Das lembranças que trago na vida…

2comentários

 Olhando essa foto me veio a lembrança a casa onde passei a minha infância. Dos quartos compartilhados com os meus irmãos, das colchas de chenille da minha mãe, da cozinha grande, cheia de potes e utensílios aparentes e sempre com cheiro de alguma coisa gostosa, dos móveis confortáveis e sem design, das portas e portões que tinham que ser fechados com chaves e cadeados comuns, e no quanto éramos felizes.

E penso também na minha casa de hoje, sempre com uma lâmpada para trocar, com as paredes com marcas das patinhas do cachorro, com o armário por arrumar, o sofá… e o quanto é reconfortante chegar lá toda noite, ajeitar as coisas da rua em cima de uma cadeira qualquer, colocar uma roupa velha, sentar na frente da TV, fazer um café quentinho, ler uma das revistas espalhadas pela casa… E como tudo é tão absolutamente perfeito desse jeito. Perfeito.

Para quem não vive de aparências, não tem muito o que provar para ninguém e tem uma visão minimamente realista sobre a vida e o futuro, não são necessários, ainda, centenas e centenas de milhares de reais para ser feliz. Beijos e até!!!

2 comentários para "Das lembranças que trago na vida…"


  1. Ivana mello

    Procurando algo ,cheguei ao seu blog e seu comentário me fez voltar no tempo também. Perfeito… Como é simples ser feliz!!! Parabens!

  2. WAGNER

    MUINNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNTOOOOOO

    LINNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNNDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    ESTA COZINHA………………..

deixe seu comentário