Candidato usa obra do governo para pedir votos

0comentário

No domingo (18) o vereador e candidato a deputado, Rildo Amaral (Solidariedade), distribuiu uma mensagem de áudio em que anunciava asfalto para três ruas da Vila Redenção, em Imperatriz. Na manhã de segunda (19) máquinas do governo amanheceram no bairro para iniciar as obras. (ouça a mensagem aqui).

“Bom dia, senhores e senhoras da Rua Marechal Rondon, aqui é Rildo Amaral. Eu, um tempo atrás, tivemos (sic) uma reunião com o governador e cada vereador que foi lá fez uma solicitação para Imperatriz, né? E eu fico muito honrado em poder falar agora que vai ser cumprido comigo, cumprido com o povo daí que irão asfaltar essa rua, possivelmente no máximo essa semana já começam as máquinas aí na Vila Redenção. Eu quero que comece amanhã aí na Vila Redenção. Vai ter a Marechal Rondon, vai ter a Rua Belém e a Professor José de Alencar, me parece. E já começa essa semana. Foi um pedido nosso ao governador e eu espero que atenda muito bem a comunidade de todo o bairro”.

A ação acontece cerca de um mês após o governador Flávio Dino ser condenado por crime de abuso de poder político, econômico e administrativo por práticas semelhantes em Coroatá nas eleições de 2016. A ação foi semelhante: aliados do governador afirmavam que as obras se davam por ordem dele e tinham fins eleitorais.

Ainda na manhã de segunda, Amaral visitou os moradores das ruas beneficiadas pelo programa. Sem nenhuma preocupação, ele tirou fotos e criou peças de campanha para redes sociais em que afirma que as obras tiveram sua participação.

A tentativa de trocar votos por asfalto oficializado é evidente e já foi denunciada junto e Procuradoria Eleitoral. Se for aceita, poderá render novo processo contra o governador e o vereador.

O Estado

sem comentário »

Sampaio e Flamengo dividem candidatos

0comentário

Sampaio é o time maranhense da preferência da maioria dos candidatos ao governo do Maranhão. Um total de três dos seis candidatos torcem para o Sampaio: Roseana Sarney (MDB), Ramon Zapata (PSTU) e Roberto Rocha (PSDB). Outros dois candidatos dizem torcer pelas equipes maranhenses, mas não tem um clube de coração.

A assessoria do governador Flávio Dino (PCdoB) disse que ele não tem um time de preferência no Maranhão, mas que torce para todos os times que representam o nosso futebol nas competições nacionais. A candidata Maura Jorge (PSL) disse que não torce para nenhum time específico, mas que tem carinho apenas por equipes do Maranhão. Apenas o candidato Odívio Neto (PSOL) disse torcer pelo Moto.

No cenário nacional, o Flamengo tem a preferência de quatro candidatos: Roseana Sarney (MDB), Ramon Zapata (PSTU), Roberto Rocha (PSDB) e Odívio Neto (PSOL). O governador Flávio Dino é torcedor do Botafogo e Maura Jorge disse não torcer por nenhuma equipe nacional.

Times dos candidatos:

Flávio Dino – Os times maranhenses e Botafogo
Maura Jorge – Os times maranhenses
Odívio Neto – Moto e Flamengo
Ramon Zapata – Sampaio e Flamengo
Roseana Sarney – Sampaio e Flamengo
Roberto Rocha – Sampaio e Flamengo

Foto: Lucas Almeida

sem comentário »

Roberto Rocha defende crescimento econômico

0comentário

 

O senador Roberto Rocha (PSDB), candidato ao governo do Maranhão, percorreu, no fim de semana, os municípios de Timon, Codó, Vitória do Mearim e Arari. Por todas as cidades por onde passou, reuniu milhares de pessoas em carreatas, motocadas ou mesmo caminhando pelas ruas.

Na sexta-feira (31), em Timon, Roberto Rocha participou do lançamento oficial da campanha do deputado estadual Alexandre Almeida (PSDB), que se destaca por ser o candidato mais jovem do Brasil a concorrer uma vaga no Senado Federal.

No sábado (1º), em Codó, Roberto Rocha e a Caravana da Esperança prestigiaram o lançamento da candidatura do ex-vereador de Codó Chiquinho do Saae a deputado federal, em evento histórico na União Artística e Operária Codoense, no centro de Codó, que reuniu centenas de lideranças. O ato contou com a presença do candidato a deputado estadual Zé Gentil, dos candidatos a senadores Sarney Filho e Alexandre Almeida.

Em Vitória do Mearim, no domingo (2), a Caravana da Esperança foi recebida com uma concentração de milhares de motoqueiros nos povoados Coque e Mangueirão, na entrada da cidade. Durante o percurso, por várias ruas do município, carros e pedestres foram se juntando para acompanhar os candidatos, que seguiram em carro aberto. Acompanhando Roberto Rocha, estavam a candidata a vice, deputada estadual Graça Paz (PSDB), o candidato a deputado estadual Guilherme Paz (PSDB), a prefeita Dídima Coelho e o ex-prefeito Almir Coelho, liderança forte da região, que organizou toda a mobilização local.

Ao final do percurso, a multidão que acompanhava a Caravana da Esperança seguiu toda para a cidade de Arari, em um grande comboio, onde já aguardavam, em concentração, motoqueiros, carros e pedestres, para seguirem pelas ruas da cidade. Em Arari, a recepção foi mobilizada pelo candidato a deputado federal Evando Piancó (PSDB), presidente da Câmara de Vereadores do município.

Fazendo um balanço sobre a programação, Roberto Rocha agradeceu enfatizando a grande receptividade dos municípios percorridos em prol de sua candidatura ao governo do Maranhão: “Isso mostra que o Maranhão quer mudança, que não é mais aceitável que o nosso estado siga sendo o mais pobre da federação, com tantas riquezas naturais e tanto potencial econômico. Quero ser governador visando preparar o Maranhão e os maranhenses para o crescimento econômico”, afirmou Roberto Rocha.

Fotos: Divulgação

sem comentário »

Estrada do Maranhão entre as piores do país

0comentário

O programa Fantástico, da Rede Globo exibiu mais uma reportagem sobre a situação das estradas brasileiras e encontrou entre as piores uma rodovia do Maranhão. (Veja a reportagem aqui)

Obras que começam, consomem milhões de reais e não terminam nunca. Estradas tão ruins que a viagem vira um teste de resistência.

No segundo episódio da reportagem especial do Fantástico Descaminhos do Brasil, nossos repórteres mostram as piores rodovias do país e descobre que é barro para todo lado.

A MA-006 chama atenção o estudo da CNT apresentado pelo Fantástico concluiu que ela é a pior rodovia do Maranhão. em muitos trechos não há mais asfalto, só terra.

“A estrada está péssima demais meu amigo, só tem buraco ai”, disse o motorista Gilberto Araújo.

O governo do Maranhão diz que quer reconstruir toda a estrada, mas falta a aprovação de um financiamento.

A situação da MA-006 não ajuda ninguém certo? Errado.

O seu Manoel recolhe os grãos que os caminhões deixam no caminho depois de passar pela buraqueira. Ele diz que a soja vai virar ração para porcos e galinhas.

“É perigoso a gente ficar aqui, mas é o jeito a gente precisa”, disse o lavrador.

Veja a reportagem completa

sem comentário »

A propaganda amena

0comentário

A propaganda eleitoral no rádio e na televisão para o governo do Maranhão e na disputa pelo Senado começou branda. Sem grandes novidades, os candidatos resumiram o primeiro dia a se apresentar ao eleitor e dizer os motivos pelos quais querem ocupar o cargo postulado. A trajetória política e os feitos como representante popular foram as credenciais usadas pela maioria dos candidatos para se manter ou voltar à vida pública.

Referências aos adversários foram poucas ou quase nenhuma. As que tiveram foram protagonizadas pelos dois principais adversários na disputa: Roseana e Flávio Dino. Ela falou que decidiu voltar à cena política porque observou nos últimos que o “Maranhão estagnou”.

O comunista disse o contrário. Disse que o Maranhão avançou e que somente foi possível porque ele venceu as últimas eleições.

Fora isso, não houve qualquer referência direta entre os demais candidatos. Roberto Rocha se apresentou ao eleitor somente no segundo bloco da propaganda da sexta-feira, 31. E no programa só mostrou currículos e disse qual sua ideia para desenvolver o Maranhão se for governador a partir de 2019.

Maura Jorge – principalmente devido ao tempo – fez referência genérica a seus adversários que mostram estrutura de campanha maior que a sua fazendo uma “gracinha” com seus 14 segundos no ar.

Odívio Netto não deu as caras e Ramon Zapata – como já esperado – usou seus nove segundos para uma rápida crítica à divisão do horário eleitoral.

Enfim, um início de campanha sem um clima quente. No entanto, nos bastidores a promessa é de que esse clima morno esquente logo na primeira semana, até mesmo porque o tempo este ano é pouco, muito pouco mesmo!

Estado Maior

sem comentário »

JEMs e política de esporte no Maranhão

3comentários

Não vai aqui nenhuma crítica aos gestor da Secretaria de Desporto e Lazer (Sedel) por conta dos JEMs, mas à falta de política efetiva de esportes por parte do governo do Maranhão. Definitivamente, o esporte não figura como pauta prioritária para os políticos.

Tenho sido crítico em relação ao assunto e volto a reforçar aqui a importância do governo repensar a sua política de esporte e a destinação de verbas para o setor.

O término dos JEMs propõe uma ampla discussão sobre o principal evento realizado pela Sedel. Ao longo dos anos o governo comemora a participação de maior número de municípios e escola, mas omite como essa participação ocorre.

Em cada modalidade coletiva, por exemplo, a equipe se prepara por quase um ano e disputa apenas dois jogos. Perdeu e está fora ainda na fase regional. Por falar em fase regional, o JELs foi uma vergonha só…

Além disso, de forma equivocada, a Sedel reduziu o número de atletas acompanhando o que é feito nos Jogos da Juventude. O que é um grande equívoco reduzir o número de atletas por modalidade.

O reduzido número de jogos é uma ameaça a professores e técnicos que tem o contrato interrompido com as escolas por conta da inexistência de competições. Vale à pena para uma escola ter uma equipe para disputar dois jogos?

Vejam o que acontece por exemplo com o futsal, modalidade com maior número de escolas, apenas três de São Luís são classificadas para os jogos. No volei, por outro lado, até seis equipes de São Luís e três de Imperatriz entraram nos JEMs.

Com tudo isso, a cada ano o JEMs fica menor. A sedel faz do jeito que é possível fazer e com os poucos recursos que tem. E a cada ano com menos recursos.

Não vejo ninguém se preocupar com isso e resultado é que o JEMs, ano a ano passam como se nem estivesse sendo disputado.

Como sugestão e pelo fato de ser o esporte, atividade complementar à educação, os JEMs bem que poderiam contar com o envolvimento e recursos da Secretaria de Educação, pois apenas com o que a Sedel possui não é possível fazer uma competição que reflita a importância dos jogos.

O fato é que o governo precisa repensar o JEMs.

O JEMs acabou ontem, mas está morrendo a cada ano.

Foto: Divulgação

3 comentários »

TV Mirante entrevista candidatos ao governo

0comentário

A TV Mirante vai entrevistar no mês de setembro, os candidatos ao governo do Maranhão.

As entrevistas ao vivo vão ser realizadas entre os dias 10 e 14 de setembro, no JMTV 1ª Edição e serão conduzidas pelos jornalistas Sidney Pereira e Ana Guimarães.

Os candidatos terão 15 minutos para discutir os temas do dia-a-dia e o programa de governo. Serão entrevistados os cinco candidatos que conseguiram pontuar na primeira pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) no JMTV 2ª edição.

A ordem das entrevistas foi definida por meio de sorteio.

. Segunda-feira (10/09) – Roberto Rocha (PSDB)
. Terça-feira (11/09) – Flávio Dino (PCdoB)
. Quarta-feira (12/09) – Maura Jorge (PSL)
. Quinta-feira (13/09) – Roseana Sarney (MDB)
. Sexta-feira (14/09) – Ramon Zapata (PSTU)

O candidato Odívio Neto (PSOL) que não pontuou na pesquisa Ibope terá uma reportagem exibida no sábado (15) por 3 minutos dentro do JMTV 1a Edição.

Além das entrevistas, a TV Mirante veiculará a partir deste sábado (25), a agenda dos candidatos no Bom Dia Mirante, JMTV 1ª Edição e JMTV 2ª Edição.

Foto: Zeca Soares

sem comentário »

Campanha digital

0comentário

O primeiro dia de propaganda eleitoral da campanha de 2018 começou nesta quinta-feira, 16, com um marco delineado: é o início da era digital nas eleições. O aplicativo de troca de mensagens WhatsApp foi literalmente inundado com todo tipo de propaganda política – de banners a vídeos; de flyers a faixas – dando a entender que será esta a ferramenta principal da campanha em todos os níveis.

A Justiça Eleitoral já regulamenta há década a propaganda na televisão e no rádio. De 1998 para cá, passou a tentar controlar também a internet, com regras para as redes sociais, páginas, sites de notícias e de campanha. E nesta eleição, além de combater a disseminação das fake news, tem regras rígidas para redes como Facebook, Youtube e Twitter.

Por isso, o aplicativo WhatsApp passou a ser o canal principal para divulgação de notícias, porque ainda é de difícil controle, embora eventuais abusos tenham as mesmas sanções dos que ocorrem nas outras redes sociais.

E eles continuam a existir no Whats… No primeiro dia de campanha, com a propaganda de seus candidatos, eleitores e cabos eleitorais também disseminaram fake news e propaganda negativa contra os adversários, sobretudo os do governador Flávio Dino. Isso mostra a tendência de que essa ferramenta de troca de mensagens ganhará importância na campanha. Para o bem e para o mal.

Estado Maior

sem comentário »

Roberto Rocha registra candidatura ao governo

0comentário

O senador Roberto Rocha, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) registrou nesta terça-feira (14), no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), em São Luís, sua candidatura ao governo do Estado. Roberto tem como vice a deputada estadual Graça Paz (PSDB).

O registro da candidatura foi feito eletronicamente pelo site do TRE-MA. Roberto Rocha representa a coligação “União e Coragem para fazer um Maranhão melhor” que é composta pelos partidos PSDB, REDE, PSDC, PODEMOS, PHS e PMN.

O PSDB confirmou o nome de Roberto Rocha como candidato ao governo do Maranhão em convenção partidária realizada no dia 4 de agosto, em São Luís. Além disso, foram confirmadas as candidaturas Alexandre Almeida (PSDB) e José Reinaldo Tavares (PSDB) ao senado do Maranhão.

Roberto Rocha tem 52 anos e é formado em administração. Natural de São Luís, ele foi deputado estadual, duas vezes deputado federal e atualmente é senador.

Leia no G1

sem comentário »

PSL registra candidatura de Maura Jorge

0comentário

A bacharel em direito Maura Jorge, do Partido Social Liberal (PSL) registrou nesta terça-feira (14) no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA), em São Luís, sua candidatura ao governo do Estado. A candidata tem como vice o tenente-coronel Roberto Filho (PSL).

O registro da candidatura foi feito eletronicamente pelo site do TRE-MA. Maura Jorge representa a coligação “Renovação de verdade” composta pelo PSL e o PRTB.

O PSL confirmou o nome de Maura Jorge como candidata ao governo do Maranhão em convenção partidária realizada em 4 de agosto, na capital. Formada em direito, a candidata está na política há 27 anos, já exerceu os cargos de deputada estadual por quatro vezes e foi duas vezes foi prefeita no município de Lago da Pedra, onde nasceu.

Leia mais no G1

sem comentário »