Umbelino Junior alerta para segurança no trânsito

0comentário

O Presidente da Comissão de Mobilidade Urbana da Câmara Municipal de São Luís, vereador Umbelino Junior (Cidadania 23), participou, na tarde desta sexta-feira, 20, da segunda edição da campanha “O trânsito e a vida de alguém”, realizada pelo Instituto Inaldo Abreu.

A ação foi realizada na Avenida Vitorino Freire, via de grande movimentação que dá acesso a diversos bairros da capital.

Durante a ação, foram realizadas ações de conscientização aos motoristas e pedestres. Sensibilizado com o tema, o vereador Umbelino Junior, participou ativamente dos trabalhos e pessoalmente, entregou folhetos e conversou com a população.

“Esse é um momento muito importante, é a hora em que organizações e instituições se mobilizam para conscientizar os condutores e assim evitar acidentes. Todos nós devemos fazer a nossa parte, devemos valorizar a vida”, alertou Umbelino.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Edivaldo reforça fiscalização no Centro Histórico

0comentário

O prefeito Edivaldo Holanda Junior reuniu, nesta segunda-feira (2), equipe de trabalho que irá intensificar as ações de fiscalização na área do Centro Histórico de São Luís. O reforço nas ações, que já são realizadas rotineiramente, tem o objetivo de coibir a ocupação desordenada da área, os atos de vandalismo e a depredação do patrimônio público e, assim, garantir a segurança e a tranquilidade de quem frequenta o Centro da cidade. Para intensificar a presença do poder público no espaço, o gestor municipal reuniu representantes de secretarias e órgãos estratégicos e definiu um plano de ação que começa a ser executado imediatamente.

“O Centro Histórico vive um momento de revitalização e resgate cultural importante, com arte, entretenimento e empreendedorismo nos espaços públicos. Todas as ações da Prefeitura na região são voltadas para a valorização da cultural, movimentação da economia criativa, preservação do patrimônio, promoção do lazer e do turismo e geração de emprego e renda, que ocorre sempre em clima de integração, com segurança. Mesmo que os lamentáveis atos de violência registrados na noite de domingo não tenham ocorrido dentro da nossa programação, já determinei medidas urgentes às nossas equipes para que não voltem a se repetir. Queremos o Centro de São Luís cheio de pessoas, moradores e turistas, todos se divertindo e apreciando as nossas riquezas” disse o prefeito Edivaldo.

As principais ações serão adotadas pela Blitz Urbana, vinculada à Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), e pela Guarda Municipal na área da segurança, ligada à Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc). A Blitz Urbana irá intensificar a fiscalização de estabelecimentos comerciais e vendas informais, a fim de verificar se possuem alvará de funcionamento e licenças devidas para a comercialização dos produtos.

Segurança

Na área da segurança, a intenção é manter a tranquilidade dos frequentadores do espaço, cuidar do patrimônio e, ainda, dar apoio às ações da Blitz Urbana. “Vamos aumentar o contingente da Guarda Municipal na área a fim de garantir a segurança no espaço e a preservação do patrimônio público”, afirmou o secretário municipal de Segurança com Cidadania, Heryco Coqueiro.

O secretário municipal de Urbanismo e Habitação, Mádison Leonardo Andrade reforçou que a Prefeitura irá fortalecer as ações que já vêm sendo realizadas em combate às irregularidades e ilegalidades no que se diz respeito a estabelecimentos comerciais, bares e comércio informal. “A Prefeitura almeja a ocupação ordenada e nosso trabalho é contribuir para que a proposta do poder público municipal não seja desvirtuada”, destacou o secretário municipal de Urbanismo e Habitação, Mádison Leonardo Andrade.

Participaram da reunião os secretários municipais Pablo Rebouças (Governo), Canindé Barros (Trânsito e Transportes) e Delcio Rodrigues (Fazenda); o subprefeito do Centro Histórico, Jeferson Viegas; a presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela; o diretor da Blitz Urbana, Samuel Doria de Carvalho Junior; o presidente do Instituto Municipal da Paisagem Urbana, Fábio Henrique Carvalho; e o secretário-adjunto de Trânsito e Transportes, Israel Petrus.

sem comentário »

Prestigiado

0comentário

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), decidiu entrar no debate sobre as denúncias de arapongagem que pesam contra seu secretário de Segurança, Jefferson Portela (PCdoB).

Em meio às cobranças de parlamentares de oposição pela apuração de denúncias de grampos ilegais contra desembargadores e políticos – com e sem mandato -, o comunista entrou no debate para demonstrar apoio ao auxiliar.

No Twitter, Dino destacou o trabalho de Portela, que, segundo ele, reduziu a taxa de homicídios e tirou São Luís da lista de cidades mais violentas do mundo.

“Secretário Jefferson Portela comanda o trabalho que tirou São Luís da lista das 50 cidades mais violentas do mundo e reduziu homicídios em 62%. E também coordena ações do Pacto pela Paz, como a realizada hoje na zona rural”, escreveu, numa espécie de recado a quem acreditava que Portela balançava no cargo por conta da crise.

No futebol, dir-se-ia que, agora, Portela está prestigiado. Resta saber se esse “prestígio” é daqueles que prenunciam a queda.

Vale aguardar.

Estado Maior

sem comentário »

Espionagem: Edilázio pede auditoria do Guardião

1comentário

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) formalizou hoje um pedido à Procuradoria-Geral de Justiça do Estado e protocolou um ofício no Palácio dos Leões, de auditoria no sistema “Guardião” utilizado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública na interceptação telefônica de investigados.

O objetivo é esclarecer se são verdadeiras ou não as denúncias dos delegados de Polícia Civil Tiago Bardal – ex-superintendente de Investigações Criminais do Maranhão -, e Ney Anderson Gaspar, contra o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela (PCdoB).

Os delegados acusam Portela de determinar investigações clandestinas contra pelo menos quatro desembargadores do Tribunal de Justiça, seus respectivos assessores e familiares e até lideranças políticas do estado, a exemplo do senador Roberto Rocha (PSDB), hoje adversário do chefe do Executivo, governador Flávio Dino (PCdoB).

“As afirmações feitas pelo pelo Delegado Tiago Mattos Bardal, e pelo ex-chefe do Departamento de Combate ao Crime Organizado (DCCO), delegado Ney Anderson Gaspar, importam em grave violação aos pilares do Estado Democrático de Direito, em específico a Separação dos Poderes, vez que, a prima facie, configura uma espécie de espionagem do Poder Judiciário pelo Poder Executivo em mesma esfera Estadual”, destaca texto do ofício.

Edilázio se reuniu com o vice-procurador geral do Estado, Francisco Barros, pediu providências do Ministério Público e afirmou que uma auditoria junto a empresa Digitro Tecnologia Ltda, a responsável pela construção do sistema “Guardião”, pode esclarecer as denúncias.

“Se na auditoria do sistema forem encontrados os números telefônicos das pessoas citadas pelos delegados, confirma-se aí a veracidade da denúncia. Se não, ambos podem ser responsabilizados na forma da lei. O fato é que caso é grave e precisa de respostas”, finalizou.

Foto: Divulgação

1 comentário »

Petição pública por mais segurança é lançada no MA

4comentários

Como forma de sensibilizar o governador Flávio Dino a cumprir sua promessa de contratar 3 mil policiais durante a campanha, aprovados no último concurso da Polícia Militar do Estado do Maranhão prepararam uma petição eletrônica. A inciativa é inédita no Maranhão. (Clique aqui).

Nos últimos meses cerca de 1800 aprovados no concurso da PM e no Curso de Formação e Aperfeiçoamento da Polícia Militar do Maranhão solicitam uma posição do governo em relação a nomeação. A categoria afirma que é amparada pela lei.

O documento, idealizado pelo deputado Adriano (PV), tem como meta mostrar ao governador que a população maranhense apoia a nomeação de cerca de 2 mil policiais. “Estamos falando de uma questão que não tem cor partidária ou grupo político, que é a segurança pública. Mais policiais, mais segurança. O próprio governador falou muito isso”, disse o deputado.

Além dos pontos de vista legal e administrativo, a categoria também reclama da condição social. “Muitos de nós largaram empregos e outros compromissos para poder fazer o curso de formação porque éramos amparados pela lei e porque o governador disse que iria fazer as nomeações. Como essas pessoas ficam? Há uma responsabilidade do governo com milhares de famílias que acreditaram nele”, disse um dos membros da comissão que lidera o movimento.

Foto: Divulgação/Agência Assembleia

4 comentários »

Flávio Dino diz que carnaval foi o maior da história

1comentário

O governador Flávio Dino (PCdoB) destacou, nas redes sociais o trabalho desenvolvido pelo secretário Diego Galdino, na realização do Carnaval do Maranhão que classificou como o maior da história.

Dino estendeu o reconhecimento aos artistas, grupos culturrais, iniciativa priva e à Secretária de Segurança e Polícia Militar e prometeu fazer o carnaval ainda melhor em 2020.

“Fizemos o maior carnaval da história do Maranhão. Agradeço à população, aos artistas e grupos culturais, à Secretaria de Cultura liderada por Diego Galdino, à Secretaria de Segurança e aos policiais, à Prefeitura de São Luís e aos demais parceiros públicos e privados. Agradeço a acolhida fraterna em todos os eventos a que compareci neste Carnaval do Maranhão. Vou me dedicar para ano que vem ser ainda melhor”, disse.

Nas redes sociais, o secretário Diego Galdino, também comemorou o resultado positivo do carnaval.

“Emoção! Essa é a palavra que melhor define os meus últimos 5 dias. Emoção em ver o nosso estado cheio de turistas encantados. Emoção em ver a nossa população ocupando as ruas sem medo e com orgulho de ser daqui. Emoção em ver que a nossa cultura está mais viva a cada dia”, disse

“Agradeço a confiança do governador Flávio Dino. Agradeço a dedicação da equipe da Secma. Agradeço a disponibilidade de todos os parceiros e fornecedores. Agradeço a energia e talento dos nossos artistas. Agradeço principalmente a alegria de cada folião. Foi lindo! Nossa missão agora é continuar surpreendendo positivamente. Já estamos em planejamento para o São João e de olho no Natal de Todos, Réveillon e Carnaval 2020. Avante! “, finalizou Galdino.

Numa avaliação geral, o ponto alto foi o circuito Beira-Mar que chegou para ficar. Melhorando a estrutura e qualidade de som e de programação, o carnaval no Maranhão tem tudo para continuar crescendo.

Neste sentido, o trabalho de Diego Galdino, à frente da Secretaria de Cultura está no caminho certo.

Foto: reprodução/Twitter

1 comentário »

O Antagonista mostra contradição de Flávio Dino

0comentário

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), tem dito que se o pacote anticrime de Sergio Moro for aprovado, haverá aumento da letalidade policial — segundo ele, “demagogia pode piorar a violência”.

No estado de Dino, destaca O Antagonista, a letalidade das polícias cresceu 79,4% entre 2014 e 2017, segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública — somente em 2017, 110 pessoas foram mortas em intervenções das forças de segurança locais.

Leia mais

sem comentário »

Prefeito de Davinópolis é morto a tiros

0comentário

A polícia confirmou neste domingo (11), a morte do prefeito de Davinópolis, a 663 km de São Luís, Ivanildo Paiva (PRB).

Ele foi morto a tiros.

Segundo informações, o prefeito teria saído ontem à noite para dormir na sua fazenda que fiza na zona rural de Davinópolis.

Na manhã deste domingo, o corpo do prefeito foi encontrado a 2 Km da fazenda. Ele estava sem camisa e vestia uma bermuda preta.

O carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz.

Ivanildo Paiva tinha 57 anos e foi eleito prefeito de Davinópolis em 2016 com 4.604 votos (49.37%).

Foto: Site da Prefeitura de Davinópolis

sem comentário »

Maura Jorge promete investir na segurança pública

0comentário

A candidata ao governo do Maranhão, Maura Jorge (PSL), afirmou em entrevista ao JMTV 1ª edição nesta quarta-feira (12) que, se eleita, deve investir na segurança pública do estado, fazendo a estruturação de delegacias de polícia e valorizando policiais. (Clique aqui e confira a entrevista na íntegra).

A candidata pretende ainda realizar a unificação da Polícia Civil e Militar, que devem fazer um trabalho conjunto na segurança do estado. Para Maura, a aplicação de recursos na área é fundamental para o cidadão maranhense.

“Eu acho que primeiro segurança pública, do país e do estado, nós temos que investir. Um investimento nas pessoas que são os policiais, reestruturar, unificar as polícias no sentido da reestruturação, daquilo que nós imaginamos que seja segurança pública. Valorizar os nossos policiais, estruturar nossas delegacias, nós temos hoje um índice altíssimo nas nossas delegacias que não tem a mínima infraestrutura”, afirmou a candidata.

Maura Jorge disse também que investirá na inteligência da polícia para o combate ao tráfico de drogas.

“Como você pode falar em segurança se não tem infraestrutura? Onde os policiais não são valorizados, onde nos quartéis os policiais dormem em beliches no chão, onde na maioria dos municípios do Maranhão quem mantêm a segurança pública são os prefeitos que pagam combustível e mantém as viaturas andando. Nós temos que investir na inteligência combatendo o tráfico de drogas, que hoje está dentro das nossas escolas, temos que voltar a dar ao cidadão o direito de ir e vir. É isso que nós comungamos, pensamos e queremos para o nosso estado”, disse.

Ao ser questionada sobre o processo por improbidade administrativa movido pelo Ministério Público por ter contratado uma ex-empregada doméstica como assessora parlamentar quando era deputada estadual, a candidata disse ser ficha limpa e que não responde a nenhuma ação.

“Quando a gente está na vida pública nós somos sujeitos as justiças e injustiças. E eu tenho uma ação de improbidade administrativa porque eu tinha um ‘M’, e os que estão ai tentando chegar ao poder, sabem que a Maura Jorge é ficha limpa e não tem nenhuma ação condenatória. Eu acho que essa pergunta você deveria também fazer para quem já passou pelo poder e tem condenações ai por desvio de recursos, que não é o meu caso. Eu tenho a liberdade hoje de andar no Maranhão todinho, levar a minha mensagem e não tem ninguém que diga: a Maura Jorge foi corrupta, a Maura Jorge desviou recursos. E por isso hoje, estou incomodando aqueles que já passaram pelo governo e os que estão ai se propondo a chegar e sendo processados”, declarou.

Ao justificar o número de funcionários na ação, Maura disse que é a Assembleia que determina a quantidade por parlamentar e que cabe à justiça esclarecer o caso.

“Quem contrata não é o deputado, quem faz a contratação é a Assembleia. Eu tinha vários funcionários e cada deputado tem os seus gabinetes, quem tem que definir se existia ou não é a Justiça. O que eu digo é que no meu gabinete existiam vários funcionários, como há em todos os gabinetes e quem tem que dizer se é verdade ou não é a Justiça. Agora eu posso lhe dizer que diferentemente dos outros não tem nenhuma ação que possa me condenar por desvio de dinheiro público”

Foto: Reprodução/TV Mirante

Leia no G1

sem comentário »

Realidade nua e crua

0comentário

O governo Flávio Dino (PCdoB) investe pesado para vender uma ideia de segurança no Maranhão, mas uma realidade se impõe a ele: o aumento considerável da violência em seu mandato.

São assassinatos, latrocínios, roubo a bancos e caixas eletrônicos, explosões de carros-fortes, tráfico de armamentos pesados e de drogas e até balas perdidas fazendo vítimas nas comunidades. E isso não é contrapropaganda. É a realidade nua e crua do dia a dia do maranhense.

Os números não mentem, jamais, diria o professor. E eles mostram que o índice de homicídios cresceu 16% durante o mandato do comunista. A propaganda esconde esta realidade e fala de investimentos.

A realidade nua e crua é vista diariamente pelo cidadão; a esposa de um prefeito foi sequestrada, um delegado de polícia federal foi morto após assalto, outro só não morreu porque reagiu contra os bandidos, que agiam em plena luz do dia.

Um empresário está internado após receber um tiro no rosto, durante assalto à casa de sua mãe. E duas vítimas de bala perdida foram registradas nos últimos dias.

São números da violência que Dino não pode esconder.

Estado Maior

sem comentário »