‘Até quando Flávio Dino’, pergunta Andrea

0comentário

A deputada estadual Andrea Murad (PRP), questionou, nas redes sociais, o governador Flávio Dino (PCdoB) por não ter dado continuidade às obras de construção de sete Centros de Hemodiálise no Maranhão tudo por conta de mais um caso que ganhou repercussão nacional.

Esta semana, a dona Hilda que morava em Pinheiro e era obrigada a fazer o seu tratamento em São Luís acabou morrendo na porta do hospital e o caso acabou no Jornal Hoje, da Rede Globo e provocou a revolta em meio aos maranhenses.

“Já foram várias as reportagens da Globo este ano mostrando a peleja desses pacientes que dependem da hemodiálise, percorrendo quilômetros e quilômetros para realizar procedimentos. A cada reportagem é uma angústia que me dá com tantas mortes que poderiam ser evitadas se Flávio Dino tivesse dado continuidade aos 7 Centros de Hemodiálise que foram deixados licitados, com recursos garantidos e alguns até em construção na gestão de Ricardo. Desta vez, dona Hilda não suportou tanto sofrimento e faleceu na porta do hospital depois de ter atendimento negado. Revoltante, triste, de completa indignação. Até quando Flávio Dino?”, destacou.

Andrea Murad disse que o assunto virou caso de polícia e que a Justiça precisa dar uma resposta.

“Estes quase quatro anos do meu mandato passei cobrando a entrega dessas unidades tão indispensáveis. Visitei alguns locais de obras como em Chapadinha e o que vi foi a incapacidade de um governador em oferecer serviços especializados, cuja responsabilidade é, principalmente, do Estado. O descaso de Flávio Dino com os Centros de Hemodiálises é algo que já passou dos limites, é caso de polícia e a justiça precisa tomar uma providência diante de tantas mortes”, finalizou.

Foto: Reprodução/TV Mirante

Sem comentário para "‘Até quando Flávio Dino’, pergunta Andrea"


deixe seu comentário