Matemática nas última rodadas das Série A e B

0comentário

Faltando poucas rodadas para o término do Campeonato Brasileiro Séries A e B. Veja as chances de rebaixamento e acesso.

Segundo cálculos são do matemático Tristão Garcia, do site InfoBola apenas três equipes tem chance de título na Série A. Mais diria que o Flamengo Já é campeão. Alguem tem dúvida quanto ao título do Flamengo?

Flamengo – 97%
Palmeiras – 2%
Santos – 1%

Na briga contra o rebaixamento a situação está assim: Avaí e Chapecoense estão praticamente rebaixado. O CSA também agoniza.

Avaí – 99%
Chapecoense – 99%
CSA – 72%
Cruzeiro – 39%
Fluminense – 32%
Ceará – 31%
Fortaleza – 17%
Botafogo – 6%
Atlético-MG – 4%
Vasco – 1%

Na Série B, duas equipes estão bem próximas o acesso: Bragantino-SP e Sport-PE.

Bragantino – 99%
Sport – 93%
Atlético-GO – 57%
Coritiba – 56%
América-MG – 50%
Botafogo-SP – 12%
Paraná – 12%
CRB – 8%
Operário-PR – 8%
Ponte Preta – 2%
Cuiabá – 2%
Brasil de Pelotas – 1%

Perto do rebaixamento na Sèrie B, estão São Bento-SP e Criciúma-SC.

São Bento – 91%
Criciúma – 86%
Vila Nova-GO – 66%
Figueirense – 60%
Vitória – 39%
Oeste – 21%
Londrina – 18%
Guarani – 14%
Brasil de Pelotas – 3%
Cuiabá – 1%
Ponte Preta – 1%

Foto : Alexandre Vidal e Marcelo Cortes/Flamengo

sem comentário »

Sampaio segue com desmanche após acesso

0comentário

É preocupante o desmanche no time do Sampaio após o acesso à Série B e da decisão do Campeonato Brasileiro Série C.

Importantes jogadores na campanha não continuarão no clube em 2020. O último a anunciar a saída foi o volante Lucas Hulk que afirmou nas redes sociais que não houve interesse do Sampaio.

Antes já haviam saído Esquerdinha que vai para o Brasiliense, Rodrigo Andrade que acertou com o Botafogo-PB, Vitor Bafana e Andrey que está disputando a Série B pelo CRB-AL.

Vejam que o destino de Lucas Hulk deve ser a Lageadense-RS, onde está o ex-tecnico do Moto, Wallace Lemos e Esquerdinha para o Brasiliense, duas equipes que devem disputar a Série D.

A política financeira do Sampaio está totalmente errada, pois o clube não perder jogadores para equipes que vão disputar a Série D.

O fato é que o Sampaio perdeu três impostantes jogadores do seu meio de campo e terá dificuldade para repor com a mesma qualidade gastando menos como pelo visto pretende fazer o presidente Sérgio Frota.

Foto: Lucas Almeida/L17 Comunicação

sem comentário »

Sérgio Frota destaca ajuda de Fernando Sarney

4comentários

O presidente do Sampaio, Sérgio Frota foi o entrevistado de hoje (11), no Bom Dia Mirante, na TV Mirante. (Clique aqui e veja a entrevista na íntegra).

Sérgio Frota deu sinais de que após o acesso pode até disputar a eleição para vereador em São Luís. “O futuro a Deus pertence”, afirmou.

O dirigente criticou a falta de investimento e apoio ao futebol e prometeu manter a base do time que garantiu o acesso à Série B e o técnico João Briugatti para a temporada 2020. E afirmou que pretende antecipar a eleição do clube para que possa pleitear junto À CBF a antecipação da cota de patrocínio que terá direito na Série B no ano que vem.

Sérgio Frota fez um agradecimento especial ao vice-presidente da CBF, Fernando Sarney e afirmou que ele [Fernando Sarney] faz muito pelo futebol maranhense. “Ele foi fundamental”, disse.

Veja os trechos da entrevista:

Acesso e investimento

“Esse foi o quinto acesso do Sampaio. Nós temos três rebaixamentos e temos quatro acessos para a série C, três desses na formatação que é hoje, uma da série D para a série C. Porque ano passado com o rebaixamento do Sampaio, muitas pessoas se afastaram e houve uma queda de patrocínio, uma queda de investimento, mas é fundamental e eu acho que devo parabenizar os jogadores, a comissão técnica d a diretoria. Agradecer também a torcida que compareceu finalmente nesse jogo do acesso. Que bom seria se a gente tivesse sempre esse público no Castelão porque eles são o fortalecimento do futebol maranhense. Eu sou muito questionado sobre o bate e volta do Sampaio e eu explico que nós fomos rebaixados em 2016, subimos em 2017, rebaixados em 2018 e novamente tivemos acesso nesse ano. Falta investimento no futebol maranhense, tanto da iniciativa privada quanto do poder público que me dá muita satisfação ouvir o governador falar e o secretário de estado em um projeto. Porque é muito difícil você estar na série B. Todos os 20 clubes vão receber de 7 a 8 milhões. O agregado que se pode botar a isso é difícil, porque isso vem através de merchandising e do patrocínio e eu vou dar um exemplo aqui. No ano passado, o Sampaio foi rebaixado e o patrocinador do Sampaio era R$ 20 mil. O CSA de Alagoas que é o estado que tem o PIB menor do que o Maranhão tinha um patrocínio de R$ 120 mil de uma usina de álcool. Então veja a discrepância, o Paysandu que não subiu tem R$22 mil, o Remo que não subiu tem R$ 20 mil e o Santa Cruz tem mais de R$ 25 mil. Então há uma diferença grande e talvez isso explique a questão de você ir e voltar”.

Eleição de vereador

“O futuro a Deus pertence. Minha cabeça não está na política agora, minha cabeça está no Sampaio e volto a dizer, foi um desafio muito grande porque muitos se afastaram e isso é normal. Nós temos que criar as condições com a experiência de estar 12 anos no comando do time mais popular do Maranhão, de maior torcida, apesar disso não se reverter em receita para o clube. Todos os mecanismos de receita que um time de futebol pode ter, nós temos tentado implementar no Sampaio sem sucesso. O Sampaio no auge, no G4 da série B em 2015, tínhamos cerca de dois mil torcedores e eu não estou reclamando porque nós estamos em um estado com a menor renda per capita do Brasil e o poder aquisitivo do torcedor do Sampaio é baixo, é classe C, D e E. Eu reconheço isso, tanto que, nós temos o ingresso mais barato do Brasil. É só você pegar no ranking. Eu queria dizer que antes do mata-mata, o Sampaio estava no 13º, atrás do Imperatriz. Quero inclusive parabenizar o Imperatriz, que subiu no ano passado e esse ano fez uma campanha belíssima. A maneira como a cidade abraçou o cavalo, eu conversando ontem no palácio com o secretário Cleiton Noleto e ele disse que fez um jantar, arrumou R$ 250 mil no jantar. Um jantar que eu não arranjo R$ 20 mil. Eu quero dizer que é necessário a gente criar esses mecanismos, geração de receita, já que 85% da receita do clube vem de direito televisivo. Pode ser para o Flamengo, para o Corinthians, tá aí porque a Globo se discute muita cota e é fundamental que a gente tenha esse investimento porque se não tiver, vai ser sempre isso de bater e voltar”.

Eleições no clube

“Eu sou um homem de uma palavra só. Eu disse que não queria ser candidato e agora eu me vejo em uma situação em que existe algo chamado compliance financeiro. E hoje, imagina como eu me senti naquele segundo gol do São José. O Sampaio tem um passivo de R$ 1 milhão e nós queremos que haja antecipação dessa receita no ano de 2020 sendo que o meu mandato vai até 31 de dezembro. Então eu vou ter que discutir com meu conselho deliberativo essa antecipação de eleição. Realmente não era o que eu queria, porque para mim a democracia pressupõe alternância de poder e eu já estou 12 anos e meio e já estourei minha cota de sacrifício. Eu já passei muito aniversário de filho meu, eu já passei muitos dias dos pais viajando, inclusive esse agora com o Sampaio porque eu acompanhei todos os jogos. No ano passado, o Sampaio depois de ter a maior conquista dele no dia 7 de julho, 20 dias depois o Sampaio estava na zona de rebaixamento. Eu abandonei a campanha e fui a todos os jogos do Sampaio, evitei o rebaixamento, mas se tiver que fazer nós vamos”.

Base e Brigatti

“A base é fundamental, estou muito satisfeito e queria destacar o grande trabalho desse treinador que é o João Brigatti. Durante esses anos, eu tive cerca de 16 treinadores e posso dizer que esse foi o melhor treinador que já tive. Vou te dizer o motivo, além de ser um cara comprometido, sério e trabalhador, ele vive futebol 24 horas, ele ganha um salário no Sampaio, teve uma proposta de time da série C com muita mais força financeira, que ofereceu o triplo e ele não me disse, eu soube através de um repórter de Pernambuco que me ligou e ele disse para mim: “Presidente, eu não lhe falei porque eu não iria”. Então fica meu agradecimento ao João Brigatti e dizer que o planejamento é fundamental. Você sente que o clube de futebol é uma empresa, hoje inclusive, está sendo tramitado no Congresso a efetivação do clube-empresa e é fundamental que a gente tenha isso para que não ocorra o que aconteceu com o Figueirense, mas a minha ideia é manter a base e as pessoas as vezes dizem ‘Não mantém’, não mantém porque se o cara ganha x com o acesso ele já se valoriza, e quero dizer o seguinte: nós não paramos por aqui. O primeiro objetivo é classificar e nós conseguimos com três rodadas de antecedência, depois teve a vantagem do mata-mata com duas rodadas de antecedência, o nós conseguimos o acesso e eu vou fazer tudo juntamente com esse grupo, o trabalho é do grupo todo, não é só meu, para que a gente possa botar esta quarta estrela naquele manto do Sampaio Corrêa”.

Futebol empresa

“Está sendo tramitado no Congresso a efetivação do clube-empresa e é fundamental que a gente tenha isso para que não ocorra o que aconteceu com o Figueirense, mas a minha ideia é manter a base e as pessoas as vezes dizem ‘Não mantém’, não mantém porque se o cara ganha x com o acesso ele já se valoriza, e quero dizer o seguinte: nós não paramos por aqui. O primeiro objetivo é classificar e nós conseguimos com três rodadas de antecedência, depois teve a vantagem do mata-mata com duas rodadas de antecedência, o nós conseguimos o acesso e eu vou fazer tudo juntamente com esse grupo, o trabalho é do grupo todo, não é só meu, para que a gente possa botar esta quarta estrela naquele manto do Sampaio Corrêa”.

Agradecimento

“Eu queria deixar um agradecimento especial ao vice-presidente da CBF, Fernando Sarney, que foi fundamental. Como Sérgio Frota? Eu falei para o Fernando depois jogo em Porto Alegre, onde nós fomos prejudicados, teve um gol legal que foi anulado, e eu falei Fernando eu preciso de uma arbitragem neutra e ele fez tudo. Então meu muito obrigado, já que muita gente diz que Fernando não faz nada e eu quero dizer para você que ele faz muito pelo futebol maranhense”.

Foto: Reprodução / TV Mirante

4 comentários »

Flávio Dino recebe o Sampaio após acesso à Série B

3comentários

A campanha vitoriosa, que garantiu ao Sampaio Corrêa o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro de 2020, foi um dos destaques da visita do time de futebol maranhense ao governador Flávio Dino, nesta terça-feira (10), no Palácio dos Leões.

Na ocasião, os jogadores e comissão técnica agradeceram o apoio do executivo estadual, especialmente através da Lei de Incentivo ao Esporte.

“É uma preocupação do chefe do executivo estadual com o esporte. O apoio que nós já tivemos, que os clubes do futebol maranhense tiveram, veio através da lei de incentivo ao esporte, que é um instrumento, claro, que tem que partir do executivo”, afirmou o presidente do clube Sérgio Frota.

O técnico do time, João Brigatti, falou do reconhecimento que o time possui no Estado. “É muito legal. A gente tem o reconhecimento do Sampaio Corrêa e fica muito feliz de saber que nosso objetivo foi alcançado, e mais feliz ainda pelo reconhecimento do governador. Isso não tem preço. Você vê a importância desse feito e da instituição que é o Sampaio Corrêa”, disse.

O acesso à série B foi alcançado após a vitória contra o São José (RS), no sábado (7), em jogo no Castelão. Com o placar de 3 a 2, o time maranhense se classificou para as semifinais da série C e vai enfrentar o Confiança (SE).

O governador Flávio Dino comemorou o resultado com os jogadores e ressaltou o papel social do esporte. “É um grande êxito o acesso à Série B. Nós ficamos felizes com o futebol maranhense alcançando grandes resultados. Apoiamos todos os anos o campeonato maranhense e, ao mesmo tempo, acompanhamos os nossos atletas em competições nacionais e internacionais, como as medalhas nos jogos Pan-Americanos, recentemente o título do Basquete Feminino do Sampaio Corrêa e agora o acesso à série B do futebol”, afirmou o governador.

“Nós acreditamos que o esporte é uma política pública vitoriosa que permite que nós a vinculemos com outras políticas, a exemplo da educação e da saúde, além de servir à formação de estímulos aos novos atletas”, concluiu Flávio Dino.

Foto: Gilson Teixeira

3 comentários »

Sampaio decide acesso para a Série B no Castelão

1comentário

Chegou a hora da verdade…

O Sampaio entra em campo para mais uma vez tentar fazer história no futebol brasileiro. Depois do empate por 0 a 0, em Porto Alegre, os maranhenses precisam vencer o São José para garantir mais um importante acesso à Série B.

Pelo fato de jogar no Estádio Castelão e que deve receber o maior público na temporada, o Sampaio é favorito ao acesso, mas todo cuidado será tomado para que a equipe não venha a ser surpreendida.

O time terá força máxima e contará com o retorno do volante Lucas Hulk. O Sampaio terá: Andrey; Everton, Odair, Paulo Sérgio e Romano; Ferreira, Lucas Hulk e Rodrigo Andrade; Roney, João Paulo e Salatiel Júnior.

Depois de um começo com altos e baixos, o Sampaio entrou definitivamente na competição com a chegada do técnico João Brigatti que deu nova cara ao time e agora está pronto para conquistar o maior objetivo da temporada.

A partida começa às 19h15 e será dirigida pelo árbitro paulista Luiz Flavio de Oliveira, com os auxiliares Daniel Luis Marques e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa.

Tudo sobre a partida entre Sampaio e São José você vai acompanhar ao vivo pela Rádio Mirante AM.

Foto: Lucas Almeida / L17 Comunicação

1 comentário »

Sinal de alerta no Sampaio para decisão do acesso

0comentário

O favoritismo do Sampaio na decisão do acesso contra o São José-RS é coisa que não se discute, mas não deve servir para nenhum clima de “já ganhou” por parte de jogadores e comissão técnica.

O empate por 0 a 0 no primeiro jogo e o fato de jogar agora diante da sua torcida no Castelão é uma vantagem do Sampaio, mas isso não significa nada.

Hoje cedo, conversei com técnico João Brigatti sobre a decisão. Achei o comandante Tricolor bastante consciente do desafio que terá pela frente, do adversário difícil que vai enfrentar e sobre o significado desse acesso ao clube.

Brigatti deixou claro que tem pouco a fazer agora, mas alerta contra a bola parada do adversário.

A euforia deve ficar apenas por conta do torcedor. Esse clima de favoritismo de forma alguma afeta jogadores e comissão técnica e isso está bem claro para o técnico João Brigatti.

Pelo contrário, consciente do que o time deve fazer, ele quer participação efeiva da torcida e espera ver o Castelão completamente lotada para a decisão. A torcida que esteve ausente durante toda a competição, precisa mostrar a sua força pelo menos neste momento de decisão.

O sampaio é seim mais time do que o São José, mas isso não garante o acesso, pois futebol se resolve dentro de campo ao final dos noventa minutos.

Todo cuidado é pouco, pois o acesso é a certeza de que o trabalho do Sampaio fez até aqui o que precisava fazer. Agora é hora de colocar a cereja no bolo.

Foto: Reprodução / TV Mirante

sem comentário »

Os motivos que tornam possível o sonho do Imperatriz

2comentários

Mesmo com o empate em pleno Frei Epifânio D’Abadia por 0 a 0, na primeira partida do mata-mata contra o Juventude-RS, o torcedor do Imperatriz não deve deixar de acreditar em hipótese alguma no sonho do acesso à Série B.

O Imperatriz não chegou ao mata-mata por acaso. Além disso, vou lembrar três momentos recentes e que servem de exemplo neste momento.

Há duas semanas, o Imperatriz precisava vencer o Sampaio, em São Luís para se classificar para o mata-mata. E embora o Sampaio não tenha demonstrado interesse na partida, o objetivo foi alcançado com a vitória por 1 a 0 e a classificação inédita.

Na final do Campeonato Maranhense, após empatar em casa por 0 a 0, o Imperatriz chegou a estar perdendo por duas vezes para o Moto no Castelão, mas foi buscar o empae e no último minuto fez o gol que lhe deu o título do Estadual.

No ano passado, após vencer no Frei Epifânio o Manaus, no mata-mata da Série D, o Imperatriz foi derrotado na capital amazonense, mas a esttrela da equipe brilhou e nos pênaltis, os maranhenses garantiram o acesso à Série C.

É fato que o Juventude é favorito, pois joga em casa e tem a torcida ao seu favor, mas o Imperatriz tem todas as condicões de chegar em Caxias do Sul e surpreender a todos com a conquista do acesso. Que o Juventude não pense que vai ser fácil…

O sonho do Imperatriz não acabou, faltam apenas noventa minutos para ele se transformar em realidade.

Vamos, Imperatriz, nós acreditamos no acesso!!!

Foto: Vagner Jr. / Coluna do Futebol

2 comentários »

Sampaio empata e decide acesso no Castelão

1comentário

O Sampaio arrancou o empate por 0 a 0, contra o São José, em Porto Alegre, na primeira partida pelo mata-mata de acesso à Série B

O confronto foi fraco, com poucas chances de gols para os dois lados e muita ligação direta de um lado e do outro. O Sampaio quando chegou foi em jogadas do meia Rodrigo Andrade. No segundo tempo, Salatiel finalizou bem, mas o goleiro Fábio defendeu.

O melhor momento do São José foi em uma cobrança de falta de Rafael Tavares que o goleiro Andrey fez grande defesa. No lance seguinte, o São José mandou uma bola na trave outra vez com Rafael Tavares.

O Sampaio ainda marcou um gol nos acréscimos, numa grande jogada de Welder, mas o árbitro marcou impedimento do atacante Salatiel. Gol mal anulado.

Com o empate por 0 a 0, as duas equipes jogam por uma vitória simples para garantir o acesso. Um novo empate leva a decisão do acesso para as cobranças de pênaltis.

O jogo de volta entre Sampaio e São José, será no próximo sábado, feriado de 7 de setembro, às 19h15, no Estádio Castelão.

No outro confronto deste sábado, o Confiança-SE venceu o Ypiranga-RS, por 1 a 0, na Arena Batistão, em Aracaju e joga a partida de volta por um empate.

Neste domingo (1º), o Paysandu recebe o Náutico, às 18h, no Estádio Mangueirão e na segunda-feira (2), o Imperatriz enfrenta o Juventude-RS, às 20h, no Estádio Frei Epifânio D’Abadia.

Foto: Divulgação / São José

1 comentário »

Sampaio faz promoção para jogo do acesso

0comentário

O Sampaio iniciou nesta terça-feira (27) às vendas de ingressos para a partida de volta contra o São José-RS pelo mata-mata de acesso à Série B.

O jogão será no feriado de 7 de setembro, às 19h15, no Estadio Castelão. A primeira partida, em Porto Alegre será neste sábado (31), às 19h15.

Os preços dos ingressos são os seguintes: setor 1 R$ 30,00, setores 2, 3, 5 e 6 custam R$ 40,00, setor 4 R$ 60,00 e cadeiras cobertas R$ 80,00.

O Sampaio anunciou uma promoção até 1º de setembro. O torcedor que adquirir o seu ingresso até lá pagará a metade do valor.

Os ingressos estão disponíveis nas bilheterias do Estádio Castelão eoutros pontos credenciados pelo clube.

Foto: Lucas Almeida / L17 Comunicação

sem comentário »

Números dos nossos adversários no mata-mata

0comentário

Sampaio e Imperatriz já conhecem seus adversários no mata-mata de acesso à Série B. Serão dois times do Rio Grande do Sul.

O Sampaio vai enfrentar o São José que foi o terceiro colocado no grupo B. As duas equipes já se enfrentaram uma vez pela Copa do Brasil e o Sampaio levou a classificação após o empate em 1 a 1, em Porto Alegre.

O Imperatriz vai enfrentar o Juventude, de Caxias do Sul que foi o segundo colocado no grupo B. O time gaúcho já disputou a Série A por vários anos e conquistou a Copa do Brasil uma vez, mais tudo isso faz parte da história, poios o momento é outro.

O São José até aqui está invicto dentro de casa no seu gramado sintético. Venceu seis jogos e empatou três. Marcou 14 gols e levou apenas 4. Em toda a competição foi a equipe quem menos perdeu ao lado do Paysandu. Apenas duas vezes, mas foi a que mais empatou: 10 jogos.

O Juventude em jogos fora de casa tem duas vitórias, quatro empates e três derrotas. Curiosamente as vitórias foram clubes do norte Paysandu e Atético-AC. Além disso, fez 7 gols fora e levou 10. Na primeira fase, o Juventude ganhou sete jogos, empatou sete e perdeu quatro.

Vejam os resultados de São José e Juventude na 1ª fase:

Turno

Tombense 1 x São José
Luverdense 0 x 0 Juventude

São José 2 x 0 Luverdense
Juventude 1 x 1 Remo

Paysandu 0 x 1 Juventude
Ypiranga 2 x 0 São José

Juventude 2 x 0 Boa esporte
Atlético-AC 2 x 2 Sâo José

São José 1 x 1 Juventude

Juventude 3 x 0 Atlético-AC
Paysandu 1 x 1 São José

São José 2 x 0 Boa Esporte
Tombense 1 x 0 Juventude

São José 1 x 0 Remo
Juventude 1 x 0 Volta Redonda

Ypiranga 4 x 1 Juventude
Volta Redonda 2 x 2 São José

Returno

São José 2 x 0 Tombense
Juventude 2 x 0 Luverdense

Luverdense 0 x 0 São José
Remo 0 x 0 Juventude

São José 0 x 0 Ypiranga
Juventude 1 x 1 Paysandu

São José 3 x 0 Atlético-AC
Boa Esporte 2 x 0 Juventude

Juventude 1 x 1 São José

São José 1 x 1 Paysandu
Atlético-AC 0 x 2 Juventude

Juventude 2 x 0 Tombense
Boa Esporte 2 x 2 São José

Remo 2 x 0 São José
Volta Redonda 2 x 2 Juventude

Juventude 0 x 1 Ypiranga
São José 4 x 2 Volta Redonda

Foto: Lucas Almeida / L17 Comunicação

sem comentário »