIA 01 -02 – DOMINGO FINAIS

43 8 – 30 IF 1° X 2°
44 9 – 10 IM 1° X 2°
45 10 – Hs JF 1º X 2°
46 10 – 40 JM V – 37 X V – 38
47 11 – 20 AF V – 39 X V – 40
48 12 – Hs AM V – 41 X V – 42

Obs; IF infantil feminino – IM infantil masculino – JF juvenil feminino
AFA adulto feminino grupo A – AFB adulto feminino grupo 
JMA juvenil masculino grupo A -JMB juvenil masculino grupo B
AMA adulto masculino grupo A – AMB adulto masculino grupo B

Bons Jogos

sem comentário »

PENSAR A PRÁTICA v. 17, n. 4 (2014) JÁ ESTÁ DISPONÍVEL

0comentário

v. 17, n. 4 (2014)

Sumário

Editorial

PUBLISH IN ENGLISH FOR NOT PERISH OU AS NOVAS NORMAS DO SCIELO BRASIL PDF
Ana Márcia Silva, Tadeu João Ribeiro Baptista

Artigos Originais

CONHECENDO OS PARQUES DE CURITIBA E SEUS ESPAÇOS PÚBLICOS DESTINADOS AS BRINCAIDERAS INFANTIS – UM PANORAMA GERAL PDF
Luize Moro, Simone Rechia, Talita Stresser de Assis
BADMINTON, UN DEPORTE CON UN POTENCIAL DE INCREMENTACION DE LA ADHERENCIA DE LA Y EL ADOLESCENTE AL PROGRAMA DE EDUCACION FISICA EN SECUNDARIA. BUENAS PRACTICAS EN PROMOCION DE SALUD Y ESTRATÉGIAS INNOVADORAS. PDF
Maria Lucia Stefanelli
AUTOPERCEPÇÃO DA SAÚDE DE IDOSOS PARTICIPANTES DE UM PROJETO DE EXTENSÃO DE HIDROGINÁSTICA DE UMA UNIVERSIDADE PÚBLICA PDF
Vanessa Helena Santana Dalla Déa, Elen Cristine Gomes Prado, Jéssica Felix Nicacio Martinez, Tadeu João Ribeiro Baptista
PROGRAMA SEGUNDO TEMPO E O PAPEL DAS PREFEITURAS NA SUA DIFUSÃO PDF
Edmilson Santos Santos, Jean Carlo Andrade, Roberto Silva Santos
QUALIDADE DE VIDA DE ADULTOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL NA GRANDE FLORIANÓPOLIS, SC PDF
Roger Lima Scherer, Luciano Lazzaris Fernandes, Markus Vinicius Nahas
FINANCIAMENTO DO ESPORTE OLÍMPICO DE VERÃO BRASILEIRO: MAPEAMENTO INICIAL DO PROGRAMA “BOLSA-ATLETA” (2005-2011) PDF
Amanda Jorge Corrêa, Marcelo Moraes e Silva, Fernando Marinho Mezzadri, Fernando Renato Cavichiolli
AGRESSIVIDADE, VIOLÊNCIA E BUDÖ: TEMAS DA EDUCAÇÃO FÍSICA EM UMA ESCOLA ESTADUAL EM GOIÂNIA PDF
Lopes Freitas Ueno, Marcel Farias de Sousa
A FORMAÇÃO, RELACIONADA À GESTÃO, OFERECIDA EM CURSOS DE GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA: UM OLHAR QUALITATIVO SOBRE CURRÍCULOS, DISCIPLINAS E EMENTAS PDF
Alfredo Ribeiro Cárdenas, Simone Ghisi Feuerschütte
CORPOREIDADE E EDUCAÇÃO INTEGRAL: O QUE DIZEM OS SUJEITOS NA EXPERIÊNCIA DE ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL DE GOVERNADOR VALADARES – MG PDF
Luiza Lana Gonçalves-Silva, Wagner Wey Moreira
“ISSO É AULA DE EDUCAÇÃO FÍSICA?” PRÁTICAS CORPORAIS NA ESCOLA PDF
Leiriane Viveiros Gregório, Ingrid Dittrich Wiggers, Dulce Filgueira de Almeida
A EDUCAÇÃO FÍSICA COMO COMPONENTE CURRICULAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL E NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PDF
Nayara Fernanda Perles Jardim, Juliana Pizani, Fabiane Castilho Teixeira, Ieda Parra Barbosa-Rinaldi
A OPINIÃO DOS PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO ENSINO MÉDIO SOBRE A HOMOSSEXUALIDADE E A HOMOFOBIA NA ESCOLA PDF
Xênia Ferreira de Oliveira, Marcos Roberto Godoi, Luciene Neves Santos
O FUTEBOL FEMININO NO CAMPO ACADÊMICO BRASILEIRO: MAPEAMENTO DE TESES E DISSERTAÇÕES (1990 – 2010) PDF
Leila Salvini, Ana Letícia Padeski Ferreira, Wanderley Marchi Júnior
SIGNIFICADO DA PRÁTICA ESPORTIVA DO VOLEIBOL: ESTUDO DE CASO COM IDOSOS PDF
Lucélia Justino Borges, Marize Amorim Lopes, Tânia Rosane Bertoldo Benedetti
EXPERIÊNCIAS EM CUIDADO: REFLEXÕES E AÇÕES NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA PDF
Laís Saraiva Torres, Viviane Cristina Nascimento da Silva, Maria Aparecida Dias, Ana Karenina de Melo Arrais Amorim, Maria Isabel Brandão de Souza Mendes
EDUCACIÓN FÍSICA: ENTRE LAS NUEVAS DEMANDAS DEL EJERCICIO PROFESIONAL Y LA FORMACIÓN DE GRADO PDF
Ivana Verónica Rivero, Silvia Beatríz Libaak

Ensaios

A CONTRIBUIÇÃO DE NELSON RODRIGUES PARA A SOCIOLOGIA DO FUTEBOL PDF
Luis Otávio Teles Assumpção, Ricardo Lira de Rezende Neves, Emanuelle Santos Camelo
FREVO/PASSO: UMA ALEGRIA URBANA E TENSA: COMO ENSINAR? PDF
Lívia Tenorio Brasileiro, Adriana de Faria Gehres
EDUCAÇÃO FÍSICA, FUTEBOL E GÊNERO: UMA PROPOSTA DE ENSINO A PARTIR DAS RELAÇÕES DE PODER PDF
Hudson Fabricius Peres Nunes, Thiago Farias da Fonseca Pimenta, Juliana Cesana, Alexande Janotta Drigo

Resenhas

ARROYO, Miguel Gonzalez; SILVA, Maurício Roberto da (Orgs.). Corpo infância: exercícios tensos de ser criança; por outras pedagogias dos corpos. Petrópolis: Vozes, 2012. PDF
Tayanne da Costa Freitas, Joana D’arc Silvia Goudinho Arrelaro
A Revista Pensar a Prática é indexada por:

Directory of Open Access JournalsLATINDEXLILACSOpen Access Scholarly Information SystemOpen Archives HarvesterPortal de Periódicos da CAPESSport DiscusSport Information Resource Centre


Realização:

Logotipo do IBICT
Creative Commons License Bookmark and Share
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.revistas.ufg.br.

sem comentário »

XIX CONBRACE – Vitória-ES

0comentário
Foto de Conbrace Cbce.
Curtir ·  · 
sem comentário »

O cadastramento para os ‪#‎IngressosRio2016‬ já começou!

0comentário
O cadastramento para os #IngressosRio2016 já começou! Aproveite para se planejar! Acesse: http://www.rio2016.com/participe/ingressos

O cadastramento para os ‪#‎IngressosRio2016‬ já começou! Aproveite para se planejar! Acesse: http://www.rio2016.com/participe/ingressos

sem comentário »

“Clipping da Internet” do CEGED

0comentário

Edição 047 do Clipping da Internet

Caro(a)s amigo(a)s,

Com minhas desculpas pelo atraso da informação, anuncio que a edição 047 do “Clipping da Internet” do CEGED já estava disponível.

O “Destaque” dos “Destaques” da semana passada foi para a premiação do Bola de Ouro da FIFA, o que nos provoca uma reflexão: se Cristiano Ronaldo superou Euzébio, na história do futebol português, será que Neymar conseguirá superar Pelé na história do futebol brasileiro?

Muitas outras notas interessantes sobre o mercado esportivo estão indicadas no site do CEGED: www.gestaodesportiva.com.br

Fiquem em Paz,

Christian.

Advogados explicam “pobreza” de Damião: instrumento jurídico

http://bit.ly/1CCszoX

Fifa quer lançar plataforma para venda online de jogadores

http://bit.ly/1wfZgn0

Twitter lança plataforma para mapear fã da NBA

http://bit.ly/1KQbL3y

Universidade canadense cria curso para estudar fenômeno Cristiano Ronaldo

http://bit.ly/1AnwQKm

Cristiano Ronaldo vai usar chuteira com micro diamantes para comemorar Bola de Ouro

http://bit.ly/1yarqFQ

Bola de Ouro ratifica status de Cristiano Ronaldo no mercado

http://bit.ly/14RygES

UFC: Anderson Silva estreia reality show sobre sua vida

http://abr.ai/14VPAYA

Quando teremos um brasileiro outra vez na disputa da bola de ouro da FIFA?

http://bit.ly/14EK38p

sem comentário »

10 COPA FÉRIAS DE HANDEBOL 2015

0comentário

10 COPA FÉRIAS DE HANDEBOL 2015
TABELA DE JOGOS.

DIA 27-01 no GINÁSIO DO COLÉGIO BARBOSA DE GODOIS
01 – 17 hs – IF AESF X BGH A
02 – 17;30 IF RGN X BGH B
03 – 18 HS JF AESF X RGN
04 – 1830 JF BGH X JOVENS MA.
05 – 19 hs JM A SPORTIVUS X BGH A
06 – 19;30 AF- B PHC X JOVENS MA.
07 – 20 hs AF A CUBANAS X UFMA
08 – 20;30 AM A EST.SAÚDE X AESF
09 – 21 hs AM A UFMA X GHC

DIA 28.01 QUARTA – FEIRA
10 – 17 hs IF A BGH A X BGH B
11 – 17;30 JF BGH X RGN
12 – 18 hs JM B BGH B X RGN
13 – 18;30 AF B SPORTIVUS X PHC
14 – 19 hs. AF A UFMA X AESF
15 – 19;30 AM B MHC X BHG 
16 – 20 hs AM A GHC X EST. SAÚDE
17 – 20;30 AM B SPORTIVUS X LAUNÉ

DIA 29 01 QUINTA – FEIRA
18 – 16-30 IM BGH B X RGN
19 – 17 hs IF AESF X BGH B
20 – 17;30 JM A SPORTIVUS X SABARÁ
21 – 18;hs JF JOVENS MA X AESF
22 – 18;30 JM B BGH B X AESF
23 – 19 hs AF B SPORTIVUS X JOVENS MA
24 – 19;30 AM B MHC X LAUNÉ
25 – 20 hs AM A EST. SAÚDE X UFMA
26 – 20.30 AM B BGH X SPORTIVUS
27 – 21. hs AM A AESF X GHC

DIA 30 01 SEXTA-FEIRA
28 – 17.hs IM BGH A X BGH B
29 – 17;30 JF BGH X AESF
30 – 18;hs JM A BGH X SABARÁ
31 – 18;30 JF JOVENS -MA X RGN
32 – 19;hs JB B RGN X AESF
33 – 19;30 AF A CUBANAS X AESF
34 – 20;hs AM A AESF X UFMA
35 – 20;30 AM B MHC X SPORTIVUS
36 – 21;hs AM B BGH X LAUNÉ

DIA 31.01 SÁBADO

37 – 14;30 IM BGH A X RGN

SEMI – FINAIS

38 – 15 hs JM 1 do G A X 2 do G B
39 – 15;30 JM 1 do G B X 2 do G A
40 – 16;00 AF 1 do G A X 2 do G B
41 – 16;30 AF 1 do G B X 2 do G A 
42 – 17;hs AM 1 do G A X 2 do G B
43 – 17;30 AM 1 do G B X 2 do D A

DIA – 01 02 DOMINGO – FINAIS

44 – 8 ; 30 IF 1 X 2
45 – 9; hs IM 1 X 2
46 – 9;40 JF 1 X 2
47 – 10;30 AF V-40 X V-41
48 – 11;20 AM V-42 X V-43
Obs: possibilidade de transferência do jogo adulto masculino se necessário.
NOMENCLATURA.
IF – Infantil feminino – IM infantil masculino – JF – juvenil feminino
JMA – juvenil masculino grupo A – JMB – juvenil masculino grupo B
AFA – adulto feminino grupo A – AMB – adulto feminino grupo B
AMA – adulto masculino grupo A AMB – adulto masculino grupo B.

Obrigado pela participação, BONS jogos.

sem comentário »

PRESIDENTE DA FEMAG VISITA O NOVO SECRETÁRIO DE ESPORTE DO MARANHÃO!

0comentário

PRESIDENTE DA FEMAG VISITA O NOVO SECRETÁRIO DE ESPORTE DO MARANHÃO!

Excelente receptividade!!

A presidente da Federação Maranhense de Ginástica (FEMAG), Liane Bezerra Melo e o Profº Dimas Bezerra, visitaram no dia (21) a Secretaria de Esporte e Lazer (SEDEL) para saudar o atual secretário, Márcio Batalha Jardim.

Além da visita, a presidente e o Profº Dimas Bezerra falaram sobre a atual situação da Ginástica do Maranhão, que mesmo diante de alguns obstáculos ela renasce com a força dos ginastas e a dedicação dos técnicos, que se doam incansavelmente!

A presidente destacou a extrema importância da liberação do ginásio Rubem Goulart, para fortalecer a prática da modalidade no estado e a disposição de parceria da FEMAG com a SEDEL, para o desenvolvimento de novos projetos com vistas à inclusão social com foco na descoberta de talentos. ” A Secretaria de Esporte estará sempre de portas abertas para dialogar e colaborar com o esporte do Maranhão” afirmou Márcio Jardim.

A visita foi acompanhada pelo superintendente Eduardo Telles e o coordenador do JEMs, Miguel Pinheiro.

PRESIDENTE DA FEMAG VISITA O NOVO SECRETÁRIO DE ESPORTE DO MARANHÃO! </p>
<p>Excelente receptividade!!</p>
<p>A presidente da Federação Maranhense de Ginástica (FEMAG), Liane Bezerra Melo e o Profº Dimas Bezerra, visitaram no dia (21) a Secretaria de Esporte e Lazer (SEDEL) para saudar o atual secretário, Márcio Batalha Jardim.</p>
<p>Além da visita, a presidente e o Profº Dimas Bezerra falaram sobre a atual situação da Ginástica do Maranhão, que mesmo diante de alguns obstáculos ela renasce com a força dos ginastas e a dedicação dos técnicos, que se doam incansavelmente! </p>
<p>A presidente destacou a extrema importância da liberação do ginásio Rubem Goulart, para fortalecer a prática da modalidade no estado e a disposição de parceria da FEMAG com a SEDEL, para o desenvolvimento de novos projetos com vistas à inclusão social com foco na descoberta de talentos. " A Secretaria de Esporte estará sempre de portas abertas para dialogar e colaborar com o esporte do Maranhão" afirmou Márcio Jardim.</p>
<p>A visita foi acompanhada pelo superintendente Eduardo Telles e o coordenador do JEMs, Miguel Pinheiro.

sem comentário »

ALBERTO PUGA – Miembro de Honor Del Grupo de Investigación Sobre Derecho Del Deporte; universidad de Oriente, Santiago de Cuba.

0comentário

Acredidición de Miembro de Honor Del Grupo de Investigación Sobre Derecho Del Deporte de La Facultad de Derecho (gidd-fd),universidad de Oriente, Santiago de Cuba.

cevnautas e  Prof.Dr. Laercio  Elias Pereira! Compartilho o  laurel de  acredidición de Miembro de Honor del Grupo de Investigación sobre Derecho del Deporte de la Facultad de Derecho (GIDD-FD),Universidad de Oriente, Santiago de Cuba.   Agradezco especialmente ao Prof.  Dr.Karel Pachot Zambrana, Coordinador GIDD-FD ,Universidad de Oriente, Facultad de Derecho segue transcrito em mensagem e ema nexo.   (a) alberto  puga, moderador   UNIVERSIDAD DE ORIENTE FACULTAD DE DERECHO Facultad de Derecho, Universidad de Oriente – Alturas de Quintero – Patricio Lumumba – Santiago de Cuba, CP: 90500 – Cuba Telf. (53-22) 63 1864   A: Alberto Puga Rivera Coordinador de la Red Académica Internacional de Derecho Deportivo CEVLEIS, Brasil. Asunto: Acreditación de condición de Miembro de Honor del Grupo de Investigación sobre Derecho del Deporte de la Facultad de Derecho (GIDD-FD), Universidad de Oriente, Santiago de Cuba. Estimado profesor: Por medio de la presente nos complace acreditar su condición como Miembro de Honor del Grupo de Investigación sobre Derecho del Deporte de la Facultad de Derecho (GIDD-FD) de la Universidad de Oriente, Santiago de Cuba según consta en Resolución Decanal de 26 de febrero de 2014, por la cual se dispuso la constitución del referido Grupo. El GIDD-FD se constituye como un equipo multidisciplinario de estudios e investigaciones socio-jurídicas sobre el deporte y otras manifestaciones de la Cultura Física, en sentido general, y cuyos propósitos fundacionales son la promoción, el desarrollo y la divulgación del Derecho del Deporte en nuestro país y, con ello, elevar una conciencia y un conocimiento jurídico-deportivos a tono con las exigencias que demanda en la actualidad este ámbito social, genuino y esencialmente normado. Con ello se pretende contribuir, además, al desarrollo del Derecho del Deporte en Latinoamérica. Significamos muy valiosa su participación en tal condición en el GIDD-FD, conociendo de su ejecutoría, compromiso y prestigio en el ámbito iusdeportivo, lo que contribuirá notablemente a enriquecer el acervo jurídico sobre el deporte en Cuba. Reciba la expresión de nuestros más sinceros saludos. Santiago de Cuba, 19 de enero de 2015 AtentaiiSHfó”‘”^ Dra.C. p£^^^l4. March99P,l^^ Decana* Facultad de Derecho ;;,. ORIENT E Dr.C. KareflT Pachol Zambrana Coordinador GIDD-FD  Anexos (1) Acreditación – Alberto Puga (1).pdf 113 KB   Visualizar  Download

sem comentário »

No Desporto e Lazer, assume Jerry Abrantes.

0comentário

Prefeito Edivaldo empossa novos auxiliares

3217_posse_secretarios_210115_foto_baeta_10

O prefeito Edivaldo empossou na tarde desta quarta-feira (21) novos secretários para a administração municipal. O ex-secretário de Desporto e Lazer, Olímpio Araújo, assumiu a pasta do Orçamento Participativo, que estava vaga. No Desporto e Lazer, assume Jerry Abrantes. O advogado Júlio César Marques assume a secretaria de Articulação e Desenvolvimento Metropolitano. Ulisses Fernandes Campos é o novo coordenador de Juventude do município.

Na ocasião, o prefeito Edivaldo salientou a importância do apoio e das parcerias para articulação de ações na esfera municipal, ressaltando o novo ânimo da equipe com as parcerias já alinhadas com o governo estadual. “Tivemos grandes dificuldades nos últimos dois anos. Ainda assim, demos um grande passo na área da saúde, por exemplo. Entregaremos, no final do ano, o novo Hospital da Criança, dobrando o número de leitos, e já começamos a maternidade da Cidade Operária. Planejamos ainda a estruturação de cerca de 20 creches, além da entrega já realizada de importantes equipamentos sociais, como o Circo Escola e um abrigo para moradores de rua. Estamos agregando novos valores à nossa equipe em um momento de muita motivação, no intuito de somarmos esforços para atingirmos novos objetivos”, afirmou.

O deputado Weverton Rocha fez uma analogia ao futebol para analisar as mudanças na equipe da prefeitura. “Um técnico muda os jogadores de um time na hora que é necessário. E ele faz isso no intuito de melhorar. Mesmo com todas as dificuldades, o prefeito mudou os jogadores, mas não mudou de time nem o seu propósito de gestão, como muitos fizeram”, pontuou.

O deputado Cléber Verde, por sua vez, sinalizou  apoio para que sejam celebradas parcerias entre o Ministério dos Esportes e a prefeitura. “Hoje celebramos uma parceria administrativa e buscaremos aproximar o Ministério dos Esportes das políticas públicas já executadas em São Luís. Esta é uma relação de parceria importantíssima para a nossa capital”.

3217_posse_secretarios_210115_foto_baeta_3

O novo secretário de Orçamento Participativo, Olímpio Araújo, afirmou que a reativação da pasta tem o propósito de articular um diálogo ainda mais próximo com as comunidades para a montagem de projetos importantes como o Orçamento, direcionando-o para a realização de anseios populares. “A intenção do prefeito é reativar o papel que o Orçamento Participativo tinha na cidade, com todas as lideranças de bairros e representantes da sociedade civil discutindo as prioridades e apontando soluções para os problemas coletivos. Vamos criar um canal de diálogo direto com a população, a fim de darmos as mãos para a melhoria de nossa São Luís”.

 

 

3217_posse_secretarios_210115_foto_baeta_11

Jerry Abrantes disse que chega à pasta para dar continuidade ao trabalho já realizado, com ênfase ainda para o apoio ao esporte amador. “Vamos buscar junto ao governo federal a reconstrução do estádio Nhozinho Santos, mas também queremos fazer com que a secretaria ajude a fomentar outras práticas esportivas, além do futebol. Existem talentos da nossa cidade que precisam ser apoiados”.

 

 

 

3217_posse_secretarios_210115_foto_baeta_2A Secretaria de Articulação de Desenvolvimento Metropolitano foi reativada e terá como novo titular Júlio César Marques. O novo secretário diz que terá como principal missão  a articulação de ações das prefeituras na região metropolitana em parceria governo do estado, sobretudo nas áreas limítrofes. “Vamos enfrentar a questão da metropolização e atuar junto a outras prefeituras, principalmente na questão da mobilidade”.

 

 

 

3217_posse_secretarios_210115_foto_baeta_6O novo coordenador de Juventude, Ulisses Fernandes, afirmou que a Coordenadoria deverá centralizar projetos diversos para este público, que hoje funcionam sob a coordenação de outras secretarias. “Vamos aproximar da Coordenação de Juventude todos os projetos de juventude espalhados em diversas secretarias do município, para aplicar uma política mais dirigida. Agradecemos a confiança do prefeito Edivaldo para nossa atuação neste sentido”.

 

 

 

Estiveram presentes na cerimônia os secretários estaduais Márcio Jardim (Esportes), que representou no Ato o governador Flávio Dino; Márcio Honaiser (Agricultura) e Tatiana Pereira (Juventude), os deputados federais Weverton Rocha (PDT) e Cléber Verde (PDT); os deputados estaduais Othelino Neto (PCdoB) e Júnior Verde (PRB); os vereadores Pavão Filho (PDT), Chico Carvalho (PSL), Ricardo Diniz (PHS), Chaguinhas (PSB) e Josué Pinheiro (PSDC).

sem comentário »

Esporte Melhora o Rendimento Escolar – Por Hérika Dias

0comentário

Esporte Melhora o Rendimento Escolar: segue nota sobre o impacto de um programa de esporte para escolares. No rodapé tem entrada para a dissertação na biblioteca do CEV.

 

Laercio

Programa de inserção no esporte melhora rendimento escolar

Por Hérika Dias – herikadias@usp.br 21/janeiro/2015

O investimento em programas públicos de iniciação esportiva pode influenciar nos resultados em sala de aula. Alunos que participam desses programas obtiveram melhor rendimento escolar. É o que mostra pesquisa de mestrado, que avaliou a relação dos gastos envolvidos nesse tipo de ação e seus resultados, apresentada no Programa de Pós-graduação Interunidades em Nutrição Humana Aplicada (PRONUT), que engloba as Faculdades de Saúde Pública (FSP), Economia, Administração e Contabilidade (FEA) e Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP.

Notas de português e matemática melhoraram, em média 0,790 e 0,784 O estudo mostra a razão custo-efetividade da inserção esportiva, ou seja, quanto foi necessário gastar com recreação esportiva com cada criança para o aumento das notas. Em média, cada ponto de melhora no rendimento escolar nas notas de português foi associado a um custo de R$133,05 por criança por trimestre ou nas notas de matemática o valor de R$134,07. Para chegar a esses números, a economista e autora da pesquisa Julia Guimarães Aranha acompanhou, durantes três meses, alunos de oito a dez anos de escolas de Indaiatuba, interior de São Paulo, que participavam do Programa de Recreação, Iniciação e Aperfeiçoamento (PRIA). Um programa da prefeitura da cidade voltado à inserção social e introdução de cri an&ccedi l;as em atividades esportivas fora da sala de aula. “A proposta do estudo foi avaliar o PRIA quanto ao seu impacto sobre indicadores de estado nutricional, qualidade de vida e rendimento escolar das crianças em relação aos gastos públicos envolvidos”, explica Julia. Cada um desses indicadores tiveram análises de diferentes variáveis, no caso do estado nutricional, foi considerado o Índice de Massa Corpórea (IMC) e a bioimpedância (BIA); para a qualidade de vida, foi aplicada a Escala de Avaliação de Qualidade de Vida (AUQEI, em francês) e para o rendimento escolar, foram utilizadas as notas de português e matemática. Metodologia

A pesquisadora dividiu 86 estudantes em dois grupos: o primeiro que participaria do PRIA (grupo caso) e o segundo que não participaria (grupo controle). Foram realizadas aferições antropométricas e aplicados questionários socioeconômico e demográfico aos dois grupos antes dos alunos entrarem no programa de iniciação esportiva e após três meses. Também foi feita a avaliação econômica do PRIA com levantamento do custo do programa.   “A metodologia para avaliar a efetividade do PRIA utilizou o método de estimação Diferenças em Diferenças, bastante empregado na avaliação de políticas públicas. Assim conseguimos fazer modelos para medir os parâmetros do estado nutricional, qualidade de vida e rendimento escolar de cada um dos alunos dos dois grupos”, afirma Julia.

Resultado

Segundo a professora Denise Cavallini Cyrilo, orientadora da pesquisa, o estudo conseguiu verificar que o PRIA foi efetivo em termos de rendimento escolar, uma variável de inserção social, e também verificou o quanto a prefeitura de Indaiatuba deveria gastar por criança para contribuir com a melhoria do rendimento escolar. O resultado mostrou que os alunos que participavam do programa melhoraram, em média, suas notas de português e matemática em 0,790 e 0,784, respectivamente. A partir desses valores, também foi realizada análise do custo-efetividade, avaliação econômica utilizada para programas públicos em diversas áreas. “Medimos o custo médio da prefeitura com cada criança participante do PRIA e comparamos com o rendimento escolar. Descobrimos que o PRIA foi efetivo em termos de rendimento escolar por meio do esporte, do programa da Secretaria de Espo rtes da cidade de Indaiatuba”, ressalta Julia.

Para melhorar um ponto na nota de português de um aluno, a prefeitura deveria investir R$133,05 nas ações esportivas durante um trimestre; já na nota de matemática, o custo seria de R$ 134,07. A professora Denise destaca que “em termos de estado nutricional e qualidade de vida, o período analisado foi insuficiente para verificar a efetividade do PRIA sobre essas duas variáveis”.

De acordo com a pesquisadora, apesar dos resultados estatisticamente não significantes, há indícios de que atividades esportivas também podem ter influência positiva sobre o estado nutricional e sobre a qualidade de vida. “Novos estudos são necessários a esse respeito avaliando-se períodos mais estendidos”, adverte Julia.

FONTE: http://www.usp.br/agen/?p=199545

A disertação na biblioteca: http://cev.org.br/biblioteca/impacto-um-programa-publico-iniciacao-esportiva-para-criancas-gastos-antropometria-rendimento-escolar-qualidade-vida/
Visite: Educação Física e Esporte – Centro Esportivo Virtual

http://cev.org.br/comunidade/ef-esporte/

sem comentário »