Expectativa para o São João da Thay 2019

0comentário

Com grandes atrações, o evento com caráter solidário tem o objetivo de divulgar a cultura do Maranhão e, este ano conta com o selo Unicef onde a renda irá para as comunidades atendidas pela instituição no Maranhão

Após o sucesso das duas edições do São João da Thay 2017 e 2018 eventos que arrecadaram um pouco mais de 400 mil reais e que foram pra instituições de São Luís dia 19 de junho será a vez da terceira edição do São João a Thay. Este ano ainda maior e com mais surpresas.

O São João da Thay 2018 será no Multicenter Sebrae e este ano o lucro arrecadado será destinado ao Unicef que ajuda comunidades/cidades com baixo IDH no Maranhão. Além disso, o São João da Thay visa contribuir com a divulgação da cultura do Estado, o qual Thaynara faz questão de exaltar pelo Brasil e pelo mundo.

E quanto às atrações deste ano? Thaynara afirma que vai ter muita atração e muita surpresa!

“Estamos com muitas novidades e a presença de novos amigos sinceros e da minha madrinha Preta Gil que tanto me incentivou e que, pelo terceiro ano consecutivo, estará aqui do nosso lado! Fico muito feliz com todo esse apoio!”

Alguns convidados especiais: Jessica Ballut, Jhon Drops, Jonas Sulzbach, Ju de Paulla, Laura Brito, Lorena Improta, Lucas Albert, Lucas Rangel, Mari Gonzalez, Cleo Pires, Compadre Washigton, Dadá Coelho, Dora Figueiredo, Federico Devito, Gleici Damasceno e muito mais!

Outra novidade do São João da Thay são as atrações no palco. Este ano o evento conta com show completo de Bell Marques amigo mais que sincero de Thaynara OG com participações dos convidados: Preta Gil (madrinha e incentivadora do evento desde o início), Gustavo Mioto, Rafa e Pipo, Gretchen, Luisa Sonza, Lucy Alves,Lexa, Jão, Alexandra Nicholas e Criolina. Ainda as atrações folclóricas: Boi de Morros, Boi da Maioba, Grupo Cazumbá, e Matutos do Rei.

“E já quero agradecer a Niely Cosméticos e ao Bradesco por acreditarem tanto nos meus sonhos, sendo as primeiras marcas a confirmarem presença de forma muito especial no São João da Thay”, afirma Thaynara OG.

Outra novidade! Quem não puder comparecer fisicamente poderá acompanhar tudo através das redes sociais e com a super cobertura do GNT. E é bom já correr para comprar os ingressos para o evento que promete ser um dos mais alegres e bombado desta temporada junina na Ilha do Amor. Os ingressos são limitados. Quem quiser garantir o seu é só ir à Bilheteria digital, no Shopping Rio Anil e no Shopping da Ilha, além do Rio Poty Hotel e Apae (sem pagamento de taxa de serviço). As vendas também estão sendo feitas pelo site e aplicativo da Bilheteria Digital.

Serviço:
Evento: São João da Thay 2018
Data: 19/06/2019
Local: Multicenter Sebrae
Ingressos: Bilheteria digital, no Shopping Rio Anil e no Shopping da Ilha, além do Rio Poty Hotel e Apae (sem pagamento de taxa de serviço). As vendas também estão sendo feitas pelo site e aplicativo da Bilheteria Digital
O lucro arrecadado com o evento será destinado ao Unicef
Ingressos limitados

Foto: Kayo Sousa

sem comentário »

São João da Thay foca cidades com baixo IDH no MA

3comentários

Após o sucesso estrondoso das duas edições do São João da Thay 2017 e 2018 eventos que arrecadaram um pouco mais de 400 mil reais e que foram pra instituições de São Luís dia 19 de junho será a vez da terceira edição do São João a Thay. Este ano ainda maior e com mais surpresas. Em 2019 o evento será novamente realizado, para alegria geral dos amigos mais que sinceros de Thaynara OG.

O São João da Thay 2018 será no Multicenter Sebrae e este ano o lucro arrecadado será destinado ao destinado Unicef que ajuda comunidades/cidades com baixo IDH no Maranhão. Além disso, o São João da Thay visa contribuir com a divulgação da cultura do Maranhão, o qual Thaynara faz questão de exaltar pelo Brasil e pelo mundo.

E quanto às atrações deste ano? Thaynara afirma que vai ter muita atração e muita surpresa! “Vou fazer suspense e vou soltando aos pouquinhos… o que posso garantir é surra de amigo sincero”. Durante o último mês Thaynara divulgou os vários amigos que vêm conferir a festa: Ana Clara , Gleice e Wagner,Camila Loures , a dupla do Canal Depois das 11, Lore Improta, Vivian Amorim, Cléo Pires, Antonia Moraes e Wagner e muito mais.

Outra novidade do São João da Thay são as atrações no palco. Este ano o evento conta com show completo de Bell Marques amigo mais que sincero de Thaynara OG com participações dos convidados: Preta Gil (madrinha e incentivadora do evento desde o início), Gustavo Mioto, Rafa e Pipo, Gretchen, Luisa Sonza, Lucy Alves,Lexa, Jão, Alexandra Nicholas e Criolina. Ainda as atrações folclóricas: Boi de Morros, Boi da Maioba, Grupo Cazumbá, e Matutos do Rei.

“E já quero agradecer a Niely Cosméticos e ao Bradesco por acreditarem tanto nos meus sonhos, sendo as primeiras marcas a confirmarem presença de forma muito especial no São João da Thay”, afirma Thaynara OG.

Outra novidade! Quem não puder comparecer fisicamente poderá acompanhar tudo através das redes sociais e com a super cobertura do GNT. E é bom já correr para comprar os ingressos para o evento que promete ser um dos mais alegres e bombados desta temporada junina na Ilha do Amor.

Os ingressos são limitados. Quem quiser garantir o seu é só ir à Bilheteria digital, no Shopping Rio Anil e no Shopping da Ilha, além do Rio Poty Hotel e Apae (sem pagamento de taxa de serviço). As vendas também estão sendo feitas pelo site e aplicativo da Bilheteria Digital.

Serviço
São João da Thay 2018
Data: 19/06/2019
Local: Multicenter Sebrae
Ingressos: Bilheteria digital, no Shopping Rio Anil e no Shopping da Ilha, além do Rio Poty Hotel e Apae (sem pagamento de taxa de serviço). As vendas também estão sendo feitas pelo site e aplicativo da Bilheteria Digital
O lucro arrecadado com o evento será destinado ao UNICEF
Ingressos limitados

3 comentários »

Ramon Zapata firma compromisso com Unicef

0comentário

O candidato ao governo do Maranhão pelo PSTU Ramon Zapata, sua vice Nicinha Durans, o candidato ao senado federal Saulo Arcangeli  e a candidata a deputada estadual Conceição estiveram presentes na sede da UNICEF assinando o documento “Mais que promessas: compromissos reais com a infância e a adolescência no Brasil”.

O documento foi apresentado pela coordenadora da UNICEF na Amazonia Anyoli Senabria. Na ocasião Ramon Zapata apresentou o programa do PSTU voltado para a criança e o adolescente, além de apontar as lutas que o PSTU travou contra a proposta de redução da maioridade penal e a defesa e garantia do Estatuto da Criança e do Adolescente, as diversas denúncias de trabalho escravo infantil e contra o genocídio da juventude negra.

O PSTU se comprometeu com o documento que apresenta propostas de políticas públicas voltadas para este público, mas enfatizou que a raiz do problema está no modelo de sociedade que visa o lucro em detrimento da vida.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Parceria reforça combate ao atraso escolar

0comentário

O Instituto NET Claro Embratel, responsável pelas iniciativas de responsabilidade social das três marcas do grupo Claro Brasil, acaba de tornar-se, oficialmente, parceiro estratégico do UNICEF no plano de ação do projeto Trajetórias de Sucesso Escolar. O objetivo é produzir e testar tecnologias educacionais para o desenvolvimento de currículos específicos para adolescentes em situação de atraso escolar no Brasil. Em todo o país há mais de 7 milhões de estudantes com dois ou mais anos de atraso escolar entre os 35 milhões matriculados no ensino fundamental e no ensino médio, segundo dados do Censo Escolar 2017.

A parceria tem a meta de reduzir, até 2021, em 20% a distorção idade-série em 12 municípios pilotos.  A assinatura formal da parceria ocorreu hoje, na sede da Claro Brasil, entre o presidente do grupo de Telecom e também do instituto, José Félix, e a representante da UNICEF no Brasil, Florence Bauer.

Educação é um dos pilares do Instituto NET Claro Embratel. Cerca de 54 mil alunos já foram beneficiados pelos projetos educacionais mantidos pelo instituto. “Acreditamos que a educação é o principal alicerce para o desenvolvimento da sociedade. O Instituto NET Claro Embratel e o UNICEF estão unidos para contribuir diretamente com o desenvolvimento dos adolescentes no Brasil.  Estamos certos de que teremos sucesso com a estratégia traçada”, disse Daniely Gomiero, Vice Presidente de projetos do Instituto NET Claro Embratel e Diretora de Responsabilidade Social e Comunicação da Claro Brasil.

As ações do Trajetórias de Sucesso Escolar serão voltadas, especialmente, aos mais de 1.900 municípios do semiárido e da Amazônia Legal brasileira em que o UNICEF atua por meio do Selo UNICEF, e em 10 capitais brasileiras nas quais o UNICEF implementa a Plataforma dos Centros Urbanos. A primeira reunião de trabalho está marcada para o próximo dia 20. O início do projeto, propriamente, está previsto para outubro.

A complexidade para corrigir o atraso escolar dos adolescentes exige ações integradas em três níveis de gestão: das redes, da escola e da sala de aula. A parceria viabilizará uma série de práticas e metodologias de enfrentamento à distorção idade-série; metodologia de gestão e de formação em serviço de gestores e professores desenvolvida e testada em territórios a serem selecionados entre aqueles de atuação prioritária do UNICEF.

“Com a parceria, esperamos avançar na garantia de que cada menina e cada menino tenha acesso à escola, permaneça, aprenda e possa concluir sua educação básica, na idade adequada. É mais uma das importantes iniciativas que vêm contribuindo com o país na promoção do direito à educação de qualidade. Fora da escola não pode! E estar na escola sem aprender, também não pode”, disse Florence Bauer, representante do UNICEF no Brasil.

Distorção idade-série

A taxa de distorção idade-série é medida pela proporção de alunos com mais de 2 anos de atraso escolar em cada ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. No Brasil, a criança deve ingressar no 1º ano do Ensino Fundamental aos 6 anos de idade com a expectativa de que conclua os estudos nesta modalidade até os 14 anos de idade. No caso do Ensino Médio a idade regular de entrada é a de 15 anos, devendo o mesmo ser concluído até os 17 anos de idade. Para mais informações, acesse o estudo “Panorama da distorção idade-série no Brasil”. E, no site http://trajetoriaescolar.org.br/ você encontra dados sobre distorção idade-série em cada estado, município e escola (municipal ou estadual) do País.

Educação e Tecnologia

Além da parceria com o Unicef, o Instituto NET Claro Embratel conta com diversos projetos voltados para a educação como: o Educonex@o, que promove a capacitação de professores para o uso das tecnologias digitais, facilitando o processo de ensino e aprendizagem, e faz a doação de internet banda larga para as escolas da rede municipal; o Campus Mobile, que estimula o empreendedorismo ao aproximar o jovem do mercado de trabalho; o NETLAB TV, que busca identificar talentos criativos do setor audiovisual de todo o país e gerar mais oportunidades neste segmento; e o Dupla Escola, que possibilita a formação técnico-profissionalizante em telecomunicações em uma instituição de ensino médio pública de modelo integral e integrado no Rio de Janeiro.

Sobre o Instituto NET Claro Embratel

A área de Responsabilidade Social do Grupo Claro Brasil, composta pelas marcas NET, Claro e Embratel, investe continuamente em ações relacionadas à Educação e à Cidadania, por meio do Instituto NET Claro Embratel, com o objetivo de atuar em frentes sociais que integram a tecnologia e a informação como fonte de desenvolvimento e conhecimento. Desta forma, realiza e apoia projetos como o Campus Mobile, o Educonex@o, o Programa Dupla Escola, entre outros.

O Instituto NET Claro Embratel é qualificado como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) pelo Ministério da Justiça, e é reconhecido pelo Departamento de Informação Pública das Nações Unidas (DPI/ONU) como uma organização não governamental corporativa que promove os ideais e princípios sustentados pela Carta das Nações Unidas.

Além disso, através de sua Plataforma Institucional, as marcas NET, Claro e Embratel propõem a conexão entre as pessoas para a construção de um amanhã gigante. O movimento é parte de uma inciativa que aborda a gestão corporativa e manifesta o compromisso com a sociedade. Entre as iniciativas estão os Theatros NET São Paulo e Rio de Janeiro, Estação NET Cinema, NET Live Brasília, entre outros. Conheça outras realizações no Relatório Social de 2017 do Instituto.

Sobre o Unicef

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) trabalha em alguns dos lugares mais difíceis do planeta, para alcançar as crianças mais desfavorecidas do mundo. Em 190 países e territórios, o UNICEF trabalha para cada criança, em todos os lugares, para construir um mundo melhor para todos.

sem comentário »

Nagib assina adesão ao selo UNICEF

0comentário

Esta semana o prefeito de Codó, Francisco Nagib, assinou o Termo de Adesão do Selo UNICEF/Município Aprovado, edição 2017/2020. O ato aconteceu no gabinete do prefeito, onde se fizeram presentes também secretários municipais, o presidente do conselho municipal de direitos da criança e adolescente, Sebastião Celso e representes da sociedade civil organizada.

Na ocasião foram apresentados os representantes do Selo em Codó, como o articulador do Selo UNICEF, Manoel Júnior e Valcy Júnior, o mobilizador de adolescentes e Jovens. Na reunião foram colocados os desafios e estratégias que o governo terá para melhorar os indicadores sociais nas áreas da saúde, educação, proteção e participação social de crianças e adolescentes no município de Codó.

Codó já foi reconhecida quatro vezes pelo Fundo das Nações Unidas como a uma das cidades que mais reduziu as desigualdades socais, garantindo direitos às crianças e adolescência. Nesta 5ª adesão, o prefeito Francisco Nagib espera avançou muito mais.

“Estamos fazendo a adesão, com o objetivo de alcançarmos a aprovação pela quinta vez, pois iremos continuar trabalhando pela diminuição de indicadores negativos. Para isso existe o Selo Unicef e aqueles que formam a rede de parceiros que o desenvolve, para sempre estarmos na luta  pela diminuição da mortalidade infantil e condições de vulnerabilidade de nossas crianças e nossas jovens. E nossas vitórias virão com muito trabalho, sobretudo educativo”, disse o prefeito.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Edivaldo recebe representantes do Unicef

4comentários

Edivaldo recebe equipe do Unicef e assegura continuidade da Plataforma dos Centros Urbanos

As políticas públicas da gestão municipal na garantia dos direitos da criança e do adolescente foram pauta de encontro entre o prefeito Edivaldo e representantes do Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef) no Maranhão. O encontro foi realizado na tarde desta segunda-feira (8), no Palácio La Ravardière e teve por objetivo apresentar a agenda da Plataforma dos Centros Urbanos (PCU) para o quadriênio 2017-2020. Na ocasião, foi apresentado também o relatório final do ciclo 2013-2016.

Desde 2013, a Prefeitura de São Luís aderiu à PCU. A plataforma monitora, num período de quatro anos, o avanço das políticas públicas para a infância e adolescência de forma regionalizada, a partir da divisão da cidade em mais de 30 territórios, e ajuda o município a construir estratégias para a superação das dificuldades. O prefeito Edivaldo confirmou o prosseguimento da parceria para a nova etapa.

“Os resultados da Plataforma dos Centros Urbanos confirmam o aprimoramento das nossas ações voltadas para a infância em São Luís. Melhoramos em aspectos importantes e isto é fruto, sobretudo, da integração das nossas políticas públicas e da parceria frutífera que firmamos com o Unicef. Não podemos deixar este laço se romper. São Luís, com certeza, prosseguirá com este trabalho conjunto”, enfatizou o prefeito Edivaldo.

Na última edição da plataforma, que monitorou os indicadores entre 2013 e 2016, São Luís melhorou em indicadores como aumento do acesso ao pré-natal e de matrículas na Educação Infantil; redução da mortalidade neonatal, da gravidez na adolescência e dos homicídios entre adolescentes, entre outros aspectos analisados.

A coordenadora do escritório Unicef-MA, Eliane Almeida, destacou o programa da entidade, trabalhado ao longo de quatro anos, com ênfase em áreas mais vulneráveis, incluindo o Semi-Árido, Amazônia Legal e municípios urbanos. “Para nós, é motivo de grande alegria saber que São Luís vai permanecer no cronograma. A cidade atendeu muito bem ao trabalho, executando políticas públicas de combate à violência e ampliando o acesso a serviços essenciais. Estamos honrados de termos contribuído para a construção desta agenda parceira em benefício das crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade”, enumerou a coordenadora.

Foto: A. Baeta

4 comentários »

São Luís avança nos indicadores do Unicef

4comentários

Prefeitura de São Luís avança em indicadores da Plataforma dos Centros Urbanos do Unicef

Prefeitura de São Luís avança em indicadores da Plataforma dos Centros Urbanos do Unicef

Com as ações implementadas na gestão do prefeito Edivaldo, o município de São Luís termina o ano de 2016 com avanços em índices avaliados pela Plataforma dos Centros Urbanos (PCU) 2013/2016, do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Os resultados conquistados pela Prefeitura de São Luís foram oficialmente apresentados durante a solenidade de encerramento da edição 2013-2016 da PCU: Construindo Cidades Melhores para Crianças e Adolescentes, realizada nesta quarta-feira (7) em Belém (PA).

A solenidade contou com a presença do representante do Unicef no Brasil, no Brasil, Gary Stahl, bem como com representantes dos municípios brasileiros que participaram desta edição da PCU. O prefeito Edivaldo foi representado na solenidade pela secretária municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), Andreia Lauande.

“A adesão do município de São Luís à Plataforma dos Centros Urbanos é mais uma manifestação do compromisso assumido por esta gestão com os direitos das crianças e adolescentes. Durante os últimos quatro anos, trabalhamos para dar melhores condições de vida às crianças e adolescentes da nossa cidade. O resultado desse trabalho está nos indicadores monitorados pela própria plataforma, que evidenciou uma melhoria efetiva de indicadores”, disse o prefeito Edivaldo.

No período de 2013 a 2016, a análise da PCU revela que o município de São Luís conseguiu reduzir a mortalidade neonatal e os homicídios entre adolescentes. Outra boa notícia é o aumento do número de mães que fazem o pré-natal completo, com sete ou mais consultas, e o número de crianças de 4 e 5 anos que frequentam a escola.

Segundo a articuladora municipal do PCU, a secretária municipal da Criança e do Adolescente e Assistência Social, Andréia Lauande, o compromisso do prefeito Edivaldo – articulado com o governo do Estado – coloca São Luís, além dos avanços obtidos, entre as oito capitais que aceitaram o desafio de aderir à Plataforma dos Centros Urbanos.

“Estes avanços também são fruto de uma articulação, coordenada pelo prefeito Edivaldo, que passa por todas as secretarias municipais que possibilitaram as mudanças dos indicadores. Não podemos esquecer a parceria com o Governo do Maranhão que, com uma parceria sólida e um trabalho articulado, fortalecer os avanços em todos estes indicadores sociais que comemoramos hoje”, disse Andréia Lauande.

Foto: Divulgação

4 comentários »

Andrea Murad repercute avanços no IDH

0comentário

Andrea Murad repercute avanços no IDH e Selo UNICEF na Assembleia Legislativa

Deputada Andrea Murad repercute avanços no IDH e Selo UNICEF na Assembleia Legislativa

A deputada Andrea Murad destacou na sessão desta segunda-feira (5) os avanços que o Maranhão obteve no IDH e o reconhecimento do Selo UNICEF. A parlamentar repercutiu o importante trabalho realizado na gestão do ex-secretário Ricardo Murad, grandiosamente reconhecido por conta das melhorias promovidas na rede estadual de saúde, fator preponderante para os avanços divulgados na última semana.

“Eu não posso falar do IDH sem falar da saúde do Maranhão, a saúde como o próprio presidente do IMESC disse: “A saúde foi a grande responsável pelo aumento do índice”. Isso prova que o Programa Saúde é Vida deu certo. Embora o Índice de Desenvolvimento Humano também meça os critérios de educação e renda, esqueceu-se de falar que ele mede também a longevidade, que é a esperança de vida para nascer. Isso depende do quê? Da saúde. Se hoje temos isso, nós devemos a quê? A termos hospitais, a termos uma rede de saúde eficiente, a termos uma rede de saúde que atenda. Então não adianta discutirmos determinadas situações, porque eles não trabalham em cima de simpatia, eles trabalham em cima de dados e indicadores. Então o crescimento do IDH e o reconhecimento do Selo Unicef foram duas importantes constatações de que o Programa Saúde é Vida foi a melhor coisa que aconteceu no estado do Maranhão nos últimos tempos. São dados concretos, levantamentos reais de melhorias e de avanços, porque a Rede Estadual de Saúde funcionava eficazmente na gestão de Ricardo Murad. E fiquei imensamente feliz, repito, quando o próprio Presidente do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC), ao explicar o que justifica o avanço no IDH, reconhece que a ampliação da cobertura dos serviços de saúde foi o maior responsável pela melhora dos índices. Como eu disse, ele não fala isso por simpatia, ele fala por dados”, disse Andrea Murad.

Andrea explicou que o Programa Saúde É Vida foi um dos maiores projetos de saúde pública já realizado no país, que deu padrão de atendimento igual ou melhor que os mais bem avaliados serviços públicos ou privados do país. Destacou que a construção e reformas de hospitais, ampliação do número de leitos, modernização da rede estadual com a compra de equipamentos, construção de postos de saúde, fundo a fundo para medicamentos, gestão e recursos humanos, foram ações que garantiram esses avanços no IDH e o reconhecimento do UNICEF.

“Na gestão de Ricardo Murad registrou-se que a taxa de mortalidade caiu, o acesso ao pré-natal avançou mais que a média nacional, assim como também avançaram os índices de nascidos vivos e o registro de bebês até 01 ano de idade. Tudo isso é reflexo da gestão da então governadora Roseana Sarney e do ex-secretário Ricardo Murad. Nunca na história maranhense um gestor em tão pouco tempo conseguiu que os indicadores que medem os índices de desenvolvimento humano e social refletissem o resultado de um trabalho extraordinário. E o gigante da saúde fez isso acontecer em apenas 5 anos com o Programa Saúde é Vida, um projeto fruto de sua vontade férrea de sempre obter resultados com as ações que executa. Quando todos falavam que isso era inviável, muitos o chamavam de louco, inclusive o próprio governador que era contra, achavam desnecessário, mas era para dar à população mais carente acesso a uma rede de saúde para que as pessoas, as mais humildes tivessem chance de ao menos ter uma saúde de qualidade. Hoje o governador Flávio Dino recebe este selo e recebe esta melhora no IDH colhendo os frutos da outra gestão”, concluiu.

Foto: Nestor Bezerra

sem comentário »

Ribamar recebe o Selo Unicef

0comentário

São José de Ribamar recebe mais uma edição do Selo Unicef Município Aprovado

São José de Ribamar recebe mais uma edição do Selo Unicef Município Aprovado

O município de São José de Ribamar foi em mais uma versão do Selo Unicef Município Aprovado (edição 2013/16), honraria internacional que reconhece o trabalho executado pelo poder público e sociedade direcionado para garantir dias melhores ao jovens e crianças ribamarenses. A cidade, é importante destacar, já havia recebido o Selo na edição 2009/12.

A honraria foi recebida pelo prefeito Gil Cutrim (PDT) nesta sexta-feira (02) durante solenidade realizada no auditório do Palácio Henrique de La Roque. Também estiveram presentes o governador Flávio Dino (PC do B); o representante da Unicef no Brasil; Gary Sthal; além de outros gestores contemplados.

“O Selo é um reconhecimento importante das políticas públicas que desenvolvemos no setor da assistência social e que continuam contribuindo para a melhorar a qualidade de vida do povo ribamarense”, afirmou Cutrim, que recebeu os cumprimentos do governador e do representante da Unicef.

Esta foi a segunda edição da iniciativa, que tem se mostrado um importante instrumento de articulação e mobilização para promoção do diálogo e realização dos direitos de crianças e adolescentes.

São José de Ribamar foi avaliada em três eixos: Impacto Social, Gestão de Políticas Públicas e Participação Social.

Prefeitura e sociedade, juntas, participaram ativamente das capacitações e outros encontros, além de realizar inúmeras agendas e atividades propostas. Tudo isso, de acordo com a Unicef, demonstrou claramente o compromisso do prefeito e de sua equipe de trabalho para com a infância e adolescência.

Cento e sete municípios maranhenses se inscreveram e participaram da iniciativa, sendo que apenas 42 foram certificados.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Parceria com o Unicef

2comentários

robertorocha

Com o objetivo de fortalecer as políticas públicas direcionadas ao desenvolvimento da criança e do adolescente na capital, um Termo de Parceria Técnica foi firmado na manhã desta quarta-feira (16), entre o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e a Prefeitura de São Luís. O documento visa a implementação da “Plataforma dos Centros Urbanos” (PCU) e foi assinado durante reunião no Palácio de La Ravardière pelo vice-prefeito Roberto Rocha e representantes do Unicef.

“Firmando este termo nessa manhã nós estamos reforçando o compromisso da gestão Edivaldo Holanda Júnior com a criança e o adolescente, em diminuir as desigualdades. Trabalharemos com a monitoria dos resultados para termos certeza de que estamos avançando. Além disso, temos a parceria entre todo o secretariado, demonstrando o caráter sistêmico da nossa gestão, para, daqui a quatro anos, olharmos orgulhosos para os avanços que teremos conseguido”, declarou o vice-prefeito.

O representante da Unicef no Brasil, Gary Stahl, explica que a Plataforma dos Centros Urbanos é uma iniciativa da Unicef que visa contribuir para a redução das desigualdades nas grandes cidades brasileiras, com ênfase na melhoria da qualidade de vida e na integração do poder público com a sociedade.

reuniao
“Nós iremos formular um plano de ação, de forma conjunta, para estabelecermos metas que permitirão diminuir os índices de desigualdade entre as crianças. Ao final da gestão, nós iremos avaliar quais avanços foram feitos, porque a intenção é que com esses objetivos estabelecidos, a qualidade de vida que essas crianças merecem finalmente vai chegar”, afirmou Gary Stahl.

Para a secretária de Criança e Assistência Social, Andréia Lauande, a assinatura do termo reforça a necessidade de efetivar os direitos das crianças e adolescentes em São Luís e oferecer acesso aos serviços mais básicos para a qualidade de vida. “Nós queremos pensar a cidade de modo que as crianças que mais precisam tenham acesso à escola, unidade de saúde, teatro, cinema e outros serviços. Para isso, precisamos focar em executar as políticas públicas necessárias”, enfatizou.

Durante a reunião, a coordenadora da Unicef no Maranhão, Eliana Almeida, destacou a importância da integração entre as secretarias para que os resultados sejam obtidos. “Vemos que a gestão Edivaldo Holanda Júnior tem uma sinergia entre o secretariado, o que é fundamental para que consigamos envolver também a sociedade. Assim, juntamos as mãos e construímos as soluções ideais”, afirmou.

Também estiveram presentes na reunião o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Luiz Alberto Heluy Rodrigues, os secretários Raimundo Penha (Desporto e Lazer), Allan Kardec Duailibe (Educação), Francisco Gonçalves (Cultura), além de representantes da Unicef.

Fotos: Honório Moreira

2 comentários »