Fernando Pessoa cumpre agenda em Brasília

0comentário

O deputado Fernando Pessoa (SD) cumpriu agenda, em Brasília, ao lado dos prefeitos e atuais gestores da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), Erlanio Xavier e Eric Costa, presidente e 1º vice-presidente da Federação, respectivamente.

O parlamentar também aproveitou a oportunidade para reunir-se com os representantes maranhenses na Câmara Federal e no Senado.

O evento, realizado com a intenção de aproximar e promover o diálogo entre os níveis federal, estadual e municipal, contou com a presença de grandes nomes da política, visando o fortalecimento do municipalismo, peça chave para o desenvolvimento do país.

Ainda seguindo agenda na capital federal, Fernando Pessoa esteve com os senadores maranhenses Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS), e com os deputados federais Márcio Jerry (PCdoB), Junior Lourenço (PR) e Gil Cutrim (PDT).

sem comentário »

Justiça condena assassinos de delegado da PF

0comentário

O Juiz Federal da 2ª Vara Criminal da Justiça Federal, Magno Linhares condenou Davi Costa Martins a 32 anos e seis meses de prisão, em regime fechado, pelo assassinato do Delegado da Polícia Federal David Farias de Aragão, ocorrido em maio do ano passado.

Também foi condenado pelo mesmo crime, Wanderson de Morais Baldez.  A pena dele foi fixada em 31 anos e dez meses de prisão, também em regime fechado.

Os dois condenados estão presos há oito meses no complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde vão cumprir o restante da pena.

Relembre o caso

O Delegado da Polícia Federal David Farias de Aragão foi morto no dia 5 de maio de 2018 durante a festa de aniversário da filha em uma casa na praia do Araçagi, quando três assaltantes invadiram o local. Em luta com os assaltantes o delegado acabou atingido por facadas e disparos de arma de fogo.

Wanderson de Morais foi o primeiro a ser preso quando era atendido na Unidade de Pronto Atendimento da Vila Luizão. Ele mesmo entregou os outros comparsas, Davi Castro Martins e um menor de 17 anos.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Deputados e senadores tomam posse em Brasília

0comentário

Deputados federais e senadores eleitos tomam posse nesta sexta-feira, em Brasília. Os deputados eleitos para a 56ª legislatura da Câmara dos Deputados serão empossados, às 10 horas, em sessão no Plenário Ulysses Guimarães.

Dos 18 deputados federais eleitos no Maranhão, 10 são novatos e assumem pela primeira vez na Câmara dos Deputados.

No Senado, Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PSB), também assumem pela primeira vez. Dos 54 senadores que tomarão posse (dois por estado), 46 não estavam no Senado em 2018, dentre eles, os dois do Maranhão.

A nova bancada maranhense na Câmara dos Deputados é a seguinte:

Josimar Maranhãozinho (PR), Eduardo Braide (PMN), Márcio Jerry (PCdoB),
Júnior Lourenço (PR), Rubens Jr. (PCdoB), Pedro Lucas Fernandes (PTB), Edilázio Jr. (PSD), Aluísio Mendes (Podemos), André Fufuca (PP), Cléber Verde (PRB), Bira do Pindaré (PSB), Juscelino Filho (DEM), Júnior Marreca Filho (Patriotas), Hildo Rocha (MDB), Zé Carlos (PT), Gil Cutrim (PDT), João Marcelo (MDB) e Pastor Gildenemyr (PMN).

Foto: Agência Câmara

sem comentário »

Um bom começo de quem promete fazer diferente…

4comentários

Após surpreender com a sua eleição logo na primeira vez que disputou um pleito e obteve 21.714 votos, o deputado Felipe dos Pneus (PRTB), o mais jovem da nova legislatura com apenas 24 anos e que assume em 1º de fevereiro começa a mostrar que pode fazer política de forma bem diferente.

Felipe encontrou uma forma de retribuir aos eleitores pela sua eleição de forma bem simples e sem ‘esbanjar’ dinheiro com grandes festas e shows milionários.

O deputado eleito resolveu distribuir cestas básicas às famílias mais carentes em Santa Inês, Bom Jardim, Pindaré-Mirim, Santa Luzia, Zé Doca e Bela Vista e o seu gesto foi muito bem recebido.

“Gostaria de agradecer a Deus pelo oportunidade de fazer um pouco pelo nosso povo. Mil cestas básicas não são o suficiente para todas as pessoas que precisam, mas representam o início de uma mudança de verdade. A entrega das cestas é a minha forma de celebrar nossa vitória na última eleição. Muitos me perguntaram pela festa da vitória. Ela está aí. Minha festa será ver o sorriso de pelo menos mil famílias”, disse.

E fez um chamamento a todos que podem transformar pequenos gestos em grandes exemplos.

“Convido você a trocar o velho jeito de pensar por um jeito novo de agir. Chegou a hora de fazer de verdade, de estar mais perto, de ser a sua voz, de cobrar, fiscalizar e acreditar que podemos sim ter um Maranhão melhor. As cestas básicas serão entregues em: Santa Inês, Bom Jardim, Pindaré-Mirim, Santa Luzia, Zé Doca e Bela Vista, Serão entregues por mim e pelos meus amigos que acreditaram neste projeto”, finalizou Felipe dos Pneus.

É apenas o começo e diria um bom começo…

4 comentários »

Bandidos explodem caixas da AABB na Holandeses

0comentário

Bandidos explodiram na madrugada desta quarta-feira (23) OS dois caixas eletrônicos da agência da Associação do Banco do Brasil, na Avenida dos Holandeses, no Calhau, em São Luís.

Segundo informações de vigilantes, por volta de 3h da madrugada, os bandidos chegaram um veículo não identificado e explodiram a agência que ficou com toda a estrutura comprometida.

Outra tentativa de arrombamento de caixas eletrônicos do Banco do Brasil foi registrada na Cohama.

Esse é o segundo registro em caixas eletrônicos do Banco do Brasil, neste mês de janeiro. No último dia 17, os bandidos arrombaram um caixa eletrônico no Banco do Brasil, no bairro da Alemanha.

Na ocasião, mesmo com a presença de vigilantes, eles utilizaram maçarico para abrir um buraco no caixa e levar todo o dinheiro.

sem comentário »

Edivaldo anuncia abrigo permanente para idosos

3comentários

Em mais uma ação visando ao fortalecimento das políticas municipais voltadas à pessoa idosa em São Luís, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior entregou ao Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDI), na manhã desta segunda-feira (21), equipamentos fundamentais para o desenvolvimento do trabalho realizado pelo órgão. Além de um veículo Citroen Air Cross, foram entregues mobiliário para escritório e equipamentos de informática obtidos em parceria com o Governo Federal. Na ocasião, o prefeito anunciou a implantação do primeiro abrigo municipal para acolhimento de idosos na capital, previsto para ser inaugurado ainda este ano.

“A criação do abrigo será mais uma iniciativa planejada e executada por nossa gestão, como parte da política de valorização da pessoa idosa em nossa cidade. Isso denota o cuidado e o respeito com que temos tratado as questões relativas ao bem-estar dos idosos, para que vivam com mais dignidade. Para isso, temos desenvolvido um trabalho muito bem articulado com as instituições e órgãos de apoio a esse público, o que nos tem possibilitado instrumentalizar melhor o trabalho dessa rede de apoio e avançar significativamente na área. E com a criação da nova instituição de longa permanência para acolhermos e abrigarmos idosos em situação de vulnerabilidade e abandono daremos mais um grande passo em nossa política em atenção a esse público”, afirmou o prefeito Edivaldo.

O ato de entrega contou com a presença do vice-prefeito Julio Pinheiro; da secretária municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande da representante do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso, Izabel de Fátima Lopezic; e da presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa, Maria Goreth Cunha, do promotor de Justiça do Idoso, José Augusto Cutrim Gomes, entre outras autoridades. Entre os equipamentos entregues ao Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa estão um veículo Citroen Air Cross, três mesas estações de trabalho, mesa de reunião, TV LED de 50 polegadas para apresentações e videoconferências, armário para escritório, cadeiras para espera (duas longarinas para três lugares), três computadores com webcams, copiadora multifuncional e um bebedouro. A entrega dos equipamentos visa melhorar aparelhar e reforçar o trabalho do CMDI em São Luís.

A secretária municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), Andréia Lauande reforçou que a ação de entrega dos equipamentos ao CMDI faz parte dos avanços conquistados com a implementação das políticas de atenção ao idoso na capital, com a determinação do prefeito Edivaldo.

Instituto

Sobre a instituição de longa permanência que será criada pela Prefeitura de São Luís, a gestora explicou que trata-se de um abrigo exclusivo para pessoas idosas, homens e mulheres a partir dos 60 anos. A Casa terá capacidade para atender 30 idosos. “Será a primeira unidade exclusiva para acolhimento institucional para a pessoa idosa de São Luís, mantida pelo município. A iniciativa tem a determinação e orientação do prefeito Edivaldo, que não tem medido esforços para garantir a essa pessoa melhor qualidade de vida, saúde e bem-estar social e emocional”, ressaltou Andréia Lauande. Ainda conforme a secretária, os recursos para a criação da Instituição de Longa Permanência foram captados junto à Fundação Você, através do Fundo Municipal da Pessoa Idosa.

Como parte da política de atenção ao idoso, a Prefeitura de São Luís desenvolve diversas políticas voltadas à saúde e ao bem-estar desse público. O Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi) é uma delas. Atualmente, o Cais realiza uma média de 13 mil atendimentos por mês, sendo individual e em grupos. Os idosos contam com a assistência prestada através de grupos de convivência sobre saúde do homem, hidroginástica, ioga, artes manuais, pilates, coral, dança e terapia familiar.

O centro oferece também serviços especializados na área de saúde como consultas médicas em geriatria, educação física, fonoaudiologia, nutrição, psicologia, terapia ocupacional, fisioterapia, serviço social, além dos grupos terapêuticos (arteterapia, memória, convivência e outros).

Foto: A. Baeta

3 comentários »

Chacina e horror

0comentário

A chacina registrada na última sexta-feira no povoado Mato Grosso, Zona Rural de São Luís, atesta a incompetência e a falta de comando da Segurança Pública no estado.

Enquanto gestores da SSP se preocupam em atacar a imprensa, criminosos andam sem destemor, unidos até a gente da própria Segurança Pública, para espalhar terror e dor à população.

Uma lamentável e triste situação.

Violência

E não se passaram sequer duas semanas, depois de o governador Flávio Dino armar nas redes sociais que houve redução no índice de criminalidade na capital.

Não se sabe da credibilidade dos dados que a própria SSP apresenta. O que se enxerga nas ruas é uma violência desenfreada.

Assaltos a ônibus, assassinatos de jovens e trabalhadores e a população com medo de sair de suas próprias casas. Isso parece não ocorrer no mundo virtual de Flávio Dino…

Mais violência

Profissionais que atuam com o serviço de transporte de passageiros por meio do aplicativo Uber realizaram uma manifestação ontem, na capital.

O protesto, contra a Segurança Pública do estado, se deu em decorrência do assassinato de Edmilson Azevedo no bairro da Liberdade, durante uma tentativa de assalto.

Edmilson era motorista credenciado pelo aplicativo e estava trabalhando, quando foi surpreendido pelos bandidos.

Silêncio

Em gozo de férias, com todos os privilégios disponíveis ao chefe do Poder Executivo, o governador Flávio Dino silencia sobre os casos.

Depois de armar nas redes sociais que houve a redução no índice de criminalidade na capital, Dino não comenta a chacina dos jovens na Zona Rural e o assassinato do trabalhador de Uber.

Mas o silêncio do comunista não apaga as marcas deixadas pela violência no estado. É preciso agir de forma enérgica, trabalhar e combater a criminalidade.

Estado Maior

sem comentário »

Polícia investiga execução de jovens na zona rural

0comentário

De acordo com o Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, a Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP) investiga pelo menos dois policiais que teriam relações diretas com a vigilância de uma área de construção de casas do ‘Minha Casa, Minha Vida’, no bairro Coquilho, na zona rural de São Luís, onde o corpo dos três jovens foram encontrados na tarde de sexta-feira (4) com marcas de execução a bala.

O Secretário, Jefferson Portela, afirma que todas as pessoas que estavam nas proximidades do local tiveram os nomes colhidos e estão sendo ouvidas na Delegacia de Homicídios.

“Foi um crime bárbaro pelo modo vil como foi praticado contra os adolescentes. Nós já temos nomes de todos que estavam próximos ao local dos fatos e essas circunstâncias serão todas apontadas pelo inquérito policial em curso na Superintendência de Homicídios. Hoje tivemos mais dois nomes colhidos aqui no local que são de policiais em ligação com os vigilantes da empresa, agora resta definir o ato da execução dos homicídios contra os adolescentes. Ontem foram ouvidos muitas pessoas e outras estão sendo ouvidas agora na Delegacia de Homicídios, de modo que nas próximas horas nós possamos apontar a autoria do crime”, explicou.

De acordo com o resultado das primeiras investigações, pelo menos dois policias possuem ligação com os vigilantes da empresa.

“Dois policiais têm ligações diretas com os serviços de vigilância, ou seja, possuem envolvimento com os vigilantes. Se isso importa na participação do crime só será definido no curso do inquérito policial. Há ligação dos policiais com eles e a presença de um policial no dia do fato, é algo comprovado e que precisa ser configurado dentro do inquérito policial para definir se ele tem participação nas mortes. Eu acredito que em horas nós vamos identificar essa autoria e a questão de prisão passa ser agora algo de provimento judicial”

O Secretário de Segurança afirma também que, o aparelho celular que foi encontrado no local do crime será investigado pelo Instituto de Criminalística e Medicina Legal (Icrim) e terá os dados e códigos analisados para descobrir se é pertencente a algum dos executores.

“A motivação do crime será coletado através do interrogatório deles. Ninguém foi ouvido porque só estava no local os executores e as vítimas. A primeira suspeita é de vigilantes plantonistas, isso é um dado inicial para a oitiva de quem estava de plantão. Não significa dizer que os plantonistas são os executores, pode ser e pode não ser porque alguém pode ter vindo e praticado o ato no plantão de terceiras pessoas. Para ter cuidado de não praticar injustiças, nós vamos com essa análise criteriosa das provas coletadas nos atos de inquérito policial, apontar a autoria e eu tenho certeza que será feito no menor espaço de tempo possível”, finalizou o Secretário Jeferson Portela.

G1 Maranhão

sem comentário »

Violência contra a mulher aumenta em São Luís

0comentário

A Delegacia da Mulher em São Luís recebeu, em 2018, 1870 denúncias de mulheres ameaçadas por companheiros ou alguém de convivência familiar. Ao todo, foram 1625 inquéritos instaurados, 3789 pedidos de medidas de proteção e 433 prisões. Só agressão física somou mais 1120 casos em toda a região metropolitana da capital.

“Não é necessariamente que a violência contra a mulher está aumentando, mas que a mulher está denunciando mais. A gente trabalha no sentido de combater a violência contra a mulher, mas também estimular as denúncias porque essa violência tende a ser invisível. A mulher, calada, não denuncia. Então, com as mulheres denunciando mais esse número tem crescido”, declarou a delegada da Mulher, Wanda Moura.

O número de casos de estupro também aumentou. Foram 59 estupros em 2017 e 89 em 2018, um crescimento de 34% no número de casos a mais registrados pela na Delegacia da Mulher. Segundo a delegada Wanda Moura, chama a atenção o fato da maioria dos casos terem sido causados pelo marido.

“Não é porque ela é casada que ela tem que submeter ao ato sexual no momento em que o marido quer. Então elas tem denunciado também os estupros, muitas vezes em que o marido chega em casa bêbado, drogado, bate na mulher, ameaça e ainda a obriga a manter relação sexual com ele. Isso é estupro. Isso é crime”.

Já em relação aos casos de feminicídio, houve redução entre 2017 e 2018. De acordo com a polícia, em 2017 foram 51 mortes de mulheres por questões de gênero, enquanto no ano passado ocorreram 43 casos.

G1 Maranhão

sem comentário »

Penha recebe homenagem da Polícia Militar

0comentário

O vereador Raimundo Penha (PDT) teve, neste fim de ano, a sua atuação parlamentar em São Luís reconhecida por instituições públicas renomadas e segmentos da sociedade ludovicense.

O pedetista recebeu três premiações que, mais uma vez, ratificaram a sua condição de um dos vereadores mais atuantes da capital e presente nas comunidades.

Penha recebeu da Polícia Militar do Maranhão, durante solenidade realizada no auditório da UFMA esta semana, o certificado de amigo do 1º Batalhão da PM, sediado na região Itaqui-Bacanga.

O documento certifica representantes da sociedade que, dentro do seu campo de atuação, contribuem significativamente com a melhoria dos serviços prestados pela Polícia Militar.

Este mês, Raimundo Penha e o comandante-geral da PM, coronel Jorge Luongo, entregaram à comunidade uma viatura nova que já está sendo utilizada pelo 1º Batalhão para a realização exclusiva do serviço de Ronda Escolar. O veículo foi adquirido pela prefeitura com recursos de emenda parlamentar apresentada pelo vereador ano passado.

“O vereador Raimundo Penha é um grande colaborador da Polícia Militar e do setor da Segurança Pública de nosso estado”, disse o tenente-coronel Cláudio André Sousa, comandante do 1º BPM.

Através de votação popular, disponibilizada na Internet, Raimundo Penha recebeu o prêmio de Vereador do Ano concedido pelo Jornal Itaqui-Bacanga. A honraria é um evento tradicional em São Luís e reúne personalidades de vários segmentos. A atuação parlamentar de Raimundo Penha também foi reconhecida fora da capital maranhense.

O vereador da cidade de Morros, Fred Kennedy, entregou ao pedetista o troféu Lençóis de Areia, uma das premiações mais tradicionais da região do Munim.

“Sem dúvida, o Penha é um dos vereadores mais atuantes de São Luís. A homenagem, portanto, é mais do que merecida”, disse Kennedy.

Raimundo Penha agradeceu as homenagens. No entanto, disse que continuará com o pé no chão, mantendo a humildade e trabalhando para melhorar a vida dos moradores de São Luís.

Foto: Divulgação

sem comentário »