“A OAB tem que ser representativa”, diz Carlos Brissac em visita à Região Tocantina

0comentário

Postulante à direção da ordem no Maranhão, o advogado conversou com colegas sobre os desafios da classe no interior

Carlos Brissac e a presidente da OAB-MA em Açailândia, Stela Anicacio

O pré-candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Maranhão, Carlos Brissac, esteve recentemente em visita à Região Tocantina. A viagem às cidades de Imperatriz, Açailândia, Porto Franco e Estreito serviu como uma oportunidade para o advogado ouvir as demandas e anseios de grupos de advogados no interior do estado.

Essa proposta, aliás, é que tem pautado sua campanha de pré-candidatura, principalmente, no fortalecimento da representatividade dentro dos quadros da Ordem. “Nosso projeto é representativo, e as propostas serão feitas por toda a classe advocatícia, de todos os nichos, democratizando nossa campanha”, afirma Brissac, que tem como máxima a frase “Por uma OAB forte”. O lema, vale destacar, tem ganhado bastante adesão de profissionais do direito nas redes sociais.

Um dos encontros foi com a presidente da subseção da OAB-MA em Açailândia, Stela Anicacio, durante conversa sobre os principais problemas e desafios enfrentados pela categoria de causídicos atuantes na região. “Um verdadeiro aprendizado”, foi como Brissac descreveu a reunião com Stela Anicacio.

O pré-candidato à presidência da OAB-MA também se reuniu com colegas em Imperatriz

Advogado formado pela UFMA, Carlos Brissac Neto é mestrando em Direito com especialização em Ciências Jurídico-Políticas na Universidade Portucalense do Porto (Portugal), é especialista em Compliance e Lei Anticorrupção pela Legal, Ethics and Compliance. Na Comissão de Jovens Advogados da OAB/MA, exerceu cargos de secretário, vice-presidente e presidente, como também foi Procurador Jurídico da OAB/MA, além de ter representado a Ordem no Conselho Estadual de Proteção ao Consumidor.

Sem comentário para "“A OAB tem que ser representativa”, diz Carlos Brissac em visita à Região Tocantina"


deixe seu comentário