Sérgio Frota diz que a meta, agora, é o título da Série C

0comentário

Após conquistar o acesso (retorno) a Série B do Campeonato Brasileiro, no ano seguinte ao rebaixamento, o presidente do Sampaio Corrêa, Sérgio Frota, por meio do site oficial do clube disse que a meta, agora, é conquistar o bi da Série C e cravar a quarta estrela no manto sagrado tricolor.

“Não tenha dúvida que o grande objetivo na Série C era o acesso. E isso conseguimos, por etapas. Primeiro a classificação para o mata-mata, com três rodadas de antecedência, depois a vantagem de decidir em casa, com uma rodada de antecedência. Conseguimos o acesso no jogo contra o Volta Redonda aqui no Castelão com o apoio dessa torcida maravilhosa. Agora, queremos mais. Queremos ser campeões. Primeiro temos que jogar com o Fortaleza, respeitando eles. Tecnicamente o Sampaio não deve nada ao Fortaleza”, declarou.

Para o dirigente o ponto forte da equipe do Sampaio é a força do seu elenco. “A vantagem do Sampaio é a união desse grupo e o comprometimento da comissão técnica que hoje faz o Sampaio Corrêa”, destacou.

Por fim, o dirigente agradeceu o apoio incondicional da nação tricolor. “A minha mensagem para essa grande torcida boliviana é de agradecimento. Vocês não sabem como fiquei emocionando ao ver o Castelão lotado. O time todo sentiu isso. Obrigado, torcedor boliviano. Você teve papel fundamental nesse acesso do Sampaio Corrêa”, agradeceu.

Em dez anos como presidente do Sampaio Corrêa, Sérgio Frota conquistou o terceiro acesso em divisões do Brasileirão. O Tricolor subiu da Série D para a Série C em 2012, com direito a título invicto e da Série C para a Série B em 2013. Sem falar que a Bolívia Querida, com ele acumula 12 títulos: cinco estaduais, três Taça das Cidade de São Luís, duas Copas União, uma Supercopa do Maranhão e uma Série D. Houve ainda o vice da Série C em 2013. Sob a gestão do atual presidente, o Tubarão também garantiu a tríplice coroa em 2012 com Estadual, Copa União e Série D.

Confira o vídeo:

sem comentário »

Sorriso White na Casa das Dunas

0comentário

É neste domingo, às 21h, o show da banda Sorriso Maroto; o espaço receberá um dos mais disputados grupos de pagode do Brasil

A banda de pagode Sorriso Maroto está na concentração para, neste domingo, na Casa das Dunas (Avenida Litorânea), apresentar seu mais recente show, um dos campeões de bilheteria. O grupo está completando 18 anos de carreira e está percorrendo várias cidades do Brasil.

A banda é formada por Bruno Cardoso, Sergio Jr, Cris Oliveira, Fred Araújo e Vini Augusto e apresentará seus principais hits e as mais recentes músicas, lançadas no álbum “De Volta Pro Amanhã”, em versões física e digital. O repertório inclui “Eu já te quis um dia”, “Dependente”, “Anjos Guardiões de Amor”, além de “Coincidência Não Existe”, “Soltinha” e “Adeus”, que no mais recente trabalho contam com a participação de Wesley Safadão, Nego do Borel e Roupa Nova, respectivamente.

E ainda sucessos como “Clichê” e “Sinais”. Para os ouvintes mais recentes do Sorriso, desde a ascensão de “Assim Você Mata o Papai”, em 2012, os hits “Vai e chora”, “1 Metro e 65”, “Lua de mel”, “Guerra Fria” e “Tá Bom, Aham” também fazem parte do show. Na ficha técnica, a direção do show fica por conta do próprio Sorriso, com cenografia assinada por Ludmilla Machado e iluminação criada por Marcos Olívio.

O álbum “De Volta Pro Amanhã” foi gravado em um casarão de 26 cômodos no Rio de Janeiro. Com um projeto inovador, Sorriso se reuniu em uma casa na zona sul carioca, durante 20 dias, em mais de 140 horas de trabalho, com banda formada por outros dez músicos, além de mais 30 pessoas na produção, para transformar o 11º álbum da banda, com 17 músicas inéditas, em algo diferente e inovador.

 

Serviço

O quê

Show Sorriso White

Quando

Neste domingo, às 21h

Onde

Casa das Dunas (Avenida Litorânea)

Ingressos:  R$ 90,00 (Espaço Dunas) e R$ 140,00 (Front Praia), à venda na Central Gajo (Shopping da Ilha), Plena Calçados (Rio Anil), Eu Vou Ingressos (Atlanta Center) e Casa das Dunas

 

sem comentário »

Correios realiza novo mutirão de entrega neste fim de semana

0comentário

Neste sábado e domingo (30 de setembro e 1º de outubro), os Correios realizarão, novamente, mutirões para colocar em dia a carga de objetos postais. Hoje (29), 84,42% dos empregados em todo o país (91.651) estão trabalhando normalmente. No Maranhão, 144 empregados decidiram aderir à paralisação, o que representa 8,36% dos trabalhadores dos Correios no estado.

Em todo o país, a rede de atendimento está aberta e todos os serviços, inclusive o SEDEX e o PAC, continuam disponíveis. Apenas os serviços com hora marcada (Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje, Disque Coleta e Logística Reversa Domiciliária) estão suspensos.

Nesta quinta-feira (28), o Tribunal Superior do Trabalho determinou, em decisão liminar, que a greve dos trabalhadores dos Correios é abusiva. Diante disso, os Correios aguardam o retorno dos empregados aos seus postos de trabalho e adotarão as providências necessárias para ingressar com dissídio coletivo no TST.

Histórico da paralisação

No último dia 22, os Correios e a Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (Findect) chegaram a uma proposta de Acordo Coletivo de Trabalho para o biênio 2017/2018, que contemplava reajuste de 3% nos salários e benefícios a partir do mês de janeiro de 2018 e manutenção do ACT 2016/2017. No entanto, na última terça-feira (26), trabalhadores ligados a essa federação decidiram aderir à paralisação que já havia sido iniciada por outros sindicatos.

A Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect) iniciou a paralisação nas suas bases sindicais no dia 19, antes do fim das negociações.

sem comentário »

Mega Ação de negociação da Cemar no município de Pinheiro

0comentário

 

A Companhia Energética do Maranhão- Cemar desta vez realiza aAção de negociação no município de Pinheiro, a ação estará localizada na Praça da Feira Municipal da cidade, nesta sexta-feira (29), das 8h às 11h30.

Será uma grande oportunidade para os clientes da Companhia realizarem negociação de débitos, com condições especiais de parcelamento e ainda efetuar pagamento com cartão de débito.

Os interessados devem lembrar-se de levar:

  • A conta de energia elétrica
  • Identidade (RG) e CPF
  • Cartão do Bolsa Família, Bolsa Escola ou Vale Gás
  • Número de Inscrição Social (NIS)  e com as devidas atualizações.

Além de contar com dicas de segurança, economia com a energia elétrica, cadastro do NIS, para Tarifa Social Baixa Renda e a inscrição na promoção Energia em Dia Cemar, que dá prêmios toda semana.

 

Então, quem estiver em débito com a Companhia, pode aproveitar mais essa oportunidade e regularizar sua situação para evitar a suspensão do fornecimento de energia.

O quê: Mega Negociação de dívidas

Onde: Praça da Feira Municipal, no município de Pinheiro

Horário: 8h às 11h30

Assessoria de Imprensa da Cemar

sem comentário »

Com programa Peixe Solidário Prefeitura de São Luís intensifica combate à insegurança alimentar

0comentário

Prefeitura atende famílias com entrega de 5,5 mil quilos de pescado com o programa Peixe Solidário

Com o intuito de combater a insegurança alimentar, a Prefeitura de São Luís distribuiu, nesta quinta-feira (28), 5,5 mil quilos de pescados a famílias cadastradas pelos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) dos bairros Bequimão e Caratatiua por meio do programa Peixe Solidário, executado pela Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa). A ação beneficiou 3 mil famílias assistidas pelos programas sociais mantidos pelo Governo Federal.

Pela manhã a distribuição contemplou moradores do Bequimão e bairros adjacentes e a tarde, famílias do Caratatiua. “O Peixe Solidário é importante. Faz parte do esforço da Prefeitura para garantir segurança alimentar e qualidade de vida à população carente. Nosso intuito é atingir o máximo de pessoas assistidas pelo Cras. Esse é um compromisso reafirmado pelo prefeito Edivaldo, ampliando programas de largo alcance social”, assinalou o vice-prefeito Julio Pinheiro, que acompanhou a entrega.

“O Peixe Solidário faz parte da estratégia da Prefeitura de combate à fome. Ele se soma a outras iniciativas promovidas na gestão do prefeito Edivaldo como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), de caráter permanente, que acontece semanalmente e contempla famílias cadastradas pelos Centros de Referência da Assistência Social”, destacou a secretária de Segurança Alimentar, Fatima Ribeiro.

Segundo dados da Semsa, até o fim do ano serão distribuídas mais de 35 mil toneladas de peixe, considerando que a média de distribuição por etapa é de 2,5 mil a 3 mil quilos de pescado. “A Prefeitura tem articulado ações de incentivo à produção na zona rural de São Luís, fortalecendo a agricultura familiar, permitindo a fixação dos trabalhadores em suas terras e comercialização da produção. Com isso pretendemos diminuir a importação de alimentos”, ressaltou o vice-prefeito Julio Pinheiro.

DISTRIBUIÇÃO

O roteiro de distribuição do Peixe Solidário é previamente estabelecido pela Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), a partir de levantamentos socioeconômicos. Prioritariamente a distribuição acontece nos territórios de atendimento dos Centros de Referência da Assistência Social.

A presidente da Associação de Moradores do Bequimão, Maria Marta Vieira, ressaltou o alcance do programa. “O Peixe Solidário abrangeu não apenas moradores do bairro Bequimão, mas também do Rio Anil, Cantinho do Céu, Feirinha, Pão de Açúcar, Vila Padre Xavier, entre outros”, frisou.

A pensionista Maria Mendes Carneiro, 65, moradora há 30 anos do Bequimão, estava entre as centenas de pessoas que se enfileiraram em frente à sede da Associação de Moradores do Bequimão para receber a sacola de peixe. Ela vem participa do programa desde 2016. “Tenho filho e netos que ainda dependem de mim. Como eles têm cadastro do Bolsa Família fui até o Cras pegar minha ficha. Acho muito bom o programa por nos ajudar na alimentação. Vem em boa hora”, disse Maria Carneiro.

sem comentário »

TCE comemora avanços em avaliação de desempenho

0comentário

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA) mais do que triplicou o seu aproveitamento na avaliação realizada pelo Marco de Medição de Desempenho do Programa Qualidade e Agilidade dos Tribunais de Contas Brasileiros (MMD/QATC) da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon).

A evolução do TCE maranhense foi confirmada pela Comissão de Garantia de Qualidade que finalizou na manhã desta quinta-feira, 28/09, os trabalhos de avaliação do conjunto de indicadores de performance que devem ser atendidos pela Corte de Contas em diversas áreas, envolvendo aspectos como estrutura, forma de gestão, transparência e efetividade, entre outros parâmetros.

A Comissão de Avaliação foi coordenada pelo conselheiro Marcos Coelho Loreto (TCE/PE), com a participação do conselheiro-substituto Daniel Melo (TCE/PA) e dos auditores Andrea da Silveira Lima Rodrigues (TCE/RN) e Jackson Oliveira (TCE/PE).

A avaliação promovida pelo MMD/QATC tem como objetivo fortalecer o sistema Tribunal de Contas como ente indispensável ao controle dos recursos públicos e à cidadania, além de estimular a transparência das informações, das decisões e da gestão das Cortes de Contas.

Os resultados alcançados na avaliação do MMD/QATC permitirão aos Tribunais de Contas brasileiros comparar os seus desempenhos em relação às boas práticas internacionais na área de controle externo e atender às diretrizes estabelecidas pela Atricon.

No quesito boas práticas, a Comissão de Garantia de Qualidade destacou quatro procedimentos adotados pelo TCE maranhense, ressaltando a importância deles no conjunto das atividades desenvolvidas pela instituição: disponibilização do conteúdo integral dos processos de controle externo para consulta pública através da página do TCE na Internet, desde a sua autuação, inclusive o conteúdo dos produtos das fiscalizações; o “Portal Contas na Mão”, que reúne informações atualizadas sobre a gestão dos municípios jurisdicionados; a disponibilização da lista de ex-gestores com contas julgadas irregulares na página do TCE na Internet, com atualização em tempo real, identificando aqueles excluídos por força de decisão judicial ou por revisão do próprio Tribunal de Contas e a elaboração das normas internas em conformidade com as orientações da Atricon.

Para o presidente do TCE/MA, conselheiro Caldas Furtado, a melhoria no desempenho alcançada pelo órgão é o reflexo de um trabalho que integra o corpo diretivo da instituição ao conjunto de servidores, objetivando a construção de uma instituição cada vez mais comprometida com cumprimento de suas atribuições e a apresentação de resultados concretos à sociedade na área do controle externo: “Os avanços que comemoramos agora decorrem do trabalho e da dedicação de membros e servidores que desejam construir um TCE cada vez mais sólido e atuante. É momento de comemorar essa conquista que nos motiva e fortalece nosso ímpeto de continuarmos a realizar as mudanças que nos conduzirão a cumprir nossa missão com efetividade ainda maior e em benefício da sociedade”, destacou.

A preocupação em melhorar o desempenho do TCE maranhense se intensificou há dois anos, na gestão do conselheiro Jorge Pavão, quando foram realizadas reuniões do corpo diretivo com a finalidade de analisar os principais problemas enfrentados pela instituição e as alternativas para superá-los.

Atualmente, na gestão do conselheiro Caldas Furtado, o TCE/MA priorizou a implementação de medidas que se harmonizam com os parâmetros do MMD/QATC como forma de aprimoramento de suas atividades de fiscalização e controle. Os resultados da Comissão de Garantia de Qualidade deixam claro que esse é o caminho certo a seguir.

sem comentário »

Edivaldo Holanda destaca obras da Prefeitura de São Luís no Polo do Coroadinho

0comentário

 

Em discurso feito na sessão desta quarta-feira (27), o deputado Edivaldo Holanda (PTC) falou sobre as dificuldades que os prefeitos de São Luís enfrentaram para desenvolver um trabalho de excelência devido ao desordenamento que vem ocorrendo na capital ao longo dos anos.

“As diversas ocupações não receberam o devido tratamento no sentido de dar cada vez mais condições de cidadania aos moradores. No entanto, o polo do Coroadinho, um dos mais populosos da capital, vem recebendo nos últimos anos uma série de obras e serviços implantados pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior”, afirmou o deputado.

Segundo Edivaldo Holanda, as ações feitas no polo do Coroadinho – que foi alvo do maior programa de urbanização desde o seu surgimento, há 40 anos – beneficiaram mais de 50 mil pessoas.  A última dela, disse o deputado, foi a entrega feita pelo prefeito na quinta-feira passada, do Residencial Rio das Bicas II, área prioritária de reassentamento do polo do Coroadinho.

“Com a entrega das casas, a prefeitura conclui o programa de recuperação ambiental e melhoria de qualidade de vida da Bacia do Bacanga. As pessoas que estão morando nestas casas antes estavam em palafitas. Estamos entregando estas residências e dando dignidade à população. O polo Coroadinho tem recebido um volume de investimento muito alto do Poder Público Municipal, na nossa gestão”, ressaltou o prefeito Edivaldo Júnior, naquela ocasião.

Outras obras feitas pela Prefeitura no Coroadinho foram:  a reforma da Unidade Mista de Saúde; asfaltamento de ruas e avenidas; regularização de títulos de terras; construção de espaços de lazer do Centro de Referências de Assistência Social, dentre outros serviços que visam mais e a melhor qualidade de vida do cidadão.

De acordo com o deputado, as casas entregues na última quinta-feira atendem a um remanejamento gerado por conta das obras de cunho ambiental e sanitário. Na oportunidade, o titular da SEMP,  Gustavo Marques, enfatizou que sem dúvida, essas famílias terão a partir de agora uma vida melhor e mais digna.

Bacia do Bacanga

O Projeto de Recuperação Ambiental e Melhoria da Qualidade de Vida da Bacia do Bacanga foi coordenado e executado pela SEMP com financiamento do Banco Mundial. As residências entregues são geminadas, construídas duas a duas e divididas com dois quartos, sala de estar, cozinha, banheiro e área de serviço. O projeto contempla ainda a inclusão, pois há casas adaptadas para pessoas com deficiência.

O projeto da Bacia do Bacanga tem viés urbanístico, socioambiental e econômico institucional, contempla tanto na região da margem direta do rio que envolve o Coroadinho, quanto da margem esquerda chegando até o bairro do Sacavém. Na margem direita da bacia do Bacanga, foram executadas as obras do Parque Urbano do Rio das Bicas, constituídas de 5 praças situadas ao longo do canal nos bairros do Coroadinho e Salinas do Sacavém. As praças contêm playground, academia aberta, quadra de esportes, mesa de jogos, paisagismo nos espaços de lazer, recreação e pavimentação de ruas nos entornos.

Além disso, foram pavimentados mais de 30 km de 280 ruas, beneficiando mais de 50 mil moradores. Na lista de serviços consta ainda pavimentação asfáltica com bloquetes, além das obras de drenagem superficial com implantação de meio fio, calçadas e sarjetas. Algumas ações recebem ajustes para recuperar desgastes frutos do tempo. A Prefeitura também fez a requalificação de cerca de 7 km de vias e também melhoria da iluminação pública, beneficiando os 32 bairros do polo do Coroadinho.

Obras de impacto

As obras do Canal do Rio das Bicas estão entre as de grande impacto na população local promovidas pela Prefeitura no Coroadinho. A área foi toda urbanizada pela Prefeitura para a construção do Residencial Rio das Bicas I e, agora, o Residencial Rio das Bicas II. O trecho recebeu serviços de drenagem profunda, com galerias tubulares de concreto armado e micro drenagem dando fim às inundações e, consequentemente, ao acúmulo de dejetos no período chuvoso, vai facilitar o escoamento da água das chuvas.

“Este é um relato rápido do que o prefeito Edivaldo Júnior tem feito em uma das regiões mais populosas da nossa capital e mais sofrida, que é o polo do Coroadinho, que agrega 32 bairros e onde moram aproximadamente 50 mil pessoas. Parabenizamos o Doutor Gustavo Marques pelo trabalho importante realizado às margens  do Bacanga e ao prefeito de São Luís, Edivaldo Júnior por esse trabalho de urbanização dessa área tão querida e tão importante do polo do Coroadinho”, finalizou Edivaldo Holanda.

sem comentário »

Justiça condena ex-prefeito Tadeu Palácio por improbidade administrativa

0comentário

A juíza titular da 1ª Vara da Fazenda Pública, Luzia Madeiro Neponucena, condenou o ex-prefeito de São Luís, Carlos Tadeu de Aguiar Silva Palácio, por ato de improbidade administrativa, em face de danos causados ao erário municipal que somam R$ 186.716,90, decorrente de obras de urbanização do Rio das Bicas, no trecho Areinha-Bairro de Fátima. A ação civil pública foi proposta pelo município na gestão do prefeito João Castelo.

A sentença determina também a perda de eventual função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos; pagamento de multa civil correspondente a 50% do valor do dano (R$ 93.358,45), além de proibição de contratar com o Poder Público, receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de cinco anos.

O ex-prefeito terá ainda que ressarcir o erário municipal em R$ 186.716,90, corrigido monetariamente a partir 18/05/2006, data do encaminhamento ao Ministério da Integração Nacional da prestação final de contas do convênio, e mais juros legais de 1% ao mês.

Na ação, o Município de São Luís sustenta que Tadeu Palácio, quando no exercício do cargo de prefeito, em 2003, firmou convênio com a União para a execução de obras de contenção e proteção da margem do Rio das Bicas, no trecho Areinha-Bairro de Fátima. A Secretaria Nacional de Defesa Civil, ao realizar a inspeção física do projeto, no período de 02 a 06 de outubro de 2006, teria constatado várias irregularidades na gestão dos recursos e aferiu que apenas 81,38% do total de obras previstas foram executados, além de discordâncias entre o que constava no projeto aprovado previamente e o que fora efetivamente construído.

De acordo com a denúncia, o projeto não foi executado conforme o Plano de Trabalho aprovado, gerando um déficit de 18,62% relativo a obras e serviços não realizados, o que implicou prejuízo aos cofres públicos da ordem de R$ 416.041,69, atualizada desde a data da inicial.

Na fase de instrução do processo, uma perícia designada pela justiça constatou que o objeto celebrado no Convênio nº 246/2003 não foi cumprido como acordado, pois, teria havido alterações nos quantitativos entregues de obra finalizada, seja quanto ao material empregado ou no que se refere às dimensões especificadas. Também foi construída uma ponte não prevista no plano de trabalho do referido convênio, e sem autorização formal para sua construção.

A perícia concluiu que houve um dispêndio de R$ 186.716,90, o equivalente a 16,11% de obra paga e não realizada. O Município de São Luís teria sido prejudicado com a não construção de 1Km de ciclovia e calçada de pedestre. Em sua defesa, o ex-prefeito disse desconhecer os valores cobrados, afirmando que a obra fora executada conforme previsto no projeto. Também apresentou, no curso da instrução do processo, o resultado de um recurso administrativo junto ao Ministério da Integração Nacional, em que o órgão, após vistoria da obra, dá o Município como adimplente junto ao SIAF.

Em sua decisão, a juíza Luzia Madeiro Neponucena assinala que “resta claro e evidente o ato de improbidade administrativa cometido pelo requerido, ante as alterações supracitadas, que ocasionaram prejuízos ao erário municipal correspondente a R$ 186.716,90.

Fonte: Nonato Reis do Núcleo de Comunicação do Fórum Des. Saney Costa

sem comentário »

Prefeitura de São Luís paga servidores municipais neste sábado (30)

0comentário

Mais uma vez, honrando o compromisso com o servidor e antecedendo o calendário de pagamento estabelecido para o ano de 2017, a Prefeitura de São Luís, efetuará o pagamento dos funcionários públicos municipais, neste sábado (30).

O pagamento antecipado mostra o compromisso e o empenho do prefeito Edivaldo em garantir a folha em dia. Para o secretário Municipal da Fazenda, Delcio Rodrigues, cumprir o calendário de pagamentos e antecipar as datas já estabelecidas é resultado de muito esforço, dedicação e é uma das prioridades da atual gestão.

“O mês de setembro é um dos mais difíceis para a arrecadação municipal. Apesar da crise financeira nacional e a baixa nas receitas transferidas pelo governo federal, a Prefeitura está trabalhando com planejamento e organização para cumprir o compromisso com o servidor”, disse Rodrigues.

Os servidores municipais têm acesso às informações de seus vencimentos nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil, por meio do contracheque eletrônico. A informação também pode ser acessada através do site da Prefeitura de São Luís (www.saoluis.ma.gov.br), no Portal do Servidor, menu do lado esquerdo, informando o número da matrícula e senha.

sem comentário »

Edillázio Júnior diz que há “crime ambiental”na ETE Vinhais

0comentário

 

O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) apontou crime ambiental na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Vinhais, alvo de uma visita técnica dos parlamentares de oposição no início da semana.

No local, o deputado afirmou que o aparelho Ozonizador – que é utilizado para eliminar as bactérias no processo de tratamento do esgoto -, não funciona. Segundo ele, parte dos resíduos são despejados de volta em mangues, rios e chegam ao mar, o que provoca a degradação, em larga escala, do meio ambiente.

Foi o que chamou a atenção do parlamentar. “O que nós constatamos na visita que fizemos à ETE Vinhais foi um grave crime ambiental. Moradores do Recanto Vinhais dormem e acordam com o odor insuportável e  situações de saúde desagradáveis, pessoas com náuseas, vômitos, ardor nos olhos […]. A situação é alarmante”, disse.

Edilázio lembrou que, diferente da versão oficial do Governo do Estado, o posicionamento do Diretor da Caema, João José Azevedo, revelou o não funcionamento da estação de tratamento.

“O senhor João José Azevedo mostrou transparência. Diferentemente de muitos membros do governo Flávio Dino, diferentemente daqui desta Casa que não aprovou nenhum Requerimento de Informação, ali ele foi honesto, ali ele foi correto e falou a verdade para nós parlamentares. Ele falou que o ozonizador, que está há um ano comprado, está lá guardado, empoeirado sem uso. Ele também falou que apenas 80% do esgoto que chega naquela estação de tratamento são tratados e os 20% volta para os mangues, para os rios e desaguam no mar com os dejetos. E o governador Flávio Dino, alguns meses atrás, fez uma propaganda, gastou milhões na TV, dizendo que até o final do seu mandato teria 70% do esgoto de nossa capital tratada. Mais uma lorota desse governo”, completou.

Edilázio afirmou que denunciará o caso ao Ministério Público Estadual.

“Na estação do Jaracati sequer existe o tratamento com ozônio, sequer foi adquirido pelo Governo do Estado. Temos de denunciar a situação ao Ministério Estadual, ao promotor Fernando Barreto, para que faça uma visita até aquela estação de tratamento. Acho que nós podemos convidá-lo. E a Comissão de Obras, a Comissão de Meio Ambiente desta Casa poderá levá-lo até a ETE Vinhais. E também vamos fazer um ofício ao Ministério Público Federal para que apure esse crime”, disse e completou: “Se a Caema tratasse a água do nosso Estado e da nossa capital como ela é boa de fazer buraco, com certeza nós seriamos uma excelência em tratamento de água”, finalizou.

sem comentário »