Fique sabendo…

2comentários

Susto

Um incêndio atingiu na noite desta segunda-feira (6), o gerador do Hospital Centro Médico, no Monte Castelo. Os pacientes internados na UTI tiveram que ser transferidos de ambulância para outros hospitais. Os bombeiros conseguiram impedir que o fogo se alastrasse. Ninguém ficou ferido.

Esquartejamento

A OAB-MA vai acompanhar as investigações da morte e esquartejamento do detento Johnattan Kennedy Silva de Oliveira, na Penitenciaria de Pinheiro. Segundo a Polícia Civil, Johnattan teria sido assassinado a mando de líderes de uma facção criminosa do qual fazia parte.

Fake news

O candidato ao governo do Maranhão, Roberto Rocha (PMDB), determinou a criação de um setor jurídico interno e específico para combate às “fake-news”. Ele pretende acionar a Polícia Federal, Ministério Público Federal e Justiça Eleitoral para responsabilização jurídica daqueles que são autores de propagação de notícias falsas durante as fases de pré-campanha e campanha eleitoral.

Representante

O secretário de Articulação Política, Ivaldo Rodrigues (PDT), representou o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), na sessão de reabertura dos trabalhos legislativos na Câmara Municipal. “Estou duplamente feliz, uma vez que estou aqui representando o prefeito Edivaldo Holanda, na casa ao qual pertenço”, disse.

Câmara

Dez dos trinta e um vereadores de São Luís vão disputar a eleição para deputado no Maranhão. Brigam por vaga na Assembleia Legislativa: Honorato Fernandes (PT), Bárbara Soeiro (PSC), Marcial Lima (PRTB), Estevão Aragão (PSDB), Ricardo Diniz (PRTB), Genival Alves (PRTB) e Silvino Abreu (PRTB). Para a Câmara dos Deputados disputam: Pedro Lucas Fernandes (PTB), Sá Marques (PHS) e Pavão Filho (PDT).

Assembleia

Dos quarenta e dois deputados estaduais maranhenses trinta e cinco disputam a reeleição. Nina Melo (MDB) vai apoiar a candidatura do pai Arnaldo Melo (MDB) e graça Paz (PSL) apoia o filho Guilherme Paz (PSL). Max Barros é o único que desistiu de concorrer à reeleição. Edilázio Júnior (PSD), Eduardo Braide (PMN) e Bira do Pindaré (PSB) disputam a eleição para deputado federal.

IPTU

A segunda parcela do IPTU 2018 vence nesta terça-feira (7). Os contribuintes devem ficar atentos ao calendário para os próximos meses. Anotem ai: setembro (dia 10), outubro (dia 5), novembro (dia 8) e dezembro (dia 7).

Famem

O governador Flávio Dino realizou hoje, uma visita de cortesia à Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). O governador recebeu uma placa em reconhecimento ao trabalho executado em favor do fortalecimento do municipalismo no estado.

Voto em trânsito

Termina dia 23 de agosto o prazo para transferência temporária do título de eleitor. Até agora, apenas 245 eleitores solicitaram a transferência no Maranhão. O voto em trânsito é previsto para presos provisórios, adolescentes em unidades de internação, membros das forças armadas, policiais federal, rodoviário federal, ferroviário federal, civis, militares, bombeiros e guardas municipais que estiverem em serviço por ocasião das eleições ou eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida. No Maranhão, haverá seções de voto em trânsito em Imperatriz, São Luís, Timon e São José de Ribamar. Para requisitar o voto em trânsito, o eleitor deve comparecer ao cartório eleitoral portando documento oficial com foto.

2 comentários »

Força-tarefa inspeciona hospitais privados

4comentários

LitiaCavalcanti

Por iniciativa do Ministério Público do Maranhão (MPMA), uma força-tarefa está vistoriando os hospitais privados de São Luís com o objetivo de aferir a qualidade do serviço prestado aos pacientes. A equipe é formada pela 2ª Promotoria de Justiça do Consumidor de São Luís, Conselho Regional de Enfermagem, Conselho Regional de Farmácia, Vigilância Sanitária Estadual, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial (Inmeq).

Além dos hospitais, estão sendo visitadas maternidades, clínicas (médicas, psiquiátricas e de pediatria) e laboratórios. O trabalho iniciou-se no dia 1º de março. Até o momento, foram inspecionados os hospitais UDI, São Domingos, Centro Médico e a clínica São José. A primeira etapa dos trabalhos será encerrada no dia 4 de abril. Neste mês de março, a força-tarefa ainda vai vistoriar nove estabelecimentos.

Idealizadora da ação, a promotora de Justiça Lítia Cavalcanti informou que estão sendo verificados aspectos como higiene, índice de infecção hospitalar, tempo de espera nas emergências, número proporcional de profissionais para a quantidade de pacientes, respeito ao atendimento prioritário, funcionamento adequado dos equipamentos, entre outros pontos, objetivando resguardar os direitos do consumidor.

O relatório das inspeções será divulgado à sociedade no próximo dia 5 de abril, quando serão relatados todos os problemas encontrados em cada estabelecimento e se as irregularidades foram solucionadas.

Como resultado parcial das vistorias, a promotora adiantou que um laboratório de um hospital foi fechado por falta de higiene e que já foi flagrado lixo hospitalar jogado em grande quantidade ao lado de uma clínica. Em um outro hospital, foi constatada a presença de número insuficiente de profissionais de enfermagem para a quantidade de pacientes.

Em caso de não adequação dos serviços, os estabelecimentos privados de saúde e seus responsáveis estarão sujeitos a sanções nas esferas judicial, administrativa e criminal. As consequências podem ser interdição parcial ou total, multas acumulativas e responsabilização civil e criminal. “Quem não quiser ser interditado, que tome as providências necessárias para adequar o atendimento e que comunique as medidas ao Ministério Público”, alertou a promotora.

Lítia Cavalcanti ressaltou, ainda, que a população pode denunciar irregularidades encontradas em hospitais e clínicas de São Luís por meio do telefone da Ouvidoria do Ministério Público do Maranhão: 0800 098 1600.

4 comentários »