Árbitro já teve carro apedrejado

1comentário

Foto: Edvaldo Rodrigues/DP/D.A PressO árbitro João Bosco Sátiro da Nóbrega, que comandará a partida decisiva entre CSA-AL e Sampaio no próximo domingo, em Maceió, já apitou alguns jogos neste Campeonato Brasileiro. No entanto, um fato chamou a atenção: ele teve o carro apedrejado após ter apitado uma partida na terceira rodada da competição.

 A partida em questão foi entre Santa Cruz-PE e Confiança-SE no dia 1º de agosto. O jogo da terceira rodada foi realizado no Estádio do Arruda, em Recife.

 Após apitar o empate sem gols entre as duas equipes, João Bosco Sátiro da Nóbrega se retirou do estádio e se deparou com seu carro completamente apedrejado. E os torcedores do Santa Cruz foram considerados os autores do ato de vandalismo.

 Assim, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva considerou o Santa Cruz culpado pelo incidente. O clube pernambucano foi acusado de “deixar de tomar providências capazes de prevenir desordens em sua praça de desporto”, conforme o artigo 213, inciso I, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) e, por isso, foi condenado a pagar uma multa na quantia de R$ 1 mil ao árbitro João Bosco Sátiro da Nóbrega.

Por Paulo de Tarso Jr. / Foto: Edvaldo Rodrigues/DP/D.A Press

1 comentário para "Árbitro já teve carro apedrejado"


  1. Maximo Gomes

    O Sampaio tem que se preocupar em jogar bola, ou será que um time que tem uma vantagem de 4 (quatro) gols de diferença, ainda sente medo de perder uma classificação dessa?….. ou será que os dirigentes são tão pessimista assim que já estão pensando em perder a classificação e de antimão já estão querendo criar um bode espiatório?

    Um arbitro ter um carro apedrejado ou sair de um estádio do território nacional dentro de um carro da policia já é tão comum que não deveriamos mais se espantar, já que quase todos os finais de semana temos noticias de vantalismos por parte de torcedores revoltados, e as vezes sem razão alguma.

    tem é que jogar bola e largar juiz de mão, deixar de conversa mole.

    um grande abraço.

deixe seu comentário