Trabalho reconhecido

6comentários

suelinefernandesA Junta Comercial do Estado do Maranhão (Jucema), órgão vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (Sedinc) e ao Departamento de Registro Empresarial e Integração (DREI), empossará, nesta sexta-feira (31), às 16h, os 28 membros (titulares e suplentes) do Colégio de Vogais para o quadriênio 2014/2018.

Para compor o Plenário da Jucema, a governadora Roseana Sarney nomeou, conforme a Lei 8.934/94, regulamentada pelo Decreto 1.800/96, 28 vogais, que representarão 11 entidades de classe e os governos estadual e federal.

A presidente da Jucema, Sueline Moraes Fernandes, será reconduzida como vogal representante do governo do Estado e no cargo de presidente do órgão.  Segundo ela, com a recondução será possível dar continuidade aos projetos de implantação de escritórios regionais para descentralização dos serviços de registro de empresas, à digitalização do acervo documental das empresas, às melhorias do ambiente de negócios para os empresários com a restauração do prédio sede da Junta, na Praça Pedro II e outros grandes projetos como a implantação da Redesin.

O Vocalato da Jucema é composto por representantes da União, Governo do Estado,  Federação das Indústrias do Maranhão,  Federação do Comércio do Maranhão, Federação da Agricultura e Pecuária do Maranhão, Federação das Associações Empresariais do Maranhão,  Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas, Associação Comercial do Maranhão, Sindicato e Organização das Cooperativas do Maranhão, Ordem dos Advogados – OAB/MA, Conselho Regional de Administração, Conselho Regional  de Economia e Conselho Regional de Contabilidade.

6 comentários para "Trabalho reconhecido"


  1. Simone Rodrigues

    A JUCEMA teve um grande ganho com a recondução da presidente Sueline que, com competência e dedicação, implementou melhorias, teve um bom relacionamento com os empresários e uma boa articulação para expandir os serviços para outras cidades, simplificar a abertura de empresas e facilitar a vida de quem quer empreender no Maranhão. Desejo um bom trabalho!

  2. AGNEL FRAZÃO

    Gostaria de parabenizar a presidente Sueline Fernandes pela recondução e pelo excelente trabalho realizado nesses anos. A nossa expectativa como cliente é que ela dê continuidade às ações de melhorias, reduzindo a burocracia e trazendo benefícios a todos que estão envolvidos nesse processo.

  3. Carlos Sousa

    A pior presidente da Jucema nos últimos anos, pois não valoriza EM NADA os servidores. Uma presidente que não valoriza seus servidores não pode ser chamada d e boa. se deus quiser Flávio Dino será eleito e a tirará do cargo

    • Zeca Soares

      Conheço a Sueline e não procede o que você diz. Você dever ter sido contrariado em seus interesses. Além disso, o mandato dela vai até 2018, independentemente de quem estiver no governo.

      • Cledinice Bastos da Fonseca

        Esse cidadão que fez esse comentário nem deve vir a Junta Comercial trabalhar, porque está por fora de tudo. Mas para ele ter conhecimento está aí:A Sueline foi a Presidente da JUCEMA que mais fez implantação de Escritórios Regionais, foi o de Santa Inês, Chapadinha, Pinheiro, Bacabal, Açailândia e Presidente Dutra. Ainda, fez a transferência do Escritório Regional de Imperatriz para um local mais apropriado e mais estruturado e já viabilizou a construção de um prédio para instalação definitiva desse Escritório de Imperatriz.Ela vinha trabalhando na viabilização da recuperação do prédio da JUCEMA na Praça Pedro II com a aquisição do prédio ao lado onde funcionava o BANERJ, tendo inclusive repassado os recursos financeiros e orçamentários a SEGEP para aquisição do prédio e no encerramento de 2013 isso foi concretizado, agora em março deste ano o prédio por inteiro será restaurado pelo IPHAN com recursos do PAC-Programa de Aceleração do Crescimento das Cidades Históricas. Ainda tem mais, o processo de digitalização do acervo documental de toda
        documentação das empresas registradas nesta JUCEMA está em conclusão na Comissão Central de Licitação do Estado, que também está com o processo de aquisição de 70 computadores, impressoras e outros equipamentos de informática. Será que esse cidadão não conhece nem o carro novo(Frontier) que Sueline adquiriu para os serviços de deslocamento de funcionários para trabalhos em nossas Regionais? E a melhoria das instalações internas, com móveis e carteiras/cadeiras novos e confortáveis. E fora outras coisas mais. Esse cidadão deve trabalhar na rua e não na JUCEMA.

deixe seu comentário