Maranhense começa com seis equipes classificadas

2comentários

Definida a fórmula de disputa do Campeonato Maranhense 2019. A segunda reunião do conselho arbitral aconteceu nesta segunda-feira (28). E conseguiram aprovar uma fórmula na qual quase todo mundo já entra classificado na primeira fase.

Os clubes aprovaram uma fórmula de disputa com as oito equipes jogando entre si apenas em sistema de ida e que seis equipes se classificam para a segunda fase. As duas últimas serão rebaixadas para a 2ª divisão. As únicas equipes que não se classificam. E vai ser assim até 2021.

Os dois primeiros colocados na primeira fase avançam direto para a semifinal. As outras quatro equipes disputarão uma repescagem (3º x 6º) e (4º x 5º) em jogo único para definir os outros dois semifinalistas.

As semifinais serão disputadas em jogos de ida e volta. Com vantagem dos dois primeiros colocados na fase de classificação. Os vencedores fazem a final, também em duas partidas.

Mais uma vez não haverá equilíbrio no número de jogos das equipes dentro e fora de casa. E o São José ganhou sinal verde para mandar seus jogos no Castelão e Nhozinho Santos.

Pelo sorteio, foi definido que Sampaio e Maranhão farão três jogos no interior. Moto e São José fazem apenas dois. As equipes do interior farão três jogos fora e quatro em casa.

Vale destacar que essa fórmula aprovada foi proposta pelo Juventude e teve os votos a favor de Imperatriz, Santa, Quitéria, Cordino e FMF. Foram contrários e defenderam os jogos de ida e volta na primeira fase entre todas as equipes Moto, Sampaio, São José e Pinheiro, mas foram votos vencidos.

Foto: Reprodução/TV FMF

2 comentários »

Hora de discutir o Campeonato Maranhense

3comentários

Os clubes vão discutir hoje com a Federação Maranhense de Futebol (FMF) regulamento e fórmula de disputa para o Campeonato Maranhense 2020.

Para garantir o número de jogos às equipes igual dentro e fora de casa e equilibrar a disputa pelo título e por rebaixamento apresentamos duas sugestões.

A FMF vai propor o rebaixamento de duas equipes. Sugiro aos clubes melhor discussão neste ítem, pois a 2ª divisão pouco tem acrescentado e as equipes jogam com os mesmos atletas que já disputaram a 1ª divisão.

Acho que poderiam manter a primeira divisão com 8 equipes ou até 9, mas deveriam permanecer com o rebaixamento de apenas uma. Mas entendo a tese de quem acha que rebaixando dois vai mexendo um pouco e despertando maior interesse na 2ª divisão.

Sugestões para o Campeonato Maranhense:

Uma boa fórmula e com equilíbrio de jogos entre as equipes seria uma fórmula na primeira fase de ida e volta com as oito equipes jogando entre si. Total 14 datas.

As duas primeiras fariam a decisão em dois jogos. Essa fórmula garante número de jogos igual na primeira fase e todas as equipes jogando com mando de campo dentro e fora de casa. Garantiríamos o equilíbrio.

Se aumentarem as datas poderia se fazer semifinal e final.

Outra fórmula seria em grupos

Primeira fase

Dois grupos com 4 equipes que jogam entre si em sistema de ida e volta. Os grupos seriam definidos por sorteio em potes.

Exemplo:

Grupo A: Sampaio, Maranhão, Juventude e Pinheiro
Grupo B: Moto, Imperatriz, Cordino e Santa Quitéria

Segunda fase

As duas melhores equipes de cada grupo disputam outro quadrangular de ida e volta para saírem os dois finalistas.

As quatro equipes eliminadas na primeira fase disputam o quadrangular da morte para definir a equipe ou equipes rebaixadas.

Terceira fase

Final de ida e volta

Total de datas: 14

3 comentários »

Sampaio e FMF pedem a interdição dos Aflitos

0comentário

O Sampaio Corrêa, junto com a Federação Maranhense de Futebol (FMF), emitiram na tarde desta quarta-feira (25), ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), um pedido de interdição do estádio dos Aflitos, em Recife. O local será palco da primeira partida da final entre Náutico e Sampaio, pelo Campeonato Brasileiro Série C, no domingo, às 16h.

De acordo com a liminar, o motivo seria por questões segurança, já que nas últimas partidas realizadas no local houve uma invasão generalizada pela torcida do Náutico, após a conquista do acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro, em jogo disputado contra o Paysandu, conforme relatado na súmula pelo árbitro Leandro Pedro Vuaden.

– Após o término das cobranças dos tiros de penais, para definir o vencedor da partida, conforme o regulamento, houve invasão generalizada da torcida do Náutico, para dentro do campo. Não houve hostilidade com a equipe de arbitragem – relatou o árbitro.

O clube ainda alega que a falta de segurança reflete na restrição de áreas do estádio, que deveriam ser acessadas somente por profissionais autorizados, diferente do que aconteceu no dia da invasão. As partes agora aguardam o documento ser analisado pelo STJD.

Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press

GE MA

sem comentário »

Moto e Sampaio querem gestão do Nhozinho Santos

5comentários

O prefeito Edivaldo Holanda Junior deve entregar o Estádio Nhozinho Santos no próximo mês de dezembro. Essa foi a promessa feito pelo prefeito durante visita ao estádio antes do aniversário de 407 anos de São Luís.

O estádio passa por reformas no gramado, vestiários, iluminação, bares, banheiros, acessos, alambrados, estrutura das arquibancadas e ganhará ares de modernização.

Com a reabertura do Nhozinho Santos, o interesse dos clubes em administrar o estádio deve aumentar. Sampaio e Moto, maiores rivais do nosso futebol devem enfrentar uma disputa neste sentido, mas tudo vai depender do interesse do poder púiblico em firmar parceria com os clubes.

O primeiro clube a manifestar interesse em assumir a administração do Nhozinho Santos foi o Moto, antes mesmo da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior iniciar a modernização.

A proposta de Parceria Público Privada (PPP) do Moto que seria apresentada em 2016, era bastante ousada e garantirá a reforma e manutenção do Nhozinho Santos, além da contratação e pagamento dos funcionários. Mas a Prefeitura não sinalizou no sentido da parceria. Agora, o Moto volta a demonstrar interesse.

“O Moto tem todo o interesse na gestão do Nhozinho Santos até porque o clube nasceu na Fabril e seria o local ideal para o clube mandar os seus jogos. Esse é um pleito antigo que o Moto vem fazendo e vamos apresentar a nossa proposta assim que a Prefeitura de São Luís lançar o edital de concorrência pública”, destacou o presidente Natanael Júnior.

Agora, o Sampaio demonstra interesse e Sérgio frota diz já ter uma proposta pronta e que será apresentada assim que o Nhozinho Santos for entregue totalmente reformado.

“O Sampaio tem todo interesse. Eu tenho uma proposta pronta há vários meses, mas vamos esperar o fim do ano para ver se o estádio será entregue mesmo. O Nhozinho Santos é um espaço para o futebol bem localizado no Centro de São Luís e nós sabemos que o poder público tem dificuldade em manter as nossas praças esportivas daí a parceria será muito interessante para todos’, disse o presidente Sérgio Frota.

O presidente do Maranhão, Robson Paz disse que o clube não tem nenhum interesse na gestão do Estádio Nhozinho Santos.

O presidente da FMF, Antonio Américo disse que já apresentou proposta para administrar o Nhozinho Santos e aguarda a manifestação da Prefeitura de São Luís.

“Já apresentei essa proposta, a pedido do então secretário Lula Filho [secretário de Governo], mas nunca obtive resposta. A FMF continua tendo interesse, mas, parece que, hoje, não o município não tem mais essa pretensão”, afirmou.

O secretário de Esporte e Lazer (Semdel), Rommeo Amim não se manifestou sobre o assunto.

Foto: Divulgação / Semdel

5 comentários »

Definidas as semifinais da Segundinha maranhense

0comentário

Definidas as semifinais da 2º divisão do Campeonato Maranhense. A competição garantirá ao campeão acesso à 1ª divisão em 2020.

Após a última rodada na primeira fase, Boa Vontade (Presidente Dutra) e Atlético Babaçu (Bacabal) garantiram classificação no grupo A. No grupo B, os classificados foram Chapadinha e Juventude (São Mateus).

Os confrontos nas semifinais serão Boa Vontade e Juventude, no sábado (14), às 15h30, no Estádio Estádio Adalto Cruz, em Presidente Dutra.

A partida entre Chapadinha e Atlético Babaçu será no domingo (15), às 15h30, no Estádio Castelão.

O empate no tempo normal leva a decisão para as cobranças de pênaltis.

Foto: Reprodução / TV FMF

sem comentário »

Morre o médico Cassas de Lima, ex-presidente do Moto

8comentários

Morreu na manhã desta quarta-feira (5), o médico ortopedista Antônio José Cassas de Lima, aos 79 anos. Ele sofria de diabetes e estava internado no Hospital Centro Médico.

Cassas de Lima foi presidente do Moto por várias vezes, vice-presidente da FMF na gestão de Alberto Ferreira e médico do Moto por durante muitos anos.

Como dirigente do Moto, Cassas de Lima foi campeão maranhense em 68, 74, 77 e 83.

A sua história na medicina se confunde com o futebol, especialmente com o Moto Club equipe à qual dedicou muitos anos de sua trajetória.

O corpo de Cassas de Lima está sendo velado na Pax União, na Rua Grande. O sepultamento será às 16h30, no Cemitério do Gavião, na Madre Deus.

O Moto divulgou nota de pesar lamentando a morte de Cassas de Lima.

Nota de pesar

“O Moto Club de São Luís vem por meio desta nota prestar suas condolências aos familiares do Dr. Cassas de Lima, que foi médico, presidente e torcedor do rubro-negro maranhense.

O Doutor esteve junto com o Papão desde 1968, quando foi chamado por Pereira dos Santos para integrar a diretoria rubro-negra. Juntamente com o Moto, acumulou títulos e dedicou sua vida ao clube.

Desejamos força aos familiares nesse momento difícil.”

Foto: Arquivo / Futebol Maranhense

8 comentários »

Sampaio tem que denunciar árbitro na CBF

7comentários

O Sampaio e a Federação Maranhense de Futebol (FMF) não podem e nem devem deixar passar em branco o que aconteceu ontem à tarde no Estádio Castelão, no empate heróico por 1 a 1 com o Botafogo-PB.

A arbitragem do carioca Daniel Silva foi um verdadeiro escândalo.

O árbitro abusou ao expulsar direto com cartão vermelho, ainda no primeiro tempo dois jogadores do Sampaio: Felipe Dias e Bruninho.

Além disso, Daniel Silva minou o Tricolor com uma série de faltas em favor dos paraibanos e ainda deixou de marcar um pênalti em Ulisses, tudo isso no primeiro tempo.

O empate acabou sendo um grande resultado para o Sampaio por tudo que fez o árbitro Daniel Silva.

Não acredito que o Sampaio e a FMF vão aceitar tudo de forma passiva. Chega dos clubes maranhenses serem ‘garfados’ aqui dentro por árbitros nos jogos pelo Brasileirão.

O clube tem que entrar com representação na Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e exigir uma punição ao árbitro carioca.

Além disso, o Sampaio deve pedir à CBF que mande árbitro isentos para cá e que não venham apenas prejudicar as nossas equipes que disputam o Campeonato Brasileiro nas Séries C e D.

Além disso, o Sampaio tem que ir até a CBF denunciar esse árbitro. E que esse escândalo feito contra o Sampaio sirva de alerta para Imperatriz, Moto e Maranhão também.

Não precisa mandar nenhum árbitro para ‘ajudar’, precisa escalar árbitros sérios e que venham apitar o jogo, sem tentar interferir no andamento dele como fez Daniel Silva.

Foto: João Ricardo

7 comentários »

FMF transmitirá jogos dos Maranhenses na Série D

8comentários

As Federações de Futebol poderão transmitir os jogos dos seus representantes no Campeonato Brasileiro Série D pela internet.

A informação foi confirmada ao Blog do Zeca Soares pelo diretor de competições da FMF, Hans Nina.

O sinal verde foi dado pela COnfederação Brasileira de Futebol (CBF) às Federações.

A FMF já adquiriu inclusive novos equipamentos para a transmissão dos jogos.

Segundo Hans, a FMF transmitirá todos os jogos de Moto e Maranhão disputados em Sâo Luís.

A transmissão dos jogos das nossas equipes fora de Sâo Luís vai depender das outras Federações.

Foto: Divulgação

8 comentários »

As notícias que atrapalham o futebol…

3comentários

Não pegou nada bem a notícia sobre a suspensão dos clubes e consequentemente do Campeonato Maranhense por conta de dívida por conta das oito equipes junto ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD).

A dívida existe e tem que se paga, mas daí na reta final do Campeonato Maranhense é complicado você promover a competição dessa forma. Ao repassar esse tipo de informação, a FMF parece querer agilizar a cobrança e pressiona os clubes como uma espécie de ameaça.

Na semana passada, o presidente da FMF Antonio Américo reclamou das notícias que considera ruins para a promoção do futebol maranhenses, mas esqueceu que a maioria delas tem origem na própria organização do futebol. Esse é um exemplo.

A cobrança foi motivada devido à entrada dos recursos da Lei de Incentivo ao Esporte da ordem de R$ 1 milhão 200 mil. Desse montante, os clubes receberão R$ 700 mil e outros R$ 500 serão utilizados para pagamento de custos da competição.

Para não perder a oportunidade, o TJD e a FMF acharam que estava na hora de combinar tudo e ameaçar parar a competição que entra na fase decisiva.

Os clubes, de maneira em geral informam que não devem nada ou que desconheciam a dívida…

Crítica às datas

Também não pegou nada bem as datas escolhidas pela FMF para a decisão do Campeonato Maranhense. Os jogos serão imprensados entre os dias 10 e 13 de abril (quarta e sábado).

Embora a data dos estaduais vá até 21 de abril, a FMF quer fugir da TV que mostrará nos dias 14 e 21 as finais do Rio de Janeiro e São Paulo.

Além disso, a FMF quer garantir duas semanas para preparação das equipes para o Campeonato Brasileiro Série C.

Foto: Lucas Almeida/L17 Comunicação

3 comentários »

FMF fugirá da concorrência com a TV na final

1comentário

Definidas as datas dos jogos pelas semifinais e finais do Campeonato Maranhense.

Com a eliminação de Sampaio e Moto na Copa do Nordeste, a Federação Maranhense de Futebol (FMF) divulgou todas as datas.

As finais vão acontecer nos dias 10 e 23 de abril. o campeão maranhense será conhecido no sábado (13). A decisão não será no domingo segundo o diretor de competições da FMF, Hans Nina para fugir da concorrência com a televisão que mostrará as decisões dos Estaduais no Rio de Janeiro e São Paulo. Mas lembrando que RJ e SP só encerram as competições no dia 21.

Aqui, as datas poderiam ser 14 e 21. Ou já que entendem que é melhor fugir da concorrência com a TV poderiam ficar para os dias 13 e 20. Nestes dois casos não haveria nenhuma necessidade de imprensar as finais e jogar no meio de semana.

Além disso, a FMF quer deixar duas semanas para os finalistas do estadual se prepararem para o Campeonato Brasileiro que só começa no dia 27 de abril.

Jogos de ida

02/04 – Terça-feira
20h15 – Sampaio x Imperatriz – Estádio Castelão

04/04 – Quinta-feira
20h15 – Maranhão x Moto – Estádio Castelão

Jogos de volta

06/04 (20h) – Imperatriz x Sampaio – Frei Epifänio
07/04 (16) – Moto x Maranhão – Castelão

Finais

10 e 13 de abril

Foto: Lucas Almeida/L17 Comunicação

1 comentário »