O torcedor do Sampaio não merece

1comentário
Torcedores amontoados na bilheteria do Castelão, que estava totalmente às escuras na derrota do Sampaio para o Paraná Clube

Torcedores amontoados na bilheteria do Castelão, que ficou totalmente às escuras na estreia tricolor na Série B

Mesmo debaixo de chuva e em um feriado com transporte público reduzido, a torcida do Sampaio Corrêa compareceu em bom número ao Castelão para assistir à estreia do time no Campeonato Brasileiro da Série B. Mais de 11 mil espectadores viram a derrota do Tricolor para o Paraná Clube por 2 x 0, segundo anunciado oficialmente. Além do resultado negativo, outro fato lamentável foi o verdadeiro suplício que muitos passaram para comprar o ingresso, tamanha a desordem que imperava na bilheteria.

Em primeiro lugar, havia apenas um ponto para compra das entradas e nenhuma indicação de onde era o local. Muitos torcedores tiveram que dar uma volta inteira no Castelão para encontrar a bilheteria. E ao achá-la, levava-se sempre um susto, pois além da extensa fila e da bagunça, o espaço estava completamente às escuras, um verdadeiro convite à bandidagem. Para piorar, não havia policiamento para acompanhar a venda de ingressos.

Faltando poucos minutos para começar a partida, fila para compra de ingresso era extensa e lenta

Faltando poucos minutos para começar a partida, fila para compra de ingressos era extensa, lenta e desorganizada

Com a escuridão, muitos torcedores tropeçaram em batentes, no meio-fio, em estruturas metálicas presas ao chão e nas grades de proteção. Alguns chegaram a cair e a se machucar. A indignação foi geral e por causa da desordem muitos só conseguiram entrar no Castelão com o jogo em andamento ou desistiram de assistir à partida.

Enfim, a estreia do Sampaio foi melancólica dentro e fora de campo. Além de torcer pela reabilitação do time, é preciso cobrar mais organização e segurança na venda de ingressos nos momentos que antecedem as partidas do Tricolor em São Luís, pois muitos não conseguem comprá-los antecipadamente.

A fiel torcida do Sampaio merece respeito e cabe à diretoria do clube fazer valer esse direito.

1 comentário »

Sem água, presas de Pedrinhas fazem motim

0comentário
Detentas carregam baldes com água retirada de reservatório que fica na parte externa do presídio feminino

Detentas retiraram água de reservatório localizado na parte externa do presídio (Fotos: Luís Silva/TV Mirante)

Sem água desde a Quinta-Feira Santa, detentas do Presídio Feminino do Complexo de Pedrinhas iniciaram um motim na manhã deste sábado. Revoltadas, elas queimaram colchões e fizeram quebra-quebra nas celas. O tumulto só foi contido após a intervenção do Grupo de Operações Penitenciárias (Geop) e da Polícia Militar.

Presa com criança no colo leva água para sua cela; abastecimento foi interrompido há dois dias

Presa com criança no colo leva água para sua cela; abastecimento foi interrompido desde a Quinta-Feira Santa

Acalmados os ânimos, tiveram que carregar água do reservatório que fica na parte externa da unidade prisional para satisfazer suas necessidades. Abaixo, nota da Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) sobre o motim:

A Secretaria de Estado da Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) informa que foi contido o início de tumulto promovido por detentas do Presídio Feminino, em São Luís, e ocorrido na manhã deste sábado (19).

Esclarece que o problema de interrupção no fornecimento de água naquela unidade, e que gerou toda a confusão, já foi solucionado por equipe de técnicos que fica de plantão 24 horas para atender ao sistema penitenciário. A causa foi uma pane elétrica que provocou a queima da bomba hidráulica.

A Sejap investiga as causas da pane, já que o mesmo problema foi detectado na quinta-feira (17), quando os técnicos também providenciaram a imediata troca do equipamento.

Presas tiveram que carregar água para limpar sujeira acumulada em celas e corredores durante o motim

Presas tiveram que carregar água para limpar sujeira acumulada em celas e corredores durante o motim

Vai e vem de detentas carregando água foi intenso durante a manhã, após o motim

Vai e vem de detentas carregando água foi intenso durante a manhã, após motim no Presídio Feminino

sem comentário »

Em Pedrinhas, preso armado rende monitor e vigilante, foge, mas é recapturado

1comentário
Munição e dinheiro apreendido com o preso fugitivo

Munição de 38 e dinheiro apreendido com o preso fugitivo

Como se não bastassem as quatro mortes registradas em Pedrinhas em menos de uma semana, um preso armado com um revólver rendeu ontem um monitor e um vigilante do Presídio São Luís I, considerado de segurança máxima, e fugiu. Não fosse a ação rápida da Polícia Militar e do Grupo de Operações Penitenciárias (Geop), seria mais um detento a ganhar as ruas, como tantos outros que já escaparam e até hoje continuam foragidos.

Alegando doença, o preso Mylon Silva Araújo, de 22 anos, foi retirado da cela sem ser revistado para receber atendimento médico na enfermaria do Presídio São Luís II. Tão logo foi retirada a algema, ele sacou um revólver calibre 38, dominou o monitor e o vigilante e deixou o presídio, indo em direção à linha férrea. O detento subiu em um pequeno morro, mas foi perseguido e recapturado por homens da PM e do Geop.

De forma surpreendente, Mylon conseguiu dispensar a arma, que não foi encontrada. Com ele, foram apreendidas apenas sete munições e a quantia de R$ 330,00 em espécie. O preso foi conduzido ao Plantão Central da Vila Embratel, onde foi autuado.

O caso expôs de forma inequívoca a negligência no acompanhamento de presos que deixam as celas por alguma circunstância, já que a revista é um procedimento básico de segurança. Felizmente, não aconteceu o pior.

1 comentário »

Roseana assina MP que garante benefícios à PM

1comentário

roseana pmA governadora Roseana Sarney assinou, nesta quarta-feira (16), a Medida Provisória nº 173/2014, que garante benefícios aos integrantes da Polícia Militar do Maranhão (PMMA). Entre as determinações, o documento acelera as promoções, cria novos cargos de coronel e diminui o tempo de interstício (prazo para ascensão de posto).

“Essa é mais uma medida de valorização da tropa, já beneficiada recentemente com o reajuste das gratificações pelo exercício de função e pela garantia de poder levar para a reserva a remuneração da última patente, mesmo que não tenha ficado cinco anos no último posto. Também foram garantidas melhorias nas condições de trabalho, com a nomeação dos 1.800 policiais que foram aprovados em concurso e estão reforçando o efetivo da corporação”, ressaltou a governadora Roseana.

A MP nº 173/2014 altera dispositivos da Lei nº 3.743, de 2 de dezembro de 1978, e da Lei nº 6.513, de 30 de novembro de 1995, mais conhecida como Estatuto dos PMs e BMs do Maranhão. Uma das alterações se dá quanto ao artigo nº 120 do Estatuto e se refere à transferência compulsória do policial para a reserva remunerada, já que o tempo máximo do policial militar na ativa passa a ser de 35 anos, mantidos todos os direitos até hoje conquistados.

A transferência também se dará quando este completar 5 anos no último posto do quadro, desde que tenha mais de 30 anos de contribuição (se for homem) e 25 anos (se for mulher). Não são alcançados pela decisão os oficiais que estejam nas funções de comandante geral da PMMA ou de chefe do Gabinete Militar do Governo.

Mais coronéis

O secretário de Segurança Pública, Ricardo Murad, ressaltou a criação de 4 postos de coronel. “O objetivo é intensificar e melhorar o desempenho da Polícia Militar nesse momento de violência que atravessam o Brasil e o mundo, além de garantir mais agilidade na carreira”, afirmou.

De acordo com a Medida Provisória, o tempo de permanência no posto de coronel também passa dos atuais 8 anos para apenas 5 anos. “Essas providências, acrescidas àquela tomada pela governadora Roseana que garante a passagem para a reserva do policial militar sem a exigência mínima de 5 anos no posto, muda por completo a estrutura atual, permitindo crescente e justa renovação dos quadros da corporação”, complementou Ricardo Murad.

A Medida Provisória também aborda os postos a serem assumidos pelos novos coronéis, à frente de três comandos e de uma diretoria recém-criados. As novas unidades são o Comando de Policiamento da Área Metropolitana 2 (CPAM 2), com ações abrangendo os municípios de São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar; o Comando de Policiamento da Área Metropolitana 3 (CPAM 3), englobando os bairros da Área Itaqui-Bacanga e do Distrito Industrial de São Luís; o Comando de Segurança Comunitária, responsável pelo planejamento e coordenação dos órgãos e USCs na capital e no interior; e a Diretoria de Inteligência e Assuntos Estratégicos, que trabalhará a análise de dados e informações de todo o setor.

Subordinados ao Comando Geral da PMMA, se somarão o já existente Comando de Policiamento da Área Metropolitana 1 (CPAM 1), que continuará a atuar com ações na área de São Luís – excetuando o Itaqui-Bacanga e o Distrito Industrial. As demais circunscrições dos comandos existentes continuam a vigorar.

Fonte: Secretaria Estadual de Comunicação (Secom)

1 comentário »

Polícia Civil terá plantões funcionando durante a Semana Santa

0comentário

polícia civil maranhãoA Polícia Civil estará redobrando a atenção durante o feriado da Semana Santa e de Tiradentes. Desta quinta (17) até a próxima segunda-feira (21), estarão sendo desencadeadas uma série de ações, com reforço nos 4 Plantões Centrais, além dos plantões da Delegacia Especializada de Homicídios e do 5º Distrito Policial (Anjo da Guarda), para atendimento de possíveis ocorrências durante a apresentação da “Via Sacra”, no Anjo da Guarda.

Pelo planejamento operacional, a Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC) designou um aumento nos efetivos dos plantões centrais da Vila Embratel, Reffsa, Cohatrac e Cidade Operária, que terão reforços a partir de quinta (17), e permanecerão abertos 24 horas por dia.

Além disso, nesta sexta-feira (18), ponto alto da encenação da Paixão de Cristo, no Anjo da Guarda, realizada todos os anos pelo Grupo Teatral Grita, a SPCC disponibilizará a população, um plantão extraordinário nas instalações do 5º Distrito Policial, para que o cidadão possa fazer o registro das ocorrências que porventura venham a surgir durante o evento.

Homicídios

Outra medida adotada é o funcionamento, em regime de plantão, da Delegacia Especializada de Homicídios. Para isso, foi feita uma escala com equipes de delegados, investigadores e escrivães que estarão se revezando nos 5 dias do feriadão.

A superintendente Katherine Chaves disse que essas ações visam manter a segurança da capital maranhense durante o feriado prolongado e atender a eventuais ocorrências registradas no período da Semana Santa.

Para dar um maior suporte aos trabalhos, foram incluídos ainda no plano de segurança, os efetivos das supervisões de Áreas Integradas (Saisp), que deverão fiscalizar, acompanhar e atender a ocorrências policiais. Os trabalhos fazem parte do Programa Polícia Civil nas Ruas, que prevê também a realização de operações, incursões e averiguações em bairros e regiões de grande concentração de pessoas e aquelas áreas que tenham registrado maiores índices de delitos.

“Vamos concentrar nossos esforços também nessas localidades com maiores problemas, abordando pessoas, veículos, coletivos, estabelecimentos no intuito de apreender drogas, armas e tirar criminosos de circulação, e desta forma, prevenir crimes”, informou.

Telefones importantes

- Ciops: 190

- Corpo de Bombeiros: 193

- Disque Denúncia: (98) 32235800 (capital), 0300 313 5800 (interior) e (98) 9224-8660 (whatsapp)

- Delegacia On Line: www.delegaciaonline.ma.gov.br

- Samu: 192

Fonte: Secretaria Estadual de Comunicação (Secom)

sem comentário »

Prefeitura de Paço do Lumiar lança edital para seletivo da Semus

3comentários

A Prefeitura de Paço do Lumiar, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), lançou edital para a realização de Processo Seletivo Simplificado, destinado a suprir possíveis carências temporárias do Sistema Municipal de Saúde, além de preencher o banco do cadastro reserva dos recursos humanos.

As inscrições serão realizadas no dia 24 de abril, na UEB Paranã, no Conjunto Paranã, das 08h às 18h, e constará apenas de avaliação de títulos. Os cargos são de nível superior e médio para atuação nos serviços da atenção básica e urgência e emergência.

Os candidatos classificados serão contratados pela Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar, com jornada de trabalho de 30 (trinta) horas ou 40 (quarenta) horas semanais, podendo ocorrer durante os turnos diurno e/ou noturno, de acordo com a conveniência e necessidade da SEMUS.

Mais informações devem ser consultadas no edital, disponível no site da Prefeitura de Paço do Lumiar (www.pacodolumiar.ma.gov.br).

3 comentários »

DEM declara apoio à pré-candidatura de Lobão Filho ao governo

0comentário

Com 11 prefeitos, dois deputados estaduais e dois minutos no horário eleitoral, sigla representa apoio importante

Lobão Filho com o presidente em exercício do DEM, Ricardo Guterres

Lobão Filho com o presidente do DEM, Ricardo Guterres

O presidente regional em exercício do DEM e secretário de Estado de Minas e Energia, Ricardo Guterres, declarou apoio total do partido à pré-candidatura do suplente de senador Lobão Filho (PMDB) ao governo. Por telefone, na última segunda-feira, Guterres anunciou ao peemedebista que a sigla democrata, aliada histórica do PMDB no Maranhão, se engajará ao projeto político, que, segundo ele, será bem sucedido.

Ricardo Guterres disse que Lobão Filho é um nome forte para disputar o governo. “Nosso grupo político fez uma ótima escolha. O senador Lobão Filho será um candidato competitivo, pois tem boas ideias, discurso firme e visão empreendedora. Ele tem tudo para manter o Maranhão no rumo do desenvolvimento”, assinalou.

Na conversa com o presidente do DEM, Lobão Filho pediu motivação ao partido para a construção de uma candidatura vitoriosa. Guterres garantiu que mobilizará toda a estrutura partidária para oferecer o melhor apoio possível, o que deixou o pré-candidato bastante satisfeito.

“Vamos traçar um plano para que possamos marchar juntos rumo à vitória”, afirmou, acrescentando que a Executiva estadual democrata, inclusive os dois deputados estaduais da legenda, César Pires e Antônio Pereira, se reunirá em breve para acertar os detalhes da aliança, que será oficializada em convenção partidária, em junho.

Com 11 prefeitos, dezenas de vereadores, dois deputados estaduais e dois minutos no horário eleitoral, o DEM representa um apoio importante para Lobão Filho, que deverá reunir em torno de sua candidatura a maior coligação partidária na eleição de governador do Maranhão.

Clóvis Fecury

Presidente do DEM no Maranhão, o suplente de senador Clóvis Fecury, no momento em viagem, já havia declarado apoio à pré-candidatura de Lobão Filho (PMDB) ao governo. Segundo ele, o peemedebista é um nome competitivo e de reconhecido trabalho desenvolvido no Senado. “Estamos juntos para trabalhar por essa vitória em outubro”, declarou.

sem comentário »

Bandido morre e dois policiais e uma jornalista são baleados em assalto

1comentário
Socorrista do Samu atende bandido baleado

Socorrista do Samu atende bandido baleado no assalto (Foto: Douglas Júnior) 

O assalto praticado no início da noite de ontem por uma quadrilha à casa lotérica Nossa Senhora de Fátima, na Avenida São Luís Rei de França, teve como salto um bandido morto e dois policiais e uma jornalista baleada. Um segundo bandido foi alvejado por três tiros e está internado em estado grave. Outro criminoso, identificado como Nicolas, foi preso, enquanto o quarto integrante do bando, de nome Breno, conseguiu fugir.

O bandido morto no assalto à lotérica, localizada no Posto Natureza, foi identificado como Erick, apelidado de Buriti. Seu comparsa, conhecido como Ribinha,  levou três tiros e está muito mal no Socorrão II.

Um dos policiais baleados foi o cabo PM Adeilson, atingido de raspão em um dos braços, mas não corre perigo. O outro, um civil, foi alvejado em um dos pés.

Jornalista

A jornalista Daniele Bello, que integra a equipe da Assessoria de Comunicação da Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema), estava dentro da casa lotérica na hora do assalto. No tiroteio, ela foi atingida de raspão no pescoço e foi encaminhada imediatamente ao Hospital Geral, onde passa bem.

Os quatro criminosos estavam sendo monitorados desde o fim da tarde, após uma tentativa assalto à agência dos Correios do conjunto Bequimão, o que possibilitou a ação imediata da polícia.

Pelo visto, as forças de segurança pública terão que intensificar o patrulhamento, já que a bandidagem parece disposta a tocar o terror na Ilha neste feriado prolongado.

1 comentário »

O tempo fechou

1comentário

A chuva voltou a castigar São Luís no início da tarde de hoje. Vários pontos da cidade ficaram alagados. A situação mais crítica ocorreu na Avenida Colares Moreira, no Renascença, nas imediações do Curso Wellington. Vários carros foram cobertos pela água, causando prejuízo aos proprietários.

Na Beira-mar, próximo à cabeceira da Ponte Governador José Sarney, a pista também ficou inundada, o que tornou trânsito ainda mais complicado.

A alta incidência de raios deixou as pessoas assustadas. Em alguns bairros, como o São Francisco, houve queda de energia. Veja algumas imagens do estrago causado pela chuva:

Ponto de alagamento na Avenida Beira-mar, próximo à cabeceira da ponte do São Francisco

Ponto de alagamento na Avenida Beira-mar, próximo à cabeceira da ponte do São Francisco

Vista aérea de trecho alagado da Avenida Colares Moreira, no Renascença

Vista aérea de trecho alagado da Avenida Colares Moreira, no Renascença

Carro foi coberto pela água da chuva nas imediações do Curso Wellington, no Renascença II

Carro foi coberto pela água nas imediações do Curso Wellington, no Renascença II

Carro foi coberto pela enxurrada em rua transversal à Avenida Colares Moreira

Carro foi coberto pela enxurrada em rua transversal à Avenida Colares Moreira

Três carros ficaram quase submersos em trecho em frente ao Curso Wellington

Três que estavam estacionados em frente ao Curso Wellington ficaram quase submersos durante o temporal

Outra imagem aérea de trecho alagado na Avenida Colares Moreira

Outra foto aérea de alagamento na Avenida Colares Moreira

1 comentário »

Saída temporária = aumento da violência?

0comentário
Feirante assassinado no São Francisco foi uma das vítimas

Feirante assassinado no São Francisco foi uma das vítimas (Foto: Douglas Jr.)

Coincidência ou não, foi só a Justiça liberar, ontem, 230 presos para a saída temporária da Semana Santa que a violência disparou na região metropolitana de São Luís. Desde que as mais de duas centenas de sentenciados ganharam as ruas para gozar o benefício previsto pela lei penal, nada menos que cinco assassinatos foram registrados na capital. Entre as vítimas estavam uma menina de nove anos e dois comerciantes.

O clima ficou tenso já no momento em que os apenados deixavam o Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Dois homens armados foram detidos pelo Batalhão de Choque quando observavam o movimento no portão do presídio no momento em que os detentos eram liberados. A polícia suspeita que eles estivessem à espreita de um dos presos para executá-lo.

Nas horas seguintes, houve uma sucessão de assassinatos. Dentre as vítimas estavam uma menina de nove anos, vítima de bala perdida na Vila Fialho, um feirante, pai de uma preso morto e decapitado em Pedrinhas ano passado, no São Francisco; e o dono de um depósito de material de construção, executado a tiros no Residencial Paraíso, na área Itaqui-Bacanga, sob a suspeita de vingança. Os outros dois homicídios aconteceram no Jaracati e na Cidade Olímpica.

Não há qualquer dado ou outro elemento técnico que confirme a relação entre a saída temporária de presos e o aumento da criminalidade. Por outro lado, são muitos os exemplos de detentos mortos ou envolvidos em assaltos, assassinatos e outros crimes em pleno período de vigência do benefício. Como agravante, tem o fato de que cerca de 30% dos beneficiados não retornam aos presídios ao fim do prazo da saída temporária e voltam a enveredar pelo mundo do crime.

Daí a necessidade de um estudo mais aprofundado das causas e consequências da violência na capital e demais municípios da região metropolitana.

sem comentário »