Maranhão tem 2º pior investimento em saúde

0comentário

Dados do Conselho Federal de Medicina revelaram que o Maranhão tem 2º pior investimento em saúde do Brasil. De acordo com o estudo, o estado gasta na saúde, por dia, pouco mais de R$ 2 por pessoa.

De acordo com o levantamento divulgado nesta semana, o estado gastou durante todo o ano de 2017 apenas R$ 750, 45 por pessoa, o que dá R$ 2,05 por dia. Desses R$ 750, R$ 203,54 vem do Sistema Único de Saúde (SUS). O governo do Estado e a prefeituras arcam com o restante. No Brasil, em média, as despesas com a saúde de cada pessoa custam R$ 1.271 por ano, o que equivale a R$ 3,48 por dia. No ranking do Conselho Federal de Medicina, o Maranhão perde apenas para o estado do Pará.

O presidente do Conselho Regional de Medicina no Maranhão, Abdon Murad, diz que é preciso investir na qualidade da saúde, pois caso contrário a população deixará de receber os serviços que são essenciais para o seu bem-estar. “O Maranhão é muito grande e esse dinheiro para gastar com uma pessoa por ano é extremamente insignificante perto dos gastos. Se falta dinheiro falta quase tudo porque o medicamento começa a faltar, a reposição de materiais cirúrgicos começa a faltar. A compra de fios para a cirurgia começa a faltar. Começa atrasar pagamento de oxigênio, começa atrasar médicos, enfermeira, técnicos. É um caos que vai se implantando”.

Para completar o quadro grave, quase 1000 médicos estão com os salários atrasados no Maranhão. Receberam até o mês de agosto e agora aguardam o cumprimento de um cronograma de pagamento.

Em outubro, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) determinou a redução de 10% do teto de despesas com a prestação de serviços de sete especialidades médicas, incluindo cirurgia geral e pediatria. Isso porque o repasse do SUS por pessoa estaria sendo ainda menor: de R$ 154,98. A Portaria diminuiu ainda a verba destinada ao pagamento dos plantões e está sendo discutida.

Mas a realidade mostra que, muitas vezes, a conta “barata” desse “plano de saúde” chamado SUS sai cara para quem depende dos hospitais públicos, postos de Saúde ou Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). O sociólogo Tadeu Teixeira pontua que além dos problemas relacionados a falta de infraestrutura dentro dos hospitais, a saúde no Maranhão é precária no que diz respeito às minorias como as comunidades quilombolas e indígenas, por exemplo.

“Somos sete milhões de maranhenses e dentro do nosso estado nós temos inúmeras comunidades quilombolas, inúmeras comunidades indígenas, distritos sanitários indígenas que precisam de um atendimento específico, precisam de um atendimento de uma saúde específica para atender essa população. Além da ausência ainda dentro do Estado de uma infraestrutura de saúde capaz de atender a todos os maranhenses”, finalizou o sociólogo Tadeu Teixeira.

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) não comentou sobre o que diz a pesquisa sobre os valores gastos com saúde por pessoa no Maranhão, mas questionou o levantamento do Conselho Federal de Medicina dizendo que o estudo não avalia qualitativamente os gastos empregados com serviços em saúde. A Secretaria disse que tem investido na expansão da rede com a implantação de hospitais em várias cidades. Sobre o pagamento dos médicos, disse que o referente ao mês de setembro já começou a ser pago, conforme calendário. Disse também que não houve redução dos valores pagos para plantões médicos, e sim o estabelecimento de parâmetros par o teto do valor pago às empresas médicas. Por fim, a Secretaria ressaltou que o Brasil vive uma grande crise econômica, mas que o Estado faz a sua parte, repassando de 115 a 120 milhões de reais para a Rede.

Leia no G1

sem comentário »

São Luís é destino mais procurado por turistas

0comentário

Em 2018, São Luís apresentou um aumento de 106% nas buscas de passagem a partir dos aeroportos de todo o Brasil. Foi o maior crescimento entre os destinos nacionais. É o que aponta levantamento do site Viajala junto aos brasileiros sobre os destinos tendências para o ano de 2019 e que foi destaque no site do jornal O Globo. Os dados refletem a política de valorização assegurada pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior, que tem realizado diversas ações voltadas para o setor. Foram avaliadas 47 milhões de buscas feitas em setembro, além do comportamento do viajante brasileiro.

“Acreditamos que estes dados consolidam as ações voltadas à divulgação do destino São Luís em diversos estados do Brasil, ao mesmo tempo em que também fortalecemos as iniciativas na capital. A realização de programas como o Reviva, aliado à capacitações voltadas para profissionais da área, bem como participações em feiras e eventos e incentivos a novos roteiros e a realização da Feirinha São Luís, são algumas das estratégias da nossa gestão que têm fortalecido o turismo em São Luís”, enumera o prefeito Edivaldo.

O prefeito destacou ainda que outra ação importante de fomento ao turismo são as obras de revitalização do Centro Histórico da Capital que estão sendo executadas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em parceria com a Prefeitura de São Luís, considerado o maior investimento nesta área dos últimos 30 anos.

Do Nordeste, além de São Luís, apenas João Pessoa (PB) aparece como destaque na pesquisa. A exploração do potencial turístico do estado do Maranhão nos últimos anos é reconhecida pelo site. Em pelo menos nove cidades maranhenses, a taxa de ocupação da rede hoteleira na alta temporada se aproximou de 90%. A elevação nas buscas a partir de São Paulo confirma pesquisas aplicadas pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur), em período de alta estação como, por exemplo, nos festejos juninos. O estado de São Paulo ocupa a primeira posição na escala de aumento de buscas, com 268%, seguido pelo Rio de Janeiro com 231%. Os dois estados são apontados como maiores emissores de turistas para o Maranhão.

As ações da gestão do prefeito Edivaldo no setor de turismo que estão sendo postas têm contribuído para a elevação do nível de satisfação do visitante. Aferição neste sentido, em pesquisa realizada pela Setur, em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (UFMA), revelada pelo Observatório do Turismo mostrou que 87% dos visitantes que estiveram na cidade aprovaram São Luís como destino turístico.

“Nós trabalhamos justamente para incentivar o turista do Brasil e do mundo a buscar a nossa cidade. As ações de divulgação são realizadas nesse intuito, inclusive nas nossas redes sociais, já que sabemos que é muito importante ter uma presença forte na internet”, explicou a secretária de Turismo, Socorro Araújo.

Fotos: Divulgação/Prefeitura de São Luís

sem comentário »

‘Resistência popular segue firme’, diz Flávio Dino

2comentários

O governador Flávio Dino (PCdoB), comentou, nas redes sociais, o resultado das eleições para presidente da República. Ele não cita sequer o nome do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Segundo Dino, não existe derrota quando se defende boas causas. Ele disse que a resistência popular seguirá firme.

“Não se perde quando se combate por boas causas. Defendemos o Brasil e os brasileiros, sobretudo os mais pobres. Parabéns a Haddad e Manuela pela coragem e dedicação. A resistência democrática, nacional e popular segue firme”, disse.

Flávio Dino parabenizou os maranhenses que garantiram a vitória de Haddad no estado.

“Agradeço à população do Maranhão pela extraordinária votação conferida a Haddad. Longe daqueles discursos preconceituosos que se ocupam de atacar o Nordeste, nosso voto se embasa em uma visão sobre desenvolvimento com justiça social. Essa concepção foi a vencedora aqui”, afirmou.

2 comentários »

Braide apoiará presidente eleito em favor do MA

1comentário

O deputado federal eleito Eduardo Braide (PMN), o segundo mais votado com 189.843 votos conversou com exclusividade com o Blog do Zeca Soares e afirmou que qualquer que seja o presidente eleito terá o seu apoio na Câmara dos Deputados no que for bom para o Maranhão e para o Brasil.

Braide se diz grato ao povo do Maranhão e prometeu honrar cada um dos votos recebidos.

“Sempre serei grato ao povo maranhense por essa votação histórica. Na Câmara Federal vou trabalhar todos os dias para honrar cada um dos mais de 189 mil votos (189.843) que recebi”, disse.

Apesar de ter sido o deputado federal mais votado em São Luís com 131.153, Braide diz que não é hora de pensar na eleição de 2020, mas que a possibilidade de disputar o pleito surgirirá de forma natural e resultado no bom trabalho que pretende desenvolver em Brasília.

“O momento agora é o de estar focado para fazer um grande mandato como deputado federal do Maranhão. Em relação à disputa de 2020, qualquer candidatura deverá surgir de forma natural. Se essa for a vontade do povo de São Luís, eu serei candidato”, afirmou.

Braide destacou alguns projetos que pretende levar logo de início para a Câmara dos Deputados.

“Lutarei para viabilizar recursos e projetos ao Hospital Aldenora Bello e Apae. Além disso, a bancada precisa estar unida para cobrar a conclusão da obra de duplicação da BR-135 e aumentar o PIB per capita da Saúde do nosso Estado”, adiantou.

O parlamentar falou sobre a sua expectativa sobre o segundo turno da eleição presidencial. Embora não declare o seu voto, diz que apoiará o presidente eleito naquilo que for bom para o Brasil e o Maranhão.

“Qualquer que seja o presidente eleito vai contar com o meu apoio naquilo que for bom para o país e para o Maranhão. Não vou abrir mão da luta contra o aumento de impostos, da defesa dos direitos do trabalhador e da geração de emprego”, finalizou.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Maranhão lidera ranking de extrema pobreza

2comentários

A extrema pobreza cresceu em todo o país durante a crise, de 2014 a 2017, mas foi na região historicamente mais carente, o Nordeste, em que essa piora se deu de forma mais intensa. Estados como Bahia, Piauí e Sergipe viram dobrar ou quase dobrar o número de famílias vivendo na miséria. No Norte, o Acre chamou atenção pela rápida piora nesses quatro anos.

Levantamento da consultoria Tendências, obtido pelo Valor, mostra que, das 27 unidades da federação, 25 tiveram piora da miséria entre 2014 e 2017. Nove Estados atingiram um nível recorde no ano passado. Na média nacional, a pobreza extrema avançou de 3,2% em 2014 para 4,8% em 2017, maior patamar em pelo menos sete anos, conforme dados da consultoria.

O Maranhão segue liderando o ranking de extrema pobreza do país. E tem sido assim há pelo menos sete anos, início da série histórica levantada pela consultoria. Do total de famílias maranhenses, 12,2% viviam com menos do que R$ 85 por pessoa no ano passado. Quatro anos antes, o indicador era de 8,7%.

Foi na Bahia, porém, que a miséria cresceu mais rapidamente. A proporção de famílias nessa situação dobrou em quatro anos – de 4,8% em 2014 para 9,8% no ano passado. Desta forma, o Estado, que tem a maior população do Nordeste e a quarta maior do país, escalou da 12ª para a terceira posição no ranking.

Segundo Adriano Pitoli, diretor da consultoria Tendência, a piora da pobreza no Nordeste reflete tanto as particularidades da região quanto a crise do país, que afetou o emprego especialmente de setores que ocupavam mão de obra de menor qualificação, como comércio e serviços.

Leia mais

2 comentários »

Edivaldo recebe visita de embaixador de Israel

2comentários

O prefeito Edivaldo recebeu, na manhã desta terça-feira (10), no Palácio La Ravardière, a visita de cortesia do embaixador de Israel no Brasil, Yossi Avraham Shelley. Na ocasião, o diplomata formalizou convite ao chefe do Executivo Municipal para participar da 5ª edição da Home Land Security – HLS & Cyber 2018, umas das maiores conferências e exposições internacionais em segurança pública e cibernética do mundo, que será realizada em Tel Aviv, em novembro. Durante o encontrou também foi tratado sobre possíveis parcerias que possam resultar em investimentos para o desenvolvimento social e econômico da cidade.

“Recebemos aqui pela segunda vez a visita do embaixador de Israel, que muito nos honra com sua presença. Esses encontros são sempre muito relevantes para a manutenção das relações institucionais do governo com outros países e para a troca de experiências exitosas nas mais diversas áreas de interesse público, visando sempre melhorias para nossa cidade e para a população”, afirmou Edivaldo.

O embaixador de Israel, Yossi Avraham Shelley, reforçou o interesse em contribuir com informações e experiências nas áreas de maior desenvolvimento de seu país, que é um dos grandes exportadores internacionais de tecnologia em diversas áreas, como biotecnologia, agrobiotecnologia, bioinformática, além de segurança pública, entre outras tecnologias.

“Queremos que São Luís participe desse grande evento na área de segurança pública realizado em Israel e adquira o que de melhor é apresentado nessa importante feira internacional. Esta é a segunda reunião que realizamos com o prefeito Edivaldo, na qual falamos sobre assuntos de interesse para a cidade, sempre buscando trocar experiências e possibilidades viáveis para a cidade. Todos sabem que Israel é um dos países mais avançados no setor da segurança pública, por isso mesmo queremos ofertar aos participantes toda a expertise que o país tem na área”, observou o embaixador.

Yossi Avraham Shelley acrescentou, ainda, que o evento é aberto ao setor público e privado, que podem formar suas delegações para participação da conferência. “Vamos tocar ideias, experiências, tecnologias, numa grande agenda positiva para promover a economia e a segurança pública das cidades participantes do evento, que reúne as maiores empresas na área”, frisou o embaixador.

Foto: A. Baeta

2 comentários »

Brasil é eliminado pela Bélgica da Copa do Mundo

0comentário

Mais uma das seleções favoritas ao título está fora da Copa do Mundo. Desta vez a seleção eliminada foi a do Brasil ao ser derrotada por 2 a 1 para a Bélgica nas quartas de final.

O Brasil começou o jogo melhor e assustou primeiro em um escanteio que Tigo Silva desviou e a bola foi no travessão direito.

Aos 12 minutos do primeiro tempo Kompany desviou após cobrança de escanteio, a bola resvalou em Fernandinho e tirou as chances de Alisson

Aos 30 minutos, Lukaku partiu em velocidade e rolou para De Bruyne. O atacante bateu forte e ampliou para a Bélgica.

No segundo tempo, o Brasil dominou o jogo mas parava nas defesas do goleiro Courtois. Aos 30 minutos, Coutinho lançou e Renato Augusto marcou de cabeça.

O Brasil chegou criando chances de empatar e quase Renato Augusto faz o segundo. Aos 48, Douglas Costa fez boa jogada pela direita e passou para Neymar. O camisa 10 bateu no alto e Courtois fez mais uma grande defesa.

Com a vitória, a Bélgica vai enfrentar na semifinal a França que bateu o Uruguai por 2 a 0.

Foto: Pedro Martins / MoWa Press

sem comentário »

Prefeitura instala telões para Brasil e Bélgica

1comentário

A Prefeitura de São Luís vai instalar telões para o torcedor maranhense acompanhar a partida entre Brasil e Bélgica pelas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia, nesta sexta-feira (6), às 15h.

Os telões serão instalados na Rua Portugal, no Centro Histórico de São Luís e exibirão a transmissão da TV Mirante, afiliada da Rede Globo de Televisão.

Entre as atrações, além da transmissão do jogo estão o DJ Junior Pará e o Boi de Morros. A estrutura montada para o evento inclui telão de led, caixas de som e palco. Após a partida, o público poderá curtir o final da tarde ao som de músicas de grupos locas.

Durante a partida entre Brasil e México, vários internautas utilizaram as redes sociais para sugerir que a Prefeitura de São Luís e o Governo do Maranhão instalassem telões a exemplo de outras capitais brasileiras.

Edivaldo resolveu atender ao pedido do torcedor maranhense. Sem dúvida alguma uma boa sacada!!!!

Foto: Divulgação

1 comentário »

Definidas as quartas de final da Copa do Mundo

0comentário

Definidas as quartas de final da Copa do Mundo da Rússia.

Os últimos classificados foram conhecidos nesta terça-feira (3). A Suécia eliminou a Suiça ao vencer por 1 a 0 e a Inglaterra que empatou por 1 a 1 com Colômbia no tempo normal e prorrogação e venceu nos pênaltis por 4 a 3.

As quartas de finais terão duas seleções sul-americanas e seis seleções européias.

O Brasil que eliminou o México ao vencer por 2 a 0 vai enfrentar a Bélgica. Os belgas se classificaram após vencer o Japão por 3 a 2.

Das seleções que já foram campeãs ainda continuam Brasil (5), Uruguai (2) e França (1). As outras seleções nunca conquistaram uma Copa do Mundo.

A menos que Brasil e Suécia cheguem à decisão, assim como em 1958 quando o Brasil foi campeão, a Copa da Rússia terá uma final inédita

06/07 – Sexta-feira

11h – Uruguai x França
15h – Brasil x Bélgica

07/07 – Sábado

11h – Suécia x Inglaterra
15h – Rússia x Croácia

Foto:  Lucas Figueiredo/CBF

sem comentário »

Brasil bate o México e enfrenta a Bélgica

1comentário

A Seleção Brasileira bateu o México por 2 a 0 e se classificou para as quartas de final da Copa da Rússia.

Após o empate por 0 a 0, no primeiro tempo, o Brasil dominou o México no segundo tempo e fez os gols com Neymar e Firmino.

Os destaques da Seleção Brasileira foram os atacantes Willian e Neymar.

Com a vitória, o Brasil enfrenta a Bégica que sofreu para vencer o Japão. Após sair perdendo por 2 a 0, os belgas foram buscar o placar e no último minuto do jogo fizeram 3 a 2.

A partida entre Brasil e Bélgica será na sexta-feira (6), às 15h, na Arena Kazan.

O vencedor do confronto entre Brasil e Bélgica vai enfrentar o vencedor do duelo entre Franca e Uruguai que também se enfrentam na sexta-feira (6), às 11h, em Nizhny Novgorod.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

1 comentário »