Sampaio vence e garante vantagem no playoff

0comentário

Com as estrangeiras anotando metade dos pontos, o Sampaio Basquete derrotou o São Bernardo por 76 a 62, no Ginásio Ubaldo Lago, o Baetinha, no ABC paulista. Ziomara fez 22 pontos (com 9 rebotes) em 76% de aproveitamento geral e Briahanna Jackson contribuiu com mais 16 pontos na vitória que consolidou a equipe do Maranhão como a segunda melhor da primeira fase.

Nas quartas de final, a equipe enfrenta Presidente Venceslau em série melhor de três. Garantido em 8º, o time paulista encara o líder Vera Cruz Campinas no primeiro round dos playoffs

Sampaio começou melhor, abrindo 8-0 nos minutos iniciais e controlando o primeiro período, vencido por 15 a 8 já com 9 de Ziomara.  Aos poucos, o time da casa foi reagindo, graças aos 12 pontos de Lays no segundo período, que foi do São Bernardo. Com o jogo concentrado na sua armadora, o time do ABC foi ao descanso com três de vantagem.

Virgil Lopez deu bronca geral no intervalo e o Sampaio voltou com outra postura. Voltou a ajustar a defesa e, na metade do terceiro período, reassumiu a vantagem no placar, devolvendo os 10 pontos que levou de déficit no quarto anterior. Ziomara e Jackson revezaram na liderança do ataque do time. A pivô chilena fez 13 pontos no terceiro período e a armadora norte-americana anotou outros 10 no quarto final, que Sampaio apenas administrou e aproveitou para abrir vantagem maior.

Virgil Lopez, técnico do Sampaio, criticou o lapso defensivo no segundo período e ressaltou que, apesar da 2ª posição garantida, a vitória no domingo continua imprescindível.

“A gente fez um bom primeiro quarto e esquecemos de voltar no segundo, isso é totalmente inadmissível. O time precisa que todo mundo entre ligado a cada segundo do jogo. A vitória de domingo vai ser fundamental para que a gente entre nos playoffs em bom astral”, disse.

O Sampaio encerra a participação na primeira fase no domingo, às 15, contra o Santo André em São Paulo.

Foto: Omar Matsumoto

sem comentário »

Sampaio enfrenta o São Bernardo na LBF

0comentário

Restando apenas duas rodadas para o fim da fase classificatória da Liga de Basquete Feminino (LBF) – temporada 2018, a equipe do Sampaio Basquete está bem perto de assegurar a segunda colocação no geral e ter vantagem de decidir em casa nos playoffs. Para confirmar a posição na tabela, o time tricolor, que tem o patrocínio da Cemar e do governo do Estado por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, precisará voltar a vencer na competição nacional. Nesta sexta-feira (20), o Sampaio tem uma nova oportunidade para conseguir sua 11ª vitória na temporada. O time tricolor visitará o São Bernardo, às 19h, no Ginásio Anuar Pachá.

Mesmo tendo perdido nas duas últimas rodadas, o Sampaio Basquete segue bem na tabela de classificação da LBF. Apesar disso, o sentimento tricolor é de que o time precisa aproveitar as oportunidades para conseguir vencer.

“A gente vem crescendo em vários aspectos como equipe, mas falta amadurecer um pouquinho nesses momentos decisivos. Temos que agir com total intensidade e seguir o que deve ser feito”, resumiu Ega, pivô do Sampaio.

Diante do São Bernardo, as comandadas do técnico Virgil Lopez vão tentar repetir a atuação que elas tiveram diante do time paulista no primeiro turno, quando o Sampaio Basquete venceu por mais de 30 pontos de diferença. Naquela oportunidade, a equipe maranhense fez 71 a 40.

Enquanto o Sampaio Basquete é o segundo colocado na LBF, o São Bernardo é apenas o oitavo na tabela com apenas quatro vitórias em 14 jogos. O time do ABC Paulista chega ao compromisso desta sexta-feira vindo de derrota fora de casa para o Presidente Venceslau pot 76 a 70.

Após a partida desta sexta-feira, o Sampaio Basquete voltará a jogar no domingo (22), contra o Santo André/Apaba, novamente fora de casa. A bola sobe às 15h, com transmissão ao vivo da TV Gazeta.

A primeira fase da LBF 2018 terá 18 rodadas em dois turnos para definir os classificados às quartas de final. Na primeira etapa dos playoffs, os jogos serão decididos em até três confrontos, assim como nas semifinais. A grande decisão, por sua vez, terá série “melhor de cinco”.

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio domina jogo, mas perde em Campinas

0comentário

As duas melhores equipes da temporada fizeram duelo antecipado de playoff. Dono da melhor defesa do campeonato, o Sampaio Basquete dominou boa parte do quarto decisivo e esteve muito perto de quebrar a invencibilidade do Vera Cruz Campinas, mas sofreu com a eliminação de Briahanna Jackson no minuto final e errou nas posses de bola decisivas. No fim, vitória do líder do campeonato por 70 a 63, no ginásio da Ponte Preta, em Campinas (SP).

Atuando durante os 40 minutos, a cubana Ariadna foi a cestinha do encontro com 23 pontos e mais de 50% aproveitamento geral. Pelo Sampaio, Jackson teve 19 pontos antes de ser ejetada a menos de um minuto do fim.

Melhor no começo, o time da casa abriu vantagem nos primeiros dez minutos, com 16 pontos combinados entre Ariadna e a pivô Fabi, que anotou todos os seus 7 pontos no período. O Sampaio ajustou a defesa no segundo quarto e permitiu apenas 6 pontos do melhor ataque do campeonato. Com 46% de aproveitamento no ataque, passou à frente e foi ao intervalo ganhando por 31 a 29.

No segundo tempo, as equipes alternaram bastante a liderança. Babi e Jackson foram as principais pontuadoras do terceiro período, que terminou com vantagem do time da casa por um ponto.

O último período trouxe um Sampaio muito consistente, que liderou por 7 dos 10 minutos e tinha seis de vantagem a um e dez do fim. A equipe maranhense parecia se encaminhar em decretar o primeiro revés campineiro. Mas faltando 55 segundos, a arbitragem viu falta de Jackson em Gretter em disputa de rebote, eliminando a norte-americana da partida com a quinta penalidade. Sem sua principal armadora para o fechamento do jogo, o Sampaio teve dificuldades em capitalizar as posses e viu o Vera Cruz Campinas roubar duas bolas e fechar a partida por 70 a 63.

‘A gente vem crescendo em vários aspectos como equipe, mas falta amadurecer um pouquinho nesses momentos decisivos, temos que agir com total intensidade e seguir o que deve ser feito”, resumiu Ega, pivô do Sampaio.

No próximo final de semana, o Sampaio Basquete encerra a primeira fase no ABC paulista, contra São Bernardo (20) e Santo André (22).

Foto: Fábio Leoni/Vera Cruz Campinas

sem comentário »

Sampaio busca reabilitação em Campinas

0comentário

Após perder na prorrogação para o Ituano na rodada passada da Liga de Basquete Feminino (LBF) – temporada 2018, em jogo realizado no interior paulista, o time do Sampaio Basquete volta a quadra neste sábado (14) em busca da reabilitação no torneio nacional. Desta vez, o compromisso tricolor será diante do Vera Cruz Campinas, líder invicto da LBF. A bola sobe as 19h, em Campinas.

A derrota por apenas um ponto (74 a 73) fora de casa foi um duro golpe ao time tricolor, mas independentemente do revés na rodada passada, o Sampaio Basquete mantém o foco para terminar a fase de classificação na segunda colocação, o que dará vantagem de mando de quadra nos playoffs.

Com o término da rodada passada, o Vera Cruz Campinas segue na liderança da LBF com 100% de aproveitamento em 15 partidas realizadas. Já o Sampaio Basquete segue na segunda posição com 10 vitórias em 13 jogos.

A primeira fase da LBF terá 18 rodadas em dois turnos para definir os classificados às quartas de final. Na primeira etapa dos playoffs, os jogos serão decididos em até três confrontos, assim como nas semifinais. A grande decisão, por sua vez, terá série “melhor de cinco”.

A equipe do Sampaio Basquete tem o patrocínio da Cemar e do governo do Maranhão por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio perde para o Ituano na Liga de Basquete

0comentário

Uma noite memorável em Itu, daquelas que ainda serão lembradas por um tempo. Depois de ficar praticamente o jogo todo atrás no placar, o Ituano protagonizou uma reação heróica: empatou o jogo a 19 segundos do fim e derrotou o Sampaio Basquete na primeira prorrogação do ano, por 74 a 73, quebrando assim a série de oito vitórias da equipe maranhense na Liga de Basquete Feminino (LBF).

O primeiro período começou com Sampaio melhor, abrindo o jogo com um 6-0 e segurando a vantagem pelos dez minutos iniciais. O segundo quarto seguiu da mesma forma, com o time de Virgil Lopez ainda na frente, apesar da melhora do time da casa, indo para o intervalo com sete de vantagem (35×28).

Tranquilo, o Sampaio Basquete chegou a abrir 16 pontos de vantagem no terceiro período, com Tati e seus 10 pontos no período desequilibrando. Com dez de vantagem, o Sampaio parecia encaminhar para a 9ª vitória seguida.

A cinco minutos do fim, o time mantinha a diferença em dígitos duplos (57×47). Foi quando a equipe da casa iniciou a reação heroica. Cortou a vantagem boliviana, melhorando a defesa e distribuindo a pontuação. A 19 segundos do fim do tempo regulamentar, Joice acertou os lances livres que empataram a partida e o Ituano ainda precisou defender a última investida do Sampaio antes de confirmar a primeira prorrogação do ano.

No tempo extra, mais um pouco do que foi o jogo. Sampaio começou na frente, mas o Ituano buscou a reação e virou o placar nos últimos dois minutos. No estouro do cronômetro, Tati Pacheco quase mandou a partida para outra prorrogação ao acertar um tiro da zona morta, mas a ala do Sampaio pisou na linha, decretando a virada histórica do rubro-negro.

No sábado, o Sampaio enfrenta o líder invicto Vera Cruz, no ginásio da Ponte Preta.

Foto: Juca Ferreira/Funvic Ituano

sem comentário »

Sampaio bate Uninassau em Recife

0comentário

Na única partida deste domingo, o Sampaio Basquete levou o clássico do nordeste. Mesmo fora de casa, a equipe comandada por Virgil Lopez derrotou a Uninassau por 74 a 58, no ginásio Wilson Campos, no Recife (PE), e alcançou sua oitava vitória seguida.

A equipe não perde há 45 dias (60×52 para Presidente Venceslau em 15/2). A cestinha do jogo foi a pivô Gil, da Uninassau, com 21 pontos. Tati Pacheco, com 19 pontos, e outras três titulares com 10+ pontos – Ziomara, Leila e Jackson – comandaram a vitória boliviana.

“Hoje conseguimos uma vitória referência e a defesa foi um grande arquiteto disso. No ataque, o coletivo funcionou e estamos colhendo o fruto do trabalho. Conseguir essa vitória representa muito, ainda mais perdendo 12 bolas”, disse Virgil Lopez.

A partida foi a última da Uninassau em casa nesta primeira fase. A equipe termina o segundo turno com três duelos decisivos fora de casa: contra Vera Cruz (12/4), Funvic/Ituano (14) e Santo André/Apaba (20/04). Com os mesmos adversários pela frente, o Sampaio terá o Funvic/Ituano no dia 12.

Foto: Robson Neves/Uninassau

sem comentário »

Sampaio vence a sétima partida seguida na LBF

0comentário

No dia do aniversário do Sampaio Corrêa Futebol Clube, o Sampaio Basquete bateu Presidente Venceslau por 55 a 42, na volta ao Ginásio Castelinho, em São Luís (MA). O placar baixo valeu pela segunda partida seguida com o exato número de pontos sofridos, melhores marcas da melhor defesa da LBF. A vitória também foi a sétima seguida do tricolor maranhense na competição, que segue na segunda posição, ainda atrás do Vera Cruz Campinas.

A argentina Agustina Leiva, do Presidente Venceslau, foi a cestinha da partida, com 17 pontos em pouco mais de 70% de aproveitamento. Pelo Sampaio, Tati Pacheco e Briahanna Jackson foram mais uma vez os destaques ofensivos, com 11 pontos cada.

O primeiro quarto começou com as equipes já em baixo aproveitamento, abaixo dos 40%, com um menos eficiente Sampaio vencendo por dois pontos. Na segunda parte, a Bolívia melhorou um pouco ofensivamente, mas foi a mudança na postura defensiva que fez a equipe ir ao descanso com 13 à frente, limitando Venceslau a apenas quatro pontos.

No terceiro quarto, Flavio Prado conseguiu fazer Venceslau voltar melhor, ajustando sua defesa e evitando pontuação em dígitos duplos de Sampaio. Ainda assim, a diferença era de dez pontos ao fim de 30 minutos. O placar seguiu baixíssimo no último quarto, com as equipes passando a primeira metade deles com a mísera parcial 2X2. A equipe paulista ainda tentou trazer dificuldade ao reduzir o déficit para 5 a três minutos e meio do fim, mas a melhor defesa do campeonato soube resistir, e o Sampaio ainda conseguiu vencer por 13.

Virgil Lopez, técnico do Sampaio, comemorou mais uma vitória, construída em cima da principal característica da equipe:

“Nossa identidade é uma defesa forte e hoje conseguimos a vitória com um excelente desempenho coletivo”, disse.

“Essas vitórias são fruto do nosso trabalho do dia a dia e ficamos felizes com essa boa fase. Sete vitórias seguidas é um número expressivo e ainda em um campeonato tão disputado e equilibrado como o desse ano, nos mantêm mais perto do topo e também nos dá mais confiança pra sequência do campeonato”, completou Tati Pacheco, ala do tricolor maranhense.

A Uninassau é o próximo desafio do Sampaio, fora de casa, no próximo domingo (1/4).

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio vence na reabertura do Costa Rodrigues

0comentário

Na reabertura do Ginásio Costa Rodrigues, o Sampaio Basquete não tomou conhecimento do Catanduva e venceu por 85 a 42, registrando sua maior vitória na temporada.

Comandado pela norte-americana Briahanna Jackson, autora de 21 pontos, e por Tati Pacheco, que despejou outros 18, o time maranhense alcançou a sexta vitória seguida na temporada, firme na caça ao Vera Cruz Campinas e agora com 8 vitórias em 10 jogos. O revés também foi o mais duro para o Catanduva, que segue seu calvário na lanterna da competição – onze derrotas em onze jogos.

“Acho que a defesa tem sido a chave do nosso sucesso. Jogar bem defensivamente nos leva à cestas mais fáceis, e esse tem sido nosso foco nos últimos jogos˜, disse Jackson, cestinha da partida.

Calibradas desde o início, Tati e Jackson foram responsáveis por 4 bolas de três no primeiro período, vencido pelo Sampaio por 17 a 8. O Catanduva perdeu cedo sua principal pontuadora no campeonato – Julieta Ale saiu de quadra após 8 minutos e zerada após choque com Jackson que atingiu o joelho da argentina.

Mantendo a eficiência, o Sampaio construiu a grande vantagem já no primeiro tempo, quando fechou em 44 a 19.  Sampaio manteve a partida controlada no segundo tempo, anotando as parciais 22×9 e 19×14 para fechar a vantagem em 43 pontos – a melhor do time.

No domingo, o Sampaio encara Presidente Venceslau, às 10h, no Ginásio Castelinho.

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sampaio Basquete reabre ginásio Costa Rodrigues

2comentários

O torcedor maranhense estava com saudades de retornar ao tradicional Ginásio Costa Rodrigues. Uma das praças esportivas mais importantes do Maranhão finalmente está de volta e, em sua reabertra oficial, caberá ao time do Sampaio Basquete, patrocinado pela Cemar e pelo Governo do Estado por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, a honra de fazer o primeiro jogo do novo Costa Rodrigues. Nesta sexta-feira (23), em sua nova casa, o time tricolor encara o Catanduva pela Liba de Basquete Feminino (LBF). A bola sobe às 20h e os ingressos poderão ser trocados por 1kg de alimento não perecível no próprio ginásio.

Em grande momento na temporada, vindo de cinco vitórias consecutivas na LBF, o Sampaio Basquete vai em busca de mais um triunfo no torneio nacional para se consolidar na segunda colocação da competição. Além da torcida, que deverá lotar as dependências do Ginásio Costa Rodrigues, o time maranhense vai com força máxima para cima do Catanduva.

No primeiro turno, as duas equipes se enfrentaram no interior paulista e o Sampaio Basquete ganhou com muita autoridade por 76 a 47. Para conseguir uma nova vitória na LBF, o time maranhense precisa manter a concentração, principalmente porque este será o primeiro jogo oficial do time na nova casa.

“O Costa Rodrigues é um lugar histórico para o esporte maranhense, então é muito importante essa reinauguração. É importante para o povo de São Luís que tem todo esse carinho por esse ginásio. Vamos jogar com casa cheia e, com certeza,  vamos ter o sexto jogador que é a torcida. Nossa expectativa é ganhar. Treinamos muito essa semana e esperamos manter essa crescente”, afirmou o técnico do Sampaio Basquete, Virgil Lopez.

A pivô Êga também quer casa cheia na partida desta sexta-feira. “Aproveito para chamar a torcida para dar esse calor humano pra gente. Precisamos dessa força. No jogo passado foi um pouco sofrido, mas estamos treinando forte para melhorar e fazer bons jogos daqui para frente”, afirmou a experiente pivô Êga.

Após o duelo desta sexta, o Sampaio Basquete fará apenas mais uma partida como mandante na fase classificatória da LBF. No domingo (25), novamente no Ginásio Cosa Rodrigues, o time tricolor enfrenta o Presidente Venceslau. A partida está marcada para as 10h.

Foto: Paulo de Tarso Jr

2 comentários »

Sampaio bate o Blumenau na LBF

0comentário

Em partida realizada na manhã deste domingo, o Sampaio Basquete repetiu o script da última partida e sofreu para bater o Blumenau, por 55 a 50, no Ginásio Castelinho, em São Luís (MA) O triunfo é o sétimo da equipe na LBF – o quinto seguido – e mantém o time na vice-liderança da competição, com 77,8% de aproveitamento e 16 pontos na tabela. Com uma vitória e uma derrota na viagem ao nordeste, Blumenau figura na quinta posição, com 40% na campanha e 14 pontos.

A armadora norte-americana Briahanna Jackson foi a cestinha da partida, com 14 pontos e ainda teve 9 rebotes. Joice Coelho também veio bem do banco, adicionando 13 pontos em 26 minutos em quadra. Bibiano teve 10 pontos e foi a única jogadora de Blumenau a alcançar dígitos duplos na pontuação.

Ainda assim, Blumenau dominou a partida na volta do intervalo. Apesar de marcar apenas 13 pontos, conseguiu limitar o ataque do Sampaio a 33% de aproveitamento e abrir dois de vantagem. Foi então que o Sampaio resolveu definir. Com Ziomara em dia ruim (apenas 1 ponto em 28 minutos), Tati Pacheco, Joice Coelho e Vitória Marcelino chamaram a responsabilidade e somaram 15 dos 19 pontos do tricolor no último quarto para arrancar a quinta vitória seguida.A

pesar disso, foi Blumenau quem começou melhor a partida, com Mariana Camargo convertendo todos os sete pontos tentados e liderando a parcial 18×8 da equipe de Santa Catarina no primeiro quarto. Porém, a ala/armadora não pontuaria mais na partida, anulada pela defesa do Sampaio, que se acertou e tratou de devolver a mesma parcial no segundo período para levar a partida à igualdade no intervalo em 26 pontos. Blumenau também sofreu baixa com a lesão da ala Perez, que torceu o tornozelo ainda no primeiro período e ficou fora do resto do jogo.

‘O momento chave foi quando a gente conseguiu acertar a defesa. Passamos a pressionar e causamos alguns erros delas. Fomos mais agressivas no ataque também, e essa mudança de atitude foi a chave pra gente conseguir essa vitória. É ótimo jogar em casa, com torcida empurrando. Isso também leva a gente pra cima e faz a gente querer mais, em busca da vitória’, disse a ala Tati Pacheco.

Foto: Paulo de Tarso jr.

sem comentário »