Sampaio espera casa cheia contra Campinas

0comentário

Casa cheia. É desta maneira que o Ginásio Castelinho deverá estar neste domingo (27) para o Jogo 3 da grande final da Liga de Basquete Feminino – temporada 2018 (LBF) entre Sampaio Basquete e Vera Cruz Campinas. A série melhor de cinco está empatada em 1 a 1, e quem vencer o próximo duelo dará um passo bastante importante para sagra-se campeão nacional. Neste domingo, a bola sobe às 15h. Os ingressos para este jogo devem ser trocados por 1 kg de alimento não perecível nas bilheterias do Castelinho.

Para a partida deste domingo, o Sampaio Basquete, que tem o patrocínio da Cemar e do governo do Estado por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, chega com muita motivação, principalmente após ter conseguido vencer um dos dois jogos realizados e fora de casa nessa série final e ter quebrado a invencibilidade do time paulista na competição nacional. Com o triunfo no Jogo 1, o time tricolor precisa fazer valer o mando de quadra nas próximas duas partidas para conquistar seu segundo título da LBF.

Com expectativa de casa cheia, a diretoria do Sampaio Basquete disponibilizou 6 mil ingressos para o torcedor tricolor. Para o técnico do time maranhense, Virgil Lopez, a força vinda das arquibancadas será fundamental para que o Sampaio possa abrir 2 a 1 na série e ficar a uma vitória para ser campeão.

“É muito importante o torcedor apoiar a gente, apoiar as meninas porque isso realmente faz a diferença. Precisamos do apoio do torcedor para poder ganhar o jogo de domingo”, disse Virgil.

Equilíbrio

Após os dois primeiro jogos da final da LBF, o equilíbrio entre Sampaio Basquete e Vera Cruz Campinas é evidente. Nas duas partidas, apenas um ponto separou as duas equipes. No Jogo 1, o Sampaio venceu por 56 a 55. No duelo seguinte, o Campinas fez 59 a 58 em um duelo marcado por polêmica com a arbitragem no fim da partida.

Polêmicas à parte, a hora é manter o foco para vencer o jogo deste domingo. “Não vou entrar nessa polêmica. Aquele jogo acabou. Agora é pensar no Jogo 3, concentrar e trabalhar para poder fazer a vantagem da quadra. Se ganharmos os dois jogos em casa, seremos campeões”, explicou o técnico Virgil Lopez.

Para a ala Vitória Marcelino, o momento é ajustar os erros cometidos na derrota para o Vera Cruz Campinas. “Temos que ajustar o que a gente errou. Temos que acertar alguns ataques como a gente vem trabalhando e ajustar a defesa para este jogo”, disse a jogora do Sampaio Basquete.

Destaque do Sampaio Basquete na temporada, a armadora Briahanna Jackson segue na mesma linha e quer que o time aproveite melhor as ações ofensivas. “Tivemos muitos erros no primeiro tempo. Para o próximo jogo, precisamos minimizá-los, pois não perdemos no último lance. Seguramos bem a pressão, mas precisamos ser mais pacientes no ataque”, analisou Jackson.

A equipe do Sampaio Basquete tem o patrocínio da Cemar e do governo do Estado por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Finais

Jogo 1 – Vera Cruz Campinas 55 x 56 Sampaio Basquete

Jogo 2 – Vera Cruz Campinas 59 x 58 Sampaio Basquete

Jogo 3 – 27/5 (domingo), 15h. Ginásio Castelinho, em São Luís (MA)

Jogo 4 – 29/5 (terça-feira), 19h. Ginásio Castelinho, em São Luís (MA)

Jogo 5 – 3/6 (domingo), 15h. Ginásio da Ponte Preta, em Campinas (SP) / se houver necessidade

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio perde e decisão será no Castelinho

1comentário

O Vera Cruz empatou a série decisiva da Liga de Basquete Feminino (LBF) ao vencer nesta terça-feira (22), o Sampaio, por 59 a 58, no ginásio da Ponte Preta, em Campinas.

O Sampaio havia vencido a primeira partida, também em Campinas, por 56 a 55.

A partida foi bastante equilibrada e maior vantagem no placar foi de 5 pontos. A definição do placar veio nos segundos finais quando faltavam 29 segundos e o time de Campinas fez 49 a 58.

Com 17 segundos de posse de bola, o Sampaio teve a chance de definir a partida, mas Leila errou o arremesso final.

As duas equipes voltam a se enfrentar no domingo, às 15h, no Estádio Castelinho, em São Luís.

O time maranhense conquistará o título se vencer os dois próximos jogos que serão disputados diante da sua torcida. O mesmo acontece com o Vera Cruz que levará o título caso vença os dois confrontos.

Foto: Pedro Teixeira/ LBF

1 comentário »

Sampaio mira nova vitória em Campinas

0comentário

Após o excelente começo de decisão na Liga de Basquete Feminino (LBF) quando venceu o Vera Cruz, em Campinas por 56 a 55, o Sampaio volta à quadra hoje, às 19h, para a segunda partida.

Com a vitória na primeira partida, o Sampaio além de quebrar a invencibilidade do time de Campinas que vinha de 20 vitórias consecutiva tem tudo para manter a vantagem nesta final.

Uma nova vitória e o Sampaio ficará a uma vitória do bicampeonato, o que pode acontecer nos outros dois confrontos que serão disputados no Castelinho, em São Luís.

Para surpreender novamente o time de Campinas fora de casa, o Sampaio deve apostar na forte marcação, principalmente na argentina Meli Gretter, na cubana Ariadna e na ala Babi que podem desequilibrar e empatar o confronto para o time paulista.

Além disso, o técnico Virgil Lopes espera acertar a equipe no ataque, utilizando mais a pivô Ziomara e a ala Taty, esta última inclusive foi decisiva na primeira partida.

Até aqui Sampaio e Vera Cruz já se enfrentaram três vezes na competição. O time de Campinas venceu duas na fase de classificação e o Sampaio deu o troco no início da decisão.

Foto: Paulo de Tarso Jr

sem comentário »

Sampaio sai na frente na decisão da LBF

1comentário

Disputado do começo ao fim, não faltou emoção no primeiro jogo das Finais da LBF. Era o duelo das melhores defesas do campeonato, o que justifica o baixo placar. No final, melhor para a equipe que lidera o quesito defensivo. O Sampaio Basquete derrotou o Vera Cruz Campinas fora de casa, por 56 a 55, no ginásio da Ponte Preta, no interior paulista.

A equipe do Maranhão saiu na frente na série melhor de cinco e ainda quebrou a invencibilidade das campineiras na competição, que já durava 20 jogos. Dividindo a pontuação máxima do Sampaio, Briahanna Jackson e Tati Pacheco anotaram 16 pontos cada (a norte-americana ainda teve 8 assistências).

No entanto, Ariadna, do Vera Cruz Campinas, foi a cestinha da partida, com 19 pontos. Meli Gretter teve 12 pontos e (7 bolas roubadas) e Jeanne outros 11 (com três bolas de fora).

As equipes voltam ao ginásio da Ponte para o segundo jogo das Finais, nesta terça-feira (22), às 19 horas.

Finais

Jogo 2 – 22/5 (terça-feira), 19H. Ginásio da Ponte Preta, em Campinas (SP)

Jogo 3 – 27/5 (domingo), 15H. Ginásio Castelinho, em São Luís (MA)

Jogo 4 – 29/5 (terça-feira), 19H. Ginásio Castelinho, em São Luís (MA)

Jogo 5 – 3/6 (domingo), 15H. Ginásio da Ponte Preta, em Campinas (SP)

Foto: Fábio Leoni

1 comentário »

Sampaio domina jogo, mas perde em Campinas

0comentário

As duas melhores equipes da temporada fizeram duelo antecipado de playoff. Dono da melhor defesa do campeonato, o Sampaio Basquete dominou boa parte do quarto decisivo e esteve muito perto de quebrar a invencibilidade do Vera Cruz Campinas, mas sofreu com a eliminação de Briahanna Jackson no minuto final e errou nas posses de bola decisivas. No fim, vitória do líder do campeonato por 70 a 63, no ginásio da Ponte Preta, em Campinas (SP).

Atuando durante os 40 minutos, a cubana Ariadna foi a cestinha do encontro com 23 pontos e mais de 50% aproveitamento geral. Pelo Sampaio, Jackson teve 19 pontos antes de ser ejetada a menos de um minuto do fim.

Melhor no começo, o time da casa abriu vantagem nos primeiros dez minutos, com 16 pontos combinados entre Ariadna e a pivô Fabi, que anotou todos os seus 7 pontos no período. O Sampaio ajustou a defesa no segundo quarto e permitiu apenas 6 pontos do melhor ataque do campeonato. Com 46% de aproveitamento no ataque, passou à frente e foi ao intervalo ganhando por 31 a 29.

No segundo tempo, as equipes alternaram bastante a liderança. Babi e Jackson foram as principais pontuadoras do terceiro período, que terminou com vantagem do time da casa por um ponto.

O último período trouxe um Sampaio muito consistente, que liderou por 7 dos 10 minutos e tinha seis de vantagem a um e dez do fim. A equipe maranhense parecia se encaminhar em decretar o primeiro revés campineiro. Mas faltando 55 segundos, a arbitragem viu falta de Jackson em Gretter em disputa de rebote, eliminando a norte-americana da partida com a quinta penalidade. Sem sua principal armadora para o fechamento do jogo, o Sampaio teve dificuldades em capitalizar as posses e viu o Vera Cruz Campinas roubar duas bolas e fechar a partida por 70 a 63.

‘A gente vem crescendo em vários aspectos como equipe, mas falta amadurecer um pouquinho nesses momentos decisivos, temos que agir com total intensidade e seguir o que deve ser feito”, resumiu Ega, pivô do Sampaio.

No próximo final de semana, o Sampaio Basquete encerra a primeira fase no ABC paulista, contra São Bernardo (20) e Santo André (22).

Foto: Fábio Leoni/Vera Cruz Campinas

sem comentário »

Sampaio busca reabilitação em Campinas

0comentário

Após perder na prorrogação para o Ituano na rodada passada da Liga de Basquete Feminino (LBF) – temporada 2018, em jogo realizado no interior paulista, o time do Sampaio Basquete volta a quadra neste sábado (14) em busca da reabilitação no torneio nacional. Desta vez, o compromisso tricolor será diante do Vera Cruz Campinas, líder invicto da LBF. A bola sobe as 19h, em Campinas.

A derrota por apenas um ponto (74 a 73) fora de casa foi um duro golpe ao time tricolor, mas independentemente do revés na rodada passada, o Sampaio Basquete mantém o foco para terminar a fase de classificação na segunda colocação, o que dará vantagem de mando de quadra nos playoffs.

Com o término da rodada passada, o Vera Cruz Campinas segue na liderança da LBF com 100% de aproveitamento em 15 partidas realizadas. Já o Sampaio Basquete segue na segunda posição com 10 vitórias em 13 jogos.

A primeira fase da LBF terá 18 rodadas em dois turnos para definir os classificados às quartas de final. Na primeira etapa dos playoffs, os jogos serão decididos em até três confrontos, assim como nas semifinais. A grande decisão, por sua vez, terá série “melhor de cinco”.

A equipe do Sampaio Basquete tem o patrocínio da Cemar e do governo do Maranhão por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio empata com a Ponte Preta

9comentários

A vitória seria o ideal, mas o empate com a Ponte Preta, por 0 a 0, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, pela Copa do Brasil foi um resultado excelente para o Sampaio, no primeiro confronto pela terceira fase.

O Sampaio foi um time cauteloso e buscou surpreender o adversário nos contra-ataques. Em momento algum o Tricolor foi uma equipe covarde na partida.

Pelo contrário, o Sampaio soube muito bem se comportar nestes primeiros 90 minutos dessa decisão em 180 minutos repetindo a boa fama de “visitante indgesto”.

O goleiro André Luís, estreante da noite por conta da contusão de Andrey esteve bem e quando acionado se comportou muito bem.

A partida de volta no Castelão, em São Luís será no dia 15 de março, às 19h15. Um novo empate, a decisão ficará para as cobranças de pênaltis.

O vencedor, além de passar à quarta fase receberá a premiação de R$ 1,8 milhões.

Pelo excelente resultado, desde já a torcida Tricolor tem a obrigação de lotar o Castelão.

Foto: Reprodução/ SporTV

9 comentários »

Sampaio espera surprender a Ponte Preta

0comentário

Não tenho a menor dúvida e não será nenhuma surpresa se o Sampaio retornar de Campinas com um bom resultado na Copa do Brasil, diante da Ponte Preta, às 19h30, no estádio Moisés Lucarelli.

O fato de jogar fora de casa não tem sido problema para o Sampaio que é sempre um visitante indigesto. Se repetir a excelente partida que fez diante do Paraná, o Sampaio tem todas as condições de seguir adiante na competição.

O Sampaio será uma equipe forte na marcação e utilizará os contra-ataques para surpreender a Ponte. Só não pode é continuar perdendo tantos gols como vimos nos últimos jogos.

O Sampaio já colocou nos cofres R$ 2,5 milhões na Copa do Brasil e se passar pela Ponte Preta serão mais R$ 1,8 milhões. Uma boa grana e que dará tranquilidade financeira para o Tricolor.

O time terá o desfalque do goleiro Andrey com uma contusão na mão. O substituto será o goleiro André que fará a sua estreia.

O time está escalado pelo técnico Diá com Junio Rocha, Maracás, Joécio e Kaique; César Sampaio, Yuri, Fernando Sobral e Marlon. Uilliam e Rodrigo Fumaça.

Foto: Lucas Almeida

sem comentário »

Sampaio em dose dupla no basquete e futebol

2comentários

Para continuar no caminho das vitórias, o time maranhense conta com o apoio do torcedor tricolor para lotar o Ginásio Castelinho nesta terça-feira, às 19h (horário local). O apoio da torcida é muito importante neste momento, principalmente porque o Sampaio Basquete irá enfrentar uma equipe experiente, que joga junto há bastante tempo e era a base do Corinthians Americana, atual campeão da LBF.

“Vai ser um jogo muito difícil porque as meninas do Vera Cruz Campinas sabem jogar e jogam juntas há muito tempo e isso é uma coisa bem difícil de alcançar no basquete. Nós temos só três semanas e meia de trabalho e o que vai nos fazer encorpar é trabalhar mais, mas não temos esse tempo. Somente depois do terceiro jogo é que vamos ter um tempo de trabalho maior para poder nos encorpar mais”, analisou o técnico Virgil Lopez.

Comandado pela armadora norte-americana Briahanna Jackson, o Sampaio Basquete começou a atual temporada da LBF de forma bastante animadora. Após vencer o Uninassau Basquete por 87 a 73, o time maranhense superou o Funvic/Ituano por 71 a 54.

A evolução da equipe tricolor dentro de quadra é visível pelo placar. Da partida de estreia para o jogo seguinte, a defesa do Sampaio Basquete melhorou e, o time soube aproveitar esse crescimento para se impor no jogo do último domingo (21).

A partida desta terça-feira contra o Vera Cruz Campinas tem tudo para ser a mais difícil do Sampaio Basquete até agora nesta temporada. Além de ser formada pela base do Corinthians Americana – atual campeão da LBF, o time de Campinas está invicto na edição deste ano do torneio nacional assim com o time maranhense.

Na última rodada, inclusive, o Vera Cruz Campinas foi até Recife e derrotou o Uninassau Basquete por 60 a 53. Na estreia, o time paulista já havia vencido o Funvic/Ituano por 80 a 51.

Campeonato Maranhense

Além do basquete, o torcedor do Sampaio poderá ver o time na estreia pelo Campeonato Maranhense, às 20h30, no Estádio Castelão. O Tricolor fecha a primeira rodada contra o Bacabal.

Se vencer, o Sampaio ficará na liderança isolada, pois houve empate nos três outros jogos realizados no fim de semana.

2 comentários »

Premiação em Campinas

1comentário

premiacao

O Programa de Estimulação Neurocognitiva Ativamente, desenvolvido em parceria com a Prefeitura de São Luís desde 2013, na rede de ensino municipal foi premiado pela Associação Brasileira de Neurologia, Psiquiatria Infantil e Profissões Afins (Abenepi). O prêmio “Sylvia Maria Ciasca”, que reconhece iniciativas de sucesso na área de Saúde e Educação, foi entregue à equipe do Programa Ativamente durante evento científico realizado este mês na cidade de Campinas (SP).

Na foto estão Jucelia Ganz, Luce Malba e Cecília Nogueira Lauterjung, representante da UEB Recanto dos Pássaros (Jardim América), uma das escolas na qual o programa é desenvolvido.

“Foi de grande sensibilidade a iniciativa do prefeito Edivaldo de englobar a Neurociência na área da Educação. As nossas crianças têm sido as principais beneficiadas por essa ação pioneira do nosso prefeito, pois a elas foi possibilitada a estimulação neurocognitiva na infância e todos os consequentes benefícios. Com mais essa premiação, o trabalho desenvolvido pelo programa com as nossas crianças está ainda mais certificado e reconhecido”, afirmou o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho.

Para concorrer à premiação, a equipe do Programa Ativamente inscreveu o artigo científico “Avaliação da Eficácia do Programa de Estimulação Neurocognitiva (Ativamente) na rede de Educação Infantil em São Luís – Maranhão”. Na produção, os autores demonstraram o resultado da pesquisa científica realizada em 2013 com estudantes da Educação Infantil de quatro escolas municipais. O material foi avaliado pela comissão científica do congresso como o melhor trabalho em Saúde e Educação.

A pesquisa foi realizada com 60 estudantes nas creches Recanto dos Pássaros (Jardim América), Maria de Jesus Carvalho (Camboa), Mariana Pavão (Bequimão) e Barjonas Lobão (Jardim América). O resultado obtido pela pesquisa foi que o Programa Ativamente tem eficácia nas habilidades de linguagem, inteligência e atenção.

“A premiação que recebemos reconhece o valor da estimulação neurocognitiva para o desenvolvimento infantil. Às crianças que têm esse tipo de estimulação, realizada em escolas municipais pelo Programa Ativamente, é prescrita uma alta performance nos anos subsequentes em relação à aprendizagem”, destacou Luce Malba acerca dos benefícios que os estudantes da rede de ensino da Prefeitura de São Luís podem obter com desenvolvimento do Programa Ativamente.

O trabalho foi desenvolvido pela equipe do Programa Ativamente e coordenado pelo professor doutor do Laboratório de Neurociência Cognitiva e Social da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Elizeu Coutinho.

Sobre o Ativamente

O desenvolvimento do Programa Ativamente na rede municipal de ensino é resultado da parceria entre Prefeitura de São Luís, Neurocenter e Laboratório de Neurociência Cognitiva e Social da Universidade Presbiteriana Mackenzie. No ano passado o Programa Ativamente foi destaque no Seminário Nacional do Observatório da Educação em um evento realizado pela Câmara dos Deputados que reuniu experiências educacionais de sucesso em todo o Brasil.

1 comentário »