A postura antipática do Sampaio

0comentário

Em busca da reconstrução após o rebaixamento na Série B, o novo gerente de futebol do Sampaio, Ricardo Pereira mandou fechar os treinamentos para imprensa e torcedores.

Sem qualquer comunicação anterior, o gerente determinou que a imprensa faça as entrevistas antes do treino e depois se retire do CT.

Os patrocinadores que já são poucos vão gostar muito de saber que o clube não quer a imprensa nos treinamentos o que diminui a visibilidade do investimento no time de futebol.

Para piorar a situação, o gerente determinou que o fotógrafo oficial do clube parasse de tirar fotos do treinamento o que provocou a reação do assessor de imprensa Vinícius Bogéa.

É normal que um clube de futebol determine que este ou aquele treinamento seja fechado, mas todos os treinamentos não é algo comum.

Mas de quem foi realmente essa decisão? Isso é coisa do gerente de futebol ou uma determinação da presidência do clube?

O fato é que não cabe uma postura antipática no momento em que o clube precisa se reaproximar do torcedor.

Depois ainda reclamam que os torcedores maranhenses gostam mais dos times de fora…

sem comentário »