PTB realiza encontro para capacitar pré-candidatas

0comentário

Com o tema Vez, voz e voto, o PTB Mulher realiza um grande encontro nacional do partido na próxima sexta-feira (25), em São Luis, no Multicenter Sebrae, às 8h.O encontro vai passar pelas principais cidades do Brasil, com o objetivo de preparar, qualificar e fortalecer candidaturas femininas para a campanha eleitoral de 2020. O partido que tem em sua história, a atuação de grandes mulheres, acredita que é necessário aumentar a presença de mulheres em cargos políticos em todo o país.

O encontro vai ter a presença do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson; da presidente nacional do PTB Mulher, Graciela Nienov; do deputado federal e presidente do PTB Maranhão, Pedro Lucas Fernandes; da presidente estadual do PTB Mulher, Emilce Campos; do presidente nacional da Juventude do PTB, Pedro Chaves; da ex-deputada federal, Cristiane Brasil; da deputada estadual, Mical Dasmaceno; do vereador de São Luís, Joãzinho Freitas; de prefeitos eleitos do PTB; de lideranças municipais e da militância do partido.

Desigualdade na política

As mulheres são a maioria da população do Brasil. Apesar do aumento do número de mulheres eleitas nas últimas eleições, o fato é que a desigualdade representativa em cargos políticos ainda é muito grande. Para se ter uma ideia, das 513 vagas para a Câmara Federal, apenas 77 foram ocupadas por mulheres nas eleições 2018.

Lançar mais candidaturas femininas não é o suficiente. O PTB Mulher defende que é preciso capacitar as pré-candidatas. “Nós precisar incentivar as mulheres, mostrar que elas são capazes de promover mudanças na sociedade e na política”, destacou a presidente do PTB Mulher no Maranhão, Emilce Campos.

Capacitação de candidaturas femininas

O Encontro Nacional Vez, Voz e Voto vai promover um ciclo de palestras com especialistas sobre temas relacionados. A advogada e presidente do PTB Mulher no Rio Grande do Sul, Paula Vaz vai proferir palestra sobre as atualizações da legislatura eleitoral; a ex-deputada federal, Cristiane Brasil, vai falar com as pré-candidatas sobre planejamento estratégico e a relações públicas, Rafaela Armani vai proferir uma palestra sobre Marketing digital, assunto que ganhou destaque nas últimas eleições e se tornou uma grande ferramenta política.

Foto: Divulgação

sem comentário »

PTB oficializa apoio à pré-candidatura de Osmar Filho

1comentário

O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) oficializou, neste sábado (14), apoio à pré-candidatura a prefeito de São Luís do presidente da Câmara Municipal, vereador Osmar Filho (PDT).

O anúncio foi feito por dirigentes da sigla durante evento político no qual foram empossados os novos presidentes do diretório municipal de São Luís e da JPTB, Paulo Casé e Yanna Kléper, respectivamente. Centenas de militantes participaram do ato, no qual ocorreram novas filiações.

“O PTB está unido. É um partido que tem representatividade na Câmara Municipal e, ano que vem, nós queremos triplicar. Também estamos fortes em todos as demais cidades do Maranhão e iremos, tenho certeza, fazer grande número de prefeitos e vereadores. Quero dizer ao presidente Osmar que o PTB está unido à sua pré-candidatura a prefeito de São Luís. O Osmar é o mais jovem presidente da Câmara; já mostrou uma gestão inovadora, participativa e moderna; e o Osmar conhece São Luís, conhece seus problemas, e sabe como resolvê-los. Ele sempre terá um parceiro em Brasília para ajuda-lo”, disse o deputado federal e presidente do diretório estadual petebista, Pedro Lucas Fernandes.

Fernandes explicou que a sigla, a partir de agora, promoverá uma agenda permanente de debate sobre temas de interesse da coletividade, como a mobilidade urbana. Disse que Osmar Filho estará engajado neste trabalho e aproveitou a oportunidade para confirmar que o PTB tem interesse em indicar um nome que comporá como vice na chapa encabeçada pelo pedetista.

Paulo Casé destacou a juventude e a vontade que o presidente da Câmara tem para trabalhar, ainda mais, por São Luís.

“O Osmar é um político que representa a juventude, uma nova forma de fazer política e de administrar. São por estas e outras qualidades que o PTB estará com ele neste projeto relacionado à Prefeitura”, comentou.
Presente no evento, Osmar Filho agradeceu as manifestações de apoio e carinho.

O pré-candidato confirmou que participará da agenda de diálogo do PTB objetivando uni-la a sua e, desta forma, construir um plano de governo coletivo para cidade.

“Agradeço à confiança dos filiados ao PTB, nas pessoas dos amigos Pedro Lucas, Paulo Casé e do ex-deputado Pedro Fernandes. Nossa pré-candidatura, como já disse em outras oportunidades, é um projeto coletivo, que está sendo construído desta forma, dialogando com o cidadão e com todos os agentes da classe política”.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Arame terá melhorias no saneamento básico

0comentário

O município de Arame que fica na região Central do Maranhão, a 477 Km de São Luís, ganhará rede de esgoto com estação de tratamento e drenagem de águas pluviais.

A Companhia de esenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), órgão ligado ao Ministério da Integração Nacional, elabora termo de referência para licitar de imediato os projetos executivos para implantação do sistema coletor e de tratamento de esgotos da sede municipal e sistema de drenagem de águas pluviais.

Os recursos são indicação do deputado federal Pedro Lucas que tem sido parceiro de vários municípios maranhenses.

Implantando o projeto, Arame se tornará uma das poucas cidades brasileiras a contar com essa infraestrutura de saneamento básico e terá melhorias significativas nos indicadores sociais.

Foto: Agência Câmara

sem comentário »

Pedro Lucas agradece reconhecimento de Maia ao PTB

0comentário

O deputado federal maranhense e Líder do PTB na Câmara Federal, Pedro Lucas, fez questão de agradecer o reconhecimento do presidente da Casa Legislativa e reafirmar o posicionamento do seu partido.

Pedro Lucas assegurou que a aprovação da Reforma da Previdência é o melhor, nesse momento, para o Brasil.

“O PTB sempre esteve ao lado dos trabalhadores do Brasil, assim como na criação do 13° salário, da carteira de trabalho. O partido votou unido pela aprovação da reforma da Previdência, porque entendemos que é o melhor para o futuro do Brasil! Agradeço ao presidente Rodrigo Maia”, escreveu no Twitter.

Ao concluir os trabalhos da Reforma da Previdência na Câmara Federal, Rodrigo Mais, fez questão de agradecer aos partidos políticos, através dos seus líderes, pelo apoio recebido para que a reforma fosse aprovada. Entre os citados, apenas o deputado Pedro Lucas é da Bancada do Maranhão. Clique aqui e veja o vídeo.

A Reforma da Previdência vai agora para o Senado e a expectativa é que em até dois meses já esteja concluída a sua votação. A maior dúvida, no momento, é pela inclusão ou não dos estados e municípios na reforma.

Blog do Jorge Aragão

sem comentário »

Pedro Lucas assume direção do PTB no Maranhão

0comentário

O deputado federal Pedro Lucas Fernandes assume a partir de agora a presidência do diretório regional do PTB no Maranhão em substituição ao ex-deputado federal Pedro Fernandes.

Pedro Lucas destacou o trabalho do ex-deputado Pedro Fernandes em prol da unidade e crescimento do partido.

“O ex-deputado federal Pedro Fernandes, após seis meses do fim do seu mandato, deixa a direção estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Pedro Fernandes fez muito pelo crescimento e união do partido no Maranhão e com certeza deixa um grande legado em prol do PTB”, disse.

Pedro Lucas agradeceu a escolha do seu nome e disse estar pronto para o desafio.

“Com muito respeito, aceito o desafio a mim confiado de assumir a direção estadual do PTB, e trabalhar ainda mais pelo crescimento no nosso partido no Maranhão. Agradeço ao ex-deputado Pedro Fernandes e a confiança de todos os filiados!”, destacou nas redes sociais.

O ex-deputado Pedro Fernandes disse que a mudança é fundamental para a oxigenação e renovação no PTB.

“Conforme programado, após seis meses do término do meu mandato de deputado federal, deixarei a direção Estadual do Partido Trabalhista Brasileiro-PTB. A fila anda e tem que andar pela necessidade da oxigenação e renovação partidária. Pedro Lucas, deputado federal, é jovem e está disposto a encarar o desafio do crescimento partidário no Estado, razão pela qual sua condução à direção partidária regional é tida com ampla aceitação pelo quadro de filiados atuais e referenciada pelo bom trâmite que possui no meio político e social do estado e pela sua reconhecida atuação política no âmbito federal e estadual”, disse Pedro Fernandes.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Pedro Lucas discute programa voltado aos idosos

0comentário

A bancada do PTB recebeu, nesta quarta-feira (29), o secretário nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa Idosa, Antônio Fernandes Toninho Costa.

Ele veio à Liderança do Partido na Câmara para falar sobre a atuação da secretaria, e apresentou, como um dos destaques, o programa “Viver – Envelhecimento Ativo e Saudável”.

Segundo o deputado federal Pedro Lucas Fernandes, o objetivo do programa é a inclusão social e digital dos idosos e idosas, promovendo maior inserção deles na sociedade para elevar sua qualidade de vida.

A população brasileira está em trajetória de envelhecimento e, até 2060, o percentual de pessoas com ais de 65 anos será de 25,5%; ou seja, um em cada quatro brasileiros será idoso. 

Quem não cuida dos idosos, não valoriza a sua história, o seu passado!

E o PTB está também está atento a esta pauta.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Pedro Lucas reforça luta de agentes penitenciários

0comentário

Agentes penitenciários estiveram na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (24) para pedir a inclusão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 372/17) que cria as polícias penais – federal, estadual e distrital – na pauta de votações da Casa. O líder do PTB na Câmara, deputado Pedro Lucas Fernandes (PTB-MA), apoia a iniciativa. Ele recebeu a comitiva no Gabinete da liderança na Câmara onde assinou requerimento favorável a iniciativa.

O presidente da Federação Nacional Sindical dos Servidores Penitenciários (Fenaspen), Fernando Anunciação, disse que a luta do grupo é incansável no Congresso para ver a aprovação da matéria e “que fará jus ao trabalho da categoria”.

Também membro da diretoria, o vereador Cézar Bombeiro, de São Luís, que é agente penitenciário, relatou a trajetória dos trabalhadores pelo reconhecimento.

O deputado Pedro Lucas prometeu empenho para que o “requerimento atinja seu objetivo”. Outros líderes partidários também apoiaram a reivindicação.

Proposta

A PEC 372/17 de autoria do senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) acrescenta essas polícias ao rol dos órgãos do sistema de segurança pública e determina como competência dessas novas instâncias, a segurança dos estabelecimentos penais e a escolta de presos. A intenção é liberar as polícias civis e militares dessas atividades.

Já aprovada pelo Senado, a PEC é uma reivindicação dos trabalhadores penitenciários para que sua profissão seja reconhecida e valorizada nos mesmos moldes do que acontece com as demais carreiras policiais.

Foto: Divulgação

sem comentário »

PTB vai se unir ao MDB e PP, diz Pedro Lucas

0comentário

A bancada do PTB na Câmara dos Deputados decidiu, nesta quarta-feira (16), que passará a integrar o bloco formado pelo MDB, PP e outros.

O futuro líder do partido, Pedro Lucas Fernandes (MA), informou, após reunião realizada nesta tarde, que, “num futuro próximo”, o PTB vai fechar questão sobre que candidato irá apoiar à Presidência da Câmara.

“A bancada decidiu que vai marchar unida em relação à Presidência. O PTB teve os votos necessários para a sua decisão de formar o bloco neste momento e, num futuro próximo, definir seu candidato à Presidência”, declarou.

Foto: Jotaric

sem comentário »

Sarney nega veto a nome de Pedro Fernandes

3comentários

O deputado maranhense Pedro Fernandes (PTB) disse que não será mais Ministro do Trabalho.

Na semana passada, Pedro Fernandes disse que foi indicado ao cargo pelo PTB e que havia aceitado o convite. Ele chegou a afirmar que a sua nomeação sairia na semana passada no Diário Oficial da União.

Nesta terça-feira (2), Pedro Fernandes divulgou nota na qual afirma que não será mais ministro do governo Temer. Segundo o deputado, o seu nome iria criar embaraço na relação entre o presidente Michel Temer e o ex-presidente José Sarney.

“Quero registrar o meu agradecimento ao presidente do PTB Roberto Jefferson, ao líder doPTB na Câmara Federal Jovair Arantes, ao ex-ministro Ronaldo Nogueira (PTB) pela indicação feita ao presidente Michel Temer do meu nome para o Ministério do Trabalho e Emprego e a toda a bancada pelo acolhimento desta, demonstrado pelas manifestações de carinho. Infelizmente não deu, devido ao embaraço que o meu nome cria na relação do presidente Michel Temer com o ex-presidente José Sarney. Obrigado amigos”, afirmou.

Em entrevista ao colunista Gerson Camarotti, o ex-presidente José Sarney negou que tenha vetado o nome de Pedro Fernandes para o Ministério do Trabalho no governo Temer.

“Não fui consultado e não vetei. Ele [Pedro Fernandes] quer arrumar uma desculpa. Colocar a responsabilidade sobre as minhas costas. Se, no passado, não vetei Flávio Dino para a Embratur, não faria isso para alguém que foi nosso amigo”, explicou Sarney.

Com veto ou não, o fato é que Pedro Fernandes não será mais ministro do Trabalho e de certa forma saiu desgastado no episódio, pois foi ele mesmo que chegou a afirmar que seria ministro na semana passada.

3 comentários »

Partidos de saída

0comentário

Embora o agora virtual ministro do Trabalho, Pedro Fernandes, negue ou reafirme o contrário, a permanência do seu PTB na base do governo Flávio Dino (PCdoB) é uma impossibilidade do ponto de vista do pragmatismo do jogo político de Brasília.

O comunista maranhense é um dos mais mordazes críticos do governo Michel Temer (MDB), que chama de “golpista”. Difícil, portanto, que o Palácio do Planalto aceite ter um dos principais auxiliares na base desse crítico.

Mas as dificuldades de coligação de Flávio Dino com partidos que não fazem parte do espectro político onde está situado o seu PCdoB são mais reais do que a mera defecção do PTB. O comunista sabe que dificilmente terá em seu palanque legendas como o DEM, o PP e até mesmo PSB e PPS, que têm interesses nacionais em jogo para 2018.

Todos esses partidos se alinham no campo mais à direita do espectro político. E Dino se declara de esquerda, com valores de esquerda e visão de esquerda na economia, na política e na ideia de Estado.

De postura mais liberal – e antenados com a onda liberal que mobiliza a Europa – esses partidos tendem a extrapolar o debate na eleição de 2018, fazendo o contraponto ao conceito de Estado interventor e controlador, com economia basicamente estatal, defendido por Dino e seus aliados de esquerda, como PT e o PDT.

Ainda que o governador tente repetir a postura furta-cor que adotou em 2014 – abraçando, ao mesmo tempo, Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) – a beligerância do processo de 2018 vai dificultar as coisas para ele. E tudo começa já agora, com o caminho do PTB.

Estado Maior

sem comentário »