Em coletiva de imprensa, Ilson Mateus revela verdadeiro motivo do crescimento do Grupo Mateus: trabalho

0comentário

Ilson Mateus destacou que seu grupo conta, hoje, com a força de trabalho e o empenho de 24 mil colaboradores, que atuam para garantir que não só o Mateus se mantenha no mercado, que é voraz, mas para que o Maranhão demonstre o quanto está preparado para competir de igual para igual com grandes empresas nacionais e até mundiais

Foi realizada na tarde desta quinta-feira (17), no prédio administrativo do Grupo Mateus em São Luís, a entrevista coletiva convocada pelo empresário Ilson Mateus, presidente do Grupo. Dezenas de jornalistas e outros profissionais da comunicação maranhense compareceram e acompanharam a explanação do empresário, que falou sobre o histórico de investimentos da empresa, os resultados de 2018, os planos de expansão para os próximos cinco anos e o regime tributário do Maranhão, assunto que ganhou grande repercussão na imprensa recentemente.

A caminho da sala preparada para a entrevista coletiva, mesmo espaço em que trabalham centenas de colaboradores do Grupo Mateus, os jornalistas puderam ter noção da grandiosidade que existe por trás das prateleiras dos supermercados e dos pallets nos Centros de Distribuição do Grupo Mateus. “O Mateus hoje conta com a força de trabalho e o empenho de 24 mil colaboradores. Toda essa gente atua para garantir que não só o Mateus se mantenha no mercado, que é voraz, mas para que o Maranhão demonstre o quanto está preparado para competir de igual para igual com grandes empresas nacionais e até mundiais”, revelou Ilson Mateus, ao citar a concorrência com outras redes do segmento, como o Grupo Pão de Açúcar, Carrefour, Assaí, entre outros.

História

Logo no início da coletiva, o presidente Ilson Mateus apresentou à imprensa um breve histórico do Grupo Mateus, que teve início há 32 anos em Balsas, município no sul do Maranhão. O empresário falou sobre a vida no garimpo – e até apresentou as antigas carteirinhas de garimpeiro, que guarda com orgulho no bolso e leva aonde quer que vá. Com sua visão empreendedora e sem medo da inovação, Ilson Mateus não pensou duas vezes: vendeu seus poucos pertences e, mesmo sem ter a experiência necessária, montou ali uma pequena mercearia. Ao mesmo tempo, fazia ele mesmo os fretes em seu velho caminhão levando produtos adquiridos em Imperatriz, a 400 km, para serem comercializados em Balsas. Muito trabalho e perseverança fizeram com que um sonho começasse a se tornar realidade: num breve espaço de tempo, a pequena mercearia se tornou um supermercado de pequeno porte.

Com a chegada do Plano Cruzado em 1986, o mercado brasileiro passou por uma grande mudança de conceitos. Enquanto vários empresários resolveram apostar na especulação financeira, o jovem empresário continuou apostando no trabalho e fez da crise a sua maior aliada. Comprando a prazo das grandes distribuidoras e fábricas e vendendo à vista, investia cada vez mais em estoque de produtos, contratação e qualificação de pessoas e em ações agressivas de vendas e marketing.

Crescimento

Hoje, o Grupo Mateus é um conglomerado de empresas que opera no varejo de supermercados, atacarejo, móveis e eletrodomésticos, indústria de panificação, distribuição de medicamentos e construção, com presença no Maranhão, Pará e Piauí.

Atualmente o Grupo Mateus é a quinta maior empresa de varejo do Brasil e se desenvolve a cada dia, em estruturas físicas, logísticas, tecnológicas e acima de tudo, humanas.

Na entrevista coletiva, Ilson Mateus destacou que, para se manter no mercado, é preciso investir sem medo, porém, com os pés no chão. “Temos uma equipe composta pelos mais dedicados especialistas em suas áreas de atuação, como analistas de mercado, varejo, atacado, advogados tributaristas, entre outros. Juntos, avaliamos todos os cenários e acompanhamos os passos dos gigantes do setor. Se a gente não caminhar corretamente, eles nos engolem”, frisou o presidente do Grupo Mateus, ao se referir às redes que pretendem chegar ao Maranhão nos próximos anos. “Tudo o que gente tem feito e continuará fazendo é para o Mateus se manter no mercado, e não há nenhuma vaidade nisso”, destacou.

Incentivos fiscais


Ilson Mateus falou de forma bastante clara sobre o que, de fato, tem como incentivo; e demonstrou, ao distribuir documentos como as leis estaduais que versam sobre as políticas tributárias para o setor, que jamais teve benefício algum de maneira exclusiva

Um dos assuntos mais comentados nos últimos meses, em especial, nas últimas semanas, é a repercussão do fechamento de lojas de outras redes de supermercados no Maranhão. De forma equivocada, algumas pessoas compartilharam que esse fato se deve a um suposto benefício fiscal concedido pelo Governo do Maranhão de forma exclusiva ao Grupo Mateus. Na entrevista, Ilson Mateus falou de forma bastante clara sobre o que, de fato, tem como incentivo; e demonstrou, ao distribuir documentos como as leis estaduais que versam sobre as políticas tributárias para o setor, que jamais teve benefício algum de maneira exclusiva.

Desde 2015, por força do Decreto Lei nº 31.287/15, o Grupo Mateus teve a possibilidade de se credenciar para ter o direito ao incentivo fiscal que estipula cobrança de 2% de ICMS e permite venda para pessoas física e jurídica. Entretanto, o empresário apresentou uma lista com os nomes de outras 104 empresas que também são contempladas pela Lei, como a Fribal e os Supermercados Maciel, por meio da empresa Coapro (Comércio Atacadista de Produtos), que deixou o benefício em maio de 2018, exatamente no mesmo período em que começou a fechar lojas na capital, São Luís.

Em paralelo, Ilson Mateus explicou que nem o Grupo Mateus e nem qualquer outra empresa jamais se credenciou na Lei 10.576/17, criada pelo Governo do Estado a fim de atrair Centros de Distribuição para o estado. “Nós não podemos nos credenciar em duas leis fiscais ao mesmo tempo, precisamos optar por uma, e a lei de 2015 é, atualmente, mais interessante para os negócios do Grupo. A vantagem para os Centros de Distribuição é mais efetiva, pela nossa avaliação, para as importações, o que conseguimos realizar por outros estados, seguindo as leis locais, como em Roraima, por exemplo”, revelou Mateus.

Futuro

Como forma de proteger os negócios do Grupo Mateus, Ilson Mateus tem apostado em um tripé de investimentos, baseados em logística, distribuição e franquias, caso do Camiño Supermercados, modelo que atende às necessidades de bairros.

Em diversos momentos da coletiva, com humildade e linguagem simples, Ilson Mateus destacou o importante papel da imprensa na publicação dos fatos verdadeiros. “Eu peço a ajuda de vocês, porque todos esses ataques não atingem só o Mateus, mas o Maranhão como um todo. Tenho recebido telefonemas de bancos, investidores, fornecedores; toda uma cadeia produtiva ficou alarmada, de forma equivocada e injusta, por notícias falsas e maliciosas publicadas ultimamente. Nós trabalhamos com a verdade e com a transparência, por isso, digo a vocês: o único segredo do Grupo Mateus é o trabalho”, concluiu o empresário.

Ao fim da explanação, o presidente Ilson Mateus revelou, como de costume, sua fé cristã, ao citar um versículo bíblico e ao afirmar que acredita na justiça divina. Após responder às perguntas dos jornalistas, o empresário posou para fotos com os profissionais da comunicação e falou sobre o quanto se sente otimista com o futuro.

sem comentário »

Osmar Filho prestigia posse do novo presidente do Sebrae

0comentário
Osmar Filho na posse, ao lado do novo presidente do Sebrae no Maranhão, Raimundo Coelho Sousa (à esquerda)

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT),
prestigiou, na noite da última quinta-feira (17), no Centro de
Convenções Pedro Neiva de Santana, a solenidade de posse do presidente
do novo Conselho Deliberativo do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e
Pequenas Empresas, Raimundo Coelho de Sousa, eleito para comandar a
entidade no quadriênio 2019-2022.

O chefe do Legislativo municipal propôs a parceria do Sebrae para
discutir algumas ações junto com a Casa visando uma parceria para gerar
mais emprego e renda na capital maranhense.

“A parceria Câmara Municipal de São Luís e Sebrae é importante por ser
uma instituição que visa dar apoio ao pequeno e micro empresário, e
tenho certeza que está parceria resultará em políticas públicas de
geração de emprego e renda”, afirmou Osmar Filho.

O novo presidente disse que vai encarar o cargo com muita
responsabilidade e honra. “E vamos procurar saber sobre a necessidade do
micro e pequeno empreendedor, saber o que ele indica, qual a sua
vocação”, acrescentou Raimundo Coelho.

Osmar Filho falou, ainda, que os projetos de parceria com o Sebrae.
“serão discutidos discutido com as comissões técnicas da Casa, que versa
sobre o assunto, e com o colegiado, também, buscando audiência pública
com a sociedade civil organizada envolvendo todos, para que, a partir
daí, se construa projetos que de fato fomentem a geração de emprego e
renda”.

Raimundo Coelho ressaltou que é fundamental discutir projetos de
interesse econômico com a Câmara Municipal de São Luís em diversos
segmentos como na agricultura, comércio, indústria e serviços.

Na ocasião, o novo presidente destacou a importância dos vereadores de
São Luís na parceria com o Sebrae, por tratar-se de legítimos
representantes do povo e das comunidades.

sem comentário »

Prefeitura de Caxias informa que é falso banner que anuncia paramento a servidores para hoje

0comentário

A Prefeitura de Caxias informa que é falso o banner divulgando de forma anônima, que anuncia para hoje o pagamento dos salários aos servidores públicos municipais. “É falso, a prefeitura não emitiu nenhum banner de pagamento com data de hoje”, rechaçou a administração municipal. “Se não estiver nas páginas oficiais da prefeitura, não é verdadeiro”, alertou.

Abaixo, o comunicado oficial:

sem comentário »

Sem saneamento: até a rua onde o prefeito de Peritoró mora é inundada durante chuva

0comentário

O líder da opsição na Câmara Municipal de Peritoró, vereador Clemilson Viana, em entrevista ao blog, denunciou a falta de saneamento básico no município. Ele informou que há anos, no período chuvoso, a falta de rede de esgotos leva a cidade a um caos total,

Segundo Clemilson Viana, vários pontos de alagamentos formam-se em Peritoró. Quando chove, até a rua onde o prefeito Pe. Jozias mora fica alagada, escancarando o descaso, o abandono e a falta de vergonha de uma gestão que acumula três mandatos, sendo dois consecutivos.

Prefeito Pé. Jozias recebe recursos, mas não investe em saneamento básico em Peritoró

O líder da oposição garante que não há razão para o abandono das políticas públicas de saneamento básico no município, uma vez que a prefeitura recebe do Governo Federal, em média, R$ 3,5 milhões por mês.

Clemilson Viana lembra que o município também tem recebido emendas parlamentares, ou seja, recursos extras.

Assista ao vídeo:

sem comentário »

Câmara de São Luís realizará recadastramento de servidores

0comentário
Sede da Câmara Municipal de São Luís, no Centro Histórico

A Câmara Municipal de São Luís realizará, a partir da próxima semana, o trabalho de recadastramento dos servidores da Casa.

A coleta de informações terá início no próximo dia 23 e se prolongará até o dia 13 de fevereiro no setor de Protocolo. O atendimento será feito das 8h às 17h.

Os funcionários (efetivos, comissionados e contratados) deverão apresentar os seguintes documentos: foto 3×4, cópia da identidade, CPF, PIS/Pasep e título de eleitor, cópia de certidão de nascimento ou
casamento; cópia da certidão de nascimento dos filhos; cópia do
comprovante de residência; cópia da carteira de trabalho; cópia do cartão do banco e cópia da portaria ou termo de posse.

Vale destacar que o recadastramento é obrigatório. O servidor que não o fizer estará sujeito a penalizações, como a suspensão do pagamento.

sem comentário »

Guarda da SMTT é flagrado multando Uber no aeroporto, mesmo com tolerância de 2 minutos para embarque e desembarque

1comentário

Um agente da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) foi flagrado por um motorista de aplicativo multando carros de transporte de passageiros via Uber no Aeroporto Marechal Cunha Machado, no Tirirical. No local, existe uma placa que informa a tolerância de dois minutos para embarque e desembarque de usuários da Uber e de outras empresas que operam por aplicativos.

Ao ser questionado por um condutor por que estava autuando todos os veículos, independente do tempo de permanência, o guarda afirmou que quem aplica a multa não é ele, e sim o secretário, referindo-se ao titular da SMTT, Francisco Canindé Barros.

Será que existe uma ordem expressa de Canindé aos subordinados para que estes multem todo e qualquer carro de aplicativo que estacione no aeroporto, independente do tempo de tolerância?

Com a palavra o secretário…

Assista ao vídeo:

1 comentário »

Curso Wellington terá turma preparatória ao seletivo para estágio remunerado do TJ para jovens a partir de 14 anos

0comentário

O Curso Wellington está oferecendo turma específica de preparação para o processo seletivo de estágio remunerado para o Tribunal de Justiça do Maranhão. O seletivo é para jovens a partir de 14 anos que estejam cursando entre 1° e 3° ano do ensino médio. As inscrições vão até o dia 18 de janeiro no site do TJ/MA, contando com uma bolsa no valor do salário mínimo, de R$ 998,00.

Objetivando preparar os estudantes maranhenses, os alunos que já fazem Curso Wellington terão acesso, de forma gratuita, à turma específica para o seletivo. Para os demais estudantes, o curso completo será somente uma taxa simbólica de R$ 50,00, para custeio do material didático.

“Para nós, da família Curso Wellington, o mais importante é ajudar as pessoas a mudarem de vida. E esse estágio remunerado do TJ é uma boa oportunidade para os estudantes que estão cursando o ensino médio e, por saber disso, decidimos conceder a gratuidade para os alunos que já são da casa. Vence na vida quem estuda. E nós acreditamos nisso”, afirmou o professor Wellington, fundador do Curso.

As turmas começarão no dia 21 de janeiro e englobarão todas as disciplinas previstas no edital do seletivo.

sem comentário »

Bolsonaro volta a prestigiar Sarney, desta vez em almoço com presidente da Argentina

1comentário

Sarney permaneceu sentado ao lado de Jair Bolsonaro durante o almoço no Itamaraty

O ex-presidente José Sarney participou, nesta quarta-feira (16), como convidado, do almoço oferecido pelo presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro, ao presidente da Argentina, Mauricio Macri, e sua comitiva, formada por cinco ministros. Durante o evento, Sarney permaneceu o tempo todo ao lado de Bolsonaro, que mais uma vez demonstrou seu respeito e deferência ao longevo político maranhense.

Presença destacada no almoço, Sarney participou do brinde entre as autoridades brasileiras e argentinas, momento que simbolizou a manutenção da relação amistosa entre as duas nações vizinhas.

Sarney ocupou a mesma mesa em que sentaram Bolsonaro e o vice-presidente da república, General Mourão

Na pauta do encontro entre Bolsonaro e Macri, as negociações para acordos bilaterais, além de medidas de flexibilização do Mercosul (bloco que reúne Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, uma vez que a Venezuela está suspensa momentaneamente) e a crise na Venezuela.

Também foram abordados temas como combate ao crime organizado, defesa, ciência e tecnologia, energia nuclear e dinamização do comércio.

Sarney participou do brinde presidencial que reafirmou a relação amistosa entre Brasil e Argentina

Integraram a delegação oficial da Argentina os ministros das Relações Exteriores, da Produção, da Defesa, da Fazenda, de Segurança e Justiça e dos Direitos Humanos.

Blocos
A discussão sobre o futuro do Mercosul deve incluir a alternativa da adoção de regras que permitam acordos bilaterais entre membros do grupo, outros blocos e países, sem obrigatoriamente passar pela chancela do Mercosul.

Os dois líderes devem conversar também medidas para avançar as negociações do bloco que já estavam em curso até o fim de 2018, como é o caso com a União Europeia, além de propor uma agenda interna que inclua a simplificação da estrutura tarifária, a convergência regulatória e a diminuição de barreiras internas entre países membros.

1 comentário »

Prefeito Edivaldo faz visita de cortesia ao presidente da Câmara de Vereadores, Osmar Filho

3comentários

Prefeito Edivaldo cumprimenta o presidente da Câmara, Osmar Filho

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior realizou visita de cortesia ao presidente da Câmara de Vereadores de São Luís, Osmar Filho, na tarde desta quarta-feira (16). A reunião, que teve como foco o estreitamento das relações entre os poderes Legislativo e Executivo, contou com presença de parlamentares de vários partidos e de secretários municipais.

Durante a visita o prefeito Edivaldo reforçou a importância da parceria entre o Executivo e Legislativo. “O intuito desta visita é o importante reforço e estreitamento das relações entre as duas instituições e o compromisso de uma gestão que será parceira, tendo como objetivo a execução de significativas políticas públicas visando sempre o bem-estar da população da nossa cidade”, destacou o prefeito Edivaldo que estava acompanhado dos secretários municipais Pablo Rebouças (Governo), Ivaldo Rodrigues (Relações Parlamentares) e Jota Pinto (Articulação Política).

O gestor acrescentou ainda que a união dos poderes tem reflexo em melhorias para toda a população. “Estamos aqui para reforçar ainda mais essa parceria. Desejamos que o vereador e agora presidente desta Casa, Osmar Filho, a conduza com sabedoria e um olhar sensível para as questões sociais que afetem diretamente a população”, enfatizou Edivaldo.

“Agradecemos a presença do prefeito Edivaldo Holanda Júnior neste momento em que esta Casa Legislativa se prepara para novo ciclo. Tratamos de assuntos que dizem respeito direito à população e refletem em melhorias para a cidade e fortalecimento da relação entre a Prefeitura e a Câmara de Vereadores”, pontuou o vereador e presidente da Casa, Osmar Filho que tomou posse no cargo dia 1º de janeiro de 2019.

Na ocasião, prefeito e parlamentares debateram propostas que podem ser executadas nas áreas da saúde, educação, mobilidade urbana, valorização do Centro Histórico, entre outros. “Nesta relação de harmonia, sendo cada poder em sua área de atuação e respeitando a independência de cada um, darão sua contribuição para que tenhamos uma São Luís cada vez mais desenvolvida”, reforça Osmar Filho.

Vereadores e secretários municipais prestigiaram a visita de cortesia do prefeito ao chefe do Legislativo municipal

O secretário municipal de Governo, Pablo Rebouças, enfatizou a importância do momento para que prossigam as ações em benefício da população. “Uma nova gestão inicia na Câmara que sempre teve boa relação com a Prefeitura, pontuada pela harmonia dos poderes, sendo que ambas as instituições têm o mesmo objetivo que é o melhor para a população e a cidade. E é buscando cada vez mais o diálogo e a aproximação entre estes poderes, que são independentes, que juntamos força e geramos um cenário bem mais propositivo para a cidade”, disse o secretário.

Presentes ainda ao encontro estavam os vereadores Francisco Carvalho, do PSL (primeiro secretário da Câmara); Francisco das Chagas Lima e Silva, o Chaguinhas, do PP (segundo secretário da Câmara); Marcelo Poeta, do PCdoB; Paulo Victor, do PROS; Concita Pinto, do Patriota; e Edson Oliveira Gaguinho, do PHS; e o diretor-geral da Câmara, Marco Lucas.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação (Secom)

3 comentários »

Fábio Gentil discute com presidente da Emap projeto de instalação de porto seco em Caxias

0comentário

Fábio Gentil foi recebido por Ted Lago (ao centro) para discutir projeto do porto seco em Caxias

O prefeito de Caxias, Fábio Gentil (PRB), esteve reunido, na manhã desta quarta-feira, 16 de janeiro, com o presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), Ted Lago, que gerencia o Porto do Itaqui, em São Luís. Na pauta da reunião, a implantação do porto seco em Caxias, um projeto ousado, de iniciativa da gestão de Fábio Gentil, que gerará centenas de empregos e colocará o município na rota do desenvolvimento mundial.

Entenda o que é porto seco:

Porto seco ou estação aduaneira interior (Eadi) é um terminal intermodal terrestre diretamente ligado por estrada e/ou via férrea e/ou até aérea, sendo um depósito alfandegado localizado na zona secundária (fora do porto organizado), geralmente no interior. Recebe as cargas ainda consolidadas, podendo nacionalizá-las de imediato ou trabalhar como entreposto aduaneiro. Dessa forma, o porto seco armazena a mercadoria do importador pelo período que este desejar, em regime de suspensão de impostos, podendo fazer a nacionalização fracionada.

Na reunião, o presidente da Emap mostrou-se muito interessado em contribuir para a elaboração do projeto que implantará o porto seco na cidade de Caxias.

O prefeito de Caxias conheceu o sistema de operações portuárias

Uma próxima reunião já ficou agendada junto ao prefeito e sua equipe da Secretaria de Planejamento com Ted Lago e parte de sua equipe para o inicio do projeto do porto seco.

“Esse será o primeiro passo. O projeto precisa ainda após ser concluído, analisado pela Receita Federal e outros órgãos federais e estaduais, para, em seguida, tomar forma física. Mas como se trata de um projeto que, além de gerar muito emprego, trará recursos e investimentos, não só para Caxias, mas para toda o Maranhão, acreditamos que não enfrentaremos muitas dificuldades”, destacou o prefeito Fábio Gentil.

sem comentário »