SAAE Codó realiza manutenção em poços

0comentário

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) Codó está realizando uma série de manutenção em poços de sua rede de abastecimento. Nesta terça-feira (10) as equipes do SAAE estiveram nos poços do Codó Novo e da Trizidela para o início das operações de manutenção.

O prefeito de Codó, Francisco Nagib esteve no Codó Novo acompanhando as operações de manutenção e falou sobre o trabalho diligente estabelecido pela direção do SAAE. “Desde o início de nosso mandato estamos trabalhando para que o fornecimento de água melhore em toda Codó. Reestruturamos o SAAE, reorganizamos sua estrutura de trabalho, investimos em gestão, em equipamentos, estamos ampliando nossa rede de abastecimento e realizando ações de manutenção, o que garante a qualidade da água para nossa população”, concluiu o prefeito.

De acordo com o diretor do SAAE Codó, Evimar Barbosa, a manutenção é imprescindível para a qualidade do abastecimento. “Esse trabalho, que está sendo realizado aqui no Codó Novo será levado a outros poços de nossa rede de abastecimento. Estamos realizando uma manutenção corretiva e ao mesmo tempo preventiva, fazendo a limpeza do poço. Com esta manutenção iremos aumentar a vazão do poço, o que é muito importante agora neste período de estiagem, onde a demanda aumenta consideravelmente. Por isso estamos dando essa resposta a população, prevenindo problemas e melhorando a qualidade de nosso fornecimento”, explicou Evimar.

Foto: Divulgação/ Prefeitura de Codó

sem comentário »

SAAE ganha nova estrutura em Codó

0comentário

Prefeito Francisco Nagib e autoridades inauguram nova sala de atendimento ao público do SAAE

O prefeito de Codó, Francisco Nagib, e autoridades municipais inauguraram nesta terça-feira (27), a nova sala de atendimento ao público do SAAE. A nova sala de atendimento do SAAE foi reformada para melhor atender ao público, com ambiente climatizado, novos acentos, quatro guichês para atendimento e novo sistema informatizado. Além da reforma física do espaço, os codoenses poderão contar com os atendimentos durante todo o horário comercial, incluindo o intervalo de almoço e aos sábados até as 13 horas.

De acordo com o diretor Evimar Barbosa, as novas instalações do atendimento ao público fazem parte da grande reestruturação administrativa feita no SAAE desde o início da administração do prefeito Francisco Nagib. “O governo municipal reestruturou o SAAE. Agora, com a reforma administrativa, nos dividimos em três diretorias, que terão a missão de cuidar bem do abastecimento de água e da saúde dos codoenses, pois iremos primar pela qualidade da água”.

O prefeito Francisco Nagib parabenizou toda a equipe do SAAE e a população codoense por mais uma conquista. “ A reestruturação do SAAE visa a melhora da qualidade da água consumida pela nossa população. Por isso iremos investir cada vez mais em reforma e reequipagem dos poços, análise e tratamento para a melhor qualidade da água e na garantia do abastecimento sustentável das famílias codoenses”, destacou o prefeito.

Foto: Ascom/ Prefeitura de Codó

sem comentário »

SAAE terá que prestar esclarecimentos

0comentário
RobertoCosta

Mandado de Segurança contra a SAAE foi impetrado pelo deputado estadual Roberto Costa 

O deputado Roberto Costa comemorou a decisão judicial que determinou a divulgação da prestação de contas do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Bacabal.

“Acabamos de receber a notícia onde a justiça determinou a quebra do sigilo da caixa preta do SAAE de Bacabal, que é o causador de um dos maiores problemas que a população bacabalense vem sofrendo, a constante falta d´água na cidade. Vários bairros de Bacabal continuam não tendo água nas suas torneiras! É inadmissível o desprestígio com que a administração do prefeito de Bacabal, junto com o diretor do SAAE, trata a nossa população”, afirmou o deputado.

A decisão, proferida em caráter liminar pela Vara da Fazenda Pública de Bacabal, é fruto de um Mandado de Segurança impetrado pelo parlamentar com o fito de assegurar o acesso à informação e a transparência do setor público, possibilitando um maior controle da sociedade sobre os atos da autarquia municipal.

“Entramos com esse pedido de informação, baseado na lei de acesso à informação, que nos assegura esse direito, para que pudéssemos saber qual é o valor exato que o SAAE recebe da população de Bacabal, quem são as empresas que trabalham dentro SAAE, quem são os contratados que estão recebendo na folha do SAAE. Porque existe denúncia da população que a folha de emprego do SAAE é para atender interesses políticos, interesses apenas de familiares do senhor prefeito e dos familiares do  diretor do SAAE”, relatou o deputado.

Na decisão, o magistrado reconheceu o abuso e a ilegalidade na omissão do diretor do SAAE, Leonardo Sousa Lacerda, que manteve-se inerte após o parlamentar solicitar ao órgão informações que são de interesse público.

O diretor da autarquia municipal terá o prazo de 10 dias para fornecer ao deputado Roberto Costa o planejamento e execução dos serviços prestados pela autarquia nos últimos 12 meses, relação das empresas e funcionários prestadores de serviços ao órgão, além dos demonstrativos de arrecadação e despesas mensais relativos ao mesmo período.

Foto: Kristiano Simas/Agência AL

sem comentário »

Deputado aponta calamidade em Bacabal

2comentários
RobertoCosta

Deputado Roberto Costa (PMDB)

O deputado Roberto Costa, em seu pronunciamento na tribuna da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (4) fez nova denúncia contra a Prefeitura da cidade de Bacabal.  Ele apontou calamidade instaurada na cidade devido à falta de água persiste, ocasionada pela má gestão do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) e, principalmente, pela recusa da prefeitura em utilizar a bomba de água viabilizada pelo peemedebista.

Durante seu discurso, era aparente a revolta do deputado em relação à negligência do prefeito de Bacabal que, mesmo diante de todos os transtornos causados pela falta de abastecimento de água, manteve-se inerte quanto ao problema da população local, inviabilizando a instalação da bomba de água cedida ao município.

“Nós conseguimos uma bomba de apoio através da prefeitura de Caxias para solucionar o problema da água na cidade de Bacabal e, pasmem, depois que a bomba chegou e que foi divulgado o apoio que a cidade de Caxias estava dando à Bacabal, simplesmente o senhor prefeito terminou não colocando a bomba e a cidade de Bacabal continua sem água.” denunciou.

O peemedebista reiterou ainda que protocolou no Ministério Público uma denúncia com a intenção de cobrar uma investigação minuciosa para a prestação de conta dos quase 1 milhão de reais arrecadados da população bacabalense pelo SAAE. “A única coisa que tem chegado às residências de bacabal é a conta para ser paga, mas a água, que é um direito da população, não chega. E o desrespeito continua” complementou o deputado.

(mais…)

2 comentários »

Roberto denuncia falta d’água em Bacabal

2comentários

RobertoCosta

O deputado Roberto Costa (PMDB) subiu à tribuna, nesta terça-feira (19), para  denunciar a falta d´água nas residências bacabalenses, ocasionada pela má gestão do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Bacabal, gerido pela Prefeitura Municipal.

O parlamentar relatou que a população já não aguenta mais o descaso e a falta de respeito, com os constantes interrompimentos do sistema de abastecimento de água municipal.

No último domingo, a cidade completou 96 anos e o deputado lamentou a situação do município. “A cidade não tem motivos para comemorar. A falta d´água no município chegou a um ponto insuportável e a população não consegue mais admitir o nível de desrespeito do senhor prefeito com a cidade”.

O parlamentar  criticou a direção do SAAE em Bacabal pontuando o constrangimento que a situação ocasiona para os bacabalenses . “As pessoas não estão conseguindo há mais de semanas tomar um banho digno na sua casa,  porque a água não chega às torneiras dos bacabalenses”, disse Costa.

O peemedebista cobrou um posicionamento da Prefeitura Municipal em relação aos péssimos serviços que o SAAE vem oferencendo aos bacabalenses. “ O queremos na verdade é que o senhor prefeito e a direção do SAAE compreendam a imoralidade e o desrespeito que eles estão cometendo contra a cidade de Bacabal” disse o deputado.

Roberto Costa anunciou que solicitará ao Ministério Publico, que  investigue as contas do SAAE de Bacabal.

(mais…)

2 comentários »

Venda da SAAE

1comentário

RobertoCosta

O deputado Roberto Costa (PMDB) subiu à tribuna durante a sessão plenária desta terça-feira (22), para criticar a possível privatização do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município de Bacabal. O deputado garantiu que uma grande mobilização será feita, com o intuito de impedir que a privatização aconteça, o que acabaria prejudicando, principalmente, a população mais carente de Bacabal.

Segundo Roberto Costa, voltou a correr pelo município a informação de que a empresa interessada na compra do SAAE estaria procurando vereadores e imprensa, no sentido de criar um grande movimento para que pudesse ocorrer a privatização do sistema de água de Bacabal.

“Eu acredito muito, independente das posições políticas que nós temos no Município, que os 17 vereadores de Bacabal têm um compromisso acima de tudo com o bem-estar da população e não vão se dobrar à empresa, no sentido de entregar um patrimônio, que é do povo de Bacabal”, assinalou o deputado.

O parlamentar destacou, ainda, que o problema na distribuição de água em Bacabal é antigo, com dezenas de bairros afetados pela falta d’água. Ele salientou que boa parte da população de Bacabal é carente, enfrentando dificuldades para pagar o atual preço das contas. De acordo com o deputado, a privatização elevaria ainda mais esses preços, prejudicando, sobretudo, a população mais humilde de Bacabal.

“O que precisa, na verdade, é o poder público municipal e a Prefeitura entender que o problema da água é prioridade e procurar investir recursos no sentido de abrir mais sistemas de abastecimento de água. Não é entregando, não é vendendo o SAAE de Bacabal que vai resolver o problema. Vai resolver o problema para alguns, que vão ganhar dinheiro com isso à custa do povo de Bacabal”, frisou.

O deputado Roberto Costa solicitou também o apoio do deputado Wellington do Curso (PPS), para que possa ser feita uma grande mobilização em prol do patrimônio público de Bacabal.

“Vamos acionar mais uma vez o Ministério Público, a Assembleia Legislativa, através do deputado Wellington, para que a gente possa juntar as nossas forças em defesa do patrimônio do povo de Bacabal. Não vamos admitir qualquer manobra, qualquer conspiração no sentindo de se vender o SAAE a uma empresa privada, que quer na verdade lucrar à custa do sofrimento do povo mais humilde de Bacabal”, completou o parlamentar.

1 comentário »

Privatização em Timon

2comentários

AlexandreAlmeida

O deputado Alexandre Almeida (PTN) usou a tribuna da Assembleia Legislativa durante a sessão desta quarta-feira (5), para expressar,  mais uma vez, o seu repúdio à decisão da Prefeitura de Timon de privatizar o Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município.

“Considero essa decisão arbitrária, pois vai causar um impacto negativo na vida dos timonenses em todos os sentidos; sobretudo no financeiro”, afirmou.

Para o parlamentar, a decisão da atual administração municipal de Timon causa estranheza. “Lembro que quando o prefeito ainda era candidato fez o compromisso de implantar uma estação de tratamento de água, portanto, a sua decisão de privatizar o SAAE é uma grande traição às pessoas que acreditaram nele. Ao invés de cumprir o que prometeu, ele vai entregar a uma empresa privada a gestão do sistema de água e esgoto, sendo que, essa empresa terá o direito de explorar esse serviço público durante 30 anos”.

Alexandre Almeida informou que já se reuniu com uma comissão de juristas para avaliar os termos do decreto de concessão e encontrou arbitrariedades absurdas; o que o levou a protocolar na prefeitura de Timon uma solicitação requerendo todo o processo que originou o decreto que permite o prefeito fazer a concessão.

“Também iremos protocolar um requerimento na câmara municipal de Timon, solicitando a cópia do processo legislativo que autorizou a privatização. Quero dizer ao povo timonense que não vou ficar esperando passivamente que a prefeitura leve em frente essa traição que significa um retrocesso, pois a sua função é construir políticas públicas que possam dar dignidade ao povo timonense; e não pôr em prática ações que prejudiquem o futuro do município”. Concluiu o deputado.

2 comentários »