OAB: Brisac intensifica campanha no interior

0comentário

O candidato a presidente da OAB/MA, o advogado Carlos Brissac, encerrou neste sábado (10), em Balsas, uma extensa agenda de visitas ao interior do Maranhão. A série de encontros teve início na cidade de Timon, terça-feira (6). Na sequência, Brissac visitou Caxias, Pedreiras, Codó, Presidente Dutra, Coroatá, Barra do Corda e Grajaú. Ele debateu propostas de sua chapa para a Seccional Maranhense e recebeu a adesão de advogados dessas cidades.

Em Timon, o advogado e escritor Nelson Nery  declarou apoio à Chapa 2 – OAB de Verdade por reconhecer em Carlos Brissac qualidades fundamentais para um presidente da Seccional. “Carlos Brissac tem se destacado pela sua atuação, pela sua juventude, pelas suas ideias no sentido de restaurar a importância que a Ordem dos Advogados do Brasil tem não apenas no estado. Percebemos a necessidade de voltarmos a ter uma advocacia combativa e compromissada com a defesa da democracia e dos Direitos Humanos”, destacou.

Outra advogada que também declarou apoio a Carlos Brissac foi Mayara Vieira da Silva, candidata a conselheira pela Chapa 2. “Mayara tem forte atuação na região e seu apoio foi muito importante para o fortalecimento da nossa chapa nessa região”, disse Brissac.  Mayara é candidata a conselheira pela chapa liderada por Brissac.

Em todas as cidades visitadas, Brissac conseguiu reunir um representativo número de advogados que apoiam a sua candidatura e se ressentem da falta de representatividade da Ordem no Maranhão. “Essas visitas ao interior do estado tem sido fundamentais para que possamos debater com os advogados dessas cidades a realidade que enfrentam no dia a dia do exercício da profissão, identificando as suas necessidade e discutindo como a nossa gestão ajudará esses colegas e, mais que isso, como a OAB do Maranhão se colocará como sua defensora e defensora da sociedade”, declarou.

Brissac lembrou, ainda, que 30% dos membros de sua chapa são do interior do estado, fato que, segundo ele, demonstra a preocupação em assegurar a representatividade da OAB/MA em todo o estado. “Temos propostas para previdenciaristas, criminalistas, tributaristas, por exemplo, para todas as áreas, como ensino jurídico, prerrogativas, causas sociais. Isso significa que, na nossa gestão, todo advogado do Maranhão será, de alguma forma, contemplado”, garantiu.

Agenda

Na próxima terça-feira (13) Carlos Brissac retoma a agenda de viagens pelo interior do estado com visita às cidades de Itapecuru, Santa Inês e Bacabal. Em Bacabal, por exemplo, a chapa 2 ganhou o reforço do advogado Agnelo Rodrigues, ex-presidente da Subseção da cidade e ex-conselheiro da Ordem maranhense. Agnelo, que é uma forte liderança da advocacia local, concorre ao cargo de conselheiro pela chapa encabeçada por Carlos Brissac.  Na quarta-feira (14), Brissac estará na Baixada Maranhense acompanhando de membros da Chapa 2.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Edvan Brandão é eleito prefeito de Bacabal

0comentário

O candidato do Partido Social Cristão (PSC), Edvan Brandão, de 44 anos foi eleito prefeito de Bacabal pela coligação “Bacabal em primeiro lugar”.

Veja a votação:

Edvan Brandão (PSC): 50,49 % – 23.355 votos
César Brito (PPS): 45 % – 20.817 votos
Luizinho Padeiro (PSB): 1,90 % – 877 votos
Giselle Velloso (PR): 1,47 % – 681 votos
Professor Maninho (PRB): 1,14 % – 529 votos

Edvan Brandão que foi apoiado pelo senador João Alberto (MDB) e pelos deputados estadual Roberto Costa (MDB) e federal João Marcelo, e  venceu o candidato do governador Flávio Dino (PCdoB).

Edvan Brandão é vereador e presidente da Câmara de Bacabal e atualmente é prefeito interino do município, após a cassação do ex-prefeito Zé Vieira e do vice, Florêncio Neto.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Vereador é preso por suspeita de compra de votos

0comentário

O vereador Serafim Reis (MDB) foi preso na noite de sábado (27), no município de Bacabal, a 240 km de São Luís, por suspeita de compra de votos.

Segundo a polícia, o vereador foi flagrado com um maço de dinheiro no valor de R$ 6 mil no bairro Trizidela distribuído em cédulas de 10, 20, 50 e 100 reais. Os policiais estão apurando a origem e o destino do dinheiro que estava com o parlamentar.

“O vereador foi preso e conduzido com uma certa quantidade de dinheiro. Todo trocado em cédulas de 10, 20, 50 e 100. A votação está tranquila”, explicou o Coronel Luongo da PM-MA.

O vereador que também é empresário prestou depoimento e disse que o dinheiro pertencia à sua empresa. Ele foi liberado após prestar esclarecimentos.

Eleição em Bacabal

Além da votação para presidente no segundo turno, a população de Bacabal vota para definir o novo prefeito da cidade, já que prefeito eleito em 2016, Zé Vieira, teve seu registro de candidatura indeferido pelo TSE em junho de 2018. Com a candidatura indeferida foi determinada a realização de novas eleições no município do interior maranhense.

Em Bacabal serão 50.494 eleitores para votação de prefeito. Concorrem ao cargo os candidatos Cesar Brito (PPS), pela coligação “Bacabal vai vencer” e Edvan Brandão (PSC) pela coligação “Bacabal em primeiro lugar”.

Leia no G1

sem comentário »

Clima é tenso em Bacabal por conta da eleição

0comentário

No final da noite de ontem (26), por volta das 23h30, policiais militares da Força Tática do 15º BPM de Bacabal faziam rondas pela secundária da BR-316, precisamente em frente a um hotel quando observaram duas caminhonetes e próximo as estas sete indivíduos, quando decidiram fazer uma abordagem. Na abordagem foram encontradas quatro armas de fogo.

Aos policiais militares os mesmos confessaram que faziam segurança para o candidato a prefeito, César Brito. Todos foram encaminhados a delegacia de polícia para os trâmites que o caso requer. Ao todo sete pessoas foram apresentadas a autoridade competente.

Já no povoado Bela Vista, no início da madrugada de hoje, por volta de 00h05, a Força Tática, juntamente com duas equipes do Comando Tático Aéreo (CTA), foram averiguar uma denúncia onde duas caminhonetes estariam, supostamente, sendo usadas por indivíduos armados para intimidar os habitantes locais.

Ao avistarem os veículos os policiais procederam às buscas pessoal e veicular. Em um dos veículos estariam cinco pessoas e no outro mais sete pessoas. Durante as revistas três armas de fogo foram apreendidas.

Questionados sobre o motivo de estarem no local, afirmaram que estavam ali trabalhando para o candidato Edvan Brandão e que estariam observando se os partidários do candidato César Brito iriam comprar votos naquela localidade. Doze pessoas foram conduzidas.

Todos os envolvidos também foram apresentados a autoridade policial competente.

“Não mediremos esforças para garantir a lisura das eleições no município, bem como proporcionar uma sensação de segurança a todos os munícipes, uma repressão qualificada com prevenção primária, garantindo o processo eleitoral em Bacabal-MA”, disse o Coronel PM Luís, Comandante de Área do Interior 1 (CPAI-1).

sem comentário »

TSE aprova envio de força federal para Bacabal

0comentário

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, o envio de força federal para reforçar a segurança em Bacabal no 2º turno da eleição que ocorre neste domingo (28).

O pedido feito pelo juiz Jorge Leite, titular da 13ª zona, que vai comandar além da eleição no 2º turno para presidência da República, a eleição suplementar para escolha do novo prefeito e vice de Bacabal.

A cidade viveu, nos últimos dias um conturbado ambiente político por conta da eleição para prefeito que será disputada por seis candidatos.

Com a decisão, o Maranhão passa a ter 46 municípios com força federal nas eleições.

As tropas do Exército chegaram ao Maranhão ontem. O comando do Exército confirmou que Bacabal receberá o reforço neste sábado (27) por volta de 12h.

Os municípios maranhenses que receberão tropas Federais são: Alto Alegre do Pindaré, Amapá do Maranhão, Axixá, Bacabal, Belágua, Benedito Leite, Bequimão, Boa Vista do GurupI, Buriti, Buriti Bravo, Cândido Mendes, Centro do Guilherme, Centro Novo do Maranhão, Chapadinha, Coroatá, Cururupu, Esperantinópolis, Governador Nunes Freire, Grajaú, Icatu, Itaipava do Grajaú, Junco do Maranhão, Loreto, Maracaçumé, Maranhãozinho, Mata Roma, Matões do Norte, Nova Iorque, Nova Olinda do Maranhão, Pastos Bons, Pedro do Rosário, Penalva, Peri Mirim, Pinheiro, Presidente Sarney, Santa Filomena do Maranhão, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, São Benedito do Rio Preto, São Domingos do Azeitão, São Félix de Balsas, São José de Ribamar, São Luís, São Mateus, Tuntum e Urbano Santos.

Foto: Sidney Pereira

sem comentário »

TSE aprova tropas federais em 45 municípios no MA

0comentário

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, o envio de tropas federais para 45 municípios maranhenses no 2º turno das eleições para a presidência da República que acontece no próximo domingo (28).

A lista, no entanto não incluiu a cidade de Bacabal onde será disputado uma eleição suplementar na mesma data.

Por este motivo, o deputado Roberto Costa (MDB) que é da região encaminhou ofício ao TRE-MA solicitando reforço da segurança.

Os municípios maranhenses que receberão tropas federais são os seguintes: Alto Alegre do Pindaré, Amapá do Maranhão, Axixá, Belágua, Benedito Leite, Bequimão, Boa Vista do GurupI, Buriti, Buriti Bravo, Cândido Mendes, Centro do Guilherme, Centro Novo do Maranhão, Chapadinha, Coroatá, Cururupu, Esperantinópolis, Governador Nunes Freire, Grajaú, Icatu, Itaipava do Grajaú, Junco do Maranhão, Loreto, Maracaçumé, Maranhãozinho, Mata Roma, Matões do Norte, Nova Iorque, Nova Olinda do Maranhão, Pastos Bons, Pedro do Rosário, Penalva, Peri Mirim, Pinheiro, Presidente Sarney, Santa Filomena do Maranhão, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, São Benedito do Rio Preto, São Domingos do Azeitão, São Félix de Balsas, São José de Ribamar, São Luís, São Mateus, Tuntum e Urbano Santos.

Ao todo, 10 estados receberão tropas federais além do Maranhão. São eles: Acre, Amazonas, Ceará, Mato Grosso, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Pará e Tocantins.

Foto: Divulgação/TSE

sem comentário »

Roberto Costa pede reforço em eleição de Bacabal

0comentário

O deputado estadual Roberto Costa (MDB) encaminhou ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), desembargador Ricardo Duailibe, ofício solicitando reforço da segurança na cidade de Bacabal, onde ocorrerá eleição suplementar para prefeito no dia 28 de outubro, data do 2º turno da eleição presidencial em todo o Brasil.

No documento, o parlamentar anexou diversas cópias de notícias dando conta do aumento da criminalidade na cidade com a proximidade do pleito. Ele pede a presença de agentes da Justiça Eleitoral e tropas federais para garantir a tranquilidade dos eleitores.

“Infelizmente, com a proximidade do Pleito Suplementar na cidade de Bacabal, constata-se, corriqueiramente, que a maior cidade da Região do Médio Mearim virou verdadeiro ‘barril de pólvora prestes a explodir’; ameaçando não só a segurança das Eleições de 2018, quanto os Eleitores e Candidatos”, destacou o emedebista ao Blog do Gilberto Léda.

Costa acrescenta que há denúncias de máfias atuando no município, “levando terror” a eleitores. Ele aponta, ainda, a suposta ação de agiotas.

“Já é de amplo conhecimento no Município a atuação de agiotas e organizações criminosas que, literalmente, ‘peitam’ a Força Policial, a Justiça e o Estado Constitucional – abusando, inclusive, de poderio capaz de desequilibrar a isonomia das eleições”, ressaltou.

O pedido do parlamentar será apreciado nesta quarta-feira (24).

Foto: Agência Assembleia

sem comentário »

Campanha sem medo

0comentário

A eleição para o governo do Estado terminou no primeiro turno, em 7 de outubro. Mas se forem vistos as imagens e os vídeos de campanha em Bacabal, ocorrida na última sexta-feira (19), a impressão é de que o segundo turno está acontecendo no Maranhão. E o motivo para tudo isto? O engajamento do governador reeleito Flávio Dino na eleição suplementar daquela cidade, cujos eleitores voltarão às urnas no próximo domingo para eleger um novo prefeito.

Dino, que foi aliado de Zé Vieira (PP), cassado após ter condenação por improbidade administrativa, agora não mede esforços para ajudar a eleger César Brito (PPS). E o discurso do comunista tem tom de “ameça velada”, já que avisa a todos os moradores de Bacabal que “governar com amigos é mais fácil”.

Ou seja, ao pé da letra, o governador quer dizer que se o prefeito eleito no próximo domingo (28) não for de seu agrado, Bacabal e sua população terão sérias dificuldades se depender do governo estadual, afinal, só é fácil governar ao lado de amigos.

Para muitos adversários de Dino, esta é mais uma demonstração de abuso de poder político e econômico cometido pelo comunista. Gestos eleitorais, por sinal, bem parecidos com o que ocorreu, em 2016, na disputa eleitoral em Coroatá, quando o programa “Mais Asfalto” foi o tom usado pelo comunista para eleger Luiz da Amovelar Filho.

Pelos atos políticos envolvendo o programa do governo, Flávio Dino e seu braço direito, Márcio Jerry, foram considerados inelegíveis pela juíza Anelise Reginato, de Coroatá.

Mesmo diante da decisão da magistrada, que está em grau de recurso para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Flávio Dino não se demonstra preocupado e fala abertamente dos programas do governo estadual para beneficiar seu candidato.

Um ex-juiz que parece não se preocupar em desequilibrar um pleito, o que por lei é proibido.

Disputa em Bacabal

A pesquisa Escutec, que há duas semanas fez o levantamento sobre a eleição para prefeito de Bacabal, mostrou que o prefeito em exercício, Edvan Brandão (PSC) lidera a corrida eleitoral com 50%.

O segundo colocado, César Brito, aparece com 33% seguido por Luisinho Padeiro (5%), Giselle Veloso (3%) e Professor Maninho (1%).

O levantamento, registrado com o número MA-05523/2016, ouviu 400 eleitores e tem margem de erro de 5 pontos percentuais para mais ou para menos e 95% de confiabilidade.

Estado Maior

sem comentário »

Cinco candidatos disputam eleição em Bacabal

0comentário

Paralelo ao segundo turno das eleições 2018, em 28 de outubro, data em que a nação decidirá o novo presidente do país e alguns estados novos governadores, o Maranhão realizará pleito em Bacabal para que a população escolha quem será o novo prefeito da cidade, tendo em vista que o eleito em 2016, o prefeito Zé Vieira teve o registro de candidatura mantido indeferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em junho deste ano.

Bacabal fica localizada a 250 km da capital São Luís e o número de eleitores aptos a votar é de 58 mil 494.

Concorrem ao cargo 6 candidatos:

– Cesar Brito (PPS 23) pela coligação “Bacabal vai vencer”;
– Edvan Brandão (PSC 20) pela coligação “Bacabal em primeiro lugar”;
– Giselle Veloso (PR 22) pelo Partido da República;
– Luizinho Padeiro (PSB 40) pelo Partido Socialista Brasileiro;
– Professor Maninho (PRB 10) pelo Partido Republicano Brasileiro.

Ordem de votação

Em Bacabal, a ordem de votação na urna eletrônica será: primeiro presidente e depois prefeito. É importante que os eleitores estejam atentos a isso para evitar que digitem números equivocados e anulem o voto, caso não corrijam antes de apertar a tecla confirma.

sem comentário »

Sarney Filho faz campanha em mais 12 cidades

1comentário

Bem colocado nas pesquisas, e com forte apoio às suas propostas de campanha, o candidato do Partido Verde ao Senado, Sarney Filho, foi aclamado nas 12 cidades que visitou, desde a sexta-feira, ao lado de Roseana, que concorre ao governo do Maranhão, e de Edison Lobão que disputa a reeleição ao Senado.

Por onde passou, Sarney Filho manifestou o seu entusiasmo com o ritmo crescente de campanha na reta final. “É com muita alegria que visitei cada um desses municípios e senti que as pessoas percebem que sou um político ligado às causas sociais, ao meio ambiente, e que sempre soube honrar os votos que recebi, em 10 mandatos como parlamentar. Quero seguir nessa linha, no Senado, com um dos dois votos de cada eleitor maranhense”, declarou.

Na última sexta-feira (21), Sarney Filho iniciou a agenda em Araioses, participando de ato político, ao lado dos ex-prefeitos, de Valéria Leal, de Pedro Henrique e de outros sete vereadores do município, além de lideranças políticas da Região do Baixo Parnaíba. Centenas de populares manifestaram forte apoio à candidatura de Sarney Filho.

Situação semelhante marcou a visita ao município de Água Doce, onde o candidato ao Senado participou de reunião política organizada pelos vereadores Neto Cardoso, Salomão Filho e o ex-vereador Nonato Caranguejo, além de lideranças locais.

Em Tutoia, uma multidão festejou a presença do candidato em um evento organizado pelo ex-prefeito Diringa, que ressaltou a importância da eleição de Sarney Filho ao Senado. “Ele é um político competente, honesto. Muito nos ajudou enquanto estivemos à frente da prefeitura para melhorarmos a vida do povo tutoiense”, enfatizou.

Uma carreata com milhares de pessoas esperou os candidatos ao Senado e a candidata ao governo pelo grupo político em Paulino Neves. Ali, com o apoio do prefeito, Roberto Maués, da vereadora Ana Lúcia, e do presidente da Câmara, Manoelzinho, milhares de pessoas estiveram no comício, onde reforçaram o apoio a Sarney Filho.

A agenda encerrou em Barreirinhas com uma grande caminhada, seguida de comício, organizados pelo prefeito da cidade, Alberico Filho, que movimentou milhares de pessoas para apoiar os candidatos.

Já no sábado (22), Sarney Filho iniciou as visitas do dia em Bacabal, onde uma grande multidão seguiu em caminhada com o candidato, Roseana e Lobão. A grande manifestação se consolidou como uma das maiores já realizadas em toda a campanha. Ali, lideranças políticas municipais e candidatos a deputados estadual e federal declaram apoio a Sarney Filho.

Ainda no sábado,o o candidato ao Senado cumpriu agenda nos municípios de Satubinha, Paulo Ramos, Vitorino Freire, Olho D’água das Cunhãs, encerrando as atividades do dia em um comício em Lago da Pedra, organizado pelo ex-prefeito Luiz Osmani, que é a principal liderança daquele município.

No domingo (23), antes de participar de uma grande carreata na Raposa, Sarney Filho participou de comício pela manhã no povoado Ipuiru, em Tuntum, organizado pelo ex-prefeito Chico Cunha, que apoia a sua candidatura ao Senado.

Foto: Divulgação

1 comentário »