O problema que sempre atrapalha o Moto…

4comentários

O Conselho Deliberativo do Moto segue agindo com total “irrespknsabilidade” com o clube. O último golpe foi o desmembramento da eleição que já deveria ter sido realizada para que não prejudicasse ainda mais o clube.

Mas qual é o problema o Conselho Deliberativo não quer que Natanael Júnior continue comandando o time?

Bom, se é isso, basta o CD arrumar um presidente, ganhar a eleição e deixar a vida do Moto seguir dentro da normalidade.

Mas não é isso. Está mais do que claro que o CD não quer a gestão de Natanael Júnior. Então é simples, os conselheiros tem na mão o poder de tirar o presidente ou não eleger Natanael.

O que não pode mais é o Conselho Deliberativo querer mandar no clube quando ele tem um presidente.

E Natanael precisa entender também que não pode mais brigar para ficar em um clube onde os conselheiros não o respeitam e não lhe querem à frente do clube.

Mas quem é a “vítima” que o Conselho Deliberativo tem para colocar como presidente?

Que a gente saiba, ninguém, pois o CD promete ajudar e fazer mundos e fundos, mas acaba sempre deixando o presidente sozinho e este tendo que assumir a responsabilidade total.

É esse o cenário no Moto que não muda porque o Conselho Deliberativo e o presidente nunca se entendem.

Pensem Moto e parem de prejudicar o clube…

Foto: Lucas Almeida/L17 Comunicação

4 comentários »

Eleições definem novos conselheiros da Cultura

0comentário

Desde o mês de maio que o Conselho Estadual de Cultura vem cumprindo uma série de ações relacionadas ao processo de eleição de novos conselheiros, previsto para este ano. Nesta terça-feira (6) foi realizado mais um fórum regional na cidade de João Lisboa, região oeste do Maranhão.

O calendário de ações para o processo eleitoral foi definido em maio, no auditório da Biblioteca Benedito Leite, com a participação de representantes da Capital e demais municípios, artistas, fazedores e produtores de cultura.

Para Neto de Azile, presidente do Consec-MA, é fundamental a participação de todos nesse momento.

“O Conselho sempre primou pela democratização e transparência das suas ações. Na reunião realizada em maio na Biblioteca Benedito Leite todo o processo de planejamento das eleições foi referendado pelo pleno, que decidiu sobre as datas, estratégias de mobilização e outras resoluções”.

As próximas agendas dos fóruns regionais estão previstas para os dias 9 de agosto (Fortaleza dos Nogueiras – região sul), 14 de agosto (São Benedito do Rio Preto – leste), 16 de agosto (São Mateus – região central) e 24 de agosto (Guimarães).

O Fórum Estadual de Cultura para eleição dos novos conselheiros está previsto para o dia 31 de agosto, em Açailândia.

“Convidamos todos a participarem dos encontros e a fazerem parte da construção desse processo. Os municípios que estão sediando os fóruns são parceiros na organização dos eventos e também mobilizadores junto ao público alvo”, diz Neto de Azile.

O secretário de Cultura do estado, Anderson Lindoso, aponta a democratização como um dos pontos fortes do Conselho. “A Secretaria de Cultura quer que o processo seja o mais participativo e democrático possível, com ampla representatividade de todas as regiões do Maranhão, pois entendemos que cada região do estado tem suas tradições e peculiaridades que devem ser representadas”, conclui o secretário.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Nada mudou no Moto após a conquista do título

11comentários

A conquista do título do Campeonato Maranhense não serviu muito para que o Moto solucionasse o grave problema financeiro que atravessa desde o início da temporada e muito menos para a união dos conselheiros em torno do clube.

Houve até quem desse jantar em comemoração ao título e políticos tidos como “grandes motenses” que prometeram ajudar o time para que possa sonhar com o acesso à Série C. Mas não passou disso.

Prestes a estrear na Série D, o Moto sequer teve dinheiro para registrar os três jogadores contratados e que estão treinando desde a semana passada.

Outros três atletas de fora que deveriam chegar aguardam que o clube envie a passagem aérea.

Além disso, ainda não houve o pagamento de pelo menos um mês de salário atrasados, pois o clube não recebeu os recursos do patrocínio do Mateus por meio da Lei de Incentivo ao esporte.

A conquista do título não serviu para unir os motenses que poderiam estar de fato ajudando o clube a sair da crise.

Pelo contrário, nos bastidores muitos trabalham para uma mudança de diretoria e até já tem gente falando como presidente para piorar o que já está ruim.

Dessa forma, a participação do Moto na Série D é uma grande incógnita pelo menos no que depender de deus dirigentes.

No que depender dos jogadores e comissão técnica vale à pena sonhar com o acesso!!!

Foto: Divulgação

11 comentários »

Mas e agora as coisas vão mudar no Moto?

7comentários

A conquista do título maranhense e a garantia do Moto nas competições nacionais em 2019 pode devolver a tranquilidade ao time rubro-negro com o possível retorno de conselheiros e apoiadores que se distanciaram do clube.

Por conta de desacertos e caminhos errados seguidos pela atual diretoria, alguns conselheiros se afastaram do clube, mas com a chegada do time à final e a conquista do Campeonato Maranhense as coisas parecem que vão melhorar.

Mas, mesmo com a possibilidade do retorno desses “conselheiros” ou “motenses ilustres”, como queiram, o Moto deve também buscar outras formas de cumprir os compromissos financeiros com atletas, comissão técnica e funcionários.

Ontem à noite, por exemplo, um conselheiro ofereceu um jantar aos campeões estaduais em uma churascaria da cidade. Foi muito bom o reconhecimento, mas não é apenas disso que o Moto necessita.  A ajuda deve ser permanente, independente de quem esteja lá, afinal o Moto é maior que tudo e todos.

Se os conselheiros não “aceitam” os métodos dos atuais dirigentes que mudem isso ou que de fato assumam o clube. Tenho dito que os dirigentes do Moto são vítimas desse modelo de “pão e circo” que existe dentro do clube.

O Moto tem nomes importantes em seu conselho e com condições financeiras de ajudar realmente o clube, mas que infelizmente não ajudam como poderiam. Espero, sinceramente que essa conquista ajude a mudar isso.

Que o título de campeão maranhense consiga unir todos os motenses para que possam juntos colocar o clube onde ele deve estar ou do contrário tudo não passará de mais um jogo de interesses.

Foto: Divulgação

7 comentários »