Tudo pronto para festa do Trabalhador com Romim Mata

0comentário

 Nesta terça-feira, dia 01 de maio, o cantor Romim Mata faz show gratuito em São Luís no Cais da Alegria, a partir das 15h

A terça-feira (01), Dia do Trabalhador será comemorada em grande estilo no Cais da Alegria, uma tradição que chega a sua 16° edição e pela primeira com show do cantor Romim Mata e além dele, o grupo Bicho Terra, Bruno Shinoda, Andson Mendonça, o DJ Rogério Mix, a Mega Itamaraty, Tenda Roots, FM Natty Nayfson e outras atrações, a partir das 15h e o melhor: com entrada franca.

Segundo informações da organização, a expectativa é que a festa reúna mais de 20 mil pessoas. “A ideia é reunir um público especial e com muita segurança, estamos trabalhando para atender mais uma vez mais de 20 mil pessoas e esse número a cada ano só vem crescendo, por isso, mais uma vez teremos o apoio dos órgãos públicos, como a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, fora isso, teremos segurança privada, atendimento médico e muito mais, tudo para garantir o conforto do público”, conta Samuel Nascimento, um dos organizadores do evento.

Com mais de 200 mil seguidores nas redes sociais e entre os cantores com CD mais baixados do site Sua Música, Romim Mata vem se consagrado tanto como cantor e empresário, quanto compositor. Entre os sucessos, “Chefe é chefe né pai”, “Aliança no bolso”, “Tô Solteiro de novo”, “Solteiro sim, sozinho nunca” e “Cordão de ouro”. Para o cantor, o momento será de reencontro. “Amor estar no Maranhão e me sinto em casa aqui, volta a São Luís é uma grande satisfação e a Festa do Trabalhador sem dúvida alguma, vai ser inesquecível”, adianta o cantor.

O evento tem o patrocínio do Grupo Mateus, Governo do Estado do Maranhão e Lei de Incentivo à Cultura.

Serviços:

O quê: Festa do Trabalhador

Quando: 01 de Maio, a partir das 15h.

Onde: Cais da Alegria

Atrações: Romim Mata pela primeira vez no evento, o cantor Bruno Shinoda, Andson Mendonça, o DJ Rogério Mix, a Mega Itamaraty, Tenda Roots, FM Natty Nayfson e outras atrações.

Realização: BMBUA

sem comentário »

Prefeitura divulga São João de São Luís no estado do Pará visando fomentar o turismo

0comentário

Ação ocorrerá nas cidades de Parauapebas e Marabá, com apresentações nas viagens de ida e volta do trem da Vale; iniciativa integra política de incentivo ao turismo da gestão do prefeito Edivaldo

Antes do Pará, o estado de São Paulo recebeu as ações de divulgação do São João 2018 da Prefeitura de São Luís

Ê, São João! A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), começou a divulgação do São João 2018 em diversas cidades do Brasil. Depois de levar uma mostra da festa para São Paulo e para o Paraná, é a vez do vizinho estado do Pará conhecer mais da cultura ludovicense. A iniciativa integra a política de incentivo ao turismo, implementada na gestão do prefeito Edivaldo. Com a indiciativa espera-se aumentar o número de turistas na capital, contribuindo desta forma para a geração de emprego e renda.

Entre os dias 3 e 6 de maio, será realizada uma grande ação nas cidades paraenses de Parauapebas e Marabá. A divulgação começará ainda na viagem São Luís/Parauapebas, quando, no vagão social do trem da Vale, será feita uma apresentação de bumba meu boi. O encerramento, no percurso Marabá/São Luís, também receberá a ação.

A titular da Setur, Socorro Araújo, destaca que essa é uma ação contínua realizada na gestão do prefeito Edivaldo, que tem incentivado, ao longo dos anos, a divulgação do potencial turístico da capital maranhense. “Nós fazemos a divulgação do nosso destino turístico em lugares importantes para tornar o turismo ainda mais rotativo. O Pará é o segundo estado do Brasil que mais envia turistas para a nossa cidade, então nós estamos valorizando o público paraense, tentando atrair cada vez mais pessoas para São Luís”, afirmou a secretária.

GRANDE ARRAIAL

O trem da Vale comporta 1.500 pessoas, sendo o público distribuído entre trabalhadores e visitantes das cidades por onde ele passa. O vagão social, onde serão feitas as apresentações do bumba meu boi, é voltado para eventos. Quem estiver no trajeto também poderá participar de oficinas que ensinarão a tocar instrumentos do bumba meu boi e também a dança da manifestação folclórica. “Vai ser um grande arraial em movimento. A gente vai decorar os vagões e deixar o trem todo temático sobre o São João. A música vai conquistar todos os passageiros durante o trajeto”, explica a secretária Socorro Araújo.

Vale ressaltar que essa ação faz parte de uma série de trabalhos realizados pela Prefeitura de São Luís para fomentar o turismo na cidade. No início do mês de abril, também foram levadas apresentações culturais para a cidade de São Paulo, no sentido de incentivar o turismo durante o período junino. A escolha dos estados de São Paulo e do Pará, neste ano, para a divulgação do São João, se deve ao fato desses serem os estados que mais enviam turistas para a capital maranhense, segundo pesquisas da própria Setur.

Além do trem da Vale, também haverá apresentações no Portage Shopping, em Parauapebas, e no Shopping Pátio Marabá, em Marabá. Os ambientes também serão decorados com o tema São João e todos serão convidados para a festa no mês de junho.

sem comentário »

Caps Ad Estadual ajudou na formação de 40 policiais militares no curso de Formação de Instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD)

0comentário

O diretor do CAPS AD Estadual Marcelo Costa e o comandante geral de Polícia Militar, coronel Jorge Luongo

A secretaria de Estado da saúde , através do Caps Ad Estadual , ajudou na formação de 40 policiais militares do Rio de Janeiro (RJ), Ceará (CE), Piauí (PI) e Maranhão (MA) no curso de Formação de Instrutores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) promovido pela Polícia Militar do Maranhão por meio do Comando de Segurança Comunitária (CSC).

As aula referente ao combate as drogas foram proferidas pelo diretor do Caps Ad Estadual, Marcelo Costa. “Fico muito feliz em contribuir enquanto diretor do Caps Ad estadual para formação da sexta turma do PROERD, maior programa de prevenção às Drogas do Brasil, modelo este iniciado no EUA , isso mostra o quanto nosso serviço é importante para nosso Estado. Obrigado ao comandante geral de Polícia Militar, coronel Jorge Luongo e a coordenadora Estadual do PROERD coronel Maria Augusta”, disse.

 

sem comentário »

Atendimentos da Cemar durante do feriado do Dia do Trabalhador

0comentário

 

O mês de maio já inicia com um feriado e, para que os clientes estejam sempre bem informados e satisfeitos, a Companhia Energética do Maranhão informa sobre o horário de funcionamento dos postos de coleta do Ecocemar, e também das agências presenciais de atendimento ao cliente no estado, durante o feriado do Dia do Trabalhador (1º/05).

Atendimento:

As agências de atendimento presenciais não funcionarão no sábado (28/04) e no feriado (1º/05). Na segunda-feira (30/04) as agências presenciais funcionarão normalmente. Os clientes que precisarem de atendimento durante o feriado podem buscar as seguintes opções:

– Central de Atendimento 116, que funciona 24 horas, todos os dias da semana, com ligação gratuita;

– Chat de atendimento pelo site www.cemar116.com.br;

– Para os usuários de smartphones, o aplicativo Cemar está disponível para baixar na loja do Google Play e Apple Store;

ECOCEMAR:

Os postos de coleta do Ecocemar não funcionarão no feriado (1º/05) em todo o Estado, retornando as atividades normais na quarta-feira (02). As coletas poderão ser entregues normalmente nos dias 28 e 30/04.

Todos os canais de atendimento foram pensados em facilitar a vida dos consumidores de energia elétrica para que tenham mais comodidade e satisfação quando precisarem dos serviços da Cemar, que tem trabalhado para atender cada vez melhor.

Assessoria de Imprensa Cemar

sem comentário »

Reestruturado na gestão Edivaldo, Samu consolida avanços e reduz tempo-resposta do atendimento

0comentário

Com a entrega de 10 novas ambulâncias feita pelo prefeito Edivaldo, capital cumpre o que preconiza o Ministério da Saúde dispondo de uma unidade básica para cada 100 mil habitantes e uma avançada para cada 500 mil

Entrega das ambulâncias feita pelo prefeito Edivaldo é uma das ações de reestruturação da saúde municipal

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em São Luís, com os investimentos recebidos na gestão do prefeito Edivaldo, tem garantido mais agilidade e qualidade no atendimento às chamadas da população. Um dos avanços esperados a partir das melhorias é a redução do tempo-resposta das chamadas para abaixo do recomendado pelo Ministério da Saúde, atualmente entre 15 e 32 minutos em média, conforme especificação técnica da ambulância.

Com mais 10 novos veículos entregues recentemente pelo prefeito Edivaldo, o município ampliou o plano de ação regionalizada que define a cobertura da regulação da Central de Urgência, encurtando o tempo-resposta da solicitação. Além disto, a capital cumpre o que preconiza o Ministério da Saúde, dispondo de uma unidade básica para cada 100 mil habitantes e uma avançada para cada 500 mil.

A renovação da frota integra a política de reestruturação da rede municipal de saúde, priorizada pelo prefeito Edivaldo, a partir do aprimoramento dos serviços em todas as áreas. Entre as ambulâncias do Samu, duas são do modelo UTI Móvel (Unidade de Suporte Avançado – USA), equipadas com desfibrilador (cardioversor) e respirador. A diferença destas para as básicas (USB) está nos equipamentos e também nas equipes de socorristas. Diariamente de seis a oito ocorrências exigem a utilização de ambulâncias USA.

“Sob a orientação do prefeito Edivaldo, estamos sempre atentos para identificar as necessidades e fazer os investimentos visando melhorar o atendimento da rede de urgência, e, quando se fala em Samu, o tempo-resposta tem uma perspectiva importante na recuperação e na extensão dos danos ao paciente; por isso, o prefeito está sempre trabalhando para atender cada vez melhor a população”, assinala o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho.

A diretora do Samu, Priscila Barros, ressalta a qualidade do serviço no município a partir dos investimentos da Prefeitura em convênio com o Ministério da Saúde. “O Ministério recomenda, proporcionalmente, para um bom atendimento, uma unidade básica para cada 100 mil habitantes e uma avançada para cada 500 mil. Com a aquisição recente, São Luís está confortavelmente dentro do que preconiza o Ministério da Saúde”, reforça a diretora.

As novas unidades móveis estão atuando na Central de Urgência, no Filipinho, e nas cinco bases descentralizadas estrategicamente distribuídas nos bairros Anjo da Guarda, BR-135 (Maracanã), São Bernardo, Vicente Fialho (Amar) e Cidade Olímpica. No ano passado, foram mais de 20 mil atendimentos realizados por meio da Central de Urgência do Samu. Destes, quase cinco mil foram concretizados em atendimento com necessidade de ambulância.

TEMPO-RESPOSTA

Segundo Priscila Barros, a descentralização da base também tem contribuído para a redução do tempo-resposta e a Prefeitura de São Luís trabalha para reduzir ainda mais este tempo. “Com a nova frota, temos possibilidade de melhorar ainda mais. Para isso, estão sendo trabalhados processos internos como a realização do checklist (reposição de material nas ambulâncias) mais rápido, assim como a troca de plantão”, explica a diretora.

A meta é reduzir esse checklist nas ambulâncias básicas para 10 minutos. Para alcançar esta meta, a direção do Samu vem mantendo conversas com as direções das unidades hospitalares para onde são encaminhados os pacientes, para que não ocorra retenção de material. “O ideal seria fazer reposição apenas a cada fim de plantão. Isso depende muito do número de ocorrências que foi feita no dia. Há dias em que são muitas as ocorrências, o que obriga o retorno à base para fazer a reposição”, explica a médica intensivista e reguladora da Central, Dayane Vieira.

EQUIPES

Ao receber a chamada pelo número 192, a Central solicita o endereço do atendimento e repassa para o médico regulador para que proceda a triagem. Pela triagem são identificados os casos de urgência, emergência e prioridades. Conforme o nível do serviço, as ambulâncias são selecionadas em quatro cores: vermelha, amarela, verde e azul.

Nesse escalonamento, a azul é a de menor prioridade. São quadros de, por exemplo, febres prolongadas, e as denominadas valências sociais. Geralmente essas solicitações ocorrem nos bairros da zona rural da Ilha. “Normalmente, são pacientes em trabalho de parto. Nestes casos, é deslocada uma ambulância básica, sem médico intensivista”, esclarece a diretora Priscila Barros.

As equipes das Unidade de Suporte Avançado são constituídas por um médico intensivista, enfermeiro, condutor-socorrista e um técnico de enfermagem. Todos com treinamento intensivo e permanente realizado pelo Núcleo de Educação em Urgência que atende o público interno e comunidade. O treinamento é realizado por meio de simulação realística para que se obtenha uma visão geral do serviço. O último ocorreu no dia 21 de abril e reuniu profissionais da região metropolitana de São Luís.

Equipe do SAMU durante treinamento simulado com múltiplas vítimas

ATENDIMENTOS

Se extrai das tabelas de atendimento uma crescente elevação no número de atendimento a doenças psiquiátricas. “O crescimento deste tipo de ocorrência se dá no mundo inteiro”, alerta a médica Dayane Vieira. Pelo regulamento, não há impedimentos para atendimento do Samu em cenas específicas. É um procedimento previsto em protocolo do Ministério da Saúde. No caso de existir alguma situação que traga insegurança para o trabalho da equipe é acionado o Corpo de Bombeiros ou Polícia Militar, parceiros institucionais, para garantir o deslocamento até a cena e a concretização do atendimento.

SAIBA MAIS

O Samu é acionado por meio do telefone 192. Somente nos três primeiros meses deste ano, foram mais de 21 mil chamadas. A melhoria no serviço de telefonia intensificou e qualificou as ligações, mas pelo menos dez por cento das ligações para o Samu são trotes, disparados por autores de diferentes faixas etárias. Em março deste ano, foram mais de 10 mil ligações. Destas, mais de 3 mil foram trotes.

Todas as ligações para o Samu passam por um médico regulador de plantão, durante 24 horas, todos os dias da semana. Cada equipe tem jornada de trabalho de 12 horas. É o médico regulador o profissional responsável pela triagem das ligações que chegam à Central. O primeiro contato do solicitante, porém, é com o Técnico Auxiliar da Regulamentação Médica (TARM), que então passa para o médico regulador.

sem comentário »

FESTA MOKAI WOD MUSIC

0comentário

DJ Diego Belotto de São Paulo que vai agitar na Festa WOD MUSIC no Mokai nessa segunda-feira, 30.04

E na segunda-feira, dia 30.04, véspera do feriado dia do trabalho, tem festa animada com uma mistura de WorkOut of Day do CrossFit com música eletrônica no Mokai Lounge Bar, na Av. dos Holandeses, com Tema WOD MUSIC, à partir das 21H.

Na pista, o melhor da música eletrônica com os DJ’s: Thays Habibe de São Luís, Drum Kicks de Minas Gerais e Diogo Belotto de São Paulo.

O Diogo Belotto é de São Paulo e é DJ residente da Paradisco Beach Club e figurinha carimbada todo ano no Black Party Adamantina – SP e Café Jeri, Belotto desembarca em São Luís trazendo um som inovador e buscando originalidade em suas apresentações.

Já o DJ Drum Kicks é de Minas Gerais e vem direto para São Luís. Formado pelos djs Victor Gussoni e Rafael Carvalho, tem como proposta surpreender do público leigo ao mais exigente. Nome certo em grandes labels pelo Brasil, trazem a ilha a experiência e inovação de tocar ao lado de grandes nomes da cena eletrônica nacional e internacional.

Drum Kicks é formato pelos DJ’s mineiros Victor Gussoni e Rafael Carvalho que prometem mostrar o melhor da música eletrônica nessa véspera de feriado.

sem comentário »

Prefeitura leva serviços do Todos por São Luís para a Vila Ariri

2comentários

Em sua 61ª edição, o programa, criado na gestão do prefeito Edivaldo, já atendeu mais de meio milhão de pessoas com ações em diversas áreas

Durante o Todos por São Luís na Vila Ariri, uma série de serviços e ações beneficiaram os moradores do bairro e áreas adjacentes

“Há mais de cinco anos eu não realizava uma consulta médica. Nós, homens, relutamos muito para ir a médicos, o que acaba acarretando problemas futuros à nossa saúde. Por isso aproveitei a presença do mutirão de serviços da Prefeitura aqui em nosso bairro e fiz logo diversas consultas que estava precisando”, relatou o pedreiro Daniel Reis, 61 anos, uma das primeiras pessoas a ser atendidas na culminância do Programa Todos por São, realizado neste sábado (28), na Vila Ariri, nova comunidade da região Itaqui-Bacanga a receber o projeto que é executado pela Prefeitura de São Luís.

É para pessoas como o Daniel Reis e tantas outras que necessitam da presença mais próxima do poder público que o Todos por São Luís se destina. Em sua 61ª edição, o programa já atendeu mais de meio milhão de pessoas com ações em diversas áreas como saúde, assistência social, segurança alimentar, arte, educação, esporte e lazer, entre outras. Mais de 430 bairros da capital já foram contemplados com ações do projeto que tem como coordenadora geral a primeira-dama Camila Holanda.

“A cada realização do Todos por São Luís temos a oportunidade de estar mais perto das pessoas, olhar em seus olhos e ouvir seus anseios, porque esse é o objetivo primordial desse projeto tão importante e que tem a marca da gestão do prefeito Edivaldo, que busca sempre cuidar com carinho das pessoas e valorizar a vida comunitária”, afirmou Camila Holanda.

A caravana itinerante de serviços sociais desenvolvidos pelo Programa Todos por São Luís contemplou pela 13ª vez comunidade da área Itaqui-Bacanga, uma das regiões mais populosas da capital maranhense. Na culminância do programa na Vila Ariri, a população teve acesso a atendimentos de saúde como consultas com clínico geral, oftalmologista, pediatra, ginecologista, ortopedista, nutricionista, dentista, além de atendimento de saúde bucal, aferição da pressão arterial, teste rápido de HIV e aconselhamento, distribuição de preservativos, orientação sobre tuberculose, cadastro para cartão do SUS, farmácia básica, vacinação humana e animal, entre outras ações.

SERVIÇOS

A ação na Vila Ariri contou, ainda, com o suporte do Consultório Volante do Programa Saúde para Todos para a realização de exames preventivos ginecológicos, atendimento odontológico, entre outros serviços de saúde.

Além dos serviços de saúde preventiva, os moradores da Vila Ariri e bairros adjacentes também receberam atendimento social do Cras e Creas, no qual obtêm informações sobre Cadastro Único, recadastramento do NIS e orientações sobre o Bolsa Família; do Espaço do Empreendedor, para formalização de pequenos negócios; além do atendimento do Seja Digital, para aquisição do kit de conversão da TV analógica para o sistema digital, entre outras ações.

Outros espaços bastante frequentados do mutirão foram os de embelezamento, onde os visitantes puderam realizar cortes de cabelo, limpeza de pele, maquiagem, entre outros serviços na área.

A dona de casa Alexsandra Torres Rodrigues, 22 anos, chegou cedo ao local para participar da ação. “A gente passa o tempo todo envolvida com os trabalhos domésticos que, quando temos uma oportunidade como essa, não podemos perder”, disse ela, sorrindo, enquanto recebia os cuidados no setor de embelezamento do mutirão. Antes, ela levou o filho Alenylson, 3 anos, ao consultório odontológico do mutirão, onde o garoto fez aplicação de flúor e limpeza nos dentes.

A também dona de casa, Gracilene Arouche dos Santos, 34 anos, levou o filho ao pediatra. “Por diversos motivos, sejam eles pela correria diária, a jornada intensa de trabalho ou falta de dinheiro mesmo, deixamos de nos cuidar e de dar a atenção devida à saúde de nossos filhos. O mutirão realizado pela Prefeitura nos proporciona essa oportunidade, pois além de facilitar o atendimento, vem até nossa comunidade”, relatou.

Já a pequena Yasmim Pinheiro Silva, 8 anos, só queria brincar no estande de arte infantil montado no espaço. Feliz, ela mostra o desenho que começava a pintar. “Adoro desenhar e pintar, por isso sempre que vou ao mutirão fico nesse espaço que é o meu preferido”, contou a menina.

OFICINAS

Durante a semana, a programa desenvolveu na comunidade capacitações por meio de diversos cursos e oficinas, como panificação, culinária regional, confecção de artesanatos, chaveiros, porta-toalhas, elaboração de bombons regionais, salgados, sorvete, entre outras oficinas.

2 comentários »

Cuidados com energia elétrica em regiões alagadas

0comentário

 

Em algumas cidades do Maranhão o nível da água dos rios, lagos e lagoas subiu mais do que o normal por conta das intensas chuvas na região. Com esta situação, o risco de contato com a rede elétrica fica maior e pode causar graves acidentes.

A Cemar, como uma empresa que se preocupa, alerta que é importante ficar atento a esta situação e as pessoas jamais devem se aproximar da rede elétrica que está com altura reduzida devido ao aumento do nível de água. Ao primeiro sinal de chuva forte, deixe os equipamentos eletrônicos fora do alcance da água. Ao perceber sinais de alagamento, retire os equipamentos elétricos da tomada e procure um lugar seco para se abrigar. Não se esqueça de desligar o disjuntor do local, mas caso o medidor também corra risco de ser atingido pela água, ligue para a Central de Atendimento 116 e peça o desligamento no ramal de serviço.

É muito importante que a população redobre os cuidados também durante o uso de embarcações, pois podem provocar acidentes graves ao tocar acidentalmente na rede de energia elétrica que passa sobre lagos, rios e lagoas.

Atenção e cuidados redobrados são as melhores atitudes para evitar acidentes nesse período chuvoso.

Assessoria de Imprensa da Cemar

sem comentário »

Prefeitura de São Luís leva atividades de dança a bairros da cidade

0comentário

Programa Dançando nos Bairros tem como objetivo incentivar a prática de atividades físicas e o lazer em comunidades da capital e soma-se a outras ações da gestão do prefeito Edivaldo voltadas para o bem-estar da população

Na área do Rio das Bicas, professora ministra aulas de zumba a pessoas da comunidade

Com o programa Dançando nos Bairros, a Prefeitura de São Luís incentiva a prática de atividades físicas nas comunidades. Desenvolvida atualmente em mais de dez bairros da cidade, a ação é executada por meio da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel) e soma-se às iniciativas já implementadas pela administração pública municipal para despertar o interesse da busca por uma vida mais feliz e saudável. No final da tarde de quinta-feira (26), as atividades aconteceram na área do Rio das Bicas.

Além da área do Rio das Bicas, o Dançando nos Bairros é desenvolvido em bairros como Vila Bacanga, Vila Embratel, Santo Antônio, Cohafuma, Ipase de Cima e Ipase de Baixo, Cohatrac Primavera, Planalto Pingão, Bom Milagre e Vinhais. As atividades acontecem duas vezes por semana e o cronograma é definido junto às comunidades, que decidem os melhores dias e horários. As atividades são executadas ao ar livre e abertas a novos participantes.

O secretário municipal de Desporto e Lazer, Rommeo Amim, destacou o objetivo do programa incentivado pelo prefeito Edivaldo. “O objetivo é levar atividades físicas aos mais diversos bairros de São Luís. Em todos os espaços que levamos o programa temos uma grande aceitação por parte das comunidades. É importante dizer que o Dançando nos Bairros é destinado a todas as idades e busca atender todos os gostos”, disse o titular da Semdel. A intenção é ampliar o alcance da ação e desenvolver em novos bairros.

A coordenadora do Dançando nos Bairros, Adriana Silva, ressaltou a proposta do programa. “Nossa proposta é, através de uma atividade divertida como a dança, incentivar a prática de exercícios físicos. Trabalhamos junto às comunidades avaliando se o programa está atendendo às necessidades da população”, explicou a coordenadora.

Oito professores fazem parte do projeto e realizam atividades de dança, especialmente a zumba, com os participantes. Com a proposta de ampliação das atividades para novos lugares, o poder público municipal beneficia, ainda, os profissionais das comunidades que atuam na área, abrindo novos postos de trabalho. Os professores que conduzem as atividades, além de estimularem a prática da dança como atividade física, promovem o bem-estar dos participantes, despertando sentimentos positivos como a alegria.

“O maior benefício da dança é promover a alegria, além dos benefícios para a saúde. Nosso objetivo é fazer com que as pessoas saiam de suas casas, se movimentem, se divirtam e saiam felizes daqui. Esse é um programa que alcança muitas donas de casa e o fato de elas estarem aqui é muito bom pra relaxarem e se divertirem. A perda de peso e a melhoria na saúde vem como consequência desse trabalho”, destacou a instrutora de zumba, Samara Sardinha.

Maria Cerejo é uma das participantes do programa

“Acho bom demais. Se for preciso eu venho até debaixo de chuva. Faço por recomendações médicas, mas também porque pra mim é um divertimento. É ótimo estar aqui”, disse a aposentada Maria Rosa Serejo, 59 anos. “Gosto muito de vir. Moro aqui na Areinha e acho muito importante pra saúde a gente praticar exercícios. Já faço caminhada e, agora, a dança chega para complementar”, contou a aposentada Severa Freire, 70 anos.

MAIS AÇÕES

Também com o objetivo de incentivar a prática de atividades físicas, a Prefeitura de São Luís desenvolve o programa São Luís Saudável e o Vida Ativa. O São Luís Saudável, da Secretaria de Desporto e Lazer, é voltado para os idosos e é desenvolvido em núcleos que abrangem vários bairros da capital maranhense. O programa contribui ainda para inserir os profissionais de educação física nos espaços públicos.

Já o Vida Ativa, coordenado pela Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), oferece atendimento socioassistencial, atividades físicas, esportivas e recreativas, além de aulas de alfabetização, à pessoa idosa dos diferentes territórios da cidade. A ação tem como objetivo garantir o envelhecimento saudável.

Voltado para o público infantil, a Semdel desenvolve o programa Movimento e Resgate. A ação beneficia crianças e adolescentes de 10 a 17 anos. As escolinhas esportivas que participam do programa contam com material de apoio e oferecem oficinas esportivas de futsal, futebol, basquete, vôlei, handebol, karatê, judô, futebol de campo, atletismo e capoeira.

sem comentário »

DOM BOSCO COMEMORA 60 ANOS

0comentário

FOTO/DIVULGAÇÃO: O subprefeito do Centro Histórico de São Luís, Fábio Henrique Carvalho, o presidente do Instituto Municipal de Paisagem Urbana de São Luís, Luiz Carlos Braga Borralho Junior, a Diretora do Dom Bosco Ceres Murad, a primeira dama do município Camila Holanda com gerente executivo do Colégio Dom Bosco, Nelson Fontinhas.

 

Em homenagem aos 60 anos do Colégio Dom Bosco, que será comemorado com intensa programação ao longo do mês de maio, a diretoria da escola firmou esta semana parceria com a Prefeitura de São Luís, para revitalização do urbanismo e paisagismo do entorno da escola.

No dia 27 de maio, logo após a corrida DB Runner, pais e alunos da escola serão convidados a fazer o plantio de 60 mudas na área próxima ao Colégio Dom Bosco. “Esse é um dos presentes que o Dom Bosco, em parceria com a prefeitura da nossa cidade, entrega para a comunidade de São Luís”, adiantou a diretora Ceres Murad.

sem comentário »