Luciano assegura recursos para Pinheiro

1comentário

Em Brasília, Luciano Genésio também conseguiu liberação de dez equipes do ESF; inclusão da cidade na área de atuação da Codevasf e recursos para oferecer serviços de saúde de alta complexidade.

Acompanhado do presidente da Câmara Municipal de Pinheiro, vereador Elizeu de Tantan (PP), o prefeito Luciano Genésio (Avante) cumpriu, nesta última segunda-feira (12), extensa agenda de trabalho em Brasília.

Em reunião com o senador Roberto Rocha (PSB), Genésio recebeu a boa notícia informando que a cidade será incluída na área de atuação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, o que garantirá novos recursos federais para serem investidos em obras diversas. O projeto que inclui Pinheiro no raio de abrangência da Codevas foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal e seguiu para sanção do presidente Michel Temer (PMDB).

O senador também atendeu pedido de Genésio e disponibilizou emendas de sua autoria que garantem recursos no bojo do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para construção no município de uma Central de Abastecimento e execução da obra de urbanização e revitalização da Lagoa do Pericumã – esta última orçada em cerca de R$ 4 milhões.

“São duas obras importantíssimas. A primeira está relacionada ao trabalho direcionado ao Mercado Municipal. A segunda transformará a lagoa em um belo balneário dotado de ótima infraestrutura para receber pinheirenses e maranhenses de todos os cantos do estado”, disse o prefeito.

Sobre ações no setor da saúde, Luciano Genésio esteve reunido com o deputado federal André Fufuca (PP) e representantes do Ministério da Saúde.

Na oportunidade, ele recebeu a garantia acerca da liberação inicial de R$ 2,5 milhões – de um total de R$ 5 milhões – para transformar o Hospital Municipal Materno Infantil em unidade de atendimento de alta complexidade.

Também foi assegurada a liberação de recursos para reimplantação de dez equipes de profissionais do programa Estratégia Saúde da Família (ESF).

Este quantitativo de equipes, é importante destacar, estava suspenso desde 2016 devido a problemas apresentados pela gestão municipal passada.

“Com a liberação, em breve voltaremos a operar com 19 equipes, o que aumentará a abrangência do serviço ofertado”, comemorou o prefeito.

Fotos: Divulgação

1 comentário »

André Fufuca busca recursos para UemaSul

0comentário

O deputado federal André Fufuca (PP-MA) sensibilizado pelo clamor da juventude Sul Maranhense e acompanhando a luta do prefeito Cícero Neco e vereadores de Estreito, decidiu reforçar a luta por recursos para os diversos cursos superiores da grade curricular da Uema e UemaSul.

“Acabo de sair da reunião com o reitor da Uema, ainda essa semana estarei em reunião com a UemaSul. Me coloquei a disposição para ajudar a alocar recursos para novos cursos que não estão no projeto inicial. Não é uma missão fácil, porém é importante corrermos atrás. A união faz a força”, disse Fufuca após reunião com o reitor Gustavo Pereira da Costa.

Em audiência pública realizada na Câmara de Estreito, estudantes da região escolheram como prioridade os cursos de direito, engenharia civil, psicologia e enfermagem.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Fufuca aprova texto da Reforma Política

0comentário

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (5) o texto principal da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 282/16, do Senado, que veda coligações para eleições proporcionais e cria uma cláusula de desempenho para o acesso de partidos ao Fundo Partidário e ao tempo de propaganda em rádio e TV. A proposta, relatada pela deputada Shéridan (PSDB-RR), teve 384 votos favoráveis e 16 votos contrários, em votação em primeiro turno.

O presidente interino da Câmara, deputado André Fufuca, comemorou o avanço de parte da reforma política, depois de semanas de impasse. “Independentemente do resultado que nós iremos ver ao abrir as urnas, esta Casa é vencedora. Esta Casa não se furtou a ser pai da sua própria decisão, a ser pai do seu próprio destino”, disse.

A votação foi realizada depois de um acordo de procedimento feito entre os líderes dos principais partidos. Pelo acordo, a análise da proposta só será retomada depois que os deputados decidirem sobre outra PEC da reforma política: a PEC 77/03, relatada pelo deputado Vicente Candido (PT-SP), que altera o sistema para eleição de deputados e vereadores e cria um fundo público para o financiamento das eleições.

A decisão sobre o sistema eleitoral terá prioridade porque influencia diretamente as regras sobre coligações: por exemplo, se for aprovado o chamado “distritão”, que seria a eleição pelo sistema majoritário de deputados e vereadores em 2018 e 2020, o sistema de coligações não afeta a distribuição das cadeiras. Por outro lado, se as mudanças forem rejeitadas e ficar mantido o sistema proporcional atual, as regras para as coligações são determinantes para o resultado.

Foto: Luís Macedo/ Câmara dos Deputados

sem comentário »

Solidariedade a Fufuca e a juventude

1comentário

Por Roberto Rocha

Sinto-me no dever de trazer a esta casa a manifestação solidária, como parlamentar e como amigo, ao atual presidente da Câmara dos Deputados, deputado André Fufuca.

Talvez pelo nome, que incorporou um apelido carinhoso de família, talvez pelo aspecto juvenil, no ardor dos seus 28 anos, o fato é que de uma hora para outra a presença do jovem parlamentar maranhense destampou a sanha preconceituosa que nós, nordestinos, estamos acostumados a sofrer na pele.

Ninguém procurou ver a trajetória que levou o jovem a percorrer a espinhosa senda política até alcançar o cargo que ocupa legítima e merecidamente.

Médico de formação, com apenas 21 anos foi eleito o deputado estadual mais jovem do Brasil. Durante seu primeiro mandato presidiu a Comissão de Assuntos Municipais e Desenvolvimento Regional, assim como a Comissão de Saúde.

Isso o credenciou a disputar o mandato federal, conquistado com mais de 56 mil votos. Nesse cargo, ainda no primeiro ano de mandato assumiu a relatoria da CPI da Máfia das Órteses e Próteses no Brasil.

No segundo ano de mandato tornou-se o mais jovem coordenador de bancada da história do Brasil. Demonstrou assim, ter a confiança de seus pares e espírito de liderança.

As tentativas de transformá-lo numa piada política não passam de manifestação preconceituosa, que seria tolerável no espaço anárquico das redes sociais, mas não pode ser aceito quando é encabeçada por veículos de comunicação.

Antes mesmo de tomar qualquer decisão, o presidente interino da Câmara é julgado não pelo que fez ou deixou de fazer, mas simplesmente pela aparência.

Mas André Fufuca já deu provas de que é um deputado de posição, que tem brilho próprio e isso ficará demonstrado ao longo de sua breve interinidade.

*Roberto Rocha é senador

1 comentário »

Fufuca lamenta as ‘críticas pejorativas’

0comentário

O presidente em exercício da Cãmara dos Deputados, André Fufuca (PP-MA) foi o entrevistado desta sexta-feira (1º), no programa Ponto Final, com Roberto Fernandes, na Rádio Mirante AM.

O deputado falou sobre as críticas que foi alvo após assumir o cargo em substituição a Rodrigo Maia.”No ambiente democrático existem as críticas e eu sei assimilar muito bem. As críticas construtivas foram e serão sempre muito bem absolvidas. As críticas pejorativas eu lamento. Porque as críticas? Será que é porque eu sou jovem, nordestino e maranhense? Eu lamento as críticas pejorativas, mas elas não me atingem”, desabafou.

Ao responder a um ouvinte, Fufuca comentou a sua relação com o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha. “É uma inverdade de quem diz que chamei Eduardo Cunha de “papai”. Eu tenho um pai e tenho muito orgulho dele”, explicou.

Fufuca disse acreditar na votação da Reforma Política ainda para começar a valer para a eleição do ano que vem. “Nós temos 30 dias para votar a Reforma Política. Se houver a aprovação neste período valerá para 2018, caso contrário ficará para 2020. Nós estamos com um trabalho muito grande de mobilização das bancadas para dar quórum na semana que vem”, apontou.

O parlamentar disse que tem buscado o diálogo com os demais colegas para que possa colocar a Reforma Política em votação. “Eu sempre procurei tratar a todos de forma bastante cordial, independente de partido e eu sempre pautei pelo diálogo e bom debate com todos e isso contribui de forma positiva. Nós temos um foco que é colocar a Reforma Política em votação e estamos trabalhando para isso”.

Fufuca falou ainda sobre uma possível nova denúncia de Rodrigo Janot contra Michel Temer. “Eu tenho me posicionado quanto a isso abertamente. Se a denúncia chegar na minha interinidade, eu irei respeitar o que diz o regimento da casa e eu não colocarei qualquer obstáculo”, finalizou.

Foto: Zeca Soares

sem comentário »

Fufuca defende votação da reforma política

0comentário

O segundo-vice-presidente da Câmara, André Fufuca (PP-MA), assumirá nesta terça-feira (29) o comando da Casa de maneira interina. Ao G1, ele defendeu que a reforma política deve ser colocada em votação no plenário mesmo se não houver consenso entre os partidos sobre o tema.

Fufuca comandará a Câmara porque o presidente Michel Temer viajará, nesta terça, para a China e, durante o período, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), exercerá a Presidência da República interinamente.

Caberia, inicialmente, ao primeiro-vice-presidente da Câmara, Fábio Ramalho (PMDB-MG), assumir o comando da Casa, mas o peemedebista viajará com Temer. Por isso, Fufuca conduzirá os trabalhos nos próximos dias.

Aos 28 anos, e no primeiro mandato como deputado federal, Fufuca assumirá interinamente o comando da Câmara pela segunda vez. A primeira foi durante o recesso parlamentar, quando exerceu a função por um dia: 20 de julho.

Reforma política

Ao assumir a Câmara nesta terça, Fufuca passa a comandar a Casa na semana em que há expectativa em torno da votação da reforma política.

Para que as mudanças eleitorais em discussão (como a adoção de um novo sistema eleitoral e a criação de um fundo eleitoral) possam valer nas eleições de 2018, terão de ser aprovadas em dois turnos na Câmara e no Senado até o início de outubro.

A votação da reforma começou na semana passada, mas foi adiada porque não há consenso entre os partidos sobre o tema. Na avaliação de Fufuca, porém, esperar um eventual acordo pode demorar muito.

“Se a gente for contar daqui para o dia 30 de setembro, vai ter quantos dias úteis para ter duas votações na Câmara e no Senado? Tem que ter celeridade. Tem que ter uma definição. Bota para votar, passa ou não passa”, declarou Fufuca ao G1.

“Eu acho mais importante dar uma certa celeridade do que esperar um consenso que, talvez, possa não acontecer”, acrescentou.

Foto: Fernanda Calgaro/G1

Leia mais

sem comentário »

Fufuca comanda Câmara em semana decisiva

0comentário

Em uma semana decisiva para a votação da reforma política, o segundo vice-presidente da Câmara, deputado André Fufuca (PP-MA), deve assumir nesta terça-feira (29) a presidência da Casa pela primeira vez.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), vai assumir interinamente o comando do Palácio do Planalto nesta terça em razão da viagem de uma semana do presidente Michel Temer para a China. O peemedebista vai ao país asiático para apresentar o novo programa de privatização que inclui Eletrobrás, aeroportos, rodovias e a Casa da Moeda.

Na comitiva presidencial, vão ministros e pelo menos seis deputados, entre eles, o vice-presidente da Câmara, deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG), que deveria assumir o comando da casa legislativa no período em que Maia estiver despachando no Planalto.

Assim, a presidência da Câmara fica para André Fufuca, o segundo vice-presidente da Casa. Ele tem 28 anos e exerce seu primeiro mandato na Câmara.

Na manhã desta segunda-feira (28), Fufuca se reuniu com Michel Temer e Rodrigo Maia no Palácio do Planalto. Ao final da audiência, ele disse que o presidente da Câmara pediu para ele seguir o cronograma.

Nesta semana, têm votações importantes na Casa, como da reforma política, que ainda precisa de acordo. Nesta terça, Fufuca vai se reunir com os líderes dos partidos e diz que está seguro,

“Sei que é muita coisa, sei que são vários assuntos amplos e abrangentes. Porém, nós iremos procurar colocá-los para votação”, disse o jovem deputado do PP.

O vice-líder do governo na Câmara Darcísio Perondi (PMDB-RS) disse que o Planalto confia na condução de Fufuca.

“Ele é seguro, sereno, com apoio de todos os líderes das bancadas, da liderança do governo”, enfatizou Perondi.

Leia mais

sem comentário »

O ‘presente’ e a responsabilidade de Fufuca

2comentários

Neste domingo (27), o deputado federal André Fufuca completa 28 anos e ganha de “presente”, mais uma vez, a responsabilidade de comandar a Câmara Federal por quase dez dias.

Além de ser um tempo bem maior que da primeira vez, o momento extremamente delicado que atravessa o Brasil, com votações importantes de medidas provisórias e até apreciação da reforma política, aumentam a responsabilidade do jovem parlamentar.

Fufuca é o segundo vice-presidente da Câmara Federal e só assumirá porque o presidente Michel Temer viajará para a China na próxima semana e levará o vice-presidente da Câmara, o deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG). Rodrigo Maia (DEM-RJ), o titular, será presidente da República interino.

André Fufuca já teve uma reunião com integrantes da Mesa Diretora para definir algumas pautas que devem ser apreciadas em sua nova passagem como presidente da Câmara Federal.

Apesar da grande responsabilidade, principalmente para um jovem político, é inegavelmente um grande “presente”.

Blog de Jorge Aragão

2 comentários »

André Fufuca confirma visita de ministro

0comentário

O deputado federal, Andre Fufuca (PP-MA) confirmou para a próxima semana, a visita do ministro da Saúde, Ricardo Barros para anunciar investimentos do Governo Federal na saúde pública no Maranhão.

A visita vai acontecer nesta segunda (31), às 9 horas, no auditório da Fiema.

“Serão ambulâncias e todo um aparato que irá servir as pessoas do nosso estado e melhorar o atendimento na saúde do estado”, afirmou Fufuca.

Os benefícios serão anunciados diretamente a vários prefeitos e secretários de saúde.

“Após a visita de Ricardo Barros e os anúncios, os municípios esperam melhoras na tão sofrida saúde pública municipal”, finalizou Fufuca.

Foto: Agência Câmara

sem comentário »

André Fufuca entra para a história política

3comentários

O deputado federal maranhense André Fufuca (PP), entrou  hoje (20) para a história política do país como o mais jovem parlamentar a assumir a presidência da Câmara dos Deputados.

Em virtude de viagens ao exterior do presidente, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e do 1º vice-presidente, Fábio Ramalho (PMDB-MG), André Fufuca assumiu o cargo interinamente.

“Hoje é um dia muito importante pra mim, assumo a presidência da Câmara dos Deputados do meu país. Mesmo que interinamente, me sinto muito honrado, e darei meu máximo para cumprir tamanha responsabilidade”, dissse Fufuca.

André Fufuca tem 27 anos e está apenas no primeiro mandato, sendo eleito para o cargo de 2º vice-presidente da Câmara dos Deputados.

Em 2010, André Fufuca foi eleito o mais jovem deputado estadual no país com apenas 21 anos.

Foto: Divulgação

3 comentários »