Adriano decide apoiar reeleição de Othelino

0comentário

O deputado Adriano Sarney (PV) decidiu apoiar o deputado Othelino Neto (PCdoB) que busca a reeleição para a presidência da Assembleia Legislativa.

Adriano esteve reunido com Othelino e ouviu dele a garantia de que o papel da oposição no Maranhão será garantido no novo mandato.

“Apoio a reeleição do deputado Othelino Neto para presidente da Casa. Seu compromisso foi continuar respeitando o papel da oposição no Maranhão”, disse nas redes sociais.

Além de Adriano Sarney, os deputados Pará Figueiredo (PSL), Edson Araújo (PSB), Rildo Amaral (Solidariedade), Ana do Gás (PCdoB), Wellington do Curso (PSDB)  e Zé Gentil (PRB), também garantiram apoio à reeleição de Othelino.

O mesmo caminho deverá tomar o PDT que elegeu sete deputados e tem a maior bancada na Assembleia Legislativa.

Dessa forma, Othelino deverá ter uma reeleição bem tranquila.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Adriano Sarney defende voto em Bolsonaro

7comentários

O deputado Adriano Sarney (PV) reeleito para mais um mandato na Assembleia Legislativa com a 8ª melhor votação (50.679 votos) defendeu, na Tribuna, voto no candidato Jair Bolsonaro (PSL), no 2º turno da eleição para a presidência da República.

Adriano disse não concordar com muitas ideias de Bolsonaro, mas que assim como o candidato do PSL quer barrar o comunismo na América Latina.

“Em primeiro lugar quero agradecer os os 50 votos de confiança do povo do Maranhão, sendo assim, o deputado de Oposição mais votado e isso me trás um senso de responsabilidade muito grande. Como deputado estadual ficarei aqui, por mais quatro anos sendo combatente.Tenho a obrigação de ter um lado na disputa presidencial e esse lado é contra o PCdoB é contra o comunismo, então passo a apoiar a partir de hoje o movimento apartidário pró Bulsonaro juntos com os meus correligionários mesmo sem concordar com todas as ideias do Bolsonaro existe algo em comum entre os nossos projetos que é barrar o comunismo na América Latina, tendo em vista que a candidata a vice presidente do candidato a presidente do governador Flávio Dino é do seu partido, o PCdoB, o Partido Comunista do Brasil. No mais, apoio a proposta do Bolsonaro de ter o 13º salário aos beneficiários do Bolsa Família, de fortalezer a segurança pública, de ter um ensino de qualidade para as nossas crianças, enfim de unir o Brasil novamente”, afirmou.

O parlamentar destacou outras propostas do candidato do PSL que tem o seu apoio e disse que a partir de hoje passa a integrar os movimentos pró Bolsonaro.

Poderia me omitir neste momento. Seria muito fácil ficar em cima do muro, seria muito fácil não ter uma posição, mas como sempre fui combativo nesta casa, com coragem, altivez, com a cabeça erguida, venho aqui dizer que tenho um lado, uma posição e a minha posição é contra o comunismo é a favor do Brasil, a favor do Maranhão. A partid e hoje ntegrarei todas as fileiras em prol do candidato Bolsonaro, lugar este que ele teve uma votação inferior ao seu oponente e necessitará do apoio de um grupo político que é o segundo maior grupo político do Maranhão, a segunda maior força política do estado do Maranhão.

Ao final do seu pronunciamento, Adriano desejou boa sorte ao governador Flávio Dino, aos senadores e deputados que foram eleitos.

“Falo por mim, deputado Adriano Sarney, não pelos nossos candidatos na majoritária, mas falo por mim e pela luta que continuarei a travar no estado do Maranhão. Gostaria de dizer que sempre estarei ao lado do povo do Maranhão. Desejar uma boa sorte ao governador, aos senadores e deputados que foram eleitos e que Deus abençôe o nosso Maranhão, o nosso Brasil”, finalizou.

Foto: Elias Auê

7 comentários »

‘Sarney Filho é um político correto’, diz Sarney

4comentários

“Eu tenho orgulho de você; tenho orgulho de que seja ficha limpa”, declarou o ex-presidente José Sarney em um caloroso discurso de apoio à Sarney Filho, que disputa uma vaga no Senado Federal nas eleições deste ano. A declaração foi feita durante um almoço realizado por Filho para familiares e amigos, na tarde de hoje (1º).

“Zequinha é um político correto e que se baseia por sua consciência. Lembro-me bem de quando eu era presidente de um partido que apoiava o regime autoritário e ele decidiu, na época, votar pelas eleições diretas. Ele é uma das maiores autoridades do Meio Ambiente do Brasil e do mundo pela competência, não por ser meu filho”, discursou o ex-presidente.

No encontro, estiveram presentes, também, os candidatos a deputado estadual Adriano Sarney; e a deputados federais, Tinchão e Edilazio Júnior. Todos deixaram seus votos de sucesso na caminhada de Sarney Filho até o Senado Federal nessa reta final de campanha.

Em agradecimento, emocionado, o candidato ao Senado disse aos presentes que esse é um momento de fazer o Maranhão voltar a crescer. “Eu não preciso dizer do que já fiz e que sou ficha limpa, já que isso é do conhecimento de todos. Mas quero reafirmar meu compromisso, nessa reta final, de que estaremos juntos lutando por o Maranhão melhor para todos”, concluiu.

Foto: Divulgação

4 comentários »

Desafio aceito

0comentário

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) aceitou o desafio da deputada federal Eliziane Gama, candidata ao Senado pelo PPS, e disse na sexta-feira, 21, algumas verdades à parlamentar.

Gama tem reclamado de ataques à sua família em meio à disputa eleitoral. E acusa, também em vídeo disparado nas redes, o grupo Sarney de orquestrar a ofensiva – a tese dela lastreia-se no fato de O Estado, baseado em fatos, ter revelado que o marido dela, Inácio Cavalcanti, possui três CPFs.

A deputada acusou o jornal de mentir sobre o caso e desafiou os adversários a debaterem diretamente com ela.

Em resposta, o deputado Adriano Sarney também gravou um vídeo. Disse que a família Sarney não tem nada a ver com o fato de o companheiro da deputada ter três CPFs e pediu que ela prove que a denúncia não é verdadeira.

“Prove isso e o debate está finalizado”, declarou.

Ele também disse estranhar os ataques atuais de Elziane contra os Sarney, depois de o grupo ter-lhe apoiado na eleição para a Prefeitura de São Luís, em 2016.

“Nós estivemos juntos na tua campanha para prefeita. Você pediu o meu apoio, o apoio do meu partido, e nós lhe apoiamos, porque nós acreditamos na mulher na política”, afirmou.

E Eliziane calou-se.

Estado maior

sem comentário »

Projeto prevê devolução de veículos apreendidos

0comentário

Tramita na Assembleia Legislativa, desde segunda-feira (10), o Projeto de Lei nº 203/2018, de autoria do deputado Adriano Sarney (PV), que determina a devolução dos veículos apreendidos ou retidos por falta de pagamento do IPVA.

O projeto garante a devolução dos veículos apreendidos ou retidos sem ônus ao contrinuinte.

“Fica determinada a devolução, sem ônus ao contribuínte, dos veículos apreendidos ou retidos por autoridade de trânsito em blitizen em função da não comprovação do pagamento de Imposto sobre a Propriedade de Veículos automotores – IPVA – do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por veículos automotores de via terrestre – DPVAT e licenciamento”.

Segundo o projeto, a devolução dos veículos apreendidos ou retidos não provocará nenhum prejuízo à arrecadação do Estado.

“A devolução de que trata esta Lei não prejudicará ou cessará quaisquer outros meios de cobrança da dívida ativa do contribuinte com a hasta pública, podendo sua cobrança ser realizada por meio judicial ou extrajudicialmente na forma que dispuser a legislação”.

sem comentário »

Adriano mostra força no interior do Maranhão

0comentário

A campanha de Adriano Sarney (PV) a deputado estadual está cada dia mais fortalecida pelo interior do Maranhão. Nesta semana, ele percorreu várias cidades, conversou com a população e com importantes lideranças de cada município, como Axixá, Newton Belo, Paulino Neves, Bom Jardim, Rosário, Urbano Santos, Centro Novo, Barreirinhas, Itapecuru-Mirim, Araguanã e Maracaçumé. Neste último, foi realizado um grande comício reunindo milhares de pessoas da região.

“Nós cuidamos do Maranhão com muita responsabilidade. Foram centenas de obras estruturantes e milhares de outras ações executadas pelo interior do Estado e que até hoje estão beneficiando a nossa população. Hoje, o povo do Maranhão está sofrendo com esta péssima administração do governo comunista. O pequeno empresário e o comerciante em geral reclamam do aumento abusivo de impostos; a apreensão absurda e massiva de motocicletas e automóveis, prejudicando milhares de famílias; enfim, precisamos retomar o crescimento do nosso Estado, com um governo forte e trabalhador; e, na Assembleia, vou continuar lutando pelos interesses do nosso povo”, declarou Adriano.

O candidato do PV à Assembleia Legislativa destacou também as dificuldades que as pessoas de baixa renda enfrentam hoje em dia sem os benefícios sociais como Viva Luz e Viva Água, extintos pelo atual governo. Adriano afirmou que é preciso melhorar os índices sociais, que caíram muito nos últimos três anos, por falta de investimento em obras e ações essenciais, estruturantes, voltadas para a melhoria da para saúde, educação e desenvolvimento econômico.

Adriano Sarney é candidato do PV a deputado estadual, número 43.123. O seu partido integra a coligação O Maranhão Quer Mais (MDB, PSD, PMB, PV, PRP, PSC), que tem como candidata ao governo do Maranhão Roseana Sarney (MDB-15) e para o Senado os candidatos Sarney Filho (PV-432) e Edison Lobão (MDB-150).

Foto: Divulgação

sem comentário »

Adriano reafirma que Flávio Dino é inelegível

0comentário

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) ressaltou, nesta terça-feira (14), na Assembleia Legislativa, que o governador Flávio Dino (PCdoB) é inelegível e que esta é a decisão judicial vigente, embora o desejo da base comunista no plenário seja contrário. O parlamentar também denunciou a avalanche de fake process, termo cunhado pelo advogado Marco Lobo, referindo-se a ações judiciais inconsistentes, impetradas pelos comunistas contra adversários políticos de Dino, que têm como objetivo conturbar o processo eleitoral.

“Assisto frequentemente os comunistas falarem que a oposição ao governador Flávio Dino quer ganhar no tapetão (na Justiça). E isto me deixa muito perplexo, pois tem sido constante as representações judiciais interpostas pelos comunistas contra todos nós, da oposição. Estas ações são oriundas do escritório de Carlos Lula, que é advogado e também é secretário do governador Flávio Dino. É de lá que vem as fake process”, explicou Adriano.

Ainda em discurso na tribuna, Adriano ressaltou a inelegibilidade do governador comunista, com base na decisão da juíza eleitoral de Coroatá (MA), Anelise Nogueira Reginato, que determinou a inelegibilidade por oito anos do governador do Maranhão, Flavio Dino (PC do B), por abuso do poder econômico nas eleições municipais de 2016.

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Deputados criticam resultado de sindicância

1comentário

Os deputados oposicionistas Adriano Sarney (PV) e Andrea Murad (PRP) comentaram, ontem, o resultado da apuração da Polícia Militar do Maranhão (PMMA) para o escândalo de espionagem envolvendo a corporação.

Eles criticaram a conclusão da sindicância, que responsabilizou oficiais da PMMA, mas poupou o comando da instituição.

“Essa versão é a mais conveniente para o governo, mas todos sabem que não aconteceu dessa forma. Sabemos que o Coronel Heron é pau mandado do Rubens Pereira, pai do deputado Rubens Jr, do PCdoB, e sabemos também que tudo isso foi a mando de Flávio Dino e do comando da PMMA”, disse a parlamentar do PRP.

Para Adriano, a sindicância acabou confirmando que a prática de “fichar” adversários foi uma novidade implantada pelos comunistas.

“A sindicância comprovou que esta prática é inédita no Maranhão e que a ordem veio de fora do comando, mas foi prontamente executada. Isto demonstra a perseguição e a desorganização vigente no governo comunista”, destacou.

Andrea Murad anunciou que formalizou um pedido para ter acesso ao inteiro teor da conclusão da sindicância e que seguirá cobrando posicionamento do Ministério Público do Maranhão e da Procuradoria Regional Eleitoral no Maranhão.

“Percebo que estão jogando toda a culpa nos policiais que apenas cumpriram ordens e por isso deverão sofrer as consequências, por via de regra, serão responsabilizados pelo regime disciplinar, no âmbito administrativo, por improbidade, por abuso eleitoral e até criminalmente. E vou continuar cobrando do Ministério Publico Estadual, da Procuradoria da República e do Ministério Público Eleitoral que investiguem o caso”, completou.

O Estado

1 comentário »

‘Governo está quebrando as finanças’, alerta Adriano

1comentário

O deputado estadual Adriano Sarney (PV), faltando poucos dias para a Assembleia Legislativa entrar em recesso de meio de ano, envidou mais uma luta pela aprovação do requerimento número 334/2018, de sua autoria, que solicita informações do Governo do Estado sobre a real situação do Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria (FEPA). O deputado vem alertando há tempos para a manobra sistemática do governo de não prestar esclarecimentos ao povo sobre o rombo nas finanças públicas e previdenciárias.

“Alertei na semana passada, assim como venho alertando desde o início do meu mandato, que o governo comunista vem consumindo os investimentos do fundo dos aposentados (FEPA) para pagar os benefícios, quando deveria buscar no tesouro estadual os recursos para sanar o déficit na previdência. Os recursos financeiros do FEPA eram de cerca de R$ 1,1 bilhão de saldo ao final de 2016, que reduziu para R$ 665 milhões ao final de 2017 e pode terminar este ano com menos de R$ 200 milhões, devido ao saque de R$ 400 milhões em aplicações financeiras do FEPA no Banco do Brasil”, alerta Adriano Sarney.

\Adriano ainda alertou para os ativos imobiliários do FEPA, ou seja, prédios e propriedades como o Sítio Santa Eulália, avaliados em cerca de R$ 2,1 bilhões, que também correm risco de serem negociados (vendidos) pelo governo.

Em consequência, o parlamentar requereu ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Gestão e Previdência (SEGEP), do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (IPREV), informações completas sobre a situação da previdência e dos fundos previdenciários do Estado do Maranhão.

Foto: Agência Assembleia

1 comentário »

‘Flávio Dino está acabando com Fepa’, alerta Adriano

1comentário

O deputado estadual Adriano Sarney (PV) afirmou nesta quinta-feira (5), na Assembleia Legislativa, que o governo Flávio Dino (PCdoB) está quebrando o Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria (FEPA), cujos ativos financeiros sofreram uma baixa extremamente volumosa nos últimos anos, pois tinha cerca de R$ 1,1 bilhão de saldo ao final de 2016, reduziu para R$ 665 milhões ao final de 2017 e pode terminar este ano com menos de R$ 200 milhões.

“Desde o início do meu mandato eu venho alertando sobre as ações irresponsáveis deste governo em relação às finanças do Estado e ao futuro dos servidores públicos estaduais, aposentados e pensionistas. Demonstrei com relatórios oficiais que o governo comunista está quebrando o FEPA”, declarou o parlamentar.

Adriano ainda alertou para os ativos imobiliários do FEPA, ou seja, prédios e propriedades como o Sítio Santa Eulália, avaliados em cerca de R$ 2,1 bilhões, que também correm risco de serem negociados (vendidos) pelo governo. Em consequência, o parlamentar requereu ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Gestão e Previdência (SEGEP), do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (IPREV), informações completas sobre a situação da previdência e dos fundos previdenciários do Estado do Maranhão.

O requerimento de número 334/2018, de autoria de Adriano, foi indeferido pela Mesa, mas o parlamentar considerou a decisão arbitrária e recorreu ao plenário, que deverá votá-lo na próxima sessão.

1 comentário »