Polícia Civil prende homem por tráfico de drogas e aprende 102 tabletes de entorpecentes em Porto Franco (MA)

0comentário

A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA), conseguiu apreender na manhã desta segunda-feira (22), 102 kg de cocaína e crak no município de Porto Franco, à cerca  de  729 km de  São Luís. Durante a operação policial, um homem foi preso em flagrante por tráfico de drogas.

Segundo informações da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), após uma minuciosa investigação de mais de 30 dias, os policiais civis conseguiram lograr êxito em identificar e abordar o condutor do caminhão, que estava transportando soja do estado do Mato Grosso com destino a São Luís.

Ainda de acordo com as informações, a equipe policial dando segmento nas investigações, conseguiu encontrar em um fundo falso, 56 kg de cocaína e 46 kg de crack que estavam em baixo da carga de soja.

Vale destacar que os entorpecentes apreendidos totalizam um prejuízo para o tráfico de aproximadamente R$ 4 milhões. Na operação, além dos entorpecentes, foi apreendida a carreta que realizava o transporte das drogas.

sem comentário »

Inscrições para a Olimpíada Nacional de Eficiência Energética 2024 estão abertas

0comentário

Competição espera receber 200 mil alunos e terá participação da Equatorial Maranhão e demais concessionárias distribuidoras de energia elétrica do Brasil

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e o Instituto Abradee da Energia, ligado à Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (ABRADEE) anunciaram, nesta segunda-feira (15), o lançamento da Olimpíada Nacional de Eficiência Energética (ONEE) 2024 com expectativa de alcançar mais de 200 mil alunos. A competição visa engajar estudantes de todo o país em atividades que promovam a eficiência energética e a sustentabilidade, além de incentivar a educação sobre o consumo consciente de energia. Este ano, a ONEE terá a participação recorde de todas as concessionárias de distribuição de energia elétrica do Brasil, inclusive, da Equatorial Maranhão.

A edição de 2024 será organizada pela EDP Espírito Santo Distribuição de Energia, sob coordenação do Instituto Abradee, e viabilizada através dos recursos do Programa de Eficiência Energética gerido pela ANEEL. Estima-se que pelo menos 9,6 mil professores e 3,1 mil escolas participem da ONEE em 2024. As inscrições para estudantes do 8º e do 9º ano das redes pública e particular começaram no dia 15 de julho e podem ser realizadas pelos professores das escolas por meio do endereço https://www.onee.org.br/.

Em agosto, começam as ativações educativas e, em outubro, os estudantes enfrentarão provas e dinâmicas, incluindo jogos voltados para a resolução de problemas relacionados à eficiência energética.

Prêmios e engajamento estão em jogo

Os participantes serão classificados e premiados com medalhas de ouro, prata e bronze. Os melhores de cada estado serão convidados para uma cerimônia especial em Brasília, na sede da ANEEL, prevista para ocorrer em novembro. Além da distribuição de medalhas, está garantida a entrega de um notebook para os primeiros classificados de cada estado. Os estudantes agraciados com medalhas de ouro, prata e bronze na ONEE estarão automaticamente classificados para a 2ª fase da Olimpíada Nacional de Ciências (ONC) do ano seguinte, sem a necessidade de participação na 1ª fase da ONC.

Sandoval Feitosa, diretor geral da ANEEL, reforça a importância da iniciativa. “Estamos entusiasmados com a edição de 2024 da ONEE. Nosso objetivo, ao tornar o projeto permanente no calendário de ações educativas, é justamente conscientizar as novas gerações sobre a importância do consumo consciente de energia, essencial para um futuro sustentável”, informou Sandoval.

Marcos Madureira, presidente da ABRADEE, destacou a participação recorde das distribuidoras de energia do país. “Após os primeiros anos do projeto, a Olimpíada de Eficiência Energética se consolida, em 2024, como uma iniciativa importante capitaneada pelas distribuidoras de energia dentro do Programa de Eficiência Energética. Temos um potencial enorme de conscientização sobre a essencialidade da energia elétrica e como ela pode influenciar o presente e o futuro desses jovens”, disse Madureira.    

A ONEE 2024 promete ser um marco na educação sobre eficiência energética no Brasil, unindo estudantes, professores e distribuidoras de energia em prol de um futuro mais consciente e sustentável.

Cronograma:

  • Inscrições: de 15 de julho a 04 de outubro
  • Formação de professores: 22 de julho a 05 de outubro
  • Provas e Desafios (FASE I e II): 07 a 12 de outubro
  • Resultado: 25 de outubro
  • Evento de premiação: novembro

Passo a passo:

Na primeira fase, os alunos participam de desafios em formato de games a serem resolvidos sobre o tema da olimpíada. E na 2ª fase são propostas questões objetivas sobre o assunto, que devem ser resolvidas no aplicativo ou no site da ONEE. Os desafios e provas ocorrem em agosto e setembro, respectivamente.

O ONEE oferece curso de formação gratuito para estudantes e professores que participarem do evento. O curso possui três módulos que abordam os seguintes assuntos: introdução à energia e suas transformações; fontes e matrizes energéticas; produção/geração de energia e consumo consciente; uso seguro da energia elétrica e ações de eficiência energética e combate ao desperdício.

Mais informações: https://www.onee.org.br/

Agência A+ (ABRADEE)

Larissa Haddock Lobo | 21. 99998-4687– [email protected] 

sem comentário »

Presidente do TJMA visita a Casa da Mulher Brasileira de São Luís

0comentário

Judiciário avalia transferir a 4ª Vara da Mulher para o local; atualmente, a unidade funciona no Fórum Des. Sarney Costa

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Froz Sobrinho, visitou nesta segunda-feira (22/7), a Casa da Mulher Brasileira de São Luís, local que centraliza diversos serviços de atendimento e acolhimento às mulheres em situação de violência doméstica e familiar, e onde funciona a 2ª Vara da Mulher da Capital, responsável por processar as Medidas Protetivas de Urgência (MPU´s) previstas na Lei Maria da Penha.

A visita foi acompanhada pelo desembargador Cleones Seabra Cunha, presidente da Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça do Maranhão – CEMULHER/TJMA; e contou com a participação do procurador-geral de Justiça, Danilo de Castro Ferreira; da secretária da Mulher, Abigail Cunha; da juíza titular da 2ª Vara da Mulher de São Luís, Lúcia Helena Heluy; do Assessor de Relações Institucionais do TJMA, juiz Douglas da Guia; da coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Mulher e promotora de Defesa da Mulher, Selma Martins; do promotor de Justiça da 1ª Promotoria de Justiça Cível de São Luís, Gladston de Araújo; da delegada de Polícia Civil e diretora da Casa da Mulher Brasileira, Wanda Moura; da delegada coordenadora das Delegacias da Mulher no Maranhão, Kazumi Tanaka; e da capitã da Polícia Militar do Maranhão e coordenadora da Patrulha Maria da Penha de São Luís, Camila Bispo; e da ouvidora da Mulher do Judiciário do Maranhão, servidora Danyelle Bittencourt.

Durante a visita, os desembargadores do Tribunal de Justiça conheceram o espaço e a estrutura de funcionamento dos órgãos da Rede de Proteção, e verificaram a possibilidade de transferência da 4ª Vara da Mulher para o local, onde já funciona a 2ª Vara da Mulher, de forma que essas duas unidades judiciais de 1º Grau, responsáveis pelo recebimento, análise e concessão das medidas protetivas, possam funcionar no mesmo prédio, garantindo rapidez e acessibilidade à Justiça para as mulheres em situação de Violência Doméstica e Familiar.

A comitiva também verificou a existência de espaço físico para instalação da Perícia Oficial nas dependências da Casa da Mulher Brasileira. Atualmente, as mulheres vítimas de violência precisam se deslocar até o prédio do Instituto Médico Legal (IML), na Cidade Universitária Dom Delgado/UFMA, uma distância de quase 10 km, para fazer exames de corpo de delito, o que por vezes provoca a desistência e impede a continuidade dos processos com a comprovação daquele fato, causando revitimização.

O presidente do TJMA destacou a importância da visita realizada por todos os representantes da Rede de Proteção à Mulher, com intuito de buscar melhorias que fortaleçam os serviços prestados pela Casa. “O objetivo é a efetivação da proteção integral à mulher. Verificamos os espaços e as melhorias necessárias para que possamos avançar com mais serviços no local, aprimorando o excelente atendimento que já é prestado por todos os órgãos que integram a rede”, pontuou.

O desembargador Froz Sobrinho também agradeceu à representação da Casa da Mulher Brasileira e 2ª Vara da Mulher, pela parceria de sucesso durante o Arraial do Ipem, realizado em São Luís, onde foram divulgados os canais de denúncia, além de ações e projetos de combate à Violência Doméstica e Familiar da Rede Proteção no Estado.

sem comentário »

Jornalista Lucas Vieira falará nesta sexta sobre negócios digitais no TV UFMA Talks

0comentário

O jornalista, podcaster e empreendedor Lucas Vieira conversará nesta sexta-feira, 26, com universitários, profissionais de comunicação e empreendedores locais sobre o tema “Negócios Digitais”, empreendimentos que oferecem produtos ou serviços on-line. A tecnologia e a internet são estratégias dos negócios digitais. O evento é gratuito e terá início às 10h, no Estúdio 2 da TV UFMA. A apresentação integra o calendário de trabalho do TV UFMA Talks.

Para garantir o certificado de participação pelas quatro horas do evento os interessados deverão fazer a sua inscrição como público interno no link https://www.sympla.com.br/tv-ufma-talks—negocios-digitais__2558129?token=fe13deb15efcb668222bec1698ea75a5.

Inovação com a Volts – Lucas Vieira possui vasta experiência em ancoragens ao vivo, reportagens de comportamento, coberturas políticas e factuais. Com quase 10 anos de atuação no Grupo Mirante, Lucas trabalhou nos portais G1 Maranhão, Imirante.com e no jornal O Estado do Maranhão.  Apresentou projetos na TV Mirante, incluindo especiais de São João e o boletim de notícias “G1 em 1 Minuto”, além de participar do Bom Dia Mirante.

Coordenou o setor de entretenimento do Grupo Mirante, foi diretor do Programa Daqui e jornalista do jornal O Imparcial. Criou ainda a start-up de jornalismo cultural Volts, que também desenvolveu iniciativas no setor de eventos, varejo e educação.  Atualmente é chefe da assessoria de comunicação da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), onde trabalha com produtos de marketing, conteúdo e imprensa.

TV UFMA Talks – Lucas Vieira apresenta ainda um podcast no Spotify sobre a relação entre mídia e sociedade. O projeto TV UFMA Talks reúne profissionais altamente experientes em suas áreas de atuação para discutir temas relevantes e atuais. Já participaram do projeto renomados jornalistas como Alex Barbosa, Regina Sousa, Edízio Moura, Márcio Carneiro, Larissa Régia, Juliana Silveira, Cecília Leite e Aline Mendes.

sem comentário »

Grupo Fribal Forma Nova Turma de Açougueiros(a) em programa interno de desenvolvimento

0comentário

Programa “Formando Especialistas” reforça compromisso com capacitação profissional

Nova turma de especialistas açougueiros formados no programa da Fribal “Formando Especialistas – Categoria Açougueiro(a)”

O Grupo Fribal celebrou a formação de uma nova turma do programa “Formando Especialistas – Categoria Açougueiro(a)” no último dia 10 de julho; o que demonstra o compromisso contínuo da empresa com a capacitação e desenvolvimento profissional de seus colaboradores.

Essa nova turma treinou e promoveu 22 novos(as) açougueiros(as) – com duas mulheres entre os formados – que já estão atuando nas lojas do grupo. Trata-se de um programa amplo de treinamento e desenvolvimento, que une aulas práticas e teóricas adotada pela Fribal para garantir um alto padrão de seus serviços e qualidade.

Durante aproximadamente dois meses, os participantes foram imersos em aulas intensivas abrangendo questões como qualidade, segurança, técnicas de corte e desossa. Essa combinação de conhecimento teórico e experiência prática é projetada para integrar os novos açougueiros de maneira eficaz às operações diárias das lojas, elevando o nível de profissionalismo e habilidade.

Thayse Layse, Analista de Gestão de Gente da Fribal, destacou a importância do programa para a jornada profissional dos participantes e ressaltou que a jornada de crescimento na Fribal é contínua, com outras formações e muitas oportunidades para quem já trabalha na organização:

“Para a Fribal é muito gratificante contribuir para a carreira desses profissionais em sua jornada na empresa. Eles(as) agora estão mais capacitados(as) e habilitados(as) para exercerem suas novas funções. Além disso, este programa é apenas o início de uma trajetória de ascensão na empresa. Futuramente eles darão mais um passo para participar das nossas outras escolas, que é o caminho de crescimento que trilhamos aqui dentro da empresa. É uma oportunidade que a Fribal dá a esses especialistas, de construírem suas carreiras profissionais na empresa. Agradecemos essa oportunidade de poder estar contribuindo com todo o planejamento para que esses profissionais possam abraçar as oportunidades de crescimento nessas escolas de formação”, disse Thayse Layse, Analista de Gestão de Gente do Grupo Fribal.

Oportunidade para crescer! Foi o que sempre sonhou Thayslane Scarlet Morais dos Santos quando começou a trabalhar. Ela já teve várias ocupações como pintora, ajudante de construção civil, serviços gerais e limpeza, mas sempre sem carteira assinada por falta de capacitação e experiência, até entrar na Fribal:

“As empresas pedem sempre profissionais com experiência comprovada. Mas como ter experiência sem uma oportunidade? Depois de muitos bicos, finalmente encontrei na Fribal a oportunidade que precisava para crescer. Finalmente aos 28 anos tive meu emprego de carteira assinada. Há 3 anos entrei na Fribal como balconista, para trabalhar na loja do Maiobão II” relata Thayslane do Santos que foi uma das especialistas formadas na nova turma de açougueiros(a).

A mais nova açougueira formada pela Fribal Thayslane Scarlet Morais dos Santos, que trabalha na loja da Fribal no Maiobão III

Ela mora e trabalha no Maiobão, e hoje aos 31 anos se sente feliz por estar em uma empresa que oferece oportunidades de aprendizagem e de crescimento profissional:

“Desde que entrei na Fribal sempre tive interesse em aprender mais sobre o setor de carnes. Tudo que sei aprendi na Fribal e quando fui convidada para participar desse curso e me tornar uma açougueira profissional vibrei muito. Agora quero caprichar na minha função e também quebrar esse preconceito que algumas pessoas ainda têm sobre a função, que antes era muito masculina. AS mulheres podem fazer tudo, desde que tenha uma oportunidade de aprender como eu tive na Fribal. Já sonho em seguir crescendo e um dia me tornar Supervisora de Corte. Sou muito grata à Fribal por apostar em mim” disse a nova especialista açougueira Thaylsane dos Santos.

Mais que um programa de formação, trata-se de uma filosofia da empresa valorizar os colaboradores e estimular seu crescimento no Grupo, como destaca o Presidente da Fribal:

“O programa “Formando Especialistas” é apenas uma parte do amplo projeto de treinamento e desenvolvimento da Fribal, refletindo um investimento significativo na capacitação da nossa força de trabalho. Para nós, a educação contínua e o aperfeiçoamento das habilidades dos nossos colaboradores são pilares centrais para o sucesso” declarou o Presidente do Grupo Fribal Carlos Francisco de Oliveira.

sem comentário »

Sofre de insônia? Veja alguns alimentos que podem te ajudar a melhorar a qualidade do sono

0comentário

Só quem sofre com insônia sabe a agonia que é tentar dormir e não conseguir. Mas você sabia que parte da dificuldade em colocar a cabeça no travesseiro e sonhar com os anjinhos pode estar na sua alimentação? 

Alguns alimentos podem auxiliar nesse processo, que é essencial para manter a saúde física e mental em dia. De acordo com um estudo recente publicado no Journal of Clinical Sleep Medicine, manter uma dieta equilibrada com alimentos ricos em nutrientes específicos pode melhorar significativamente a qualidade do sono. Os pesquisadores descobriram que indivíduos que consumiram mais triptofano e magnésio tiveram uma melhor qualidade de sono. A nutricionista Paula Talita, do Grupo Mateus, explica que consumir alimentos ricos em ômega-3, triptofano e magnésio pode ajudar a melhorar a qualidade do sono.

Mas onde encontrar esses nutrientes? “Na linhaça, chia, sardinhas e atum você encontra o ômega-3, que ajuda a regular a produção de melatonina, o hormônio responsável pelo sono,” explica a nutricionista Paula Talita, do Grupo Mateus. 

Já os alimentos ricos em triptofano, como tomate, aveia, mel, amêndoas e queijo, são essenciais para a produção de serotonina e melatonina, promovendo um sono mais reparador. “Além disso, alimentos ricos em magnésio, como feijão, espinafre e banana, ajudam a relaxar os músculos e os nervos, contribuindo para uma noite de sono mais tranquila”, enumera. E conclui: “Nas horas antes de dormir, dê preferência a alimentos leves, como carnes magras, vegetais folhosos e cereais integrais, além de chás relaxantes”.

sem comentário »

PROJETO DE EXTENSÃO PROMOVE TARDE GASTRONÔMICA E NUTRICIONAL A IDOSOS DO BAIRRO DO ANIL E ADJACÊNCIAS

0comentário

PROJETO DO CEST “APRENDER FAZENDO – ASSISTÊNCIA INTEGRAL AO IDOSO” ACONTECE AO LONGO DO MÊS DE JULHO

FOTO – DIVULGAÇÃO: Coordenação de Pós Graduação, Docentes e alunos de Nutrição e Gastronomia com idosos do projeto de extensão do CEST “Aprender Fazendo”

O Centro Universitário Santa Terezinha – CEST está promovendo ao longo desse mês de julho diversas atividades interdisciplinares e de extensão do Projeto “Aprender Fazendo – Assistência Integral ao Idoso”; que fomenta a vivência prática entre grupos de idosos do bairro do Anil e adjacências e alunos de graduação do CEST dos cursos de Fisioterapia, Direito, Enfermagem, Gastronomia, Sistema de Informação e Administração; sempre acompanhados de docentes da instituição.

“A iniciativa, além de pôr em prática o conteúdo trabalhado em sala de aula, visa também oportunizar aos alunos uma maior capacidade em identificar e resolver demandas e desafios reais da sociedade. Os encontros acontecem sempre às segundas – feiras desse mês de julho, das 13h às 17h. A cada semana são realizadas atividades diferentes, reunindo grupos de alunos de dois cursos e docentes” explica a Coordenadora de Pós – Graduação, Pesquisa e Extensão do CEST Líssia Maria de Souza Dias.

Na primeira semana do projeto, os alunos dos cursos de Nutrição e Gastronomia se uniram para proporcionar uma tarde especial aos idosos que participam desse 5º Ciclo do projeto, ensinando ao grupo técnicas de corte, preparo e manuseio de alimentos durante uma Oficina de preparo do café da manhã (Curso de Gastronomia), seguida de Orientações Nutricionais (Curso de Nutrição) para o desjejum.

A aluna Noemi Santos, do curso de Nutrição destaca como as preparações foram pensadas valorizando o poder nutritivo, antioxidante e digestivo dos alimentos. Para Noemi, “toda a experiência foi importante pela troca de aprendizado entre alunos e os idosos, levando o conhecimento além da sala de aula”.

Segundo a aluna Letícia Ewerton os preparos da Oficina resultaram em um delicioso café da tarde com beiju recheado com frango, torradas com creme de ricota, finalizadas com azeite, biscoitos amanteigados, chá de cravo e canela, água saborizada com limão e maracujá e café.

O empenho e a dedicação dos alunos dos cursos de Gastronomia e Nutrição, somados à participação especial dos idosos, tornaram a tarde inesquecível e cheia de aprendizado. Foi um momento de troca, carinho e muito sabor, mostrando que o conhecimento e a convivência transformam vidas. A orientação da atividade ficou por conta da Professora Daniela Mariz.

A segunda semana do projeto contou com atividades dos cursos de Enfermagem (Orientações sobre uso de medicamentos) e Administração (Empreendedorismo voltado para Idosos). No próximo dia 22/07 será a vez dos alunos dos cursos de Direito (Roda de Conversa sobre Direitos dos Idosos) e Sistema de Informação (Inclusão Digital). E no dia 29/07 acontecerão atividades de Fisioterapia (Exercícios e Dinâmicas de Mobilidade) e Estética (Orientações e práticas de revitalização facial).  

sem comentário »

IV Caravana do Circo Tá Na Rua entra na reta final de apresentações

0comentário

Em segunda etapa, apresentações chegam às cidades de Buriticupu, Bom Jesus das Selvas, Açailândia e Cidelândia 

Depois de passar por diversas cidades do Maranhão e no Pará, que compreende a rota da Ferrovia Carajás, a IV Caravana do Circo Tá Na Rua continua a sua jornada encantadora pelo Sul do Maranhão. Agora em sua segunda etapa, que iniciou no dia 14 de julho, na cidade de Miranda do Norte, e passou pelos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas,  o projeto continua com apresentações e oficinas de arte circense nas cidades de Açailândia e Cidelândia. Esta iniciativa visa levar alegria e cultura para diversas comunidades, promovendo a tradição circense e a inclusão social.

O projeto é apresentado pelo Ministério da Cultura (MinC) e conta com o patrocínio do Instituto Cultural Vale (ICV), através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

A apresentação neste sábado, será, às 17h, na Praça Massaranduba, em Açailândia, e encerra com apresentações no dia 28, em Cidelândia. 

O projeto oferece uma programação variada, que inclui cortejos circenses acompanhados pela tradicional Charanga Circense, oficinas de circo para todas as idades, pintura facial, e apresentações de números circenses profissionais, como palhaçaria e malabarismo. Além disso, serão distribuídas cartilhas educativas sobre a criação de malabares artesanais utilizando materiais recicláveis, incentivando a consciência ambiental.

Sobre o Projeto:

A IV Caravana do Circo Tá Na Rua, idealizada pela Organização Artística de Circo Educação e Desenvolvimento Social (ACEDES), é uma celebração da arte e cultura circense. A caravana já passou por várias cidades desde seu início em maio, com atividades que incluem cortejos circenses, oficinas de circo, pintura facial e apresentações de números circenses. Além de promover o entretenimento, o projeto também foca na educação ambiental e na valorização do patrimônio cultural das regiões visitadas.

Impacto Social e Cultural:

Além de revitalizar a tradição circense, a caravana busca conectar as comunidades através da arte, destacando a importância dos laços comunitários e da história local. As atividades visam incentivar a inclusão social e a educação ambiental, tornando as pessoas participantes ativas do processo cultural.

Para mais informações sobre a programação e as atividades da caravana, visite o site www.ocircotanarua.com.br e siga-nos nas redes sociais @ocircotanarua no Instagram.

Programação das Apresentações:

27 de julho: Açailândia – Apresentação no Pequiá, Praça Massaranduba

28 de julho: Cidelândia – Apresentação no Bairro Trecho Seco

Acompanhe a nossa programação 

ww.ocircotanarua.com.br 

Facebook e Instagram: @ocircotanarua

sem comentário »

Transferência temporária: em alguns casos, eleitores podem mudar de seção até 22 de agosto

0comentário

Prazo para que alguns segmentos do eleitorado façam a solicitação começa nesta segunda-feira (22)

Começa nesta segunda-feira (22) o prazo para que eleitoras e eleitores, que se encontram em determinadas condições, possam se habilitar, na Justiça Eleitoral, para votar em outra seção ou local, dentro do mesmo município em que estão inscritos.  

A medida tem como objetivo permitir que pessoas, em razão do trabalho, de dificuldades de locomoção ou por estarem privadas provisoriamente de liberdade, possam votar em seções eleitorais diferentes das que estão registradas. Essa opção, chamada de transferência temporária, é um serviço que pode ser requisitado por quem está em situação regular no cadastro eleitoral. 

Essa e outras datas podem ser consultadas no calendário eleitoral. As regras para as pessoas que se encontram nessas condições e desejam fazer a solicitação estão listadas na Resolução TSE nº 23.736/2024, que trata dos atos gerais do processo eleitoral. O primeiro turno das Eleições Municipais de 2024 ocorre no dia 6 de outubro. 

Veja quem pode solicitar a transferência temporária, cujo prazo termina em 22 de agosto para determinados segmentos do eleitorado:  

  • Presas, presos provisórios e adolescentes em unidades de internação 

Sob a coordenação dos tribunais regionais eleitorais (TREs), juízas e juízes disponibilizarão seções eleitorais em estabelecimentos penais e unidades de internação. A medida busca assegurar o direito ao voto para adolescentes custodiados com mais de 16 anos e presas e presos provisórios (que não têm condenação criminal transitada em julgado) que manifestarem interesse em realizar a transferência temporária para esses locais. 

Para votar, as pessoas que não tiverem inscrição no município em que funcionará a seção eleitoral, terão formulário próprio encaminhado pela administração dos estabelecimentos penais e das unidades de internação de adolescentes.  

  • Militares, agentes de segurança pública e guardas municipais em serviço 

De 22 de julho a 22 de agosto, também poderão solicitar a transferência temporária eleitoras e eleitores pertencentes aos quadros das Forças Armadas (FFAA), das Polícias (Federal, Rodoviária Federal, Ferroviária Federal, Civil, Militar e Judicial), do Corpo de Bombeiros, das Guardas Municipais e os agentes de trânsito que estiverem em serviço da data do pleito. 

A mudança deverá ser feita mediante formulário fornecido pela Justiça Eleitoral, contendo o número do título, nome, local de votação desejado, em quais turnos a pessoa votará e a assinatura do interessado. O documento deve ser encaminhado à Justiça Eleitoral até 22 de agosto, pelas chefias ou comandos dos órgãos, que, junto ao pedido, ainda devem anexar cópia da documentação exigida.  

Se não houver vaga no local escolhido, militares, bombeiros, policiais e demais agentes de segurança serão habilitados para votar na seção mais próxima. 

  • Pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida 

Eleitoras e eleitores com deficiência ou com mobilidade reduzida que não mudaram o local de votação até 8 de maio – que foi o prazo final antes do fechamento do cadastro eleitoral para as Eleições 2024 – poderão solicitar a transferência temporária para a seção eleitoral de sua preferência, até 22 de agosto, em qualquer cartório eleitoral. 

Para dar andamento à requisição – que pode ser feita pela pessoa interessada, por curador, apoiador e procurador –, basta apresentar um documento oficial com foto e uma autodeclaração ou documentação comprobatória da deficiência ou dificuldade de locomoção. 

  • Indígenas, quilombolas, integrantes de comunidade tradicional ou residentes em assentamento rural 

Também até esse prazo, indígenas, quilombolas, integrantes de comunidades tradicionais e moradores de assentamentos rurais podem se beneficiar dessa possibilidade. A habilitação para transferência temporária pode ser feita em qualquer cartório eleitoral, por meio da apresentação do documento oficial com foto e da indicação do local em que pretende votar. 

  • Juízas e juízes eleitorais, juízas e juízes auxiliares, servidoras e servidores da Justiça Eleitoral e promotoras e promotores eleitorais 

As juízas, os juízes, as promotoras e os promotores eleitorais, bem como as servidoras e os servidores da Justiça Eleitoral que optarem por votar em lugares distintos dos que estão registrados devem preencher um formulário específico, que contém, entre outras informações, número do título, órgão de origem, lotação funcional e função a ser exercida na eleição. O documento pode ser apresentado em qualquer cartório eleitoral até 22 de agosto. 

DMB/EM  

sem comentário »

Defensoria Pública participará de mutirão para população em situação de rua em Imperatriz

0comentário

Em um esforço conjunto para fortalecer o apoio à população em situação de rua de Imperatriz, a Defensoria Pública do Estado do Maranhão (DPE/MA) participou de uma reunião para planejar a execução do II Mutirão PopRuaJud, que será realizado no dia 13 de setembro, das 8h às 17h, no campus da Universidade Ceuma, em Imperatriz. O projeto, que conta com a coordenação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), é uma iniciativa da Justiça Federal, Justiça Estadual e da DPE/MA.

Além do defensor público Fabio de Carvalho, a reunião contou com representantes de diversas entidades e órgãos, incluindo a Fazenda Esperança, Pastoral do Povo de Rua, Secretaria Estadual de Saúde, Secretaria Municipal de Saúde, Abrigo Superação, cartórios do 1º e 2º Ofícios, Universidade Ceuma, Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, FENACT e Receita Federal. Na ocasião, foram discutidos os resultados do primeiro mutirão, realizado em 2022, e definidas as estratégias para aprimorar o evento deste ano.

Cada instituição terá responsabilidades específicas, desde a triagem até o atendimento médico, jurídico e cuidados pessoais. Além das atividades operacionais, o comitê local também planejou ações de publicidade e campanhas de doação, visando mobilizar a comunidade em prol do mutirão. As doações, inicialmente focadas em itens como roupas e calçados masculinos, serão coletadas em pontos estratégicos, incluindo o Núcleo da Defensoria Pública.

Ao encerrar a reunião, o defensor público Fabio de Carvalho reforçou o compromisso da DPE para a realização do mutirão, assim como a colaboração dos parceiros. “Estou confiante no comprometimento de todos e da colaboração mútua para o sucesso do II Mutirão PopRuaJud Imperatriz. Esta será mais uma das ações para além dos muros da Defensoria Pública do Maranhão, uma vez que a instituição desempenha um papel crucial para garantir o acesso à justiça e mais dignidade na vida das pessoas mais vulneráveis”, enfatizou o defensor público.

sem comentário »
https://www.blogsoestado.com/marciohenrique/wp-admin/
Twitter Facebook RSS