Deputado Wellington lamenta última posição do Maranhão em ranking de qualidade de vida

0comentário

Wellington conversa com pai e filha sobre ponte de madeira na Vila Itamar, na periferia de São Luís

O deputado estadual Wellington do Curso (PP) lamentou o resultado de pesquisa realizada pela consultoria Macroplan que mostra que o Maranhão é o estado com a pior qualidade de vida do país. O resultado da pesquisa foi publicado nesta quinta-feira (14), pela Revista Exame.

O Índice dos Desafios da Gestão Estadual (IDGE), desenvolvido pela consultoria, avalia a situação de todas as unidades da federação em 28 indicadores agrupados em nove áreas. O ranking vai de 0 a 1 – quanto mais próximo de zero, pior é a condição de vida no local. Com base nos números apresentados pela pesquisa, o deputado Wellington questionou QUAL A MUDANÇA QUE OCORREU NO MARANHÃO.

“De acordo com o levantamento, o Maranhão alcançou a pior pontuação (0,432) por apresentar um péssimo desempenho nas áreas analisadas — saúde, segurança, gestão pública, educação, juventude, infraestrutura, condições de vida e desenvolvimento social e econômico. Ao analisar os 28 indicadores, o estado vai muito mal em igualdade social. Houve uma perda significativa quanto à igualdade de renda. Já estamos há quase 03 anos nesse ‘novo momento’ e fica o questionamento: as mudanças são de fato ou apenas virtuais? Na propaganda? Os erros do passado continuam presentes? Em escolas abandonadas, hospitais sem estrutura e insegurança? ONDE ESTÁ A MUDANÇA? Precisamos de ações efetivas que, de fato, impliquem no desenvolvimento do nosso Maranhão”, questionou Wellington ao lamentar a situação.

sem comentário »

Por falta de prestação de contas na gestão de Léo Coutinho, Caxias está sem verba do Projovem

0comentário

Léo Coutinho não prestou contas de verbas do Projovem Urbano durante todo o seu mandato

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) comunicou à Prefeitura de Caxias a falta de prestação de contas de um recursos do Projovem Urbano no município, referente aos exercícios de 2013, 2014, 2015 e 2016, período que corresponde a todo o mandato do ex-prefeito Leonardo Coutinho (PSB). Por causa da pendência, a administração municipal está impedida de receber recursos o programa para contratação de 150 monitores para atuar na educação de jovens e adultos.

Sobre as possíveis penalidades a serem aplicadas a Léo Coutinho, o FNDE informou que já protocolizou representação junto ao Ministério Público Federal contra o ex-prefeito, que era o único responsável pela execução dos recursos.

A verba do Projovem Urbano destinada a Caxias tinha prazo de execução entre o primeiro e o último dia de cada ano. A data-limite para prestação de contas foi 2 de dezembro de 2016, mas, embora ainda estivesse no pleno exercício do cargo, o ex-prefeito não providenciou a comprovação dos gastos.

Omissão

Ao comunicar a pendência à Prefeitura de Caxias, o FNDE classificou o ato como omissão. O fundo informou, ainda, que Léo Coutinho foi diligenciado, automaticamente, pelo Sistema de Gestão de Prestação de Contas (SiGPC), por meio de ofício datado de 6 de dezembro de 2016, a cumprir o que determina o Parágrafo Único do Art. 70 da Constituição Federal e a Resolução CD/FNDE nº 08, de 16/04/2014, ou a recolher recursos, sob pena de adoção de medidas de exceção.

Diz ainda o FNDE que o ex-prefeito tomou ciência da cobrança em 27 de dezembro de 2016, conforme Comprovante de Ciência – SiGPC Contas Online. “Entretanto, expirado o prazo concedido no mencionado ofício, o responsável não providenciou adimplir a obrigação de prestar contas, tampouco efetuar o recolhimento dos recursos”, assinalou o fundo.

Registrou ainda a autarquia que o Léo Coutinho é responsável pela assinatura, aplicação e execução dos recursos, considerando que as Ordens Bancárias (OBs) foram repassadas em sua gestão.

O FNDE informou que todas as medidas administrativas com vista à apresentação da prestação de contas foram esgotadas e que o caso reúne todos os elementos para instauração de Tomada de Contas Especial.

Abaixo, ofícios encaminhados pelo FNDE à Prefeitura de Caxias comunicando a falta de prestação de contas:

sem comentário »

Vitalmed São Luís lança serviço de proteção médica a eventos e empresas

0comentário

Com sede na Avenida dos Holandeses, a Vitalmed São Luís é pioneira na oferta de serviço de proteção médica diferenciada para eventos e empresas na cidade

O fim do ano vai se aproximando e com ele grandes festas e eventos, além de shows e convenções empresariais. E para todos esses eventos a segurança é sempre necessária e um grande diferencial. E a novidade é que a Vitalmed São Luís, empresa especializa em atendimentos médicos de emergência e urgência e pioneira no ramo em São Luís, oferece um novo serviço de proteção médica a eventos e empresas que vai dar mais segurança e alto valor agregado aos seus contratantes.

O serviço visa garantir o bem estar e a proteção aos públicos envolvidos, e oferece cobertura médica em eventos de diversos portes e tipos, tais como: Shows, eventos agro-pecuários, eventos corporativo, congressos e feiras, ações promocionais, concursos públicos e privados, eventos religiosos, esportivos e sociais (casamentos, formaturas, aniversários).

Cobertura

Frota da Vitalmed, pronta para atender os clientes a qualquer momento

As opções de cobertura variam de acordo com o porte, tipo e características do evento. O serviço de proteção médica pode ser prestado por intermédio de postos médicos devidamente equipados e/ou através Unidades Avançadas equipadas com aparelhos de suporte avançado de vida.

Quem contrata esse serviço demonstra zelo e responsabilidade e conta com diversos benefícios. O ganho de imagem e reputação da empresa organizadora é imenso, uma vez que o público percebe o profissionalismo do evento e a preocupação com a segurança e bem-estar dos participantes. E ainda cumpre as necessidades legais inerentes desse tipo de atividade.

Entre as empresas que já contrataram esse serviço da Vitalmed em nível nacional estão marcas como Avon, Vale, Boticário, Bradesco Saúde, Caixa, Costa do Sauípe, Ford, GM, Odebrecht, Petrobrás, TV Globo, Unilever e Votorantim.

Os interessados nesse tipo de serviço podem solicitar mais informações ou agendar uma reunião com a equipe da Vitalmed São Luís pelo fone (98) 40203215.

sem comentário »

Marcial Lima intercede por asfalto no João Paulo, Jordoa, Coroado, Filipinho e bairros vizinhos

3comentários

Marcial Lima expôs reivindicações de moradores do João Paulo, Jordoa, Coroado, Filipinho e bairros vizinhos

Em pronunciamento na tribuna, o vereador Marcial Lima, líder do PEN na Câmara Municipal de São Luís, destacou a reunião que teve com moradores do complexo habitacional que compreende os bairros João Paulo, Jordoa, Coroado, Redenção, Quintas do Machado, Sitio Leal e Filipinho. Marcial se disse satisfeito com a boa receptividade da comunidade.

“Por onde passamos, o povo reivindica, gosta da presença do vereador. Essas visitas incentivam novos pronunciamentos na tribuna da Câmara. Tem sido assim nossa caminhada”, enfatizou.

Como bom interlocutor entre o povo e poder público, Marcial repercutiu a manifestação dos populares, que disseram aprovar a recuperação asfáltica da Avenida São Marçal, mas reivindicam obras de pavimentação dentro dos bairros onde moram. “O povo cobra do Governo do Estado e da Prefeitura de São Luís que o mesmo asfalto aplicado na Avenida São Marçal chegue ao interior dos bairros”, assinalou.

Segundo o vereador, a comunidade demonstrou receio de que as máquinas usadas no asfaltamento deixem o canteiro de obras, restando às ruas próximas apenas uma operação tapa-buracos. “Qualquer leigo sabe, não precisa ser engenheiro para entender que uma simples operação tapa-buracos resolverá o problema do João Paulo, da Jordoa, do Filipinho, do Coroado, da Quintas do Machado e da Redenção”, observa. “Tem que ser asfalto novo e a comunidade está mais do que consciente disso”, diz, anunciando a intenção dos populares de fazer uma manifestação pacífica, no próximo dia 23, no Filipinho, em frente ao Farol da Educação.

Ainda sobre o ato, Marcial Lima garante que os participantes do protesto em nenhum momento atrapalharão a vida da cidade. “O que a comunidade vai dizer, para o mundo inteiro ouvir, é que ela precisa de asfalto novo”, frisa. O vereador sugere que a Prefeitura de São Luís busque diálogo com os moradores enquanto as máquinas ainda estão no local, e informe o projeto que está previsto para a região.

Como exemplo de precariedade do asfalto na área, ele citou o retorno de quadra da Jordoa usado pelos condutores que se deslocam entre o Viaduto do Café e esse bairro. “Ali não adianta mais fazer tapa-buraco. É uma situação de completo abandono”, aponta, lembrando que as pessoas o abordam nas ruas para que ele interceda em busca da solução do problema.

Sem intérpretes

No início do discurso, o vereador lamentou a ausência nas sessões da Câmara Municipal de São Luís de intérpretes de língua de sinais. “Em todas as casas legislativas deste país há intérpretes para transmitir o que estamos falando na tribuna a pessoas portadoras de deficiência auditiva”, comparou.

3 comentários »

Thaís Moreno na morte do Boi de São José de Ribamar

0comentário

A cantora Thaís Moreno cumpre mais uma agenda lotada de shows neste fim de semana. A maratona de apresentações começa nesta sexta-feira (15), na orla marítima de São Luís, e se encerrará domingo (17), na tradicional festança da morte do Boi de São José de Ribamar.

Logo mais, às 23h30, Thaís Moreno volta a subir ao palco do Beach Bar, na Avenida Litorânea (Praia do Calhau), point onde a artista já é figurinha carimbada e bastante requisitada pelo público, que sempre retribuiu seu talento e o carisma com aplausos e outras manifestações de carinho.

Sábado, dia 16, a cantora animará dois eventos particulares. O primeiro será na Chácara dos Corações (Turu), às 22h. Às 00h30, ela canta e encanta convidados e anfitriões em uma recepção no buffet Rosa Bacelar.

Ribamar

Fechando a agenda, domingo, às 22h, a cantora fará show na festança da morte do Boi de São José de Ribamar. O batalhão, conhecido popularmente por brincantes e simpatizantes como o Pai da Malhada, realiza o ritual festivo da matança de sábado (16) a segunda-feira (18), com show de toadas, animação de bandas de forró, arrocha e outros ritmos.

A artista convida todos a comparecer ao evento, que além de preservar as raízes folclóricas do Maranhão, terá vasta programação de shows musicais. “Domingo, nosso encontro está marcado em São José de Ribamar”, avisa Thaís Moreno.

sem comentário »

Mosaico de ritmos no fim de semana do Mokai Lounge Bar

0comentário

Samba, Pagode Retrô, Sertanejo e Forró das Antigas no line up

A dupla sertaneja Dam & Nay, que se anima o sábado (16.09) no Mokai Lounge Bar, além de muito forró das antigas

Um final de semana de ritmos dançantes e bem animados, para reunir a galera e se jogar na pista! Essa é a proposta do Mokai Lounge Bar, na Av. dos Holandeses.

O grupo Negro Som comanda a noite de Samba & Pagode Retrô no Mokai nessa sexta (15.09)

Nessa sexta (15.09) tem Samba & Pagode Retrô. E quem comanda a festa são dois dos melhores grupos da cidade, Sambaceuma e Negro Som.

O Sambaceuma, de Marcelo Bala, se apresenta nessa sexta (15.09) em noite de Samba & Pagode Retrô no longe do Mokai, na Av. dos Holandeses

 

Já no sábado (16.09) tem a dupla sertaneja Dam & Nay, além de forró das antigas. Sempre à partir das 22h, mas com ingressos à venda no Mokai.

Segue vídeos com uma pequena amostra das atrações musicais que se apresentarão no Mokai:

sem comentário »

Maranhão exibe piores indicadores econômicos e sociais a partir de 2015, aponta estudo

0comentário

Estado ocupa últimas posições do ranking geral da pesquisa na maioria dos indicadores avaliados

O Maranhão apresentou péssimo desempenho no terceiro Estudo Desafios da Gestão Estadual (DGE), que analisou os efeitos da crise nos estados, comparando os cenários econômico e social das 27 unidades da federação com o patamar exibido em 2014. A pesquisa, realizada pela consultoria Macroplan, constata que a partir de 2015, primeiro ano do governo Flávio Dino (PCdoB), o estado apresentou os piores resultados na maioria dos indicadores pesquisados e no ranking geral.

O estudo analisou 28 indicadores de nove áreas específicas – educação, juventude, saúde, segurança, infraestrutura, desenvolvimento econômico, desenvolvimento social, condições de vida e institucional. Em cinco delas (educação, juventude, saúde, desenvolvimento social e condições de vida), o Maranhão ocupa as três piores posições. O levantamento aponta um expressivo retrocesso no biênio 2014-2015. Os dados comprovam que já em seu primeiro ano de gestão, o governador Flávio Dino foi incapaz de posicionar o estado nem mesmo em posições intermediários nos setores avaliados.

O destaque local mais negativo foi a área de desenvolvimento social. Nesse quesito, o Maranhão passou a ocupar a lanterna em 2015, após sucessivos anos acompanhando o ritmo nacional de crescimento, cujo ápice foi registrado em 2014, quando o percentual de pobres por região atingiu a mínima histórica.

O diretor da Macroplan responsável pelo estudo, Gustavo Morelli alerta que o quadriênio de 2015-2018 deverá ser perdido do ponto de vista de avanços que reduzam a distância do Brasil de países desenvolvidos, situação que se agrava no Maranhão por seu desempenho pífio em relação a outras unidades federativas.

Ranking geral

No ranking geral do IDGE – que sintetiza o desempenho dos estados no conjunto dos indicadores – São Paulo, Santa Catarina, Distrito Federal, Rio Grande do Sul e Paraná, ocupam as melhores posições. Na lanterna ficam Roraima, Pará, Piauí, Alagoas e Maranhão.

sem comentário »

Maranhão marca presença no Encontro Mundial de Chefs

0comentário

Elementos da culinária maranhense vão ser apresentados em SP

Encontro foi idealizado pelo conceituado Chef Luiz Farias, gerente Nacional de Serviços e Atendimento ao Cliente da Bunge Brasil

O renomado Chef de cozinha, Luciano Rosa, que assina a gastronomia do Spazzio Mateus, vai representar o Maranhão em um dos eventos internacionais mais importantes do segmento, o Encontro Mundial de Chefs. O evento vai ser realizado em Guararema-SP, entre os dias 21 e 24 de setembro. Os mais destacados profissionais da área ao redor do planeta vão se reunir para discutir, entre outras questões, o futuro da chamada gastronomia sustentável.

No Encontro, Luciano Rosa vai apresentar exemplos de como as raízes locais podem ser valorizadas em preparações sofisticadas e vanguardistas. “Elementos típicos de um povo e traços da cultura são valorizados quando os ingredientes mais marcantes são utilizados como referências no preparo de um prato. É a reivenção, com um novo olhar, uma nova leitura, mas com o DNA preservado”, destaca o Chef.

Carreira impecável

O Chef Luciano Rosa tem gosto requintado, olhar atento e paladar apurado, além de uma carreira memorável. Natural de Ourinhos-SP, o Chef Executivo do Spazzio tomou gosto pela culinária ainda na infância, por influência da mãe, a quem ele ajudava nas tarefas domésticas. Profissional dedicado, Luciano fez especialização em Gelateria e Comida Francesa, na Europa. Por 11 anos, Luciano Rosa ocupou o posto de Chef Executivo na Unilever, gigante da indústria alimentícia. Em 2001, Luciano representou o Brasil na Copa Mundial de Gastronomia, na Espanha, onde ficou em 2º lugar.

Entre as grandes realizações, no Brasil, o Chef participou da montagem do cardápio dos Papas João Paulo II e Bento XVI, durante as visitas dos pontífices ao país. No Maranhão há 5 anos, Luciano Rosa é responsável por toda a área gastronômica do Grupo Mateus.

Encontro mundial

O Encontro inédito foi lançado em São Paulo, em junho deste ano. O evento, cujo tema será “Compartilhando Conhecimento”, foi idealizado pelo conceituado Chef Luiz Farias, gerente Nacional de Serviços e Atendimento ao Cliente da Bunge Brasil. O objetivo é debater o futuro de uma gastronomia mais sustentável e responsável.

Temas como o custo da alimentação ao planeta e sustentabilidade por meio dos ingredientes serão debatidos durante os quatro dias do evento, que acontece no Guararema Parque Hotel Resort, em Guararema, cidade paulistana que respira responsabilidade social e ambiental.

O encontro reunirá importantes nomes da gastronomia brasileira e internacional, além de representantes da indústria de alimentos, produtores, escolas de gastronomia e outros profissionais da área.

Serviço

O que: Encontro Mundial de Chefs
Quem: Chef Luciano Rosa representa o Maranhão
Quando: De 21 a 24 de setembro
Onde: Guararema (SP)

sem comentário »

Wellington vota a favor da ampliação da idade máxima para ingressar na PM

1comentário

Wellington destacou que defende, inclusive, a ampliação da idade não apenas para 30, mas sim para 35 anos

Durante a sessão plenária desta quinta-feira (14), o deputado estadual Wellington do Curso (PP) votou favorável à Medida Provisória Nº 244/2017 que altera o Estatuto dos Policiais Militares do Maranhão. A MP amplia de 28 para 30 a idade máxima para ingressar na Polícia Militar.

Ao justificar o voto favorável, o deputado Wellington destacou que defende, inclusive, a ampliação da idade não apenas para 30, mas sim para 35 anos.

“Votamos a favor da Medida Provisória porque estamos, desde o início do nosso mandato, em defesa dos agentes de segurança pública. Defendemos a ampliação da idade não apenas para 30, mas sim para 35 anos. Inclusive, deixo aqui essa solicitação que não é minha, mas sim de homens e mulheres que sonham em defender a sociedade maranhense. O ideal é que tivéssemos um projeto de lei e não uma medida provisória, mas ainda assim, manifestamos nosso voto favorável e contamos com a coerência social para que apreciem a possibilidade de ampliar a idade para 35 anos”, disse Wellington.

Ainda ao se pronunciar, o deputado Wellington defendeu pontos importantes como a reserva de 30% das vagas para mulheres; a diminuição da altura mínima de 1,65m para 1,60m para o sexo masculino e redução de 1,60m para 1,55m para o sexo feminino.

1 comentário »

Vereador Cézar Bombeiro quer cumprimento de lei federal que prevê instalação de bibliotecas em escolas

2comentários

Cézar Bombeiro quer cumprimento de lei que prevê instalação de bibliotecas em escolas

A Lei Federal nº 12.244/2010, que entrou em vigor em maio deste ano, dá prazo de 10 anos para que estados e municípios, responsáveis pelas escolas públicas de educação básica; as 17 universidades federais que têm colégios de aplicação e as entidades mantenedoras das escolas privadas instalem bibliotecas em suas unidades de ensino.

Dados do Censo Escolar 2009 revelam que a maioria das escolas públicas da educação básica e parte dos estabelecimentos privados não têm bibliotecas. Das 152.251 escolas de ensino fundamental, 52.355 têm bibliotecas ( e 99,8 mil não têm).

Preocupado com números tão desfavoráveis, o vereador Cézar Bombeiro (PSD) colocou em pauta e teve aprovado um requerimento de sua autoria por meio do qual solicita ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) que seja incluído no Plano Plurianual (PPA), a ser apresentado neste ano, o cumprimento da referida lei.

“Pretendemos que seja cumprida a lei e que quando for cumprida e implantada, que se contrate um profissional da área, ou seja, um bibliotecário com formação superior e não apenas uma auxiliar”, defende Cézar Bombeiro.

2 comentários »