Cafeteira anuncia novidades no esporte após pandemia

2comentários

O secretário de Esporte, Rogério Cafeteira disse em entrevista ao Abrindo o Verbo, na Rádio Mirante AM que a Sedel vem trabalhando durante a pandemia do novo coronavírus na recuperação de diversas praças esportivas. Ele também confirmou a ajuda aos clubes de futebol.

“Como todas as atividades esportivas foram suspensas, nós aproveitamos esse momento para fazer reformas e melhorias nas nossas praças esportivas. Assim que as autoridades liberarem, as pessoas vão encontrar as praças na Lagoa recuperadas, também as quadras de tênis, vamos fazer a pista de Skate e a arena de beach soccer. O Parque do Itapiracó também foi ecuperando. Os ginásios Paulo Leite, Rubem Goulart e Guioberto Alves também passam por reformas”, disse.

O secretário Rogério Cafeteira esclareceu o processo de contratação da obra do ginásio Castelinho. Ele falou sobre a complexidade da obra e anunciou que após a pandemia fará a licitação e a obra deve ser iniciada ainda este ano. “Eu acredito que em 12 meses a gente consegue entregar o Castelinho”, afirmou.

Segundo Cafeteira, o futebol deverá ser beneficiado com dois projetos logo que passar a pandemia.

“Fizemos dois projetos: um para o Campeonato Maranhense e fizemos um outro para as categorias de base dos clubes.  A  Lei de Incentivo ao esporte veda a possibilidade de nós patrocinarmos o esporte profissional. Os dois projetos estão prontos e nós estamos esperando passar a pandemia, porque a gente esbarra na questão legal. eu sei a luta que os presidentes estão tendo, mas neste momento em que está tudo parado seria uma incoerência a gente financiar algo que não está acontecendo. alguns estados já tiveram problema com essa questão por estarem patrocinando algo que não está funcionando. Imediatamente voltem as atividades, nós vamos liberar esses recursos até porque sou amigo dos presidentes e sei o que essas equipes estão passando”, explicou.

Rogério Cafeteira reforçou que a Sedel segue trabalhando para que os JEMs ocorram ainda esse ano dentro das condições sanitárias.

“A gente está trabalhando para que o JEMs possam ocorrer esse ano é claro que a gente trabalha dentro do imponderável, mas se as condições sanitárias permitirem realizaremos até o fim do ano. Estaremos pela primeira vez hospedando todos os atletas em hotéis”, finalizou.

Foto: Divulgação/Sedel

2 comentários »

Futebol e o esporte também necessitam de ajuda

0comentário

Com o futebol parado e sem nenhuma perspectiva de retorno das atividades, os times do Maranhão aguardam com bastante expectativa a efetivação da parceria com o governo do Maranhão.

Nos últimos anos, o governo vem patrocinando o Campeonato Maranhense juntamente com a Equatorial Energia por meio da Lei de Incentivo ao Esporte. Este ano, como tudo parou por conta da pandemia do novo coronavírus, a parceria não andou e com o avanço de casos da doença, o futebol só deve voltar entre julho e agosto, dependendo da queda da curva da pandemia e das recomendações das autoridades de saúde.

O futebol, bem como todo o esporte foi atingido em cheio e ao contrário de outros segmentos, por exemplo como a cultura que foi também bastante afetada não vejo esforço do poder público em ajudar o esporte neste momento tão difícil.

É claro que não estou falando em tirar recursos da saúde para esporte, pois se nunca foi oportuno, agora mesmo por tudo que estamos atravessando é que não é, mas pelo menos que a ajuda que vinha sendo dada nos últimos anos se efetive agora.

Acredito que os clubes e a Federação de Futebol que permanecem passivos e calados, bem como as demais federações amadoras devam buscar o diálogo com o secretário Rogério Cafeteira e o governador Flávio Dino que tem a oportunidade de mostrar protagonismo nesta crise e buscar meios para garantir que atletas e clubes atravessem essa pandemia, damesma forma que estamos vendo a movimentaçào no setor cultural.

Não resto a menor dúvida que o esporte será a principal ferramenta na volta à normalidade das pessoas após pandemia, mas é necessário que todos consigam atravessá-la, daí a justificativa da necessidade de auxílio a todos.

Foto: Gaudêncio Carvalho

sem comentário »

Projeto de Codó garantirá grande salto no atletismo

1comentário

O medalhista Olímpico José Carlos Moreira, o nosso Codó vai desenvolver um grande projeto que vai preparar corredores maranhenses com o apoio da Sedel e governo do Maranhão por meio Lei de Incentivo ao Esporte.

O projeto CT Maranhão é arrojado e a meta é preparar atletas para as próximas Olimpíadas e o primeiro passo é possibilitar inclusive que atletas maranhenses que competem por outros estados voltem a defender o Maranhão como garante o secretário de Esporte e Lazer (Sedel), Rogério Cafeteira.

“Com o projeto CT Maranhão, nosso campeão Codó ajudará outros jovens a realizarem o sonho olímpico! Vamos preparar corredores para participarem de provas nacionais e internacionais. Atletas maranhenses que competiam por outros estados voltarão a defender nosso estado”, destacou.

Sem dúvida alguma um grande salto na gestão do secretário Rogério Cafeteira e do governador Flávio Dino que comprou a ideia do nosso campeão Codó.

O atletismo maranhense vai ganhar muito…

Foto: divulgação

1 comentário »

Bolsa Atleta do Maranhão é a maior do país

0comentário

Na última sexta-feira (7), o governador Flávio Dino assinou o edital que contempla a criação do Bolsa Atleta, novo incentivo a atletas e paratletas no Maranhão. A iniciativa é o maior programa de Bolsa Atleta do Brasil, entre os estados brasileiros. 

O benefício é um auxílio voltado para a aquisição de materiais esportivos, inscrições em eventos, passagem, alimentação e consultas médicas de atletas maranhenses.

Somente em 2020, o Governo do Maranhão irá investir R$ 30 milhões no apoio ao esporte no Estado, com ações de infraestrutura e eventos. Entre elas, também está a construção do novo ginásio Castelinho, anunciada pelo Governo no evento. A proposta é que a construção do novo ginásio assegure maior conforto, estrutura adequada, ampla e moderna, com o objetivo de garantir acessibilidade para todos. 

“Temos um conjunto bastante amplo de ações que dizem respeito à valorização das práticas esportivas em todo o Maranhão. Estamos falando da construção de múltiplos equipamentos esportivos como quadras, parques, ginásios e campos de futebol, além de programas voltados para o bem-estar, esporte e lazer para todas as idades”, disse o governador Flávio Dino. 

Bolsa Atleta

O programa é um auxílio aos atletas maranhenses e que tem como principal objetivo ajudar no custeio das despesas relacionadas à prática desportiva, como transporte, alimentação, inscrições e aquisição de materiais.  Neste primeiro ano, a bolsa terá o valor de R$ 500,00 por pessoa e será destinada a 100 atletas, que deverão se inscrever por meio de edital para concorrer às bolsas.

“Essa é uma política de inclusão, de formação de novos cidadãos. O esporte forma muito além de campeões, forma cidadãos. Por isso estamos aqui para comemorar esse novo programa que, com certeza, ajudará muitas crianças e jovens atletas do Maranhão”, concluiu Rogério Cafeteira, secretário de Esporte e Lazer. 

A lei estadual Nº 11.010 de 24 de abril de 2019, que institui o programa Bolsa Atleta, tem como objetivo democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando os atletas estudantis maranhenses, com bolsas que serão disponibilizadas a atletas e paratletas de base, de 10 a 25 anos.

Foto: Gilson Teixeira

sem comentário »

Governo lança programa Bolsa Atleta

0comentário

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel) lançou, nesta sexta-feira (7), o programa Bolsa Atleta, que visa incentivar o esporte estudantil maranhense, com o auxílio de R$ 500,00 mensais durante o período de 12 meses.

Na solenidade, também foi assinado o primeiro edital do programa, que disponibilizará 100 bolsas esportivas; sendo 70% para estudantes dos ensinos fundamental e médio, e 30% para estudantes de nível superior, respeitando os 5% das vagas reservadas a pessoas com deficiência, nas duas categorias. 

O governador Flávio Dino destacou as várias ações de fortalecimento ao esporte realizadas no estado, ressaltando que essa é mais uma iniciativa que reflete o compromisso do Governo com as políticas públicas voltadas às práticas esportivas.

“O Bolsa Atleta se integra a um conjunto de iniciativas, que vão da promoção de eventos, como torneios e campeonatos, ao aprimoramento da infraestrutura esportiva, com a construção e reforma de quadras, ginásios e estádios. Só em 2019, foram investidos mais de R$ 30 milhões de reais na área”, disse o governador.

O secretário de Estado do Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira, ressaltou que o programa paga o maior valor, proporcional, de bolsa atleta do País, inclusive acima do programa do governo federal, que paga R$ 370,00. Cafeteira destacou, também, a grande atenção da gestão Flávio Dino aos esportistas maranhenses.

“Dentre as várias iniciativas, temos como carro-chefe a Lei de Incentivo ao Esporte que, vale ressaltar, nunca foi tão usada como nessa gestão, apoiando vários atletas e projetos, como também outros programas que englobam práticas esportivas e de saúde”, frisou o secretário.

Foto: Gilson Teixeira

sem comentário »

Nova reunião pode definir patrocínio ao futebol

10comentários

O presidente da Federação Maranhense de Futebol (FMF), Antonio Américo e o secretário de Esporte e Lazer (Sedel), Rogério Cafeteira estiveram reunidos nesta quarta-feira (5). Em pauta, o patrocínio do governo do Maranhão no Campeonato Maranhense por meio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Segundo Américo, uma nova reunião ficou marcada para a próxima sexta-feira (7) para definição do patrocínio.

Pelo que apuramos, a intenção da Sedel é fazer dois projetos. Um seria a campanha de Combate ao trabalho infantil e o outro destinado aos clubes.

Em conversas que tive no ano passado com o secretário Rogério Cafeteira, ele revelou que estava discutindo com a Sefaz, a realização de um projeto a exemplo do Viva Nota para o futebol, mas acredito que isso não tenha saído do papel.

Rogério Cafeteira também já deixou claro que não vê com bons olhos a utilização da Lei de Incentivo ao Esporte para times de futebol, daí a prefetência pelo Viva Nota.

O problema é que o Campeonato Maranhense já vai para a terceira rodada e qualquer mudança agora no projeto original pode atrapalhar que o repasse aos clubes saia antes do término da competição.

Tentamos contato por telefone com o secretário Rogério Cafeteira, mas este não atendeu as ligações.

Nas redes sociais, Rogério Cafeteira comentou a visita de Antonio Américo, mas não falou sobre o patrocínio.

“Esta tarde recebi o presidente da Federação Maranhense de Futebol, Antonio Américo, aqui na Sedel. Tivemos uma conversa muito produtiva sobre a Lei de Incentivo ao Esporte, Campeonatos Maranhense e sobre o calendário deste ano para a modalidade. Muito obrigado pela visita Antonio Américo, foi muito bom bater esse papo com você!”, disse.

Foro: Divulgação

10 comentários »

Sedel não realizará a etapa de São Luís dos JEMs

0comentário

Um problema para a Prefeitura de São Luís resolver. O secretário Rogério Cafeteira, da Sedel já encaminhou ofício ao secretário de Esportes de São Luís, Rommeo Amim informando que não fará a edição deste ano dos Jogos Escolares Ludovicences – JELs.

A notícia é ruim, pois pode tirar as escolas de São Luís dos JEMs, caso a etapa não venha a ser realizada.

De responsabilidade do município, o JELs é a etapa classificatória de São Luis para os Jogos Escolares Maranhenses – JEMs. Ocorre que todos os anos, o município alega não ter recursos para fazer os jogos e o estado acaba sempre realizado a competição.

Vale lembrar que os governos municipal e estadual são do mesmo grupo político e, portanto são parceiros. E é exatamente por este motivo que a Semdel sempre recorre à Sedel por meio do Governo do Maranhão.

Este ano, os JEMs vão ser disputados a partir de 11 de agosto com duas novas modalidades: ginástica artística e taekdonw. Outra novidade será o Grand Prix disputado nas modalidades de beach soccer, fut 7, futebol e jiu jitsu, de 10 a 15 de outubro em cidade a ser definida.

As disputas do handebol e voleibol ocorrerão entre 12 e 15 de agosto. Basquete e futsal entre 17 e 20 de agosto. Em todas as modalidades serão 12 equipes na fase final, exceto no futsal que terá 16 equipes. As modalidades individuais ocorerrão ente 24 a 27 de setembro.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Sedel lança Bolsa Atleta na próxima semana

1comentário

O governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), lança na próxima semana a nova edição do programa Bolsa Atleta.

O lançamento vai ocorrer na sexta-feira (7), pelo secretário Rogério Cafeteira, na Sedel, às 17h, no auditório do João Goulart, na Praça Pedro II, Centro.

A volta do programa Bolsa Atleta foi aprovada na Assembleia Legislativa no dia 9 de abril do ano passado, mas seguia sem previsão de lançamento. Na semana passada, o Blog do Zeca Soares chegou a cobrar o lançamento do programa.

De acordo com o que foi aprovado o governo do Maranhão, através do Bolsa Atleta vai incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500 mensais pelo período de um ano.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Nelsinho Piquet fixa residência em Santo Amaro

3comentários

O piloto de stockcar, Nelsinho Piquet, filho do tricampeão mundial de Fórmula 1, Nelson Piquet (1981, 1983 e 1987) decidiu fixar residência no Maranhão e vai morar em Santo Amaro, de belissímas praias e dunas, na região dos Lençóis Maranhenses.

Nelsinho esteve visitando o secretário de Esporte, Rogério Cafeteira, na Sedel, em São Luís e a conversa não poderia ser sobre outro assunto senão o automobilismo.

O piloto disse estar federado e pronto para representar o Maranhão nas competições. Enquanto isso curte paisagens maravilhosas.

“De todos os lugares do mundo pelos quais já morou, o piloto Nelson Piquet Jr decidiu fixar residência no Maranhão, em Santo Amaro. E detalhe: é federado e compete representando nosso estado. Hoje nos fez uma visita na Sedel e nos contou que se encantou por nossa terra. Seja bem-vindo!”, destacou Rogério Cafeteira nas redes sociais.

No Twitter, Nelsinho Piquet em uma de suas visitas ao Maranhão, destacou a beleza dos Lençóis Maranhenses. “Obrigado Deus por essa vida maravilha! @ Lençóis Maranhenses “, escreveu.

Foto: Divulgação

3 comentários »

Sedel publica requisitos para solicitação de auxílios

2comentários

A Sedel publicou portarias que regulamentam os novos requisitos administrativos e estabelece orientações procedimentais para solicitação de passagens aéreas, terrestres, fretamento de ônibus e o pedido de materiais esportivos perante a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer. Clique aqui e veja a portaria.

O secretário da Sedel, Rogério Cafeteira, afirma que as novas regulamentações visam promover, de forma democrática, o fomento ao esporte e lazer no Maranhão.

“Estruturamos as portarias para que todos tivessem acesso de forma criteriosa aos benefícios, como passagens e pedidos de materiais esportivos. Desta forma, poderemos atender melhor e apoiar os nossos atletas, fomentando ainda mais o esporte em nosso estado e cumprindo com o que rege a legislação”, afirmou Rogério Cafeteira.

As portarias que estão vigorando desde dezembro de 2019 vem regulamentar requisitos administrativos e estabelecer orientações procedimentais para solicitação e concessão de passagens aéreas, terrestres e fretamento de ônibus a federações, clubes, associações esportivas, atletas e técnicos, além do novo modelo de requisição de materiais esportivos.

Com a nova regulamentação, os pedidos deverão ser endereçados à Sedel, informando o nome do evento, data e local da competição. Junto à solicitação, devem ser anexados ao pedido os seguintes documentos: histórico esportivo do atleta ou da equipe, contendo todas as informações sobre o atleta, a categoria, a prova, a faixa etária, o peso, a colocação e outras informações relevantes das competições que participou nos últimos dois anos; a cópia legível da convocação do atleta emitido pela Confederação ou pela organização do evento em língua portuguesa; O protocolo do pedido de passagens ou transportes deverá ser feito com antecedência mínima em relação à data do evento de: 45 (quarenta e cinco) dias, para competições regionais e nacionais e 60 (sessenta) dias, para competições internacionais.

Será dada prioridade de concessão para competições nacionais ao (a) atleta ranqueado (a) nos dois anos anteriores até a décima posição do ranking geral da Federação do Estado e para competições internacionais ao (a) atleta ranqueado (a) nos dois anos anteriores até a décima posição do ranking geral da Confederação Brasileira da Modalidade.

No que se refere às solicitações de materiais esportivos deverão ser realizadas com a descrição do tipo de material, suas especificidades e quantidades, além de conter justificativa e fins sociais de sua aplicação. O pedido deverá ser protocolado na sede da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer, com antecedência mínima em relação à data de realização da atividade esportiva de 30 (trinta) dias.

Vale ressaltar que os beneficiados pela Lei de Incentivo ao Esporte e qualquer outro programa de beneficio oferecido pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer não poderão pleitear os benefícios.

Foto: Divulgação

2 comentários »
https://www.blogsoestado.com/zecasoares/wp-admin/
Twitter Facebook RSS