Edilázio articula pauta com Bolsonaro para o MA

0comentário

O deputado estadual Edilázio Júnior (PSD), que a partir de fevereiro de 2019 assume mandato na Câmara Federal, cumpriu extensa agenda política em Brasília no início desta semana e articulou pauta positiva para o Maranhão junto ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

No encontro com Bolsonaro, Edilázio se colocou à disposição para a discussão de propostas, no Congresso Nacional, que beneficiem a população.

Ele também externou ao presidente eleito a tristeza de ter no Maranhão o único governador comunista em exercício.

“O presidente prometeu não discriminar o Maranhão e se empenhar para ajudar todos os maranhenses. Ele também afirmou que conta com a ajuda de todos os deputados do Maranhão para que possamos mudar a realidade do nosso estado”, disse.

Bolsonaro prometeu investir no Maranhão nos próximos 4 anos, em todas as áreas de atuação, a exemplo da saúde, educação, infraestrutura e saneamento básico.

Na agenda em Brasília, Edilázio também se reuniu com o ministro Kassab, presidente nacional do PSD, e discutiu os rumos do partido no estado.

Edilázio foi o único deputado federal eleito pelo PSD no pleito de outubro deste ano.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Edilázio vê ‘novo caminho’ com Jair Bolsonaro

1comentário

O deputado federal eleito Edilázio Júnior (PSD) foi o entrevistado desta segunda-feira (19), no Ponto Final, por Roberto Fernandes, na Rádio Mirante AM. Eleito com 106.576 votos, Edilázio será um dos 18 representantes do Maranhão nos próximos 4 anos na Câmara dos Deputados..

Edilázio disse que a expectativa é grande quanto ao novo governo e ele vislumbra um novo caminho para o país. “Acredito que o presidente eleito já vem demonstrando que que acertar e nós acreditamos que a partir do próximo ano a economia do país deve voltar a crescer, a expectativa é de que o Brasil possa volta a gerar novos empregos, enfim, tem tudo para o Brasil trilhar um novo caminho agora e nós deputados precisamos apoiar aquilo que for bom para o Brasil e para o maranhão e é isso que eu vou fazer em Brasília na Câmara dos Deputados”.

O deputado disse que a reforma política deve ser revista, pois como está só beneficia os candidatos com mandato. “A reforma eleitoral foi benéfica em alguns pontos, mas dificulta muito para quem não é conhecido e precisa ser revista. As redes sociais hoje é o grande curinga e ficou comprovado com a eleição do presidente Jair Bolsonaro, mas a reforma do jeito que passou ficou muito ruim para quem não é conhecido”.

Edilázio destacou a vitória de Flávio Dino e disse que é muito difícil fazer Oposição no Maranhão. “O governador Flávio Dino teve uma vitória maiúscula. Ele conseguiu eleger seus dois senadores. Ele fez na Câmara 35 deputados, mas pode chegar a 38. Na Câmara Federal ele deve ter 13 a 14 deputados. Se já era complicada fazer Oposição ao governo do Estado, imagina agora com a vitória que foi grande do governador Flávio Dino. Fazer Oposição no estado do Maranhão é algo bastante dificultoso por conta do governador que a gente tem”, afirmou.

Segundo Edilázio, o governador Flávio Dino (PCdoB) utilizou os recursos do FEPA para fins eleitoreiros. “O governador utilizou boa parte dos recursos dos aposentados e hoje corre o sério risco dos aposentados ficar sem salário. Ele utilizou para outros fins o fundo dos aposentados e hoje ele tem que utilizar uma outra forma para buscar meios para pagar os aposentados. Ele utilizou, por exemplo os recursos nesse asfalto eleitoreiro na campanha”.

O parlamentar comentou sobre a polêmica do Mais Médicos e defendeu o presidente Jair Bolsonaro quanto à realização do revalida.

“Eu tive a oportunidade nas andanças pelo Maranhão afora e chegar às diversas comunidade e lá tem vários médicos cubanos e para a população é de extrema importância. E o presidente Jair Bolsonaro não tirou os médicos cubanos, ele está querendo trazer as famílias dos médicos e fazer o revalida e eu não sou contra. Eu tenho vários amigos fazendo medicina lá fora porque é mais em conta e eu não vejo nenhum problema. Porque os brasileiros podem fazer o revalida e os cubanos não podem?”, disse.

Edilázio Júnior disse que a postura do governador Flávio Dino em relação a Jair Bolsonaro não ajuda e pode prejudicar o Maranhão. Ele aproveitou para criticar o decreto do governador que instituiu o “Escola Sem Censura” em contraponto ao “Escola Sem Partido”, defendido pelo presidente eleito.

“Ajudar não ajuda. O nome já diz “escola sem partido”. Não é “escola com direita” ou “escola com esquerda”. O meu filho vai para escola aprender matemática, português, biologia, química.. É difícil teu filho ir para a escola e ser educado por um professor da extrema direita ou da extrema esquerda. A esquerda tanto bateu para acabar com as aulas de Moral e Cívica e o OSPB que tanto tiraram do currículo. Cada um tem que ter o seu discernimento e escolher o que quer para o seu filho sem qualquer tipo de doutrinamento. O decreto é inócuo e incosntitucuinal porque a Constituição já garante isso e só mostra o oportunismo do governador. Porque ele não apresentou isso durante o período eleitoral? Se tivesse apresentado teria perdido os votos do evangélicos e faz agora apenas para se contrapor ao presidente Jair Bolsonaro. Veja que ele fala dos médicos cubanos, mas não explica a situação dos médicos daqui que estão com salário atrasados”, finalizou.

Foto: Zeca Soares

1 comentário »

Edilázio repudia decreto editado por Flávio Dino

0comentário

O deputado estadual Edilázio Júnior (PSD) utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa na sessão de hoje para criticar o decreto baixado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) contra o “Escola Sem Partido” na educação estadual.

Para o parlamentar, a intenção do comunista com o decreto é tão somente tentar criar uma pauta nacional de contraponto ao presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

“Flávio Dino está terminando o quarto ano de mandato, por que ele não fez isso antes? Ele só fez depois de Bolsonaro ganhar a eleição. Isso porque um das bandeiras do presidente eleito é a Escola Sem Partido”, disse.

De acordo com Edilázio, a proposta do presidente eleito é a mais consistente e saudável para a criança que está em sala de aula, uma vez que há no país uma divisão com extremismo entre militantes políticos de direita e de esquerda.

“Escola sem partido é algo de extrema importância no momento político que o país vem enfrentando, tanto pela esquerda que vem batendo muito forte e também pela direita, esses dois extremismos que o país vem enfrentando hoje. Precisamos educar essas crianças sem esses extremismos”, enfatizou.

“Criança tem de ir para a escola para estudar Português, Química, Física, Matemática. Não tem que ir para a escola para professor, que é sindicalizado, estar dando aula e falando que a esquerda é melhor por isso, por isso e por isso. Que a Lei Rouanet é importante por isso, por isso e por isso. Ou ter um professor de direita dizendo que tem que ter arma, que tem que ter isso, que é importante por isso ou por aquilo. Uma criança hoje com 10  anos de idade, tem mais informações do que nós quando tínhamos 16, 17 anos, por conta das redes sociais, do celular, da internet a que todos têm fácil acesso. Então vamos deixar as nossas crianças, os nossos jovens na escola para aprender didática. Aprender as matérias para o Enem e deixar a política para fora da sala de aula”, completou.

Ele lembrou que o presidente eleito tem ignorado as provocações de Flávio Dino e classificou o decreto do maranhense de inconstitucional.

“O governador do Maranhão quer entrar numa disputa de bate-boca, mas o presidente eleito tem se saído muito bem”, finalizou.

Foto: Kristiano Simas/Agência Assembleia

sem comentário »

Edilázio repreende Dino: ‘respeite a vontade do povo’

2comentários

O deputado estadual Edilázio Júnior (PSD) cobrou do governador Flávio Dino (PCdoB), na sessão de hoje na Assembleia Legislativa, postura democrática e de civilidade em relação ao presidente da República eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

Edilázio citou como exemplo a solenidade de comemoração dos 30 anos da Constituição Federal, realizada ontem no Congresso Nacional, em que agentes públicos de diferentes linhas partidárias, ideológicas e políticas, além de representantes do Poder Judiciário do país, agiram em respeito à Carta Magna e em relação próprio presidente eleito, presente na sessão especial.

Edilázio advertiu Flávio Dino e pediu para que o comunista espere, pelo menos, o início do mandato de Bolsonaro.

“Peço para que os aliados do nosso governador, apesar da dificuldade que ele tem para o diálogo, falem a ele que a exemplo do Maranhão, onde a democracia foi respeitada na eleição, da mesma forma foi o pleito presidencial. A vontade popular foi prevaleceu na eleição de Jair Bolsonaro”, disse.

Ele citou a crítica de Dino ao convite formalizado ao juiz Sérgio Moro, e cobrou respeito às instituições.

“O governador sem ter mais até assunto para falar do presidente eleito, vai para as redes sociais até falar da posse de Brasília, que ocorrerá no dia 1º de janeiro, comparando com a sua no Maranhão. Vai para as redes sociais dizer que a posse dele, no dia 1º de janeiro é uma posse democrática, será uma posse alegre, uma posse feliz, uma posse festiva, com plumas e paetês e vai e ataca a posse do Presidente eleito com mais de 55 milhões de votos em Brasília. Então o Governador tem de saber respeitar a maioria, como nós respeitamos a maioria do estado do Maranhão”, completou.

No fim do discurso, ele afirmou que apesar de querer se promover nacionalmente, Flávio Dino precisa esperar pelo menos posse e os primeiros atos do presidente eleito.

“Se quer entrar nesse embate nacional, que aguarde mais um tempo, que dê uma quarentena, que espere os primeiros atos, os primeiros movimentos do presidente eleito, como a própria oposição fez aqui no Maranhão. Assim foi a ex-governadora Roseana, que deu essa quarentena ao presidente, o Lobão Filho, o Edson Lobão, enfim, todos esperaram o governo Flávio Dino, dois anos, para que pudesse aflorar novamente a oposição e fazer os contrapontos. Então governador, tenha um pouquinho de paciência, aguarde os atos que o presidente eleito terá”, finalizou.

Foto: Agência Assembleia

2 comentários »

Edilázio lamenta postura hostil de Dino com Bolsonaro

0comentário

O deputado estadual Edilázio Júnior (PSD), eleito para a Câmara Federal no início deste mês, afirmou na tribuna da Assembleia Legislativa, na sessão de hoje, que atuará em Brasília em busca de recursos e investimentos do Governo Federal no Maranhão.

“Quero dizer que estarei em Brasília, na Câmara Federal, ao lado da democracia, ao lado do estado do Maranhão para que possa trazer recursos para os municípios”, disse.

Edilázio lamentou a postura de Flávio Dino e a hostilidade ao presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL).

“O Maranhão tem tudo para ser um estado penalizado pela conduta do governador que nós temos, um governador comunista, um governador que foi extremamente hostil e descortês com o presidente eleito, mas tenho certeza de que a grande maioria da Câmara Federal vai trabalhar em prol do estado para que nós possamos conseguir os recursos necessários para ajudar os nossos municípios, que o presidente eleito olhe o estado do Maranhão com bons olhos, não olhe para o governador do estado, mas olhe para o estado”, completou.

Edilázio elogiou o posicionamento do senador eleito, Weverton Rocha (PDT) e disse que o diálogo é o caminho para que o Maranhão avance.

“Fiquei até surpreso e feliz ao ver, para citar como exemplo, o senador eleito Weverton Rocha quando, nas redes sociais, falou que será oposição ao presidente eleito, porém está aberto a diálogo. O diálogo, que é importante para o nosso estado, tem que estar em primeiro lugar e acima de qualquer querela partidária. Coisa que falta ao nosso governador que está sempre acima do bem e do mal e acha que não precisa de ninguém”, enfatizou.

sem comentário »

Edilazio diz que manterá oposição a Flávio Dino

2comentários

O deputado estadual Edilázio Júnior (PSD), eleito para a Câmara Federal com mais de 106 mil votos no último domingo, afirmou que se manterá na oposição ao governador Flávio Dino (PCdoB) em Brasília, a partir de 2019, quando inicia mandato no Congresso Nacional.

O posicionamento do parlamentar ocorreu em sessão plenária na Assembleia Legislativa.

“Tenho que destacar a vitória maiúscula do governador Flávio Dino, mas os votos que tive sei que são daqueles que não concordam com o Governo que aí está. E assim manterei a minha postura e minha postura ideológica lá em Brasília. Serei oposição a esse Governo que aí está, fiscalizando e cobrando pelas melhorias do povo maranhense. Essa será a nossa postura a partir do dia 1º de fevereiro, lá em Brasília, trabalhando em prol do nosso Estado”, disse.

Além de assegurar um trabalho em busca de desenvolvimento para o povo do Maranhão, Edilázio aproveitou para agradecer a expressiva votação no pleito de domingo.

“Quero também agradecer aos mais de 106 mil maranhenses que acreditaram nessa nossa empreitada rumo à Câmara Federal e, graças a Deus, exitosa. E trabalharei muito para honrar todos esses que saíram de casa no 7 de outubro para votar no Deputado Edilázio para a Câmara Federal”, disse.

Edilázio também agradeceu aos colegas que firmaram parceria para a eleição em todas as regiões do estado. “Tenho que fazer um agradecimento especial, senhor presidente, aos meus colegas de Parlamento que muito me ajudaram para que eu tivesse êxito. Dentre os quais quero citar o Deputado Antônio Pereira, Deputado César Pires, Deputado Adriano Sarney, o Presidente desta Casa, Othelino Neto, Deputado Arnaldo Melo, todos foram essenciais para essa nossa grande vitória, essa nossa conquista”, completou.

Edilázio exerce o seu segundo mandato na Assembleia Legislativa, e cumprirá, a partir de fevereiro de 2019, o primeiro mandato na Câmara Federal.
Foto: Divulgação

2 comentários »

Edilázio se consolida para a Câmara Federal

0comentário

A campanha do deputado estadual Edilázio Júnior, candidato a uma vaga na Câmara Federal pelo PSD, cresceu na semana em que será realizada a eleição no estado.

Apoiado pela ex-governadora Roseana Sarney (MDB), candidata ao comando do Executivo; pelo senador Edison Lobão (MDB), candidato à reeleição ao Senado e pelo deputado federal Sarney Filho (PV), também candidato ao Senado, Edilázio tem percorrido dezenas de municípios nos últimos de campanha em todas as regiões do estado.

Desde o fim de semana, Edilázio já percorreu os municípios de Bacuri, Cururupu, Turilândia, São João dos Patos, Colinas, Caxias, Codó, Afonso Cunha, Timon e Buriticupu.

Além de prefeitos, vice-prefeitos, lideranças políticas, presidentes de partidos e líderes comunitários, milhares de eleitores têm acompanhado de forma espontânea a campanha de Edilázio em todo o Maranhão.

Nas caminhadas, carreatas e nos comícios realizados em praças públicas, Edilázio tem recebido o apoio massivo do eleitor que acompanha o seu trabalho na Assembleia Legislativa.

Edilázio promete trabalhar pelo desenvolvimento do Maranhão no Congresso Nacional e continuar com a agenda municipalista que marcou os seus dois mandatos no Legislativo Estadual.

Foto: Divulgação

sem comentário »

‘Sarney Filho é um político correto’, diz Sarney

4comentários

“Eu tenho orgulho de você; tenho orgulho de que seja ficha limpa”, declarou o ex-presidente José Sarney em um caloroso discurso de apoio à Sarney Filho, que disputa uma vaga no Senado Federal nas eleições deste ano. A declaração foi feita durante um almoço realizado por Filho para familiares e amigos, na tarde de hoje (1º).

“Zequinha é um político correto e que se baseia por sua consciência. Lembro-me bem de quando eu era presidente de um partido que apoiava o regime autoritário e ele decidiu, na época, votar pelas eleições diretas. Ele é uma das maiores autoridades do Meio Ambiente do Brasil e do mundo pela competência, não por ser meu filho”, discursou o ex-presidente.

No encontro, estiveram presentes, também, os candidatos a deputado estadual Adriano Sarney; e a deputados federais, Tinchão e Edilazio Júnior. Todos deixaram seus votos de sucesso na caminhada de Sarney Filho até o Senado Federal nessa reta final de campanha.

Em agradecimento, emocionado, o candidato ao Senado disse aos presentes que esse é um momento de fazer o Maranhão voltar a crescer. “Eu não preciso dizer do que já fiz e que sou ficha limpa, já que isso é do conhecimento de todos. Mas quero reafirmar meu compromisso, nessa reta final, de que estaremos juntos lutando por o Maranhão melhor para todos”, concluiu.

Foto: Divulgação

4 comentários »

Edilázio mobiliza o interior do Maranhão

0comentário

A campanha do candidato a deputado federal pelo PSD, Edilázio Júnior mobilizou o interior do estado no último fim de semana.

Ao lado de lideranças políticas, apoiadores, prefeitos, vice-prefeitos, eleitores e presidentes de partidos, ele percorreu as cidades de Axixá, Santo Amaro, Brejo, Santana do Maranhão, Santa Quitéria, Magalhães de Almeida, Araioses, Barreirinhas, Paulino Neves, Açailândia, São Luiz Gonzaga, Vitorino Freire, Bacabal, Lago da Pedra, Esperantinópolis e Tutóia.

A incursão de Edilázio ao interior do estado começou na quinta-feira e se estendeu até domingo.

A campanha mobilizou milhares de eleitores e começou numa caminhada em Axixá realizada ao lado do deputado estadual Glalbert Cutrim e da prefeita Sônia Campos.

Edilázio participou de caminhada ao lado de Roseana Sarney (MDB), candidata ao Governo do Maranhão pela coligação “O Maranhão quer Mais” nos municípios de Barreirinhas e Paulino Neves. Além de Roseana, estavam junto de Edilázio nos municípios visitados, o deputado estadual Adriano Sarney; o deputado federal e candidato ao Senado, Sarney Filho; o senador Edison Lobão e o suplente de senador Lobão Filho.

Em Tutóia  ele participou de uma grande reunião política ao lado do ex-prefeito Diringa, Roseana, vereadores, ex-vereadores e lideranças políticas da região. Ele também participou de reuniões políticas nos municípios de São Luiz Gonzaga, Araioses, Esperantinópolis, Brejo, Bacabal, Santa Quitéria e Santana do Maranhão.

Em cada município percorrido Edilázio reafirmou o compromisso em continuar atuando pelo desenvolvimento do Maranhão e com agenda municipalista no Congresso Nacional. A resposta do eleitorado tem sido positiva.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Glalbert e Edilázio fazem campanha em Axixá

0comentário

Uma multidão de apoiadores da campanha de reeleição do deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT), caminhou junto com o candidato e com prefeita Sônia Campos (PDT), pelas ruas de Axixá. O ato aconteceu na terça-feira (18) e contou com à participação do deputado estadual Edilazio Jr, que disputa uma vaga na Câmara Federal.

Após percorrer diversas ruas e conversar com eleitores, a caminhada terminou com um grande comício em frente à casa da prefeita, que conta hoje com uma das maiores aprovações pela grande administração que vem fazendo à frente do município.

Sonia agradeceu as presenças de todos os amigos que fizeram questão de participar do ato de apoio à reeleição de Glalbert e destacou a importância do parlamentar neste seu terceiro mandato. “Esta é a terceira vez que administro o município, e isso mostra o respeito que o povo de Axixá tem pelo nosso trabalho. Glalbert tem sido um parceiro fundamental para trazer muito mais benefícios para nosso município, por isso iremos nos empenhar, eu e todo nosso grupo político para dar a maior votação do município para o 12123”, concluiu a prefeita.

O deputado estadual e companheiro de parlamento, Edilazio Jr. destacou a atuação de Glalbert em seu primeiro mandato. “Glalbert foi uma grande surpresa na eleição de 2014 com mais de 85 mil votos e continuou surpreendendo durante seu mandato. Atuante, companheiro é grande parceiro dos municípios . Me honra muito dividir palanque com ele aqui e tenho certeza que juntos, iremos fazer muito mais por Axixá”, disse Edilazio.

Glalbert relembrou a ligação que ele e sua família sempre mantiveram com o município e garantiu que junto com Sonia Campos, continuará trabalhando pela população Axaxiense. “Tenho um carinho especial pelo município por tudo que ele representa em minha vida e para a minha família, isso é gratidão. Durante o meu mandato pude ajudar Soninha com emendas e indicações que resultaram em benefícios para a cidade. Essa parceria que já deu certo, continuará trazendo grandes avanços para todos os moradores”, finalizou o deputado

Foto: Divulgação

sem comentário »