Tecnologias digitais marcam abertura do JEMs

1comentário

O Governo do Maranhão, através da Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), lançou na manhã desta quarta-feira (8), a 47ª edição da maior competição estudantil do estado, os Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) e o ParaJems. No evento que teve a participação da imprensa e de gestores municipais do esporte, foi apresentada a nova identidade visual e o tema deste ano: “A integração pelo esporte”.

O JEMs 2019 faz um paralelo à retomada do espírito esportivo juntamente com a vivência cultural que a atividade proporciona a milhares de crianças e adolescentes anualmente. A ideia do tema é incluir todos que compõem o ambiente escolar e a comunidade maranhense.

Além disso, os convidados puderam conhecer as diferentes plataformas de mídias digitais (instagram, facebook e YouTube), que serão utilizadas durante o período dos jogos. Uma das novidades desse ano é o aplicativo dos JEMs 2019, que chegará para facilitar o acesso aos boletins oficiais, programações e rankings gerais, cronogramas, modalidades, praças esportivas, entre outras.

“A nossa intenção é receber bem os atletas que participarão dos JEMs, oferecendo um bom alojamento, uma boa alimentação e que possam aproveitar a cidade. Temos a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e da Secretaria de Estado da Cultura (Secma) como parceiras, que nos auxiliarão durante o período dos jogos. Teremos shows, jogos e toda a estrutura para recebermos bem os nossos atletas”, ressaltou o secretário da Sedel, Rogério Cafeteira.

Durante o lançamento foi apresentado o Parque Olímpico, um espaço de interação e de acomodação dos atletas que será montado no Parque Folclórico da Vila Palmeira. Por meio de enquete nas redes sociais da Sedel e dos JEMs 2019, o público decidirá quem merece levar o Troféu Olímpico. Entre os homenageados estão Maria Sidalina Lamego Goulart, Georgiana Martins Pflueger, Ary Façanha de Sá e José Ribamar de Oliveira (Canhoteiro).

A diretora técnica dos JEMs 2019, Rosana Motta, ressaltou a importância da retomada do Troféu Olímpico como forma de homenagear atletas que fizeram diferença no esporte maranhense. “A volta do Troféu Olímpico faz um resgate dos atletas que fizeram parte da história do esporte maranhense. Este ano escolhemos esses quatro atletas, para que possamos manter viva a memória e a importância dos mesmos no esporte do nosso estado”, disse  Rosana Motta.

Biné Carvalho, representante do gestor municipal de São Luiz Gonzaga, disse que a cidade participou dos jogos pela primeira vez no ano passado, e que ficou surpreso com a organização e o cuidado da Sedel para com os estudantes. “Nesta reunião simples e diferenciada fomos bem recebidos por todos da equipe dos JEMs 2019, esperamos que o nosso município seja medalhista como no ano passado, por isso estamos empenhados em participar dos jogos”, falou Biné Carvalho

Serão 98 municípios participando da competição, sendo que a primeira fase será disputada no dia 23 de junho a 27 de julho, em oito regionais (Centro Novo, Codó, Caxias, Anapurus, Imperatriz, Colinas, Penalva e São Luís. A etapa estadual será realizada no dia 10 de agosto, quando acontecerá a abertura oficial, em São Luís,  com 13 modalidades disputando a competição.

Foto: Divulgação / Sedel

1 comentário »

Sedel lança Jogos Escolares Maranhenses

0comentário

Com o tema A integração pelo Esporte, a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel) lança, nesta quarta-feira (8), o Jogos Escolares Maranhenses de 2019. A nova marca publicitária do evento será apresentada à imprensa e aos gestores municipais do esporte às 9h, no Grand São Luís Hotel, na Avenida Pedro II, Centro histórico de São Luís, em solenidade para convidados.

O JEMs 2019 faz referência a retomada do espírito esportivo juntamente com a vivência cultural que a atividade proporciona a milhares de crianças e adolescentes anualmente. A ideia do tema é incluir todos que compõem o ambiente escolar e a comunidade maranhense.

“Estamos preparando um evento que volte a movimentar não só os atletas, mas toda comunidade estudantil do Maranhão.  A ideia do JEMs 2019 é de resgatar esse espírito esportivo que foi se perdendo com o tempo. Queremos lotar os ginásios com as torcidas e mostrar que o esporte e o desporto contribui para a formação social e profissional do cidadão”, afirmou o secretário de Estado de Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira.

A abertura dos jogos oficiais acontecerá no dia 10 de agosto de 2019. A competição se divide nas categorias infantil (13 modalidades), infanto (14 modalidades) e paralímpicas (7 modalidades).

A diretora técnica do JEMs 2019, Rosana Mota, antecipa que a descentralização dos jogos faz com que a Sedel possa desenvolver o esporte escolar em todo o Estado, agregando educação e lazer. “Estamos trabalhando para construir, coletivamente, uma política pública de estado que vise o esporte educacional em todas as suas possibilidades de inclusão como fator importante ao desenvolvimento dos jovens no Maranhão”, comentou.

Durante o evento será anunciada uma campanha de votação em homenagem aos atletas que faleceram, mas que contribuíram muito com o desenvolvimento do esporte maranhense.

Foto: Divulgação / Sedel

sem comentário »

JEMs: Sedel abre inscrições para escolas de São Luís

0comentário

A Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel) por meio da direção geral dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs 2019) abriu inscrição dos Jogos Escolares de 2019.

As escolas de São Luis tem até o dia 17 de abril para entregarem o termo de adesão ao Jogos Escolares Ludovicense (JELs).

O prazo vai até 24 de abril para as escolas entregarem as fichas das equipes coletivas e dos atletas das provas individuais dos JEMs 2019.

As fichas deverão estar assinadas e carimbadas pelo diretor da escola. Esta será a única ficha aceita para inscrição e deverá ser entregue com foto e documento de identidade dos atletas.

O Congresso Técnico JELS será realizado no dia 26 de abril e o início dos jogos no dia 4 de maio.

Os municípios que irão participar dos JEMs 2019 poderão entregar até o dia 17 de abril, o caderno de encargos para sediar a regional, após a realização dos seus jogos municipais e deverão inscrever seus alunos atletas via sistema oficial. A ficha deverá ser entregue no momento de realização das regionais carimbada pelo diretor da escola e assinada acompanhada de foto.

Todos as.escolas que irão disputar o ParaJEMs também deverão fazer sua inscrição respeitando as datas que constam no calendário.

Foto: Divulgação/Sedel

sem comentário »

Sedel apresenta regulamento do JEMs 2019

6comentários

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel) lançou, na manhã desta segunda-feira (25), o regulamento da 47ª edição dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) 2019.  O evento foi realizado no auditório do Palácio Henrique de La Roque e contou com a presença de gestores municipais, técnicos, e atletas.

Com a temática “Resgate e Inclusão”, o JEMs 2019 faz um paralelo a retomada do espírito esportivo juntamente com a vivência cultural que a atividade proporciona a milhares de crianças e adolescentes anualmente. A ideia do tema é incluir todos que compõem o ambiente escolar e a comunidade maranhense.  

“A nossa intenção é resgatar esse espírito dos Jogos Escolares Maranhense como forma de valorização dos nossos atletas e de reacender a chama na nossa comunidade em relação ao esporte. Ampliamos o número de atletas para 3.500 para que se tenha uma participação maior, além disso, os classificados participarão dos Jogos Escolares da Juventude”, ressaltou Rogério Cafeteira.

Na oportunidade, a direção técnica do JEMs apresentou o Regulamento Geral que disciplina os jogos, onde estão contidas informações como a data de abertura dos jogos, agendada para o dia 10 de agosto de 2019, a divisão das categorias em infantil (13 modalidades), infanto (14 modalidades) e paralímpicas (7 modalidades), entre outros informes que podem ser acompanhados no seguinte link http://www.sedel.ma.gov.br/files/2019/03/CALENDARIO-GERAL-DE-ATIVIDADES-1.pdf.  

Para a diretora técnica do JEMs 2019, Rosana Mota, a descentralização dos jogos faz com que a Sedel possa levar o esporte para todo o estado, agregando educação e lazer. “Nosso objetivo é levar o JEMs para os quatro cantos do Maranhão, fazendo com que o atleta se sinta valorizado e assistido pelo Governo do Estado. Pretendemos garantir a realização das finais dos jogos para outras regiões. Precisamos fazer renascer o espírito do JEMs”, complementou.

Foto: Divulgação

6 comentários »

Sedel apresenta regulamento geral do JEMs

1comentário

O secretário de Estado de Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira, apresenta na segunda-feira (25), a partir das 9h, no auditório do Palácio Henrique de la Rocque, o Regulamento Geral dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs/2019). Para a solenidade de lançamento do documento, o secretário convida prefeitos e secretários municipais de Esporte.

O evento organizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), tem o objetivo de apresentar aos gestores municipais do Estado o regulamento, o tema e as ações que norteiam a 47ª edição dos JEMs, que esse ano contempla a Sustentabilidade, preconizando a necessidade de se preservar o meio ambiente.

Na oportunidade, a diretora geral dos Jogos, Rosana Mota apresentará, de forma detalhada, o regulamento geral que disciplina os jogos; a concepção da logomarca para esse ano de 2019, que divide o Estado para ressaltar as riquezas naturais de cada região destacada; o tema Sustentabilidade, que tem por objetivo contribuir com a conscientização sobre a necessidade de se adotar medidas de cuidados e conservação da natureza; explanar o calendário geral das atividades e, ainda, estreitar a relação com os gestores municipais do esporte.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Rogério Cafeteira inicia mudanças nos JEMs

0comentário

O secretário de Desporto e Lazer (Sedel) Rogério Cafeteira começa a fazer a tão esperada reformulação dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) – principal e maior competição esportiva do estado e que vem perdendo interesse ano a ano.

É fato que a competição de 2019 já está bem perto, mas algumas mudanças já devem sem implantadas de imediato.

A primeira novidade é a escolha da educadora física e fisioterapeuta, Rosana Mota para a direção dos JEMs.

Rosana tem uma vida toda no esporte, como atleta, professora, técnica e fisioterapeuta que atua diretamente com atletas, portanto com credenciais suficientes para promover a reformulação que os JEMs necessita.

Rosana que também é mãe de atleta, sempre cobrou melhorias nos JEMs e , agora, terá a grande oportunidade de colocar muitas de suas ideias em prática, mas não conseguirá fazer tudo só. É necessário, principalmente que o Governo do Maranhão lhe dê condições de fato para desenvolver um bom trabalho.

Os desafios são muitos e diria que entre os principais está no aumento do número de escolas participantes da competição nas modalidades em suas etapas regionais e final.

A Sedel deve promover encontros e discussões com diversos segmentos para incentivar a participação das escolas nas mais diversas modalidades.

Com poucos recursos para realizar a sua principal competição, a Sedel tem atrasado no pagamento até de árbitros que apitam jogos, bem como na entrega de medalhas e troféus. Assim, os JEMs devem ser realizados com recursos da Lei de Incentivo ao Esporte.

Vamos torcer que dê certo. O primeiro passo já foi dado…

Foto: Arquivo pessoal

sem comentário »

JEMs e política de esporte no Maranhão

4comentários

Não vai aqui nenhuma crítica aos gestor da Secretaria de Desporto e Lazer (Sedel) por conta dos JEMs, mas à falta de política efetiva de esportes por parte do governo do Maranhão. Definitivamente, o esporte não figura como pauta prioritária para os políticos.

Tenho sido crítico em relação ao assunto e volto a reforçar aqui a importância do governo repensar a sua política de esporte e a destinação de verbas para o setor.

O término dos JEMs propõe uma ampla discussão sobre o principal evento realizado pela Sedel. Ao longo dos anos o governo comemora a participação de maior número de municípios e escola, mas omite como essa participação ocorre.

Em cada modalidade coletiva, por exemplo, a equipe se prepara por quase um ano e disputa apenas dois jogos. Perdeu e está fora ainda na fase regional. Por falar em fase regional, o JELs foi uma vergonha só…

Além disso, de forma equivocada, a Sedel reduziu o número de atletas acompanhando o que é feito nos Jogos da Juventude. O que é um grande equívoco reduzir o número de atletas por modalidade.

O reduzido número de jogos é uma ameaça a professores e técnicos que tem o contrato interrompido com as escolas por conta da inexistência de competições. Vale à pena para uma escola ter uma equipe para disputar dois jogos?

Vejam o que acontece por exemplo com o futsal, modalidade com maior número de escolas, apenas três de São Luís são classificadas para os jogos. No volei, por outro lado, até seis equipes de São Luís e três de Imperatriz entraram nos JEMs.

Com tudo isso, a cada ano o JEMs fica menor. A sedel faz do jeito que é possível fazer e com os poucos recursos que tem. E a cada ano com menos recursos.

Não vejo ninguém se preocupar com isso e resultado é que o JEMs, ano a ano passam como se nem estivesse sendo disputado.

Como sugestão e pelo fato de ser o esporte, atividade complementar à educação, os JEMs bem que poderiam contar com o envolvimento e recursos da Secretaria de Educação, pois apenas com o que a Sedel possui não é possível fazer uma competição que reflita a importância dos jogos.

O fato é que o governo precisa repensar o JEMs.

O JEMs acabou ontem, mas está morrendo a cada ano.

Foto: Divulgação

4 comentários »

Premiações encerram JEMs 2018 no infanto

0comentário

Após 17 dias de competições, etapa infantil e infanto, os Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) 2018 foram encerrados nesta segunda-feira (27) premiando e reconhecendo o trabalho de cada escola participante das categorias coletivas. Promovidos pela Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), os JEMs contaram com a participação de 112 municípios e 75 mil alunos envolvidos, em média, em sua 46ª edição.

Voleibol

As disputas realizadas no Ginásio Manoel Trajano consagraram a equipe do ADONAI COC de Açailândia como campeã do vôlei feminino. A equipe venceu a escola Santa Luzia de Imperatriz por 3 sets a 0.

A vice-campeã Santa Luzia foi seguida pelo Centro Educacional Montessoriano – Reino Infantil de São Luís que ficou em 3º lugar após vencer o Liceu Maranhense por 2 sets a 0.

Pelo vôlei masculino, o IFMA de Imperatriz superou o Colégio Batista de São Luís e ficou em 3º lugar, após placar de 2 sets a 0. Em partida com participação enérgica das torcidas, a escola Augusto Batista de Timon ficou em 1º lugar ao vencer o Divino Mestre de Açailândia pelo placar de 3 sets a 1.

Futsal

Na quadra do Ginásio Costa Rodrigues, o Magnólia de São Luís venceu o C. Millenium de São José de Ribamar por 4 a 1 e ficou em 3º lugar no masculino do futsal. A grande final foi disputada pelo Getúlio Vargas de Cantanhede que faturou o campeonato por 4 a 2 em cima do Instituto Bom Pastor.

O Instituto Bom Pastor ficou em 1º lugar no feminino ao derrotar o Olympus de Codó. O placar final apontou 1 a 0 para o Instituto Bom Pastor. O 3º lugar ficou com o Isaac Martins de Tuntum que venceu o João Teixeira de B.V. Gurupi por 5 a 3.

Basquetebol

No ginásio Costa Rodrigues, o título de campeã do basquete feminino foi para o Educallis que marcou 70 a 16 contra o Bernardo Serra de Chapadinha. O 3º lugar foi para o Nascimento Moraes de Imperatriz que venceu Barjonas Lobão, também de Imperatriz, por 32 a 31.

O 1º lugar no masculino foi para o colégio Upaon-Açu de São Luís por ter superado o Reino Infantil por 46 a 41. O Educallis de São Luís garantiu lugar no pódio com o 3º lugar ao marcar 59 a 43 contra o Renê Bayma de Codó.

Handebol

Com partidas realizadas no Ginásio Castelinho, o 1º lugar no masculino pelo handebol foi para o Barbosa de Godóis de São Luís por ter vencido o Batista de Codó por 36 a 12. O Liceu Maranhense venceu o Colégio Militar Tiradentes por 35 a 27 e ficou em tereiro.

O Barbosa de Godóis não conseguiu repetir o feito no feminino e perdeu para o Santo Expedito. O placar apontou 19 a 18 para o Santo Expedito que garantiu o 1º lugar.

Completando o pódio o CEBAMA de Imperatriz marcou 30 contra 14 do Ester Flora de Urbano Santos e garantiu a 3º colocação.

Foto: Divulgação

sem comentário »

JEMs define primeiros campeões no infanto

0comentário

No segundo dia de disputas dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) 2018, categoria infanto, foram conhecidos os primeiros campeões em modalidades individuais nesta terça-feira (21). Atletas com histórias diferentes, mas com alguns pontos em comum: a vontade de vencer e a dedicação nos treinos para fazer o melhor na hora de competir.

No kartódromo João Salem, o ciclismo definiu seus vencedores. No masculino, o Madison Kildery da Escola Nicolau Dino de João Lisboa levou três medalhas nas três provas em que competiu. Ele ficou em 3º na prova de resistência, levou o 2º na prova de contrarrelógio e foi campeão na prova por pontos.

No feminino, Bianka de Sousa Carvalho da Escola Caminhos do Futuro de Imperatriz ficou em 3º lugar na prova por pontos e venceu as adversárias em 1º na prova contrarrelógio. “Para mim é uma honra e acredito que seja a primeira participação de muitas outras nos JEMs. Tudo isso foi resultado de muito treino. Vou levar muitas amizades e as medalhas dos jogos”.

Nas disputas do judô, realizadas no Ginásio Paulo Leite, a atleta Mayara Luiza da Silva, do Upaon Açu ganhou a medalha de ouro no sub 18 feminino médio, -63 KG.

O Reino Infantil também levou medalha de ouro com Tiago Teles. Ele ficou em 1º lugar no sub 18 masculino médio, -81 kg.

Já na quadra de areia da AABB São Luís, o vôlei de praia era a principal atração. Sob intenso sol, os estudantes não demonstravam cansaço e ficavam mais focados a cada jogada. Para a dupla Ana Luísa Carvalho e Hillary Silva da escola Adonai COC de Imperatriz, a parceria é um dos pontos fortes da equipe. Elas venceram o Liceu Maranhense por 2 sets a 1.

Promovidos pela Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), os JEMs entra em sua fase de modalidades coletivas a partir desta quarta-feira (22). Na quinta-feira (23) iniciarão as competições de basquete, vôlei, handebol e futsal em diversas praças esportivas de São Luís.

Foto: Divulgação/ Sedel

sem comentário »

Reino é campeão geral os JEMS no infantil

0comentário

O Reino Infantil foi o campeão geral dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs) 2018 na categoria infantil encerrada no fim de semana.

A sedel divulgou o quadro geral de medalhas nas modalidades coletivas: basquete, vôlei, handebol e futsal; e nas individuais, badminton, ciclismo, ginástica ritmica, xadrez e tênis de mesa.

O Reino Infantil obteve duas medalhas de ouro, no basquete feminino e masculino, e uma medalha de prata no voleibol feminino.

Parabéns a todos os técnicos, professores, coordenação de esportes e diretores do Reino Infantil pelo trabalho desenvolvido na formação de atletas.

sem comentário »