Feirinha São Luís inicia programação natalina

0comentário

Com a proximidade das celebrações de fim de ano, a Feirinha São Luís, que é um projeto da Prefeitura realizado pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), entrou em clima natalino neste domingo (10), com a presença do Papai Noel, que encantou as crianças. Elas puderam conferir de perto a chegada do bom velhinho, que distribuiu alegria e presentes. A Feirinha também foi palco para ações sociais.

Além de expor a diversidade cultural da cidade, a Feirinha fomenta a economia criativa aos produtores da capital em mais de 11 polos, que comercializam produtos diversos a preços competitivos, distribuídos em mais de 90 pontos de comércio, movimentando o turismo na capital e a geração de renda. A Feirinha conta com 29 barracas para venda de produtos agrícolas, 30 para artesanato, 22 de alimentação e 11 food trucks.

Também integrou a programação cultural da 27ª edição da Feirinha São Luís o Coral Infantil da LBV, bloco tradicional Os Feras, Banda do Exército 24º BIS, Forró Pé de Serra.com e Dinho e Banda. Para o titular da Semapa, Ivaldo Rodrigues, uma edição memorável, com o espírito natalino.

“Esse é um dia especial para a Feirinha São Luís, nós estamos abrindo as festividades natalinas na Praça Benedito Leite. Por orientação do prefeito Edivaldo, trouxemos o Papai Noel para abrilhantar esse momento de paz, alegria, e união onde relembramos o nascimento de Cristo nesse espaço democrático que ao longo de todo esse semestre tratou de assuntos tão importantes e contemporâneos”, frisou o secretário Ivaldo Rodrigues.

Durante todo o mês de dezembro diversas ações sociais serão realizadas no evento. Uma delas foi a ação de conclusão de 10 dias de ativismo digital pelos direitos humanos realizada pela Secretaria Estadual dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), que esteve presente na Feirinha também celebrando os 69 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

“Celebramos com manifestação nas redes pela dignidade da vida e divulgando as ações do Governo do Estado que confirmam a decisão política do governador em tratar direitos humanos como política universal”, destacou o titular da Sedihpop, Francisco Gonçalves.

Fotos: Renato Carvalho

sem comentário »

Honorato tem apoios importantes à reeleição

0comentário

chico gonçalves

Representantes do setor jurídico, sindical, do poder público, além de movimentos sociais e culturais têm manifestado apoio ao projeto de reeleição do vereador Honorato Fernandes (PT).

A abrangência de apoio que o vereador tem recebido é um reflexo de sua atuação parlamentar. Eleito em 2012, Honorato é vereador de primeiro mandato, mas possui projeção de destaque na Câmara Municipal de São Luís, graças à atuação dele junto às comunidades e as articulações nos mais diversos segmentos.
Apoios

Destacando a atual conjuntura política, o secretário de Direitos Humanos, Francisco Gonçalves, ressaltou a importância de ter nomes como o do vereador Honorato Fernandes integrando quadro do Parlamento Municipal. Nome que, segundo o secretário, reflete a luta pela garantia dos direitos dos mais pobres.

O projeto de reeleição do vereador conta com o apoio de nomes, como: o advogado Sálvio Dino Junior; o presidente Sindsep/MA, Raimundo Pereira; o advogado e professor universitário, José Caldas Gois Júnior.

salvio

O ex-presidente da OAB-MA, Raimundo Marques, traçou o perfil do parlamentar para justificar o apoio, destacando a idoneidade de Honorato.

“Discreto, mas atuante. Prudente, sem se acovardar. Tolerante, sem ser cumplice. Transigente, sem fazer concessões com qualquer tipo de falcatrua. Sem ser radical, não abriu mão de suas opiniões próprias e de suas ideias. Testemunhei seu esforço no sentido de discutir com a sociedade, por meio de audiências públicas e buscar soluções para os problemas que enfrentamos. Por isso, com responsabilidade e com a mais absoluta tranquilidade, volto a recomendar o nome de Honorato para vereador de São Luís”, defendeu Raimundo Marques.

A linha de atuação do vereador Honorato, sempre focado da defesa da garantia dos direitos dos mais excluídos, também foi destacada por João Torres, diretor de comunicação do Sindicato dos Servidores Públicos Federais, Sindsep /MA, ao defender o apoio a Honorato.

“Vereador dedicado e sério, Honorato foi bem votado na eleição passada e com certeza será reeleito. A população precisa apoiar este tipo de político que realmente vem para somar. Político, cujo objetivo é ajudar as classes mais necessitadas. E o nosso sindicato também está engajado nesta luta”, destacou João Torres.

sem comentário »

Réveillon em São Luís

1comentário

FranciscoGoncalvesA Prefeitura de São Luís realizará uma grande festa para celebrar a chegada de 2015. Na noite da virada, no dia 31, além da Avenida Litorânea, onde a festa ficará por conta de Zeca Baleiro e banda como atração principal, a Praça Maria Aragão receberá os artistas gospel André Valadão, Anderson Freire e Maurício Paes. Nos dois locais haverá shows pirotécnicos à meia-noite e uma mega estrutura de palco, luz e sonorização.

O presidente da Fundação Municipal da Cultura (Func), Francisco Gonçalves, explica que o prefeito Edivaldo orientou que a programação fosse montada respeitando a vasta diversidade cultural da população ludovicense. “Diferente de outros anos, a Prefeitura organizou duas grandes festas. Já que temos uma população multifacetada, a Prefeitura procurou fazer uma programação que atenda aos diferentes gostos, costumes e culturas”, explicou o presidente da Func.

Na Avenida Litorânea, o palco será montado próximo ao Clube do Ipem, onde subirão Zeca Baleiro, o grupo Argumento, a banda de reggae de Alcântara, Barba Branca, grupos de tambor de crioula e a banda Afrôs e convidados. Já na Maria Aragão, além dos cantores de destaque no cenário nacional gospel – André Valadão, Anderson Freire e Mauricio Paes, artistas locais estarão na virada de louvor, reunindo diversas igrejas evangélicas da capital.

Para garantir a estrutura de segurança, trânsito e transporte, diversos órgãos municipais estão envolvidos no planejamento, definindo ações de forma integrada. O esquema de segurança será reforçado nos dois locais de comemoração, haverá garantia de pronto-atendimento médico, maior número de coletivos e organização do trânsito para facilitar o acesso de veículos e pedestres.

O planejamento dos eventos está sendo coordenado pela Func, em parceria com as secretarias municipais de Trânsito e Transporte (SMTT), Segurança com Cidadania (Semusc) e Saúde (Semus); além da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Delegacia de Costumes.

Foto: Maurício Alexandre

1 comentário »

Exemplo na transição

0comentário

franciscogonçalves

A secretária de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania, Luiza Oliveira, recebeu, nesta quarta-feira (5), Francisco Gonçalves, indicado pelo governador eleito para assumir a pasta de Direitos Humanos, a partir de janeiro de 2015. O futuro gestor participou da reunião acompanhado do indicado para assumir a Gerência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), o advogado Duarte Junior.

Durante a reunião, a secretária Luiza Oliveira e o assessor de Planejamento da Sedihc, Ribamar Linhares, apresentaram o orçamento e as dimensões da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc) e dos órgãos vinculados (Procon, Viva Cidadão e Funac).

Na oportunidade, a secretária Luiza Oliveira reafirmou o compromisso do governo em repassar todas as informações necessárias para o futuro gestor, o que já ocorre de forma ampla pela comissão de transição. “Nós trabalhamos muito para fazer um Maranhão cada vez melhor para os maranhenses e, por isso, fazemos questão de apresentar com êxito todos os nossos esforços encabeçados quando assumi a pasta, em 2011, para que o trabalho tenha continuidade para o bem da população”, declarou Luiza Oliveira.

Esta foi a segunda reunião em que a secretária Luiza Oliveira detalha as ações desenvolvidos pela Sedihc.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Direitos Humanos

2comentários

FranciscoGoncalves

O governador eleito Flávio Dino divulgou na manhã desta quinta-feira (30) o secretário de Direitos Humanos e Participação Popular. Com forte atuação junto aos movimentos sociais, o professor Francisco Gonçalves (PT) assumirá a pasta a partir de 1º de janeiro.

Com o redesenho previsto para a Secretaria, ela será responsável por conduzir as políticas sociais para melhoria do Índice de Desenvolvimento Humano, a implantação do orçamento participativo e da atuação dos conselhos nas ações do Poder Executivo.

“Agradeço o convite do governador eleito para coordenar a pasta de Direitos Humanos e Participação Popular. Aceitei o convite com certeza de que não se faz mudança pra valer sem participação popular e direitos humanos. Em nosso Estado, modificar os baixos índices de desenvolvimento humano é uma questão política, econômica e, sobretudo, humanitária”, disse Francisco Gonçalves.

Francisco Gonçalves é formado em Comunicação Social/Jornalismo (UFMA), doutor em Comunicação e Cultura (UFRJ) e professor do Departamento de Comunicação Social da UFMA. Com forte relação com os movimentos sociais desde a década de 70, Francisco foi assessor da Comissão Pastoral da Terra (CPT-MA) e conselheiro da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH).

Presidente da Fundação Municipal de Cultura de São Luís desde 2013, Francisco é pesquisador e foi também chefe do Departamento de Comunicação Social da UFMA. Sua atuação política vem desde a fundação do PT-MA, partido no qual sempre teve atuação ligada à defesa dos movimentos sociais e trabalhadores maranhenses.

Durante a campanha de Flávio Dino, desempenhou importante papel junto aos movimentos sociais, sendo um dos articuladores do “Pacto por um IDH Justo”, iniciativa que tem por objetivo unir esforços em toda a sociedade para  reverter os índices sociais do Maranhão.

2 comentários »

Mudança no São João

6comentários

franciscogoncalvesCom o encerramento da programação deste ano do São João de São Luís, o presidente da Func, Francisco Gonçalves, anunciou os projetos para a edição do Terreiro da Maria de 2015, na qual pretende ampliar a infraestrutura do arraial montado na Praça Maria Aragão e trazer mais novidades para incrementar a programação junina, com a montagem de espaços onde serão oferecidas oficinas de dança para ensinar o cacuriá, o tambor de crioula e outros folguedos típicos da capital maranhense.

“O arraial da Praça Maria Aragão se consolidou como o maior e mais importante terreiro da cidade, não só pelo público presente, mas porque toda São Luís se encontrou aqui. Desse ano, para o ano passado, tivemos uma maior diversidade das brincadeiras, ou seja, a oportunidade de ver um panorama da diversidade cultural do Maranhão, ao mesmo tempo em que acrescentamos a política de salvaguarda no terreiro de brincadeiras que correm o risco de desaparecer, como a dança do Lelê e do Coco”, informou Francisco Gonçalves.

Segundo Francisco Gonçalves, a Func pretende fazer uma série de modificações no arraial da Maria Aragão em 2015, tanto no formato como na programação. Na montagem do terreiro, a ideia é a possibilidade de incorporar o espaço da Praça Gonçalves Dias ao acampamento junino, sobretudo para a realização de atividades com crianças.

“Ainda sobre os espaços, vamos criar mais um que é o Barracão do São João, para que quem venha à Praça também tenha a oportunidade de aprender a dançar o tambor de crioula, o cacuriá e outras brincadeiras”, explica.

Em 2014, a montagem do terreiro teve 20 barracas, sendo 16 barracas para a comercialização de bebidas e comidas típicas; uma para o Espaço do Artesanato, o Barracão do Forró, dois espaços institucionais para a prestação de serviços e o Espaço do Turista.

Foto: Lauro Vasconcelos

6 comentários »

Carnaval de dia

1comentário

“Sou a favor de carnaval durante o dia. Em São Luís, carnaval tem que ser com sol, lua e maresia”. A declaração é do presidente da Fundação Municipal de Cultura (FUNC), Francisco Gonçalves.

Essa é uma discussão muito antiga aqui, mas que as pessoas responsáveis pela realização do nosso Carnaval parecem nunca querer levar adiante. Em São Luís, toda a programação de Carnaval acontece sempre à noite. Resultado: temos uma cidade morta durante o dia. Este ano não foi diferente.

Em 2013, já discutia isto e mostrava ao presidente da Func a necessidade de apostar num novo horário e modelo.

Agora, o presidente da Func parece ter acordado para a realidade. Mas vamos ter que esperar 365 dias para ver o que vai acontecer em 2015.

Fica a discussão no ar…

carnavalslz

1 comentário »

Carnaval 2014

0comentário

franciscogonçalvesEstão abertas a partir desta sexta-feira (10) as inscrições para o Desfile e Concurso Oficial de Passarela do Samba para os Blocos Organizados, Blocos Tradicionais do Grupo A e B, Blocos Afros, Tribos de Índios, Turmas de Samba e Alegorias de Rua.

O Concurso Oficial de Passarela é uma iniciativa promovida pela Associação Maranhense de Blocos Carnavalescos (AMBC) e pela Academia de Blocos Tradicionais do Estado do Maranhão (ABTEMA), em conjunto com a Prefeitura de São Luís, através da Fundação Municipal de Cultura, entidade promotora.

Só poderão participar do Carnaval da Passarela as agremiações que se inscrevem por meio do edital de regulamentação. Entre as exigências está a entrega no ato da inscrição: histórico da agremiação, sinopse da apresentação e letra do samba, com identificação do nome artístico e o nome completo dos autores e/ou compositores.

Vale ressaltar que a inscrição para o Desfile de Passarela não vincula qualquer tipo de participação no Concurso de Passarela do Carnaval 2014. A premiação deste ano oferecerá o valor de R$ 20 mil ao 1º lugar do Concurso de Blocos Tradicionais do Bloco A e R$ 15 mil aos vencedores do Concurso dos Blocos Tradicionais do Grupo B e dos Blocos Organizados.

Os editais e modelo da ficha de inscrição estão disponíveis no Blog da Func (www.funcsl.wordpress.com), e as inscrições vão até o dia 30 de janeiro, no horário das 8h às 19h (2ª a 5ª feira) e de 8h às 14h (6ª feira), na sede da Func, localizada na Rua Isaac Martins, 141, Centro.

sem comentário »

Carnaval de passarela

0comentário

franciscogoncalves

O presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Francisco Gonçalves, participou na manhã desta quinta-feira (12), de uma audiência pública na Câmara de Vereadores, para falar do plano de execução para as festividades carnavalescas de 2014 e do carnaval de passarela.

Logo no início da audiência o presidente da Fundação informou que já autorizou a abertura do processo de licitação para a montagem e desmontagem da estrutura de arquibancadas e camarotes para a Passarela do Samba, que abrigará durante seis dias (27, 28 de fevereiro e 01, 02, 03 e 04 de março) os desfiles das Escolas de Samba, Blocos Tradicionais, Tribos de Índios e outras manifestações culturais, durante a temporada carnavalesca de 2014.

“Estamos em fase de cotação de preços e vamos nos reunir com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior para apresentar o projeto e as propostas das agremiações para que possamos realizar um bom carnaval”, explicou Gonçalves.

O carnaval de 2014 será o primeiro grande evento depois de São Luís ter renovado a adesão ao Sistema Nacional de Cultura. O Acordo de Cooperação Federativa foi assinado no último dia 26, na mesma data em que os membros do Conselho Municipal de Cultura foram empossados, e estabelece as condições e orienta a instrumentalização necessária para o desenvolvimento do Sistema com implementação coordenada e/ou conjunta de programas, projetos e ações, no âmbito da competência municipal, além de garantir acesso a recursos federais.

sem comentário »

Conselho de Cultura

0comentário

robertorocha

Cinquenta e dois novos membros do Conselho Municipal de Cultura tomaram posse na noite desta terça-feira (26), no auditório Reis Perdigão, sede da Prefeitura de São Luís. Durante a solenidade, representando o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, o vice-prefeito da cidade, Roberto Rocha, entregou os decretos de nomeação aos conselheiros, sendo 26 titulares e 26 suplentes do poder público e da sociedade civil. O presidente da Fundação Municipal de Cultura, Francisco Gonçalves, também foi empossado na ocasião.

O Conselho Municipal de Cultura é um órgão paritário, formado em igualdade numérica, por representantes do poder público e da sociedade civil organizada. Os novos conselheiros, com mandato de dois anos, têm a função de opinar e assessorar a Prefeitura e as secretarias nas questões relativas às políticas de cultura da cidade.

Durante o evento, Roberto Rocha destacou a importância da parceria: “Juntos, temos a tarefa de ajudar e apontar soluções para a cultura de nossa cidade”, frisou.

Compete à entidade ainda um fórum de decisões, com caráter deliberativo, consultivo e normativo. “Com a instalação do Conselho, damos um passo importante em direção à implantação do Plano Municipal de Cultura, que dará à gestão cultural da cidade condições de pensar uma política cultural e não somente uma política de eventos, como vinha sendo feito”, declarou Francisco Gonçalves.

Foto: Maurício Alexandre

Leia mais

sem comentário »