Sargento entrega cargo e vira algo de investigação

1comentário

O sargento José Roberto Gonçalves Alves entregou o cargo de Comandante da 4ª Companhia do 28° Batalhão da Polícia Militar, após uma discussão com o prefeito de Anajatuba Sydnei Pereira. Uma gravação de ligação telefônica mostra que o prefeito reclama de uma blitz com apreensão de motos feita pelo PM na última segunda-feira (1º). (ouça os áudios aqui).

Em entrevista à TV Mirante, o sargento explicou que a blitz pretendia orientar os pilotos de motocicleta de Anajatuba sobre a importância de usar o capacete, conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Naquele dia, ele apreendeu dez motos. Porém, recebeu uma ligação do prefeito Sydnei Pereira, que reclamava da ação do sargento Roberto “a poucos dias de uma eleição”.

“Se eu tive uma discussão nesse tom com a maior autoridade do executivo municipal, qual o espaço que eu ainda tenho lá? Eu sou pequenininho. Um homem desse se ele conta uma mentira, valem dez verdades minha. Eu sou a pedra mais fácil de ser quebrada, é melhor eu me retrair”, justificou o pedido de afastamento. “Hoje eu ando de cabeça erguida, com a sensação do meu dever cumprido”, ressalta.

Mesmo assim, a PMMA decidiu abrir uma investigação sobre a conduta do sargento Roberto. Leia a nota enviada nessa quinta-feira (4) ao Imirante.com:

A Polícia Militar do Maranhão informa que será instaurada uma sindicância para apurar a conduta do sargento José Roberto Gonçalves Alves, no município de Anajatuba, frente às normas e regulamentos da corporação. O sargento foi chamado para a sede do Batalhão, que fica em Itapecuru Mirim, a fim de dar os devidos esclarecimentos.

No cumprimento de suas funções institucionais, cabe ao Comando zelar para que nenhuma ação policial vise interferir no processo eleitoral, nem a favor nem contra qualquer candidato.

Foto: Reprodução/TV Mirante

Imirante

1 comentário »

Edivaldo chama professores aprovados em concurso

1comentário

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), está convocando mais 151 candidatos aprovados e classificados no Concurso Público da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Dessa forma, o prefeito segue trabalhando para a qualificação do ensino na rede municipal de Educação. São 119 profissionais para os cargos de Magistério I e II e 32 aprovados para vagas de Técnico Municipal de Nível Superior.

“A convocação de professores e de outros profissionais para o quadro da educação municipal refletirá muito positivamente para o alcance das metas projetadas, que é elevar de forma contínua a qualidade do ensino em nossa rede a partir da melhoria do rendimento escolar. Além do reforço de profissionais, estamos reformando escolas, climatizado as salas de aula, entre outras ações para que nossos estudantes tenham acesso a educação de qualidade”, disse o prefeito Edivaldo Holanda Junior.

Para os cargos de Magistério I e II estão sendo convocados 119 profissionais, sendo professores dos níveis Superior e Médio para as especialidades de 1º ao 5º ano e Educação Infantil; e professores de Nível Superior para as especialidades em Ciências, História, Língua Inglesa, Língua Portuguesa, Matemática e, ainda, para Intérprete de Língua Brasileira de Sinais e Suporte Pedagógico.

Já para os cargos de técnico municipal estão sendo convocados 32 aprovados para vagas de Técnico Municipal de Nível Superior, na especialidade de Engenharia Civil; e para os cargos de Técnico Municipal de Nível Médio, nas especialidades de Cuidador Escolar e Monitor de Transporte Escolar.

O concurso para a rede municipal de educação foi realizado ano passado, oferecendo 822 vagas nos níveis médio e superior e cadastro de reserva. Até o momento já foram convocados 715 aprovados. O concurso oferece vagas para cargos de magistério, nível superior e nível médio, conforme os três editais de convocação publicados no Diário Oficial do Município, disponível no site da Prefeitura (www.saoluis.ma.gov.br). Pela primeira vez, as vagas contemplam, ainda, a Educação Especial.

Foto: A. Baeta

1 comentário »

Justiça manda retirar tornozeleira de Bardal

0comentário

A justiça determinou a retirada da tornozeleira eletrônica de Tiago Mattos Bardal, ex-superintendente de investigações criminais do Maranhão. A decisão é do juiz José Gonçalo de Sousa Filho, da 3ª Vara Criminal da Capital.

Neste dia, uma carga de cigarros contrabandeados foi apreendida em uma van pelo delegado regional de Viana, trazida para São Luís e entregues a Bardal. Com a carga em São Luís, Bardal teria solicitado ao delegado de Viana que não apreendesse o veículo e nem autuasse o condutor, sob a alegação de que a van estava monitorada e a apreensão atrapalharia uma investigação já iniciada na SEIC. Além disso, a carga de cigarros nunca foi encontrada.

sem comentário »

Presos fogem de presídio em Pedrinhas

0comentário

Dois presos fugiram nesta quarta-feira (19), da Unidade Prisional de Ressocialização São Luís 5, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Segundo a Seap, a fuga foi registrada por volta de 11 da manhã. Os dois internos que trabalhavam em uma das fábricas de blocos de concreto do Complexo Penitenciário.

Em nota, a Seap afirma que já abriu procedimento para apurar as responsabilidades.

Leia a nota na íntegra:

“A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informa que já iniciou os procedimentos administrativos na Corregedoria do Sistema Penitenciário do Maranhão e Polícia Civil, para apurar a fuga de dois internos que trabalhavam em uma das fábricas de blocos de concreto do Complexo Penitenciário São Luís.

Identificados como Ildomarques Lopes Conceição, 21 anos e Victor Lucci Costa da Silva, 30 anos, os dois homens fugiram pela parte de trás do complexo, por volta das 11h, desta quarta-feira (19).

A equipe de segurança interna prisional foi mobilizada. A ocorrência foi comunicada ao 12º Distrito Policial (Pedrinhas), que já iniciou a tomada de depoimentos do servidor penitenciário responsável pela vigilância imediata, a fim de esclarecer e responsabilizar, conforme a lei vigente”.

Foto: divulgação

sem comentário »

Violência aumentou em junho no MA, aponta G1

0comentário

O governo do Maranhão encaminhou nesta quinta-feira (30) ao portal G1, os números da violência no estado em relação ao mês de junho.

Os dados divulgados esta semana pelo G1 não apontava os números do Maranhão, Tocantins e Paraná que não haviam sido encaminhados pelos governos.

Ontem, o governo do Maranhão encaminhou os dados.

A violência no Maranhão aumentou em junho em relação aos quatro últimos meses. Em junho foram registrados 2.2 crimes violentos por 100 mil habitantes.

Em maio a média foi de 1.9, em abril 1.72, em março 2.16, em fevereiro 1.86 e em janeiro, o pior mês do ano 2.33. Veja os números:

Janeiro: 164 mortes – índice de 2.33 mortes para cada 100 mil habitantes
Fevereiro: 131 mortes – índice de 1.86 mortes para cada 100 mil habitantes
Março: 152 mortes – índice de 2.16 mortes para cada 100 mil habitantes
Abril: 121 mortes – índice de 1.72 mortes para cada 100 mil habitantes
Maio: 137 mortes – índice de 1.90 mortes para cada 100 mil habitantes
Junho: 154 mortes – índice de 2.20 mortes para cada 100 mil habitantes

Os dados são da Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA).

Veja os dados no G1.

sem comentário »

Sargento da PM é morto durante assalto

0comentário

O sargento da Polícia Militar do Maranhão identificado como Povoas foi baleado e morreu após ser alvo de um assalto na noite de segunda-feira (20) na Avenida 10, no bairro Maiobão, em Paço do Lumiar, na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo a polícia, dois criminosos tentaram roubar um veículo na Avenida 10, considerada a via principal do bairro, quando eles descobriram que o carro pertencia ao policial militar. O policial reagiu, houve troca de tiros e o policial militar acabou sendo atingido na cabeça.

O sargento Povoas foi socorrido e levado para o Hospital Clementino Moura (Socorrão 2), no bairro Cidade Operária, e na madrugada de terça-feira (21) foi encaminhado para o Hospital do Servidor. Ele não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu.

Durante o tiroteio, o sargento ainda atingiu um dos criminosos que foi socorrido pelo outro bandido e levado para um hospital no município de São José de Ribamar.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Polícia procura enfermeira que atropelou dois cães

3comentários

Um dos cachorros atropelados por enfermeira no Residencial Pinheiro acabou morrendo

Imagens de câmera de segurança de uma residência no bairro Residencial Pinheiros, em São Luís, mostram o momento em que uma mulher atropela dois cachorros. O caso foi registrado na terça-feira (14), mas só nesta quinta (16) o vídeo viralizou nas redes sociais e causou revolta nos internautas maranhenses.

No vídeo, o condutor aparece em um veículo de cor prata acelerando e passando por cima dos animais. Após o atropelamento, é possível ver o carro indo embora. Em seguida, os cachorros aparecem nas imagens sangrando e mancando. Um dos cachorros morreu após o incidente.

Após a divulgação das imagens, o caso repercutiu nas redes sociais e causou revolta por parte dos internautas. Nas redes sociais, as cantoras Anitta e Preta Gil, o humorista Marcelo Adnet e a atriz Giovanna Ewbank foram algum dos artistas que se manifestaram sobre o atropelamento dos dois cachorros.

“Como é que essa pessoa consegue dormir depois?”, comentou o Padre Fábio de Melo.

O vídeo também foi compartilhado pela ativista dos animais Luisa Mell e ganhou a atenção da Comissão de Defesa dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil do Maranhão (OAB-MA).

De acordo com a presidente da comissão, Luciana Lauande, a Delegacia Especial de Meio Ambiente já foi acionada e suspeita está sendo procurada pela polícia para prestar esclarecimentos. A Comissão de Defesa dos Animais da OAB acompanha o caso.

Por meio de nota pública, o Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (Coren-MA) repudiou o ato praticado pela enfermeira e afirmou que está tomando providências para punir a suspeita no caso. Veja a nota completa abaixo.

“O Conselho Regional de Enfermagem do Maranhão (Coren-MA) vem através da presente nota esclarecer que repudia veemente o ato supostamente praticado pela profissional inscrita nesse Conselho onde ocasionou o atropelamento de dois cachorros em via pública, no dia 14 de agosto de 2018, conforme imagens divulgadas em redes sociais. Ato contínuo, informamos que iremos tomar as providências cabíveis em face a profissional envolvida no presente caso; Por fim, estaremos aguardando os desdobramentos do caso e acompanhando o trabalho das autoridades competentes para auxiliar no que for cabível”.

A suspeita de ser a motorista do carro é a enfermeira Ana Gisella Athan, que trabalha para a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH). O presidente da EMSERH, Vanderley Ramos, se pronunciou no Twitter e anunciou o afastamento da enfermeira.

Leia no G1

3 comentários »

Adriano destaca inelegibilidade de Flávio Dino

0comentário

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) afirmou na tribuna da Assembleia, nesta quinta-feira (9), que tão importante quanto a discussão sobre a inelegibilidade do governador Flávio Dino (PCdoB), decidida pela Justiça no início desta semana, é a condenação por crime eleitoral, um caso grave de abuso de poder econômico, político e administrativo. Desta forma, Dino deverá concorrer às eleições sub judice. “O Maranhão interior ficou perplexo com a decisão corajosa da Justiça”, destacou. (veja aqui)

“A decisão judicial não apenas impõe como punição a inelegibilidade do governador Flávio Dino e de outros, mas ela é clara quando estabelece que ele cometeu crimes eleitorais em Coroatá em 2014. Eu e outros deputados viemos à tribuna, à época, denunciar os abusos cometidos, não apenas em Coroatá, mas em São Luís, Timon e em outras cidades, bem como a prisão arbitrária de um candidato a prefeito na cidade de Mirinzal”, explicou Adriano, advertindo que outros processos estão em trâmite nos demais municípios citados.

O processo que culminou na inelegibilidade de Flávio Dino é a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) nº 262-79.2016.6.10.0008, proposta pela Coligação “Coroatá com a força de todos” contra o governador Flávio Dino e os seus secretários Marcio Jerry (Articulação Política) e Clayton Noleto (Infraestrutura), além de Luís Mendes Ferreira Filho e Domingos Alberto Alves de Sousa, respectivamente prefeito e vice-prefeito de Coroatá. A sentença é datada de 6 de agosto e divulgada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) no dia 8 deste mês.

Foto: Nestor Bezerra

sem comentário »

Homens são presos com 500 cartões do bolsa família

0comentário

Quatro homens foram presos nesse domingo (5) com cerca de 600 cartões de benefícios, sendo 500 do programa Bolsa Família e outros do Cartão Cidadão, no município de Governador Edison Lobão, a 730 km de São Luís.

De acordo com os policiais do 3º Batalhão da Polícia Militar, os suspeitos identificados como Micael André Silva Vale, Marcelo da Silva, Francisco Romário Costa Araújo e Bruno Henrique Lima Carvalho, estavam vindo do Complexo Turístico de Pedra Caída na região do município de Carolina a 860 km da capital, onde teriam gastado cerca de quatro mil reais.

Ainda segundo a polícia, os suspeitos são naturais do município de Bacabal. Além dos cartões, os policiais apreenderam junto com o grupo uma máquina de cartão de crédito, um notebook e uma impressora. Após a prisão, os suspeitos foram encaminhados ao Plantão Central da Polícia Civil em Imperatriz que deverá conduzir as investigações no caso.

Foto: Divulgação/ Polícia Civil

Leia no G1

sem comentário »

Preso é morto e esquartejado em presídio no MA

0comentário

O preso Johnnattan Kennedy Silva de Oliveira, de 21 anos, foi morto e esquartejado na manhã deste domingo (5) na Penitenciária Regional de Pinheiro (PRPHO), a 333 km de São Luís.

A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) confirmou o caso por meio de nota:

“A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informa que já acionou a Polícia Civil, bem como o Poder Judiciário do Maranhão, para apuração da motivação e circunstâncias do homicídio do interno Johnnattan Kennedy Silva de Oliveira, de 21 anos, registrado na manhã deste domingo (5), na Penitenciária Regional de Pinheiro (PRPHO), onde estava custodiado desde 18 de junho. Um inquérito policial já foi instaurado e os investigadores estão colhendo depoimentos de internos e funcionários da unidade prisional.”

Foto: Divulgação

sem comentário »