Parceria de peso

0comentário

ritaearlindo

A cantora maranhense Rita Benneditto ganhou samba inédito de Arlindo Cruz para o disco solo que vai lançar neste novo ano de 2014. Samba feito pelo compositor carioca em parceria com Marcelinho Moreira e Rogê, “O que é dela é meu” foi gravado pela cantora maranhense em dueto com o próprio Arlindo.

O samba foi escolhido para dar início aos trabalhos promocionais do primeiro disco assinado por Rita Benneditto com o nome artístico que adotou em 2012. Gravado no Rio de Janeiro (RJ) com participação de Bi Ribeiro, baixista do trio carioca Os Paralamas do Sucesso, o álbum vai ser lançado pela gravadora carioca Biscoito Fino.

Pela ideia inicial de Rita, o disco se chamaria “Encanto” e traria no repertório a regravação de Fé (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1978), música do repertório religioso do cantor capixaba Roberto Carlos, lançada pelo Rei em álbum de 1978.

E por falar em Rita Benneditto, a artista também lança em 2014, o CD que gravou em 2013 com a cantora mineira (de criação baiana) Jussara Silveira sob produção de Alê Siqueira e a direção musical de José Miguel Wisnik. O disco com Jussara já está finalizado.

Leia mais

sem comentário »

Morte no Cadeião

3comentários

cadeiao16

Uma situação que parece não ter fim.

Depois do preso que foi encontrado estrangulado, na manhã de hoje, no Centro de Triagem do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, a Sejap confirmou, no fim da tarde, a morte de mais um preso, desta vez no centro de Detenção Provisória, o Cadeirão.

O detento Sildener Pinheiro Martins, de 19 anos foi morto a chuçadas em consequência de briga de membros da mesma facção criminosa.

Esta foi a 2ª morte no ano em Pedrinhas só este ano. No ano passado, 60 detentos morreram no presídio.

3 comentários »

Quem vai falar?

2comentários

gastãodinoA reportagem da Folha de São Paulo que revela um rombo recorde de cerca de R$ 20 bilhões na chamada conta turismo, segundo do Banco Central, não é pouca coisa e muito menos pode ser minimizada pelos responsáveis pela gestão pública do turismo no Brasil  (veja).

Até o momento, a Embratur, empresa presidida pelo maranhense Flávio Dino, não manifestou sobre a reportagem da Folha, assim como o Ministério da Turismo, também dirigido por outro maranhense, o deputado federal Gastão Vieira.

Teoricamente, Dino é subordinado a Vieira, mas o presidente de Embratur sempre preferiu achar que a presidenta Dilma é quem é sua chefe imediato.

À matéria da Folha de São Paulo, Dino pôs a culpa na pouca exploração do “turismo de fronteira” – dessa vez não teve como creditar a culpa na conta dos “50 anos de oligarquia”.

O fato é que seja a Embratur ou Ministério do Turismo, ou qualquer outro órgão do governo ligado ao setor do Turismo, tem que explicar o porquê de tamanha incompetência que levou a conta turismo do país fechar o ano de 2013 com rombo bilionário no valor de quase uma Refinaria Premium!

Daqui a uns quinze dias Flávio Dino deixará a presidência da Embratur para se dedicar de corpo e alma a sua campanha de governador através dos “Diálogos pelo Maranhão”.

E um dos assuntos que terá obrigação de “dialogar” será sobre a sua gestão pela Embratur.

Idem, Gastão Vieira, principalmente se for candidato a cargo majoritário.

Vamos aguardar.

Leia mais no Blog de Robert Lobato

2 comentários »

De novo…

3comentários

praiadoaracagi

Pelo visto o que aconteceu ontem não serviu de lição para muitos motoristas….

Sem qualquer orientação ou fiscalização, a praia do Araçagi mais uma vez foi tomada por veículos hoje.

Os motoristas insistiram em desafiar a Lei da natureza.

A foto é de De Jesus, de O Estado do Maranhão.

3 comentários »

Morte em Pedrinhas

1comentário

uchoa

A Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) confirmou a morte de mais um preso em Pedrinhas. Esta foi a primeira morte no presídio onde 59 detentos foram mortos no ano passado.

O detento Josivaldo Pinheiro Lindoso, de 35 anos, foi encontrado morto, com sinais de estrangulamento, na madrugada desta quinta-feira (2), na Cela 9, do Centro de Triagem do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís.

Ele foi preso em abril de 2009, pelo crime de roubo, e recebeu o benefício do induto de Natal no ano de 2012, não retornando para a prisão.

Josivaldo Pinheiro foi detido na terça-feira (31), em cumprimento ao mandado de prisão expedido pela Justiça. A pena dele era de 6 anos.

A Delegacia de Homicídios está investigando o caso.

O secretário Sebastião Uchoa reitera que uma série de medidas está sendo desenvolvida para devolver a normalidade ao sistema prisional do estado e para assegurar os direitos e a integridade de seus usuários. Uma Comissão de Investigação, instalada logo após as denúncias feitas  pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), está acompanhando todos os trabalhos nos presídios.

A Diretoria de Segurança dos Presídios do Maranhão, criada por determinação da governadora Roseana Sarney, está atuando desde esta sexta-feira (27) reforçando a segurança interna nas unidades prisionais da Região Metropolitana de São Luís.

Por meio do Programa Viva Maranhão, o governo está investindo na construção de novas unidades e no reaparelhamento do Sistema Penitenciário do estado.

O Governo do Maranhão reafirma que continua agindo em conjunto com todos os setores e órgãos que atuam na defesa dos direitos humanos e daqueles que promovem a garantia da justiça e segurança.

1 comentário »

Drama no Moto

26comentários

moto

Um drama de sempre se repete para o desespero da torcida rubro-negra.

Depois que o jornalista Roberto Fernandes confirmou que não concorrerá à eleição para a presidência do clube, o Moto vive um ambiente de incertezas.

A eleição para a definição do presidente para o biênio 2014/1015 está marcada para o dia 10 de janeiro, mas até este momento o Moto segue sem candidatos.

Na semana passada, escrevi aqui que no momento, apenas dois nomes teriam meios financeiros para assumir o clube: o presidente do TCE-MA, Edmar Cutrim e o deputado estadual, Jota Pinto, mas voltar à presidência do Papão é algo descartado pelos dois.

Essa indefinição, no momento põe toda a temporada em risco. Além de perder os principais atletas como já vem acontecendo, o Moto pode até quem sabe ter que paralisar suas atividades.

E olha que este tem tudo para ser um ano de redenção para o clube. É que o Campeonato Maranhense que começa no dia 26 de janeiro valerá vaga para o Campeonato Brasileiro Série D deste ano, além da Copa do Brasil e Copa do Nordeste, no próximo ano.

Além do risco de parar é tudo isto que está em jogo este ao para o Moto.

26 comentários »

De saída?

1comentário

demissao

Muitos dão como certa a saída de Márcio Jerry do comando da Secretaria de Comunicação de São Luís. Mas o assunto é tratado até aqui como especulação, pois o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PTC) ainda não se posicionou.

Em rede social, Márcio Jerry escreveu hoje: ‘É óbvio que só quem pode me demitir é o prefeito Edivaldo Holanda Júnior. Ou, óbvio também, quem pode aceitar meu pedido de demissão”.

Nos bastidores, o comentário é que Márcio Jerry já estaria afastado embora continue no cargo. A sua saída coincidiria com a saída de Flávio Dino, da presidência da Embratur que deve ocorrer ainda este mês.

Desgastado, Jerry já divide as decisões na Secom com pelo menos duas pessoas da confiança do prefeito.

Mas Edivaldo Holanda Júnior já teria estaria convencido sobre a necessidade de mudança na pasta. E só estaria esperando Jerry decidir deixar o cargo para acompanhar Flávio Dino e assim evitar um desgaste ainda maior.

1 comentário »

Braços cruzados

7comentários

praiadomeio

O episódio registrado no primeiro dia do ano nas praias do Meio e Araçagi, localizadas no município de São José de Ribamar trazem à tona uma questão que as nossas autoridades continuam a fazer vistas grossas que é a presença de veículos nas praias.

De fato, o local onde os carros estavam é local de banhistas, mas enquanto não houver fiscalização será assim. De braços cruzados é que as autoridades não podem ficar mais.

Tive a oportunidade de passar a virada do ano na Praia do Meio, mas não testemunhei a presença de qualquer agente de trânsito no local. Resultado: risco para pedestres, em especial às crianças é constante. Os motoristas circulam com seus veículos em alta velocidade. Quantas vítimas já registramos em acidentes nas nossas praias?

Além disso a barulheira é infernal num flagrante desrespeito à lei do silêncio.

O fato é que, estes são dois assuntos que precisam ser enfrentados com urgência pelas autoridades.

Mas fica um recado aos motoristas: respeitem as Leis da Natureza.

Esclarecimento

A Prefeitura de São José de Ribamar informou que agentes de trânsito do município, com o apoio de homens da Polícia Militar, realizam rotineiramente nas Praias do Meio e Araçagi, o serviço de orientação voltado a pedestres e motoristas, no local onde dezenas de veículos foram “engolidos” pela maré, no primeiro dia do ano.

Segundo a Prefeitura, o trabalho é realizado principalmente nos fins de semana (período no qual as referidas Praias recebem um maior contingente de pessoas), e consiste em orientar o público, em especial os motoristas, a trafegar somente em uma faixa de areia e evitar estacionar seus veículos próximos do mar, por exemplo.

“Este trabalho se faz necessário, uma vez que, o acesso aos bares e restaurantes localizados nestas Praias, em especial no Araçagi, se dá exclusivamente pela faixa de areia”, diz a nota.

A Prefeitura de São José de Ribamar informou também que já possui pronto e cadastrado junto aos Governos Federal e do Estado do projeto arquitetônico e de urbanização da Praia do Araçagi, um dos mais importantes e belos polos turísticos do município de São José de Ribamar e da região metropolitana de São Luís. Como se trata de uma obra muito cara (cerca de R$ 20 milhões), o município precisa, e está solicitando, a parceria institucional e financeira dos Governos.

7 comentários »

Eleição em pauta

3comentários

roseanasarneyTanto quanto a corrida convencional para o governo do Estado nas eleições de outubro, cujos concorrentes já estão praticamente definidos – Luis Fernando Silva (PMDB), Eliziane Gama (PPS), Flávio Dino (PCdoB) e, provavelmente, anticandidatos de dois ou três nanicos de esquerda -, as rodas de conversa sobre política têm tratado de candidaturas ao Palácio dos Leões para um mandato tampão de oito meses, em eleição indireta a ser realizada pela Assembleia Legislativa.

Essa eleição só acontecerá se a governadora Roseana Sarney (PMDB) sair até abril para disputar uma cadeira no Senado. Em caso afirmativo, assumirá interinamente o governo o atual presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB), que coordenará a eleição do seu “sucessor” no Executivo – isso se dará porque o Maranhão hoje não tem vice-governador, já que Washington Oliveira renunciou para ser conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

Nos bastidores da base governista está em curso uma discreta, mas intensa, movimentação envolvendo os prováveis candidatos a suceder a governadora Roseana Sarney. O nome mais pronunciado nessa direção é o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo, que atualmente é o 1º na linha sucessória do Executivo. Discreto e acostumado a transitar e articular nos bastidores, Arnaldo Melo vem trabalhando forte em duas frentes: junto aos deputados e ao comando da base partidária. É apontado como candidatíssimo.

Outro nome que vem aparecendo com intensidade é João Abreu, chefe da Casa Civil do Governo do Estado. Discreto, João Abreu vem se movimentando com cuidado no tabuleiro. Ele não se lançou candidato, não diz nem sim nem não quando é perguntado sobre o assunto, limitando-se a exibir um sorriso já por muitos interpretado como uma resposta positiva. E também o deputado Max Barros (PMDB), atual 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa, que em conversas reservadas admitiu que topa ser governador por oito meses. Nada até agora pode ser confirmado, porque o processo só ganhará movimento se a governadora se desincompatibilizar.

Vale, portanto, aguardar.

Coluna Estado Maior, O Estado

3 comentários »