Senadores comentam declaração de Bolsonaro

2comentários

Os três senadores maranhenses se manifestaram nas redes sociais após declaração polêmica do presidente da Replública Jair Bolsonaro (PSL), no Palácio do Planalto.

Sem perceber que estava sendo gravado, o presidente Jair Bolsonaro afirmou; “O governador de Paraíba é pior que esse do Maranhão. Não tem que ter nada com esse cara”.

A senadora Eliziane Gama (PPS) classificou o episódio como ‘zenofobia’. “Xenofobia. Absurdo, a ainda mais vindo do presidente da República. Temos o melhor governador do Brasil”, escreveu.

“Como maranhense, como mãe nascida e criada no MA e como parlamentar eleita pelo meu Estado, não aceitarei de forma alguma que nosso Estado seja prejudicado por “estultice ideológica”. É hora de o presidente descer do palanque, parar de gerar crises em série e governar o país”, acrescentou Eliziane Gama.

O senador Weverton Rocha (PDT) também criticou a declaração de Bolsonaro e disse que o presidente deveria manter pelo menos relação institucional com os estados. “Essa atitude é um desrespeito ao povo brasileiro. Flávio Dino e João Azevedo Lins são governadores eleitos e representam seus estados. O presidente deveria manter uma relação institucional e republicana com os governadores. independente de sua ideologia. Se não o faz, erra feio”, disse.

O senador Roberto Rocha (PSDB) saiu em defesa do presidente Jair Bolsonaro e criticou o governador do Maranhão que, segundo Rocha a 6 meses agride o presidente que apenas respondeu. “Flávio Dino, tentando ocupar espaço na extrema esquerda, achando que o PT acabou, agride o presidente todo dia o dia inteiro, durante 6 meses. Claro, torce pelo quanto pior melhor. Aí Bolsonaro responde, é retaliação, é perseguição, é anti-republicano. Alguém pode explicar???”, disse Roberto Rocha.

Foto: Reprodiçào / redes sociais

2 comentários »

Eliziane mostra coerência e vota a favor dos pobres

3comentários

Ao contrário do que dizem perfis (a maioria fake ou robô) nas redes sociais a MP 871 aprovada ontem pelo congresso nacional não combatia as fraudes no INSS ou pelo menos não atacava o real responsável pelos problemas da previdência no Brasil que são os grandes sonegadores do INSS.

Segundo Dados da Procuradoria da Fazenda Nacional, as empresas privadas devem R$ 450 bilhões, ainda sim são completamente ignoradas por uma MP apelidada de anti fraude.

A MP 871 segundo especialistas trará enormes dificuldades a trabalhadores rurais pois através dessa medida de lei o governo diminuiu de 30 para 10 dias o prazo para apresentação de defesa na hipótese de haver indícios de irregularidade ou erros materiais na concessão do benefício, quem conhece o interior do estado e mesmo agências do INSS da capital sabe que esse prazo é muito curto para que o trabalhador busque atendimento e para que faça a apresentação de sua defesa, principalmente para quem não dispõe de estrutura para pagar custos de um advogado, por exemplo. o que ainda torna a MP pior para os mais pobres.

A MP além disso pode suspender benefício caso a defesa não seja apresentada no pequeno tempo que foi dado.

Se isso ocorrer, só poderá voltar a receber benefício quem conseguir ganhar na justiça comum.

Como se já não fosse ruim o bastante a MP 871 ainda tem um caso claro de ilegalidade quando corrompe o devido processo legal e autoriza a suspensão cautelar de benefícios sob suspeita de irregularidades, até que o beneficiário apresente defesa; ou seja, a suspensão poderá ser feita antes mesmo que seja comprovada a irregularidade.

Foto: Divulgação

3 comentários »

Eliziane diz que Justiça trata Temer como ‘delinquente’

0comentário

A senadora Eliziane Gama (PPS-MA) comentou nas redes sociais, a prisão do ex-presidente da República Michel Temer (MDB).

Eliziane lembrou que votou por duas vezes na abertura de inquérito contra Temer na Câmara dos Deputados, mas a questão não foi adiante.

“Como deputada federal votei duas vezes pela abertura de inquérito para investigar o ex presidente Michel Temer. Sabíamos já aquela época que havia muitos passivos judiciais quanto ao presidente”, disse.

A senadora reagiu ainda com mais firmeza ao dizer que a Justiça trata Temer agora como “delinquente`.

“Agora a justiça brasileira começa a tratar como delinquente, quem tem delito”, finalizou.

Foto: Divulgação/Agência Senado

sem comentário »

Senado: Weverton, 35%; Eliziane, 34%

1comentário

Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (4) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado no Maranhão:

Weverton Rocha (PDT): 35%
Eliziane Gama (PPS): 34%
Sarney Filho (PV): 25%
Edison Lobão (MDB): 23%
Zé Reinaldo (PSDB): 10%
Alexandre Almeida (PSDB): 5%
Saulo Pinto (PSOL): 4%
Samuel de Itapecuru (PSL): 3%
Preta Lú (PSTU): 2%
Saulo Arcangeli (PSTU): 2%
Iêgo Bruno (PCB): 1%
Branco/Nulo – Vaga 1: 12%
Branco/Nulo – Vaga 2: 20%
Não sabem: 24%

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.008 eleitores
Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de outubro
Registro no TRE: MA-07570/2018
Registro no TSE: BR-03151/2018
Contratante da pesquisa: TV Mirante
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Leia no G1

1 comentário »

Senado: Lobão 25%; Sarney Filho 23%; Eliziane 23%

0comentário

 

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (19) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado no Maranhão:

Edison Lobão (MDB): 25%
Sarney Filho (PV): 23%
Eliziane Gama (PPS): 23%
Weverton Rocha (PDT): 20%
Zé Reinaldo (PSDB): 12%
Alexandre Almeida (PSDB): 4%
Preta Lú (PSTU): 2%
Saulo Pinto (PSOL): 2%
Samuel de Itapecuru (PSL): 2%
Saulo Arcangeli (PSTU): 1%
Iêgo Bruno (PCB): 0%
Branco/Nulo – Vaga 1: 17%
Branco/Nulo – Vaga 2: 30%
Não sabem: 38%

A pesquisa foi encomendada pela TV Mirante. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

No levantamento anterior, feito de 20 a 22 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes: Edison Lobão (MDB): 27%; Sarney Filho (PV): 26%; Eliziane Gama (PPS): 17%; Zé Reinaldo (PSDB): 13%; Weverton Rocha (PDT): 11%; Alexandre Almeida (PSDB): 6%; Preta Lú (PSTU): 3%; Saulo Pinto (PSOL): 3%; Samuel Campelo (PSL): 2%; Saulo Arcangeli (PSTU): 2%; Iêgo Brunno (PCB): 1%; Brancos/nulos – vaga 1: 20%; Brancos/nulos – vaga 2: 31%; Não sabem: 37%.

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos.
Quem foi ouvido: 1008 eleitores.
Quando a pesquisa foi feita: Entre 16 e 19 de setembro.
Registro no TRE: MA-06667/2018.
Registro no TSE: BR‐07474/2018.
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado.

Leia no G1

sem comentário »

Filho de Jackson Lago critica chapa de Flávio Dino

6comentários

O médico Igor Lago, filho do ex-governador Jackson Lago (PDT) chamou atenção nas redes sociais para a chapa encabeçada pelo governador Flávio Dino para as eleições 2018.

Com nomes como os de Weverton Rocha, Eliziane Gama, Waldir Maranhão, Márcio Jerry, Carlos Brandão, além de Flávio Dino, o filho de Jackson classificou a chapa de “carga pesada”.

“Ë um caminhão carga pesada ou não?”, perguntou Igor Lago.

Foto: Reprodução/ Facebook

6 comentários »

Eliziane participa de ato no São Bernardo

0comentário

Candidata  Eliziane Gama é recebida com grande festa no São Bernardo

Candidata Eliziane Gama (PPS) é recebida com grande festa no bairro do São Bernardo

A candidata Eliziane Gama (PPS), da coligação São Luís de Verdade, promoveu nesta quarta-feira (24)  uma grande ato popular de sua campanha, no bairro São Bernardo, capital maranhense. Durante a atividade, a candidata fez questão de reafirmar seu compromisso de realizar uma gestão “pautada nas pessoas”.

Em discurso, a candidata destacou a importância da promoção de atos voltados para a participação popular. “É importante ouvir as pessoas e sentir delas a confiança em nosso projeto, em nossas ações. O povo sabe do nosso compromisso de luta e tem o desejo de fazer uma São Luís melhor”, destacou.

Ainda durante o ato, a candidata demonstrou confiança na vitória nas urnas. Para ela, a demonstração – com êxito – de atos populares representa o sucesso da campanha. “Estamos no caminho certo e rumo à vitória. Foi uma festa linda, em que as pessoas tinham gosto de estar e que durou até o início da noite como prova de que estamos no caminho certo”, declarou a candidata.

Já o candidato a vice, José Joaquim, disse que é fundamental estar presente nas comunidades de São Luís, especialmente às mais carentes. “Até para ouvir a população e saber dela das suas necessidades. A campanha ocorre de forma limpa e justa, sem apelos e focada na participação das pessoas”, disse.

Na sexta-feira (26), a partir das 16h, haverá novo ato público da candidata em São Luís, como parte das ações da campanha. Eliziane promoverá a Caminhada pela Paz, na Rua Grande.

Foto: Divulgação/ Assessoria

sem comentário »