Inscrições no Bolsa Atleta terminam na próxima semana

0comentário

Termina na próxima quinta (19) o prazo para as inscrições do programa Bolsa Atleta, uma iniciativa do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), com objetivo de ajudar no custeio das despesas relacionadas à prática desportiva, como transporte, alimentação, inscrições e aquisição de materiais. 

A lei estadual Nº 11.010 de 24 de abril de 2019, que institui o programa Bolsa Atleta, tem intenção de democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando os atletas estudantis maranhenses, com bolsas que serão disponibilizadas aos atletas e paratletas de base, de 10 a 25 anos.

Neste primeiro ano, a bolsa terá o valor de R$ 500,00 por pessoa e será destinada a 100 atletas, que deverão se inscrever por meio de edital para concorrer às bolsas. Estão disponíveis bolsas em duas categorias: Estudantil de Ensino Fundamental e Médio, e Estudantil Universitária. No edital do programa, estão expressos os critérios para participar de cada categoria.

A documentação necessária para inscrição encontra-se no site da Sedel (sedel.ma.gov.br). Os interessados em receber o benefício devem preencher toda a documentação e protocolar a solicitação na sede da secretaria, localizada na Av. Dom Pedro II, nº 220,  Ed. João Goulart. O horário de atendimento é de 9 às 19 horas.

O resultado final dos contemplados no programa será divulgado até o dia 5 de maio de 2020.

Foto: Paulo Jr.

sem comentário »

Bolsa Atleta do Maranhão é a maior do país

0comentário

Na última sexta-feira (7), o governador Flávio Dino assinou o edital que contempla a criação do Bolsa Atleta, novo incentivo a atletas e paratletas no Maranhão. A iniciativa é o maior programa de Bolsa Atleta do Brasil, entre os estados brasileiros. 

O benefício é um auxílio voltado para a aquisição de materiais esportivos, inscrições em eventos, passagem, alimentação e consultas médicas de atletas maranhenses.

Somente em 2020, o Governo do Maranhão irá investir R$ 30 milhões no apoio ao esporte no Estado, com ações de infraestrutura e eventos. Entre elas, também está a construção do novo ginásio Castelinho, anunciada pelo Governo no evento. A proposta é que a construção do novo ginásio assegure maior conforto, estrutura adequada, ampla e moderna, com o objetivo de garantir acessibilidade para todos. 

“Temos um conjunto bastante amplo de ações que dizem respeito à valorização das práticas esportivas em todo o Maranhão. Estamos falando da construção de múltiplos equipamentos esportivos como quadras, parques, ginásios e campos de futebol, além de programas voltados para o bem-estar, esporte e lazer para todas as idades”, disse o governador Flávio Dino. 

Bolsa Atleta

O programa é um auxílio aos atletas maranhenses e que tem como principal objetivo ajudar no custeio das despesas relacionadas à prática desportiva, como transporte, alimentação, inscrições e aquisição de materiais.  Neste primeiro ano, a bolsa terá o valor de R$ 500,00 por pessoa e será destinada a 100 atletas, que deverão se inscrever por meio de edital para concorrer às bolsas.

“Essa é uma política de inclusão, de formação de novos cidadãos. O esporte forma muito além de campeões, forma cidadãos. Por isso estamos aqui para comemorar esse novo programa que, com certeza, ajudará muitas crianças e jovens atletas do Maranhão”, concluiu Rogério Cafeteira, secretário de Esporte e Lazer. 

A lei estadual Nº 11.010 de 24 de abril de 2019, que institui o programa Bolsa Atleta, tem como objetivo democratizar o acesso à prática esportiva, valorizando os atletas estudantis maranhenses, com bolsas que serão disponibilizadas a atletas e paratletas de base, de 10 a 25 anos.

Foto: Gilson Teixeira

sem comentário »

Governo lança programa Bolsa Atleta

0comentário

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel) lançou, nesta sexta-feira (7), o programa Bolsa Atleta, que visa incentivar o esporte estudantil maranhense, com o auxílio de R$ 500,00 mensais durante o período de 12 meses.

Na solenidade, também foi assinado o primeiro edital do programa, que disponibilizará 100 bolsas esportivas; sendo 70% para estudantes dos ensinos fundamental e médio, e 30% para estudantes de nível superior, respeitando os 5% das vagas reservadas a pessoas com deficiência, nas duas categorias. 

O governador Flávio Dino destacou as várias ações de fortalecimento ao esporte realizadas no estado, ressaltando que essa é mais uma iniciativa que reflete o compromisso do Governo com as políticas públicas voltadas às práticas esportivas.

“O Bolsa Atleta se integra a um conjunto de iniciativas, que vão da promoção de eventos, como torneios e campeonatos, ao aprimoramento da infraestrutura esportiva, com a construção e reforma de quadras, ginásios e estádios. Só em 2019, foram investidos mais de R$ 30 milhões de reais na área”, disse o governador.

O secretário de Estado do Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira, ressaltou que o programa paga o maior valor, proporcional, de bolsa atleta do País, inclusive acima do programa do governo federal, que paga R$ 370,00. Cafeteira destacou, também, a grande atenção da gestão Flávio Dino aos esportistas maranhenses.

“Dentre as várias iniciativas, temos como carro-chefe a Lei de Incentivo ao Esporte que, vale ressaltar, nunca foi tão usada como nessa gestão, apoiando vários atletas e projetos, como também outros programas que englobam práticas esportivas e de saúde”, frisou o secretário.

Foto: Gilson Teixeira

sem comentário »

Governo anuncia lançamento do Bolsa Atleta

0comentário

Como anunciamos na semana passada, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), lança na próxima sexta-feira (7), a nova edição do programa Bolsa Atleta.

O evento de lançamento acontece no auditório do edifício João Goulart, localizado na Praça Pedro II, Centro Histórico de São Luís, a partir das 17h.

O programa Bolsa Atleta que  foi aprovado na Assembleia Legislativa, em abril do ano passado, tem como objetivo incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500,00 mensais durante o período de um ano.

Foto: Paulo de Tarso Jr.

sem comentário »

Sedel lança Bolsa Atleta na próxima semana

1comentário

O governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), lança na próxima semana a nova edição do programa Bolsa Atleta.

O lançamento vai ocorrer na sexta-feira (7), pelo secretário Rogério Cafeteira, na Sedel, às 17h, no auditório do João Goulart, na Praça Pedro II, Centro.

A volta do programa Bolsa Atleta foi aprovada na Assembleia Legislativa no dia 9 de abril do ano passado, mas seguia sem previsão de lançamento. Na semana passada, o Blog do Zeca Soares chegou a cobrar o lançamento do programa.

De acordo com o que foi aprovado o governo do Maranhão, através do Bolsa Atleta vai incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500 mensais pelo período de um ano.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Atletas cobram do governo o programa Bolsa Atleta

0comentário

Durante a cerimônia de premiação dos melhores atletas de 2019, no Troféu Mirante, que ocorreu nesta quinta-feira (23), no Teatro Arthur Azevedo muitos atletas e técnicos nos procuraram para pedir que cobrassemos do governo que de fato implemente o programa Bolsa Atleta.

Alguns atletas premiados destacaram a importância do auxílio do Bolsa Atleta, principalmente da Lei de Incentivo ao Esporte. São dois instrumentos poderosos e que através dos quais, o governo do Maranhão pode mudar a vida de muitos jovens no Maranhão.

A volta do programa Bolsa Atleta foi aprovada na Assembleia Legislativa no dia 9 de abril do ano passado, mas até hoje nunca saiu do papel.

De acordo com o que foi aprovado o Governo do Estado, através do Bolsa Atleta vai incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500 mensais pelo período de um ano.

Além de não ter saído do papel, o valor é a única crítica que faço. Trata-se de uma ajuda, mas convenhamos R$ 500 vai ajudar pouco aos atletas.

O governo do Maranhão poderia muito bem, uma vez que o programa ainda não foi implantado estabelecer o valor de um salário mínimo. Isso iria ajudar demais os nossos atletas que precisam demais desse auxílio.

Fica aqui o apelo para que tiram o programa do papel e que repensem o valor do Bolsa Atleta.

Foto: Paulo Soares/O Estado

sem comentário »

Sedel coordena importante projeto Bom de Bola

0comentário

O governador Flávio Dino (PCdoB) anunciou, na última sexta-feira (11), às vésperas do Dia das Crianças, um importante projeto para as nossas crianças que é a abertura de 100 escolinhas de futebol em todo o Maranhão.

“Uma sociedade só é autenticamente desenvolvida quando cuida de suas crianças”, disse o governador durante lançamento no Palácio Henrique de La Roque.

O projeto Bom de Bola prevê 100 escolinhas gratuitas de futebol para crianças em todas as regiões do Estado. Serão 8 mil vagas para meninos e meninas em dezenas de cidades do Maranhão. O Bom de Bola também vai criar 100 vagas de trabalho.

A ação está sob o comando de Rogério Cafeteira, secretário de Estado do Esporte e Lazer (Sedel). As inscrições devem começar ainda neste ano. A ideia é executar o projeto logo no início de 2020.

Além do projeto Bom de Bola, a Sedel também coordenará o Bolsa Atleta Estadual que será reeditado pelo governo a partir do ano que vem.

Foto: Divulgação / Sedel

sem comentário »

Governo e UFMA firmam parceria no Bolsa Atleta

1comentário

Com o foco na aplicação do Programa Bolsa Atleta, desenvolvido pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel), o secretário Rogério Cafeteira anunciou a parceria com o Núcleo de Esporte da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). A ideia é garantir aos atletas maranhenses, que serão contemplados no Bolsa Atleta, os exames e toda a tecnologia utilizada no Mestrado em Educação Física da instituição. Os exames permitem que seja feito um planejamento de treinamento, respeitando as características de cada atleta.

Na última terça-feira (25), o secretário Rogério Cafeteira esteve na Universidade Federal do Maranhão e celebrou a parceria. “Essa é a tecnologia, utilizada no Mestrado em Educação Física, que vai ser ofertada aos atletas que serão selecionados pelo Bolsa Atleta, por meio de cooperação técnica entre Sedel e UFMA. Os nossos atletas terão o que há de mais moderno no mundo: mapeamento genético, termografia, ergoespirometria”, comemorou.

O coordenador do Programa de Pós-graduação em Educação Física-Mestrado/Acadêmico da UFMA e fisiologista Christiano Veneroso fala da importância da utilização dos equipamentos para avaliar o desempenho físico de cada atleta. “Os exames avaliam por detalhes alguns aspectos físicos, como a temperatura dos músculos, as proteínas sanguíneas, a força e a explosão muscular de cada atleta, já que na maioria dos esportes essas peculiaridades garantem um diferencial nos resultados”, explicou. 

O projeto visa garantir o melhoramento e desenvolvimento do rendimento esportivo, no qual os atletas serão avaliados em trabalhos de frequência cardíaca, teste CK (creatina quinase) e termografia pós-jogos, tudo por via de modernos aparelhos adquiridos pela UFMA e por meio de seus laboratórios de alta complexidade do Departamento de Educação Física. A exemplo de alguns dos aparelhos de medição dos níveis de desenvoltura dos atletas, o docente apresentou o tapete de contato, que avalia a altura do salto, importante para atletas do atletismo ou do vôlei. 

Bolsa Atleta

O Bolsa Atleta será lançado no segundo semestre de 2019 pela Sedel. O programa ocorrerá com o repasse de um auxílio mensal, no valor de R$ 500,00, que tem como objetivo custear consultas médicas e aquisição de remédios; compra de passagens, pagamento de hospedagens e alimentação; aquisição de materiais e inscrição em eventos esportivos.

O programa Bolsa Atleta visa incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500 mensais pelo período de um ano. “O projeto tem como meta incentivar o esporte maranhense. 

“A ideia é realizar cada vez mais a promoção e o desenvolvimento social, esportivo e inclusivo destes atletas em competições, tirando-os das ruas e de ambientes de vulnerabilidade”, ressalta o secretário de Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Cafeteira comemora retorno do Bolsa Atleta

0comentário

O secretário de Esporte e Lazer do Maranhão (Sedel) Rogério Cafeteira (DEM) comemorou a aprovação pela Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (8), da reedição do Programa Bolsa Atleta.

Criado pelo ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB), o governador Flávio Dino (PCdoB) decidiu reetidar o programa que será executado pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel).

“O projeto tem como meta incentivar o esporte maranhense. A ideia é realizar cada vez mais a promoção e o desenvolvimento social, esportivo e inclusivo destes atletas em competições, tirando-os das ruas e de ambientes de vulnerabilidade”, destaca o secretário de Esporte e Lazer, Rogério Cafeteira.

O Programa Bolsa Atleta garantirá um auxílio mensal de R$ 500,00 para custeio de consultas médicas e aquisição de remédios; compra de passagens, pagamento de hospedagens e alimentação; aquisição de materiais e inscrição em eventos esportivos.

Sem dúvida alguma uma excelente notícia aos atletas maranhenses.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Assembleia aprova reedição do Bolsa Atleta

0comentário

O Plenário aprovou, na sessão desta segunda-feira (8), o Projeto de Lei 099/2019, de autoria do Poder Executivo, que institui o Programa Bolsa Atleta. De acordo com mensagem encaminhada à Assembleia Legislativa pelo governador Flávio Dino (PCdoB), o programa será executado pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel).

Antes da votação no Plenário, a proposta apresentada pelo governo teve parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania e da Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle, da Assembleia Legislativa.

De acordo com o Governo do Estado, o programa Bolsa Atleta visa incentivar o esporte estudantil maranhense, prevendo o auxílio de R$ 500 mensais pelo período de um ano.

“O projeto tem como meta incentivar o esporte maranhense. A ideia é realizar cada vez mais a promoção e o desenvolvimento social, esportivo e inclusivo destes atletas em competições, tirando-os das ruas e de ambientes de vulnerabilidade”, afirma o governador, na mensagem encaminhada à Assembleia.

O Bolsa Atleta é um auxílio mensal que tem como objetivo custear consultas médicas e aquisição de remédios; compra de passagens, pagamento de hospedagens e alimentação; aquisição de materiais e inscrição em eventos esportivos.

Foto: Divulgação

sem comentário »