0comentário

A pedido, este blog publica a tradução do texto veiculado pela ONG Repórteres sem Fronteiras em suas página na internet (www.rsf.org) sobre a demissão do ex-gestor da Rádio Timbira, Gilberto Lima:

05/05 – Brasil: Governador do Estado do Maranhão ordena fechamento de rádio pública por 10 dias

Jackson Lago, governador do Estado do Maranhão, ordenou a suspensão das transmissões da rádio Timbira, emissora de propriedade do Estado, por um período de 10 dias, a partir de 28 de abril de 2008. Segundo informações prestadas pelo ex-gestor da estação, Gilberto Lima, ao jornal Folha de S. Paulo, as motivações de Jackson Lago seriam puramente políticas: “O governador me chamou para dizer-me que a rádio não estava ajudando o seu governo e que poderia ser prejudicial para o processo de impeachment contra ele em curso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE)”.

Pela sua parte, a Secretaria de Comunicação do Estado do Maranhão justificou que a suspensão temporária da programação da rádio Timbira foi necessária para que fossem feitos ajustamentos técnicos. As instalações da estação e de seu transmissor estão fechados e vigiados pela Polícia Militar até que o governo anuncie a nomeação de uma nova direção nos próximos dias*.

* A Rádio Timbira retomou suas transmissões desde o último dia 3, sob a direção do jornalista Henrique Pereira. No momento, a emissora opera apenas com uma programação musical.

Sem comentário para ""


deixe seu comentário