Sampaio perde na despedida da Série B

3comentários

O Sampaio se despediu do Campeonato Brasileiro Série B com derrota em Criciúma.

O time maranhense perdeu por 2 a 0. Os gols do Criciúma foram marcado por Zé Carlos e Elvis, no segundo tempo.

Com o resultado, o Sampaio que já estava rebaixado para a Série C, encerra a participacão na competição com 38 pontos e na décima oitava colocação.

O Sampaio tem 10 vitórias, oito empates e 20 derrotas. O time marcou 32 gols e levou 47. O aproveitamento foi de apenas 33%.

Além do Sampaio, foram rebaixados o Paysandu-PA, Juventude-RS e Boa Esporte-MG.

Conquistaram o acesso, além de Fortaleza-CE e Goiás-GO, o CSA-AL e o Avaí-SC.

Foto: Reprodução

3 comentários »

Veja as chances de rebaixamento nas Séries A e B

0comentário

Faltando apenas duas rodadas para o término da Série A, o Blog Infobola projeta que 8 equipes lutam contra o rebaixamento para a Série B.

Apenas o Paraná já está rebaixado e não tem mais qualquer possibilidade de se livrar da degola.

As maiores chances de rebaixamento são do Vitória-BA 98%, América-MG 87% e Sport-PE 73%. A Chapecoense-SC que a primeira equipe fora do Z4 tem 31% de chance de queda.

Dois cariocas ainda podem cair Vasco e Fluminense tem cada um 4% de chance de queda e são seguidos pelo Ceará-CE com 3%. O Corinthians-SP está praticamente livre e aparece com apenas 1% de chance de queda.

Na Série B, o Paysandu tem 63% de chance de queda, seguido pelo Criciúma-SC 18%, Oeste 15%, CRB-AL 3% e Figueirense-SC 1%. Boa esporte-MG, Juventude-SC e Sampaio-MA já estão rebaixados para a Série C em 2019.

Em relação ao acesso à Série A, Fortaleza-CE e Goiás-GO já estão de volta à elite. O Avaí tem 90% de chance de se juntar a esse grupo. A Ponte Preta-SP tem 65% e o CSA-AL 45%. Falta apenas uma rodada para o término da Série B.

Foto: Reprodução/InfoBola

sem comentário »

Sampaio deve perder seus principais jogadores

4comentários

O Sampaio deverá perder seus principais jogadores com o rebaixamento para a Série C. A maioria dos atletas do atual elenco não deverá renovar contrato com o clube que sofrerá uma profunda reformulação.

Tudo isso por conta da perda de patrocínio da ordem de R$ 7,5 milhões oriundos do patrocínio da CBF de R$ 6 milhoes e da Caixa Econômica Federal de R$ 1,5 milhões.

Além de perder os seus principais jogadores, o Sampaio terá que buscar no mercado jogadores com salários mais baixo e olhar para o mercado local, principalmente porque a maioria dos jogadores trazidos de fora não tem lá muito futebol do que os que encontramos nos campos de futebol no Maranhão.

Principal destaque do Sampaio na temporada, o meia Fernando Sobral (foto) tem proposta de outras equipes e até já anda concedendo entrevistas em tom de despedida. Por tudo que fez nesta temporada, o Sampaio vai sentir muita falta de Sobral.

O goleiro Andrey também tem propostas de outras equipes e nem vai mais atuar pelo Sampaio neste restante de Série B.

Depois de perder a condição de titular com a chegada do técnico Marcinho Guerreiro, o zagueiro e ex-capitão Maracás também deixará o Tricolor.

Outro jogador que não deve ficar é o volante Adilson Goiano contratado em meio à Série B. A permanência de Diego Silva é outra dúvida.

O presidente Sérgio Frota só deve tratar sobre quem fica e quem sai no Sampaio, a partir da próxima semana quando o Sampaio encerra a sua participação na 2ª divisão.

Foto: Lucas Almeida

4 comentários »

Sérgio Frota: culpa, trabalho e amor ao Sampaio

5comentários

Todo mundo sabe que a culpa do fracasso do Sampaio e do rebaixamento que é questão de jogos é toda do presidente do clube Sérgio Frota e ele não foge da sua responsabilidade.

Isso é normal em um time de futebol. Quando o time está ganhando aparece gente para tudo, principalmente para “puxar o saco”, mas quando está “debaixo de taca”, o culpado é um só.

Ou é o técnico que no geral é demitido ou o presidente do clube e no Sampaio não é diferente.

O torcedor pode e deve “chorar” o fracasso, mas não pode jamais deixar de reconhecer o passado recente. Nem vou falar que o Sampaio é outra equipe hoje e muito se deve à gestão, marcada sim por grandes conquistas e fracassos.

Não estou fazendo nenhuma defesa de Sérgio Frota. Ele é adulto e tem a capacidade de responder pelos seus atos e, portanto não precisa de nenhum jornalista para “tentar” defendê-lo. Não é esse o meu propósito, mas me sinto à vontade para falar sobre assunto após todos esses anos dedicados ao esporte no Maranhão.

No mesmo ano, o Sampaio foi do céu ao inferno com a conquista inédita da Copa Nordeste e o rebaixamento que se aproxima na Série B, mas isso pouco importa ao torcedor que gosta mesmo de valorizar o que de pior acontece. As desgraças aparecem mesmo mais do que as glórias!!!

Caiu???? Tudo bem isso é do futebol e no futebol você pode ganhar,  empatar ou perder. Temos que ter maturidade para entender isso.

E maturidade neste momento é o que precisam os torcedores, dirigentes e em especial o principal responsável que Sérgio Frota.

Digo isso após ter acesso a um áudio (antigo é verdade) de uma discussão que considero inócua entre Sérgio Frota e um torcedor. O áudio que ganhou repercussão nas redes sociais não leva à nada. Sérgio Frota e a torcida do Sampaio querem o melhor para o clube, mas nem sempre isso acontece.

Esse tipo de postura não vai mudar o que aconteceu, principalmente por parte do seu dirigente que deve ouvir sem ódio e sem gerar ainda mais problema para si.  Sérgio Frota deve ouvir as críticas com humildade e buscar aprender com os erros. O torcedor deve e pode fazer as suas críticas, mas sem agressões, deboche ou qualquer coisa desse tipo.

Será que Sérgio Frota errou porque quis prejudicar ou manchar a história do Sampaio exatamente pelas suas mãos? Não acredito nisso.

Errou sim… E digamos que jogou dinheiro fora com tantas contratações erradas, mas não fez de forma proposital.

Muito dizem que o Sampaio vai cair no ano em que mais teve recursos. Mas os recursos foram gerados pelas conquistas do próprio clube e não pelo torcedor que só vai ao estádio na “onda” dos grandes jogos. Mas muito dinheiro não significa tudo. Se fosse assim grandes clubes que já cairam na Série A não amargariam a vergonha do rebaixamento. É preciso boa gestão e bom planejamento e, infelizmente, neste ano, o Sampaio não teve.

O Sampaio é grande e vai saber se erguer em 2019. Com Sérgio Frota ou não, o Sampaio vai sair disso.

E finalmente para que eu não seja julgado como alguém que está escrevendo para “babar” Sérgio Frota, espero que o Sampaio e o seu presidente aprendam com os seus próprios erros e que dêem a volta por cima.

Para começar respeito, paciência e diálogo são valores fundamentais nessa caminhada que não vai ser fácil, mas que o Sampaio já trilhou outras vezes e soube sair vitorioso ao final.

Foto: Lucas Almeida

 

5 comentários »

Resultados da rodada complicam vida do Sampaio

5comentários

Os resultados dos jogos realizados nesta terça-Feira (6), pela 35ª rodada definitivamente complicaram ainda mais a situação do Sampaio na Série B.

Três equipes que lutam contra o rebaixamento mostraram ao Sampaio o que uma equipe que luta contra o rebaixamento deve fazer em jogos dentro de casa.

O Brasil de Pelotas goleou o Vila Nova por 5 a 0; o CRB bateu o Juventude por 2 a 0 e o Paysandu fez 4 a 3 sobre o Oeste.

Com estes resultados, o Sampaio já pode cair na próxima rodada que será no sábado, mesmo que venca o São Bento no Castelão.

Para isso, basta que o CRB empate com o Criciúma fora de casa. Com 41 pontos, o CRB chegará a 42 pontos em caso de empate e o Sampaio, mesma que vença os três jogos chegará apenas a 41 pontos.

A matemática do Sampaio é a seguinte. Tem que vencer seus três jogos e torcer por três derrotas do CRB. No caso do Paysandu pode até vencer um jogo, empatar outro e perder um e o Juventude pode vencer dois e empatar um.

Nestas combinações de resultados o Sampaio ainda poderá se salvar, pois as quatro equipes ficariam com 41 pontos, mas o Sampaio se salvaria pelo maior número de vitórias.

Pelo andar da carruagem, o Boa Esporte que já caiu ontem terá a companhia de Sampaio e Juventude. O último rebaixado deve ser conhecido nas últimas rodadas.

Foto: Reprodução

5 comentários »

Desesperado, Sampaio tem que vencer o Goiás

6comentários

O Sampaio joga hoje mais uma cartada decisiva no Campeonato Brasileiro Série B. O duelo será contra o Goiás, às 19h (horário local) em Goiânia.

Como tem sido nas três últimas rodadas quando foi derrotado, o time maranhense tem que vencer para continuar vivo em busca de um milagre na competição.

Com 32 pontos, o Sampaio tem que vencer o Goiás e os outros três jogos que ainda tem pela frente e torcer por uma combinações de resultados para se livrar do rebaixamento.

Mesmo que perca para o Goiás e o CRB vença o Juventude, em Maceió, o Sampaio ainda não cairá nesta rodada. Mas esta é uma hipótese que o Sampaio não pode nem imaginar deixar acontecer.

O Sampaio deve esquecer os outros resultados. Primeiro tem que fazer a sua obrigação que é vencer e depois aguardar pelos outros resultados para fazer as contas. É preciso mudar, arriscar, ir prá cima. Tem que pelo menos tentar.

É possível? É o que vamos ver quando a bola rolar….

Tudo sobre Goiás e Sampaio você acompanha pela Rádio Mirante AM.

Foto: Lucas Almeida

6 comentários »

Marcinho quer ‘esperar o que vai acontecer’

0comentário

O desânimo que tomou conta dos jogadores e da comissão técnica do Sampaio após a derrota por 3 a 2 para o CSA, em pleno Castelão é o reflexo do amargo rebaixamento que está por vir.

O Sampaio tem chances de escapar vencendo todos os quatro jogos que restam e torcendo por uma combinações de resultados, mas diria que ficou quase impossível diante de tanta passividade do time.

Marcinho não sabe mais o que dizer. Abatido, o treinador praticamente ‘jogou a toalha’ e prefere esperar o que vai acontecer.

Mas ora, acabou. É esperar por um milagre uma vez que dentro de campo o time não se mostra capaz de reagir.

“A gente fica triste porque foram três gols de vacilo e as coisas não andam. É lamentável a situação que a gente vive. Futebol precisa de concentração. Os caras estavam com um a menos e pegamos gol que não era para pegar. Mudo o time, treinamos e as coisas não andam. Agora é descansar e segunda-feira já tem jogo. Agora tem que trabalhar e esperar o que vai acontecer”, diz Marcinho.

Mas ainda é possível acreditar após três derrotas consecutivas e duas delas em casa?

“Eu tinha falado isso para os jogadores (que poderia cair com a derrota em casa). Perder um jogo dentro de casa é muito difícil, porque agora tem que partir para ganhar quatro, mas vamos trabalhar”, finalizou Marcinho.

Vamos então esperar para ver o que vai acontecer na segunda-feira (5), às 20h, contra o Goiás, em Goiânia.

Foto: Reprodução/TV Mirante

sem comentário »

Sampaio perde e fica perto do rebaixamento

7comentários

O Sampaio voltou a perder pelo Campeonato Brasileiro Série B. Mais uma vez no estádio Castelão, o time maranhense decepcionou e foi derrotado, de virada pelo CSA, por 3 a 2, neste Dia de Finados.

O time alagoano abriu o placar no primeiro tempo aproveitando uma falha do goleiro Andrey. Rafinha cobrou falta e o goleiro do Sampaio espalmou para a frente do gol para Celsinho fazer 1 a 0.

O Sampaio foi buscar a reação ainda no primeiro tempo e aos 43 minutos, Esquerdinha empatou o jogo. Dois minutos depois, Matheuszinho aproveitou cruzamento de Jheimy para colocar o Sampaio na frente 2 a 1.

No segundo tempo, o jogo estava equilibrado. O CSA buscava o empate até perder o zagueiro Leandro Sousa por contusào e ficar com apenas 10 jogadores em campo.

Com vantagem numérica, tudo levava a crer que o Sampaio ampliasse o placar, mas foi o CSA que reagiu.

Em outra falha de Andrey que cortou mal um cruzamento, Neto Berola aproveitou a sobra e empatou. Quase no fim do jogo, o mesmo Neto Berola marcaria o terceiro dos alagoanos.

Com a derrota, o Sampaio praticamente encaminhou o seu rebaixamento. Embora ainda tenha chance de se salvar caso vença os quatro jogos que restam diria que dificilmente o Sampaio escapa.

O Sampaio volta a jogar na próxima segunda-feira (5), às 20h, contra o Goiás, em Goiânia.

Foto: Lucas Almeida

7 comentários »

Situação do Sampaio se agrava após duas derrotas

0comentário

Se já não estava fácil, a missão do Sampaio no Campeonato Brasileiro ficou Ainda mais difícil após a segunda derrota consecutiva nas últimas rodadas.

No Tricolor, a expectativa era de vitória diante do Londrina em casa e pelo menos de um empate com o Juventude, mas as duas derrotas complicaram definitivamente a situação.

Restam ao Sampaio cinco jogos, sendo três em casa e dois fora. Desses, o Sampaio vai ter quer vencer quatro.

A situação é ainda pior se levarmos em conta que entre os adversários o Sampaio vai enfrentar CSA (casa) e Goiás (fora), das equipes que brigam pelo acesso.

Os outros três adversários são São Bento (casa), Boa Esporte (casa) e Criciúma (fora), este na última rodada.

Se vencer os quatro jogos que precisa, o Sampaio chegará a 44 pontos e se livrará do rebaixamento. Mas é bom lembrar que o time maranhense não depende apensa de si, pois terá que vencer os quatro jogos e torcer por tropeços de CRB, Juventude, Brasil e Paysandu.

Foto: Lucas Almeida

sem comentário »

Sampaio perde no Castelão e volta para o Z4

0comentário

Todo mundo sabia que não seria fácil a partida contra o Londrina e realmente não foi. A derrota em pleno Castelão, de virada, por 2 a 1, esfriou a reação e deixou o Sampaio novamente na Zona de Rebaixamento.

O Sampaio foi ultrapassado pelo CRB que venceu o Goiás e permanece com 32 pontos na Zona de Rebaixamento na décima sétima posição.

Faltando apenas seis rodadas para o término do Campeonato Brasileiro Série B, a matemática do Sampaio agora é a seguinte: com 18 pontos ainda a disputar, o Tricolor terá que buscar 12 pontos, no mínimo nas seis decisões que tem pela frente.

Com mais 12 pontos, o Sampaio chegará a 44 pontos e poderá ser salvar do rebaixamento.

Na sequência, os jogos do Sampaio são: Juventude (fora), CSA (casa), Goiás (fora), São Bento (casa), Boa Esporte (casa) e Criciúma (fora).

A pergunta é: ainda é possível se livra do rebaixamento. Ë claro que sim, mas não cabe mais nenhum vacilo em casa, pois terá que vencer os três jogos em casa e buscar outra fora.

O próximo desafio será contra o Juventude, na sexta-feira (26), às 20h30, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, numa luta direta contra o rebaixamento.

Foto: Reprodução

sem comentário »