Penha reforça combate à violência contra mulher

1comentário

O vereador Raimundo Penha (PDT) visitou, nesta terça-feira (28), a Casa da Mulher Brasileira, cuja sede está localizada no bairro do Jaracati. O parlamentar acompanhou a primeira-dama de São Luís, Camila Braga. Eles foram recebidos pelas coordenadoras do órgão e representantes de instituições que mantém serviços na mesma.

Após conhecer o funcionamento da Casa, Penha informou a liberação de cinquenta mil reais oriundos de recursos de emenda parlamentar de sua autoria, que serão investidos em atividades desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (SEMUSC) dentro do órgão. “Esses recursos vão reforçar as ações da prefeitura na Casa da Mulher. Proteger nossas mulheres e combater todas as formas de violência é um dever de todos nós”, disse o parlamentar.

Inaugurada em 2017, a Casa da Mulher Brasileira é mantida pelos governos do estado e federal. A unidade, que funciona 24h durante toda a semana, reúne diversos órgãos e entidades de referência do Município, Estado, Justiça e Sociedade Civil Organizada.

A Casa da Mulher Brasileira conta com atendimento humanizado com salas de acolhimento, recepção, abrigo de passagem com alojamentos, brinquedoteca e demais dependências. Atende casos de violência doméstica familiar, casos de estupro e faz encaminhamento aos órgãos de referência.

Promove, ainda, ações de geração de emprego e renda, a partir dos serviços do Sine Mulher – primeiro do Brasil – coordenado pelo governo estadual.
A Patrulha da Mulher, programa coordenado pela Polícia Militar, é outro serviço disponível na estrutura da Casa. O equipamento garante maior efetividade da Lei Maria da Penha e cumprimento de ações como medidas protetivas, acompanhamento, encaminhamento, visitação e acolhimento da mulher.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Governistas rejeitaram R$ 5 mi para combater chuva

0comentário

Prejudicando centenas de pessoas neste período de chuvas que se inicia, a bancada do governo comunista, por unanimidade, votou contra a Emenda nº 227, de autoria do deputado estadual Adriano Sarney (PV), ao Projeto de Lei Orçamentária (PLOA 2019), votado na semana passada na Assembleia Legislativa, que destinava R$ 5 milhões para a cidade de São Luís. Os recursos seriam aplicados em obras de manutenção e prevenção aos efeitos danosos das chuvas, como alagamentos e deslizamentos.

Adriano explicou que os recursos para o município de São Luís seriam realocados da Secretaria de Governo (Segov), cuja previsão orçamentária para 2019 é de mais de R$ 70 milhões.

“É nosso dever discutir a melhor forma de aplicação das reservas e das finanças do Estado. Portanto, analisei o orçamento e percebi este absurdo que é uma secretaria estadual, que na prática tem servido para o governo defender seus interesses políticos, tenha uma fatia tão gorda do orçamento estadual, enquanto áreas prioritárias para o cidadão de bem fiquem à míngua, como é o caso de ações de combate aos efeitos danosos das chuvas”, disse.

Foto: Elias Auê

sem comentário »

Prefeitura promove combate ao Aedes aegypti

0comentário

Com o objetivo de intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti por toda a cidade, a Prefeitura de São Luís realizou neste sábado (14) uma série de atividades integradas no bairro Vinhais. O trabalho, que segue orientação do prefeito Edivaldo, incluiu visitas domiciliares, atividades educativas, vistorias em estabelecimentos comerciais e serviços de limpeza por todo o bairro.

O Vinhais foi o primeiro bairro a receber as ações de combate ao mosquito que se estenderão por outros bairros da capital. A ação de combate ao Aedes aegypti reúne diversas secretarias e órgãos municipais que estão desenvolvendo ações integradas.

A Prefeitura de São Luís tem investido no combate ao mosquito em prol da saúde pública. O trabalho acontece durante todo o ano e é intensificado no período de chuva. “Nossa gestão está mobilizada e integrada para, juntos, executarmos essa grande ação por toda a cidade. Nosso objetivo é promover melhorias na saúde pública, beneficiando os cidadãos ludovicenses. Muito já realizamos e vamos avançar ainda mais”, destacou o gestor municipal.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, destacou a importância desta ação e a necessidade da manutenção dos serviços executados. ”

Os serviços de limpeza no Vinhais são constantes, assim como em toda a cidade. A coleta domiciliar é feita de forma regular. Neste sábado, seguindo orientação do prefeito Edivaldo, estamos ações concentradas no bairro do Vinhais. Agora, cabe aos moradores manterem seus quintais e calçadas limpos, não acumulando objetos que possam acumular água e descartando de forma correta seus resíduos domiciliares”, disse.

Foto: Douglas Jr.

sem comentário »

Prefeitura intensifica combate ao Aedes aegypti

0comentário

Com o objetivo de intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti por toda a cidade, a Prefeitura de São Luís está realizado até sábado (14) uma série de atividades integradas no bairro Vinhais. O trabalho, que segue orientação do prefeito Edivaldo, inclui visitas domiciliares, atividades educativas, vistorias em estabelecimentos e serviços de limpeza por todo o bairro. A ação, que integra as diretrizes do Programa Municipal de Controle da Dengue e Arboviroses, da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), se estenderá para outros bairros da capital.

O secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, ressalta que a ação é estratégia incentivada pelo prefeito Edivaldo para o combate ao mosquito transmissor de doenças como dengue, zika e chikungunya. “Com a intensificação das chuvas é indispensável reforçar a prevenção contra a dengue com o controle epidemiológico feito pelos agentes. Queremos também sensibilizar a população sobre a necessidade de tomar medidas preventivas. O trabalho conjunto é a forma mais eficiente de combater o mosquito”, conta.

No Vinhais, cerca de 30 agentes de saúde trabalham com a meta de visitar 2,3 mil residências em 80 quarteirões do bairro. Também estão sendo realizadas ações do programa Selo Legal em estabelecimentos como borracharias e ferros velhos, que são orientados, fiscalizados e recebem o Selo Legal, quando adotam as determinações sanitárias para evitar a proliferação do Aedes. O bairro receberá, ainda, a nebulização espacial com o fumacê, a coleta de bagulhos volumosos, ações de educação em saúde nas escolas e limpeza de áreas com capina e poda de árvores.

Outros bairros da capital receberão a ação. Nas próximas semanas, a atividade será realizada no Planalto Vinhais e no Cohafuma. O trabalho prioriza regiões que apresentaram maior índice no Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa)

Os serviços de limpeza também serão intensificados no Vinhais durante a campanha de combate ao mosquito Aedes aegypti. No sábado (14), serão concentrados serviços de capina e roçagem, remoção manual e mecanizada. Também serão recolhidos resíduos volumosos, como eletrodomésticos que não funcionam, pneus, móveis velhos, entulhos entre outros.

Foto: Fabrício Cunha

sem comentário »

Honorato destaca combate ao feminicídio

0comentário


Em pronunciamento nesta segunda-feira (5), na tribuna da Câmara Municipal de São Luís, o vereador Honorato Fernandes (PT) alertou os demais vereadores da Casa para a necessidade de discutir políticas públicas e ações de proteção às mulheres. Destacou ainda algumas ações do Governo do Estado, bem como as parcerias com a Prefeitura de São Luís e o saldo positivo das mesmas.

Iniciando o pronunciamento, o parlamentar ressaltou que o dia 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, infelizmente, não deve ser um dia dedicado apenas a comemorações, mas, que a data sirva de reflexão, no que diz respeito às ações de combate a violência doméstica e ao feminicídio.

“Espero que este ano nossa homenagem às mulheres não se limite a entrega de flores, mas que nós possamos agir de modo a não permitir mais a violência praticada contra elas”, disse o vereador, que prosseguiu destacando alguns índices alarmantes, que hoje situam o Maranhão como o Estado onde mais morrem mulheres assassinadas no Brasil, segundo o atlas da violência, do Instituto de Pesquisas Econômicas e Aplicadas (IPEA).

“Precisamos questionar a razão de alguns índices alarmantes que apontam, por exemplo, que, a cada 11 minutos, uma mulher é estuprada no nosso país; a cada duas horas, uma mulher é assassinada; a cada hora, 503 mulheres são vítimas de agressão. Tristes estatísticas, nas quais as mulheres brasileiras estão inseridas”, afirmou Honorato.

(mais…)

sem comentário »

Prefeitura intensifica combate ao Aedes

0comentário

A Prefeitura de São Luís está com todo o seu efetivo de agentes de endemias nas ruas da capital para intensificar o trabalho preventivo de combate ao mosquito Aedes aegypti, visando reduzir ainda mais os casos das doenças transmitidas pelo inseto, principalmente durante o período chuvoso. Para isto, mais de 300 agentes estão fazendo diariamente visitas domiciliares nos sete distritos de saúde da cidade.

As ações preventivas realizadas pelos agentes de endemias consistem no trabalho de tratamento dos depósitos vulneráveis à proliferação do Aedes aegypti, inspeção aos locais suscetíveis à criação do mosquito, colocação de hipoclorito de sódio em depósitos de água, entre outras ações. Além de atividades educativas para orientar a população sobre como combater a infestação do mosquito e se proteger das doenças transmitidas pelo inseto, entre elas dengue, febre chikungunya e zyka vírus.

O resultado positivo do trabalho de prevenção realizado pela Prefeitura de São Luís pôde ser verificado no último boletim epidemiológico concluído pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus) que aponta uma redução significativa no número de casos de dengue na capital, em 2107, em comparação ao ano anterior. Em 2016, foram registrados 4.749 casos; já no ano passado esse número caiu para 958 casos notificados, uma queda de aproximadamente 80%, uma demonstração do compromisso do prefeito Edivaldo com a área da saúde

“Esse é um trabalho que realizamos o ano inteiro, mas que intensificamos próximo e durante o periodo de chuva com visitas a imóveis, ferro-velho e borracharia. O objetivo da ação é identificar possíveis criadouros”. disse o secretário da Semus, Lula Fylho.

A superintendente de Vigilância Epidemiológica e Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), Terezinha Lobo, destacou que a Prefeitura segue trabalhando em ações efetivas e intensivas de combate ao mosquito. “Os bairros recebem continuamente atividades emergenciais no período de sazonalidade, que vai de janeiro a junho, mais propício à proliferação das doenças causadas pelo Aedes, e também ações de rotina durante o ano todo”, observou.

Foto: A. Baeta

sem comentário »

Caminhada marca combate ao feminicídio

0comentário

O encerramento das atividades da campanha “Maria da Penha em Ação”, em 2017, foi realizado na manhã desta sexta-feira (24), com uma caminhada pelo Centro de São Luís. Centenas de estudantes, das escolas da rede estadual existentes na capital, participaram da ação, além de professores e gestores da área. Também acompanharam o ato autoridades do Ministério Público do Maranhão, do Executivo estadual e representantes da sociedade civil organizada.

Neste ano, a caminhada teve como tema o combate ao feminicídio e fez alusão à campanha internacional “16 dias de ativismo no combate à violência contra a mulher”.

Esta foi a sexta edição da campanha e da passeata que teve como ponto de partida a área em frente à Biblioteca Pública Benedito Leite, na Praça Deodoro. Depois, atravessou toda a Rua Grande, a principal via comercial da cidade, tendo encerrado as atividades no Largo do Carmo.

Durante toda a ação, animada pela Banda do Bom Menino, estudantes carregaram faixas com mensagens sobre o tema e gritaram palavras de ordem. Autoridades e gestores também se manifestaram sobre o tema.

Idealizada pela promotora de justiça Selma Regina Souza Martins, a campanha é promovida pelas Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher de São Luís junto às redes públicas de ensino, com os objetivos de conscientizar os jovens sobre o problema, estimular a denúncia e prevenir a violência contra mulher.

Além de Selma Martins, participaram do ato os promotores de justiça José Augusto Cutrim Gomes (de Defesa do Idoso de São Luís), Gilberto Câmara França Júnior ( vice-presidente da Associação do Ministério Público do Maranhão – Ampem e titular da 12ª Promotoria de Substituição Plena) e Sandra Soares de Pontes (Assessoria Especial da PGJ). 

(mais…)

sem comentário »

Prefeitura intensifica combate ao aedes

0comentário

Até sexta-feira (29), os bairros São Francisco e Ilhinha recebem uma grande ação de limpeza urbana realizada pela Prefeitura de São Luís com o objetivo de combater o mosquito Aedes aegypti, intensificando as ações de coleta de resíduos que já é feita diariamente nestes locais. Durante o “bota fora”, que começou nesta terça-feira (27), os agentes de controle de arboviroses visitam ruas e avenidas dos bairros com atividades de nebulização espacial com o carro fumacê, visitas às residências para a coleta de resíduos volumosos e colocação do “Selo Legal” em estabelecimentos comerciais como borracharias, ferros-velhos e oficinas que estão seguindo as recomendações de prevenção.

O trabalho segue determinação do prefeito Edivaldo e está sendo coordenado pela Secretaria Municipal de Saúde por meio da Superintendência Municipal de Vigilância Epidemiológica e Sanitária com o apoio do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. A ação tem o objetivo de combater as chamadas arboviroses, que são doenças transmitidas por insetos, como a dengue, febre chikungunya e zika vírus, e educar a população sobre o descarte correto de resíduos sólidos.

No primeiro dia da ação o principal alvo das equipes foram as borracharias. “Estamos voltando a estes estabelecimentos para verificar se eles fizeram as adequações que pedimos durante nossa visita na última ação realizada nesta área da cidade”, informou o coordenador municipal de Controle às Arboviroses, Pedro Tavares.

Pneus podem se tornar criadouros do mosquito Aedes aegypti, que transmite dengue, febre chikungunya e zika vírus. Alguns deles acabam sendo descartados em terrenos baldios que foram limpos por equipes de remoção mecanizada da Prefeitura. “Todo ponto de descarte irregular de resíduos representa riscos à saúde pública porque favorece a proliferação de insetos e outros animais transmissores de doenças”, destacou a presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Estrela.

Ao longo dos três dias, será feito o recolhimento porta a porta de resíduos volumosos – móveis velhos como sofás e colchões, aparelhos como TVs, restos de capina e poda domésticas e de material de construção. A população deve colocar estes resíduos do lado de fora de suas casas para que sejam recolhidos.

Os bairros São Francisco e Ilhinha somam cerca de 6 mil domicílios e mais de 20 mil moradores. A Avenida Ferreira Gular, na Ilhinha, tem pontos de descarte irregular de resíduos sólidos, apesar da coleta ser diária e realizada duas vezes ao dia na localidade.

Foto: Maurício Alexandre

sem comentário »