Interdição de delegacia

0comentário

entrevista_claudioguimaraesEm Ação Civil Pública protocolada pela 2ª Promotoria de Justiça do Controle Externo da Atividade Policial de São Luís, o Ministério Público do Maranhão requer a concessão de Liminar que determine a interdição da delegacia do 7° Distrito Policial, localizada no Bairro Habitacional Turu. A delegacia não apresenta condições estruturais mínimas de funcionamento, colocando em risco os servidores e a população que busca os serviços do 7º DP.

Em inspeção realizada pelo promotor Cláudio Alberto Gabriel Guimarães, autor da ação, foi observada a situação da delegacia e as condições precárias de trabalho. Além da presença de cupins, foram verificadas rachaduras nas paredes e curto-circuitos nas instalações elétricas. Diante do quadro, foi solicitada vistoria ao Corpo de Bombeiros, realizada em 6 de novembro de 2013.

Após a vistoria, o Corpo de Bombeiros fez uma série de exigências: apresentação de projeto de prevenção e combate a incêndio; apresentação de laudo de manutenção de para-raios; realização de manutenção na estrutura do telhado, que está infestado de cupins e apresenta risco de desabamento; manutenção de toda a estrutura elétrica; e colocação de extintor de incêndio próximo à recepção.

Durante a própria realização da inspeção ocorreu uma pane elétrica que obrigou ao desligamento das lâmpadas, já que havia risco de um princípio de incêndio em uma sala em que são arquivados inquéritos policiais, livros, documentos e equipamentos eletrônicos.

Além da interdição imediata da delegacia, a ação do Ministério Público requer que a Justiça condene o Estado do Maranhão a realizar as exigências listadas pelo Corpo de Bombeiros para que o 7° Distrito Policial tenha condições de funcionamento.

sem comentário »

Investimentos em Grajaú

3comentários

grajau

O Distrito Industrial de Grajaú foi entregue na semana passada pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (Sedinc). O investimento é da ordem de R$ 3,9 milhões. A cerimônia teve presença de lideranças políticas, empresariais e trabalhadores do município e cidades vizinhas que compareceram ao local.

Para o secretário de Infraestrutura, Luis Fernando, o distrito será um marco divisor na história da cidade de Grajaú. “Este é um investimento decisivo para que mais indústrias cheguem a Grajaú para que se possa diversificar o parque industrial. Tenho certeza que outros investimentos virão para o município, gerando desenvolvimento, emprego e renda”, afirmou Luis Fernando Silva.

O secretário Mauricio Macedo, destacou que a implantação dos Distritos Industriais no Maranhão atende a estratégia do governo em descentralizar o desenvolvimento econômico do estado. “Hoje mais da metade dos empreendimentos já se encontram fora da capital. Esta é uma obra importante para Grajaú que oferece infraestrutura para e receber empreendimentos”, disse Mauricio Macedo.

O prefeito de Grajaú, Júnior de Sousa Otsuka, afirmou sentir-se muito feliz por fazer parte desta história de Grajaú com a implantação do distrito. “Este é um sonho realizado pelo Governo do Estado e Município e estão irmanados para gerar o desenvolvimento, a geração de emprego e de renda para o município”, afirmou.

3 comentários »

Na rica Porto Alegre…

10comentários

portoalegre

Os Estados do Maranhão e do Rio Grande do Sul estão distantes na longitude e nos índices de desenvolvimento econômico e social de seus moradores. Porto Alegre está mais de duzentas posições à frente de São Luís no ranking do Índice de Desenvolvimento Econômico (IDH) e, apesar de ser a 28º cidade com os melhores indicadores do país, a capital gaúcha se iguala à 249ª colocada no horror do sistema carcerário.

Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados apontou o Presídio Central de Porto Alegre como a pior penitenciária do Brasil em 2008. Com 4.500 detentos, o presídio funciona há anos com contingente bem acima de sua capacidade de 2.069 vagas. Em novembro de 2010, atingiu o recorde, com mais de 5.600 detentos. A superlotação, aliada à falta de infraestrutura e ao total descaso do governo Tarso Genro (PT), segue a a mesma receita que provocou o colapso hoje visto no Maranhão.

Assim como no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís (MA), o Presídio Central de Porto Alegre é dominado por facções criminosas. São os líderes que determinam quem deve receber atendimento médico, visitas de advogados e também as penas aplicadas ao preso endividado com drogas. Recentemente, por uma dívida de 15 reais de crack, um detento foi “condenado” a ingerir à força um coquetel de drogas com água e crack moído, entre outras substâncias. Ele sobreviveu para contar a história, mas em casos parecidos, o “condenado” morre asfixiado com um saco plástico amarrado à cabeça. São recorrentes os relatos de extorsão de familiares, obrigados a fazer depósitos em contas de laranjas em troca da vida do detento. Junto com as drogas, armas e aparelhos celulares entram e saem com frequência na cadeia gaúcha.

O presídio gaúcho não dispõe de área destinada às visitas. O resultado é que os cerca de 240.000 visitantes que entram no local por ano têm livre acesso às 28 galerias e às celas. Desse total, 20.000 são crianças que acabam expostas a homens armados, consumo de drogas e visitas íntimas.

Leia mais

10 comentários »

Pensando alto

7comentários

edsonportoO Moto Club confirmou a contratação do técnico Édson Porto. Mesmo em situação financeira complicada, o Conselho Deliberativo decidiu arriscar alto e acertou em cheio.

Porto será apresentado juntamente com os jogadores nesta terça-feira, no CT Pereira dos Santos, no Paranã. Ele desembarca nesta segunda pela manhã em São Luís.

Com a contratação de Édson Porto, os dirigentes do Moto apostam alto no projeto que pode levar o clube de volta à competições nacionais. O Campeonato Maranhense garantirá vaga no Campeonato Brasileiro Série D, Copa Nordeste e Copa do Brasil.

Esta será a segunda vez que Porto comandará o Moto. Ele também já treinou o Sampaio. O último clube do treinador foi o Ríver de Teresina.

Bom, sem dúvida uma excelente contratação.

7 comentários »

Obras em Ribamar

3comentários

gilcutrim

O prefeito Gil Cutrim (PMDB), visitou várias obras de asfaltamento de vias em execução no município. Acompanhado dos vereadores Beto das Vilas, Arthuzinho, Valberlena, Marlene Monroe, Jô Viana, César Vieira, Nonato Lima e Djalma, dos Secretários Municipais e Líderes Comunitários, Cutrim caminhou pelas ruas e conversou com os moradores ouvindo solicitações e recebendo diversos elogios.

“Ficamos felizes quando as máquinas chegaram e iniciaram os serviços, parecia um sonho, mas era realidade, a administração do prefeito está de parabéns, em vir à rua e fiscalizar as obras, é assim que é pra fazer e é o que está sendo feito”, disse Dono do Mundo, líder comunitário do Alonso Costa, que junto aos demais moradores acompanhou a comitiva do prefeito pelo bairro.

Na sede, Gil Cutrim vistoriou o asfaltamento da Rua Bernardo de Matos no Vieira, que há mais de 30 anos aguardava pelo asfalto, “Moro nesta rua há pouco mais de 30 anos e aguardava ansiosamente por este dia, sempre tive esperança até que o dia chegou, tinha dificuldade em andar na minha rua por consequência do meu problema de locomoção, agora ando tranquilamente”, disse a senhora Maria José, moradora da Rua Bernardo de Matos

Essas obras são frutos de um convênio firmado entre a Prefeitura e o  Governo do Estado, através da Secretaria de Infraestrutura, de ordem de 2,5 milhões para asfaltamento de vias em mais de 09 bairros no município. “firmamos compromisso com os ribamarenses, e seremos fiéis a ele até o fim, muitos desafios estão vindo, mas vamos superá-los e vencê-los a fim de proporcionar os melhores dias para os nossos munícipes”, disse Gil Cutrim.

3 comentários »