Roseana assegura geração de emprego e renda

0comentário

Recebida calorosamente pela população de Brejo, a candidata a governadora Roseana Sarney (MDB) reafirmou na manhã desta quinta-feira sua firme determinação de voltar a governar o Maranhão para devolver aos maranhenses o apoio do Estado. Ao lado dos candidatos ao Senado Sarney Filho e Edison Lobão, ela cumpriu vasta programação com as principais lideranças políticas nos municípios do Baixo Parnaíba.

“Temos que apoiar o micro e o pequeno empreendedor, seja na prestação de serviços ou no comércio, para estimular a geração de emprego e renda para os maranhenses. É com eles que muitos jovens conseguem a primeira oportunidade de trabalho, por isso vamos reduzir os impostos e trazer de volta o Programa Primeiro Emprego”, garantiu ela.

Em seu discurso, Roseana reafirmou que trará de volta os programas sociais que atenderam milhares de famílias maranhenses em seu governo, como o Viva Luz, o Viva Água e o programa do Leite, e anunciou a criação do Viva Gás. Ela também destacou seu compromisso em acabar com a alta carga tributária imposta pelo atual governo estadual aos micro e pequenos empresários.

A candidata da coligação “Maranhão quer mais” foi recebida na Associação do Banco do Brasil de Brejo por uma multidão e pelas maiores lideranças políticas da região. Vereadores e ex-vereadores, líderes comunitários e presidentes de sindicatos, a ex-prefeita de Chapadinha Belezinha, e os ex-prefeitos de Brejo, Chico Caldas, dra. Carlota e dr. Omar Furtado.

“Roseana tirou o nosso município do isolamento, asfaltando 192 km de estradas. Ela intercedeu para colocarmos energia em todos os povoados, instalou microssistema de abastecimentos em 37 povoados. Postos de saúde foram equipados, e com ela a saúde do Maranhão teve a sua melhor fase.

As escolas que funcionavam em barracões foram substituídas por 17 novas escolas. Todos os bairros foram asfaltados e receberam obras de saneamento básico, além de construir o ginásio poliesportivo”, lembrou Omar Furtado.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Roseana prega governo sem perseguição

2comentários

“Não vamos perseguir ninguém. Vamos trabalhar para retomar o desenvolvimento do Maranhão e devolver a esperança aos maranhenses”, enfatizou a pré-candidata a governadora Roseana às lideranças e demais pessoas que a receberam nos nove municípios da Região Tocantina por ela visitados de quinta-feira (9) a sábado (11). Por onde passou, ela e sua comitiva receberam o carinho da população, que demonstrou o apoio à sua pré-candidatura, com cartazes, aplausos e abraços calorosos.

Além do pré-candidato a vice-governador, Ribinha Cunha, e dos pré-candidatos ao Senado, Edison Lobão e Sarney Filho, lideranças políticas locais e da região acompanharam Roseana nos municípios, e em todas as cidades ela foi recebida com muito carinho. “Quero ser governadora para dar continuidade ao trabalho que iniciamos nessa região e que está estagnado. Por isso, reunimos um time que tem experiência e compromisso com nosso povo, como Sarney Filho e Lobão, e meu vice Ribinha, filho desta região e liderança fundamental para nos ajudar a devolver a esperança ao povo”, declarou ela.

Em São Pedro da Água Branca, os ex-prefeitos Vanderlúcio Simão Ribeiro e Juca Gonçalves ressaltaram que as cidades do interior ficaram esquecidas nos últimos anos. “Apoiamos Roseana porque queremos de volta as parcerias com o Governo do Estado e, principalmente, a atenção ao social, às comunidades, com diversas iniciativas direcionadas para famílias carentes, como o Viva Luz, Viva Água e o Programa do Leite. Roseana liberou para o nosso município R$ 3 milhões para a infraestrutura local que o atual governo só começou a utilizar agora, às vésperas da eleição. Mas nossa guerreira vai voltar pra liderar e trazer de volta a alegria de nosso povo”, ressaltou Vanderlucio. “Ficamos muito felizes com a escolha de Ribinha, que é daqui e sabe do que nosso povo precisa”, acrescentou Juca Gonçalves.

A recepção também foi calorosa em Vila Nova dos Martírios. “Andamos por toda a região e as pessoas clamam pelo retorno do desenvolvimento e da prosperidade. As obras realizadas estão por toda parte”, ressaltou Lobão. Ele afirmou que no Maranhão “nenhum cidadão ficou sem energia em casa”, lembrando que o programa Luz para Todos beneficiou mais de um milhão e 200 mil famílias, quando ele era ministro de Minas e Energia.

Ribinha Cunha agradeceu pela presença dos jovens com cartazes de apoio e incentivo às candidaturas: “Não vamos desistir de lutar pelo nosso povo. Contamos com vocês para representar a comunidade no Governo do Estado. Queremos que o brilho nos olhos de todos permaneçam, pois vamos juntos construir um Maranhão vitorioso. Serei o porta-voz do meu povo em todas as demandas”.

Em Açailândia, a caravana foi recebida pelos ex-prefeitos Gleide Santos e Deusdete Sampaio, e pelo empresário Nelson Bragato, no Distrito do Pequiá. “Muitas cidades foram emancipadas por Lobão e Roseana, que cresceram e se desenvolveram, como Itinga. Tenho orgulho de dizer que o Maranhão precisa desse grupo, com o presente que ela nos deu: o vice da Região Tocantina”, enfatizou.

Sarney Filho também teve o reconhecimento dos cidadãos, pela experiência e atuação de destaque no cenário nacional, como deputado federal e ministro de Meio Ambiente, e reforçou que vai enfrentar as dificuldades para proporcionar melhores condições de vida aos maranhenses. “O Maranhão quer retomar o progresso, diminuir os impostos, aumentar os empregos. Com Lobão e Roseana, vamos apoiar nosso povo, cuidar da população e trabalhar pelos mais humildes”, concluiu.

Foto: Divulgação

2 comentários »

A força da história

1comentário

À medida que se aproxima o período de convenções partidárias, o grupo de pré-candidatos a senador vai ganhando forma mais consistente, e um detalhe começa a pesar em relação aos nomes postos à disposição do eleitor: a história de cada candidato. O peso dos serviços prestados e da credibilidade deve influenciar fortemente o eleitor, segundo apontam as pesquisas.

É nesse aspecto que se fortalecem nomes como o do atual senador Edison Lobão (MDB) e dos deputados federais Sarney Filho (PV) e José Reinaldo Tavares (PSDB). Com larga experiência política e serviços prestados ao longo de mais de 30 anos, os três pré-candidatos levam vantagem exatamente pelo recall que possuem nos 217 municípios.

Mesmo assim, o governador Flávio Dino (PCdoB) optou por apostar em dois nomes ainda sem capilaridade no Maranhão, como os dos deputados federais Weverton Rocha (PDT) e Eliziane Gama (PPS). Sem histórico político consistente, sem reconhecimento por parte do eleitor, os dois dinistas amargam ainda presença tímida no levantamento das pesquisas. Para o Palácio dos Leões, “os dois serão levados pela força da máquina”.

Mas Sarney Filho e Lobão contam com um trunfo a mais: a força popular e o carisma da ex-governadora Roseana Sarney (MDB), que lidera a chapa em que estarão concorrendo. Roseana é um dos mais fortes cabos eleitorais maranhenses, com presença tão significativa a ponto de suplantar até mesmo máquinas de governo. E é isso que faz a força dos seus dois candidatos a senador.

Estado Maior

1 comentário »

Parceria que vem dando certo em Caxias

0comentário

Os senadores Edison Lobão (PMDB), Roberto Rocha (PSDB) e o deputado federal André Fufuca (PP) participaram no último sábado (23), em Caxias, da inauguração da Praça da Chapada a convite do prefeito Fábio Gentil e do vice Paulo Marinho Júnior.

Os dois senadores e o deputado André Fufuca tem destinado emendas parlamentares ao município de Caxias. O deputado André Fufuca, por exemplo foi o parlamentar que mais destinou emendas para Caxias nestes 3 anos. Foram mais de R$ 7 milhões para o município, sendo R$ 3,4 milhões para habilitação de uma UPA e R$ 4 milhões fundo a fundo. “Temos trabalhado muito pelo município de Caxias em parceria com o prefeito Fábio gentil e o vice Paulo Marinho Júnior e vamos ampliar ainda  mais essa parceria em 2018”, destacou.

O senador, Roberto Rocha já teria destinado R$ 6 milhões em emendas para recuperação de estradas vicinais em Caxias. Ele anunciou mais investimentos na cidade. “Inauguramos a praça mais bonita do Estado, construída pelo prefeito Fábio Gentil: a Praça da Chapada, uma obra grandiosa, que já é motivo de orgulho da população caxiense. Na ocasião, anunciamos muitos investimentos para a cidade. Uns falam muito e pouco fazem, outros falam pouco e fazem muito. Carrego comigo o seguinte, desde o primeiro mandato: primeiro a gente faz, depois a gente fala”, disse.

O vice-prefeito Paulo Marinho Júnior destacou que a obra da Praça da Chapada foi feita com recursos próprios do município. “Estamos entregando aos nossos irmãos Caxienses a novíssima novíssima praça da Chapada. Uma obra feita totalmente com recursos próprios ou seja sem nem uma ajuda do governo do Estado. Parabéns Caixas, parabéns meus irmãos Caxienses. Temos orgulho dessa terra. A nova praça da Chapada ficou à altura dos caxienses, uma obra belíssima, feita por caxienses com o esforço de todos, desde o ajudante de pedreiro ao engenheiro, mão de obra 100% da nossa amada terra”, finalizou.

Foto: Divulgação

sem comentário »

Senadores reagem a crítica de Flávio Dino

4comentários

Os três senadores maranhenses se manifestaram nesta sexta-feira (20) em resposta às críticas feitas pelo governador Flávio Dino, nas redes sociais acusando os senadores Roberto Rocha, João Alberto e Edison Lobão de se recusarem a cumprir um acordo que garantiria R$ 160 milhões em emendas para municípios maranhenses.

O senador Roberto Rocha disse que Flávio Dino tentou indispor os senadores com os prefeitos.

“É indigna a posição do governador ao tentar indispor a bancada de senadores com os prefeitos do Maranhão.

Afronta o bom senso e degrada as regras básicas da convivência política sugerir que os representantes do Estado na Câmara Alta estejam contra a saúde da população.

As emendas parlamentares, como bem diz o nome, são prerrogativas dos deputados e senadores do Maranhão. Cabe a eles, e somente a eles, decidir o destino das emendas. É grotesco que o chefe do executivo vocifere publicamente como se o recurso estivesse sendo retirado dos cofres estaduais. O que está em discussão é o orçamento da União, e não do Estado. Por acaso, em algum momento o governador convidou deputados federais e senadores para discutir o orçamento estadual?

Hoje mesmo, cumpri extensa agenda iniciada pela manhã em São Paulo, com o governador Geraldo Alckmin, e acertamos sua participação no dia 11/11, em Imperatriz, no nosso Seminário de Revitalização dos Rios Maranhenses e suas Nascentes. Na oportunidade, debateremos a crise hídrica do Rio Tocantins.

Em seguida, com o ministro Bruno Araújo, das Cidades, estive em Buriticupu entregando casas e Imperatriz, onde promovi o encontro do ministro com diversos prefeitos da região, em busca de soluções para os graves problemas que enfrentam os gestores municipais.

Voltei à noite para Brasília exatamente para equacionar, na sexta-feira, a questão das emendas, com diálogo e responsabilidade. Infelizmente fui surpreendido, na volta, pelo destempero incivilizado e orquestrado entre o Governo e a mídia de aluguel, com o propósito de desqualificar quem, com muito esforço, dedica-se à honrosa missão de representar o Estado.

Faço política aproximando pessoas, estreitando a distância entre os problemas e suas soluções. Com gestos e ações efetivas, e não com fanfarras retóricas para intrigar a população com seus representantes”, afirmou.

O senador Edison Lobão disse que Flávio Dino mentiu.

“O governador Flávio Dino mente ao dizer que os senadores do Maranhão têm a intenção de prejudicar os municípios do estado negando-lhes recursos para a saúde pública.

Os parlamentares não arrecadam recursos, nem são gestores de tais meios financeiros. Os deputados e senadores pedem, solicitam, subscrevem as chamadas emendas parlamentares demonstrando total interesse no sentido de ajudar os municípios.

A responsabilidade real de resolver os problemas de saúde pública, de saneamento, de rodovias é, isto sim, do governo do estado e supletivamente do governo federal e dos próprios municípios, infelizmente estes enfrentando graves dificuldades neste momento.

Já em anos anteriores não recusei solidariedade ao governo Flávio Dino, assinando emendas que lhe favoreciam.

Acho que o governador empregaria melhor o seu tempo cuidando dos interesses legítimos do povo em vez de dedicar-se com tanto ardor à promoção de selvagens lutas políticas.

O que se trata nesta fase é de recursos federais. Pois que sejam destinados pelo governo federal à saúde e a outras políticas públicas através dos seus ministérios.

O resto é falatório irresponsável”, destacou.

O senador João Alberto (PMDB) também se manifestou. “Não temos a intenção de prejudicar a nossa população. Trabalhamos para ajudar os municípios e assim continuaremos a fazer”, afirmou.

4 comentários »

Edilázio cumpre agenda no interior do MA

2comentários

O deputado estadual Edilázio Júnior (PV) cumpriu uma extensa agenda política no interior do estado, no último fim de semana. Destaque para o encontro com o senador Edison Lobão e com a vereadora e ex-prefeita do município de Timon, Socorro Waquim.

O primeiro compromisso ocorreu na sexta-feira, em Igarapé do Meio. Lá, o parlamentar realizou visita de cortesia ao ex-prefeito Raimundinho. Eliezer e outras lideranças participaram do encontro.

No sábado Edilázio Júnior esteve em Timon, para uma visita a vereadora Socorro Waquim e o senador Lobão. Na pauta, as eleições 2018 e o atual cenário político no Maranhão.

O saldo da reunião, segundo o parlamentar, foi positivo. Lideranças políticas e comunitárias também recepcionaram Edilázio em Timon.

Já no último domingo Edilázio visitou o município de Nova Olinda do Maranhão. Lá, ele participou da II Cavalgada de São Francisco de Assis, evento tradicional do município.

A prefeita Iracy Weba – que foi quem recebeu o parlamentar -, o vice-prefeito José Alberto, o deputado federal André Fufuca, e o deputado estadual Hemetério Weba participaram do evento.

Foto: Divulgação

2 comentários »

Lobão é indicado para presidir a CCJ

2comentários

Senador Lobão é indicado para presidir a Comissão de Constituição e Justiça do Senado

O senador maranhense Edison Lobão (PMDB) foi indicado, por aclamação, pela bancada do PMDB para presidir a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no biênio 2017-2018.

A CCJ é a comissão mais importante do Senado. Sua primeira missão este ano será a análise da indicação do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, para o Supremo Tribunal Federal (STF).

A mensagem do Executivo com a indicação de Moraes chegou ao Senado na terça-feira. Lobão deverá escolher o relator, marcar a data da sabatina e pautar as discussões e a votação do tema.

O Senador Edison Lobão, que já presidiu a CCJ e nos últimos dois anos foi presidente da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), considera “uma honra e um desafio, a indicação”. “Temos grandes desafios a vencer e tudo farei para corresponder a confiança que mais uma vez me é depositada”, declarou Lobão.

Foto: Agência Senado

2 comentários »

Gastão diz que especulações atrapalham

1comentário
GastaoVieira

“A semana foi muito difícil com a especulação sobre minha saída do FNDE”, admite Gastão

As especulações em torno da possível saída do ex-ministro do Turismo Gastão Vieira (Pros), da presidência do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) continuam.

O jornalista Marco Aurélio D’Eça revela em seu blog que os três senadores maranhenses João Alberto, Edison Lobão e Roberto Rocha defendem a mudança na presidência do FNDE.

O nome de Pedro Maranhão que é ligado ao senador Roberto Rocha seria o preferido para o lugar de Gastão.

Nas redes sociais, Gastão Vieira disse que as especulações não tem substância, mas admitiu que elas estão atrapalhando neste momento.

“A semana foi muito difícil com a especulação sobre minha saída do FNDE. Embora sem qualquer substância , atrapalha e coloca em cheque a tranquilidade do FNDE”, afirmou.

1 comentário »

Roseana e Lobão estão livres da Lava Jato

0comentário
RosenaeLobão

Ex-governadora Roseana e ex-ministro Lobão foram citados, mas nada foi provado contra eles

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki aceitou hoje (25) pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) e arquivou o inquérito em que a ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney e o senador Edison Lobão (PMDB-MA) são acusados de lavagem de dinheiro e corrupção na Operação Lava Jato.

Ontem (24), em uma petição enviada ao Supremo, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse ao ministro que não há provas para justificar o prosseguimento da investigação.

A investigação foi iniciada em março de 2015 para apurar declarações do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa. Em depoimento de delação premiada, Costa afirmou que a campanha eleitoral de Roseana em 2010 teria recebido R$ 2 milhões de propina, valor que teria sido solicitado por Edison Lobão e pago pelo doleiro Alberto Youssef.

Após o pedido de arquivamento, o advogado de Roseana e de Lobão, Antônio Carlos de Almeida Castro, comemorou o parecer da PGR e disse que, desde o começo das investigações, a ex-governadora sempre se colocou à disposição para prestar esclarecimentos.

“Esse arquivamento, embora tardio, resgata, nesse ponto de vista, a verdade. Para Roseana, que ficou sendo investigada desnecessariamente, é uma vitória. Este era o único inquérito em que Roseana era investigada. Embora a demora nas investigações tenha causado um enorme prejuízo pessoal e político, para Roseana a Lava Jato é uma página do passado”, disse o advogado.

sem comentário »

Defesa da Refinaria

7comentários

EdisonLobao
O senador e ex-ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA) fez um pronunciamento nesta segunda-feira (16), no Senado e pela primeira vez falou sobre a decisão da Petrobras de cancelar a obra de duas refinarias, uma no Maranhão e outra no Ceará.

“Como ex-ministro de Minas e Energia e  representante do povo do meu Estado, o Maranhão, devo uma palavra sobre a decisão da Petrobras de retirar de seu plano de investimentos a construção das refinarias Premium I, no Maranhão, e Premium II, no Ceará.”, destacou.

Lobão destacou que a refinaria em Bacabeira é estratégica para o Brasil pelas condições que o Maranhão oferece.

“Nenhuma outra localidade apresenta características parecidas com as de que o Maranhão dispõe! Se condições internas inviabilizam a condução dos projetos de refino que são estratégicos para o País, o Governo precisa encontrar o caminho que leve à minimização da dependência que já temos e que deverá se agravar.”, afirmou.

O senador defendeu a continuidade da Refinaria Premium I, em Bacabeira e disse que continuará lutando em Brasília pela manutenção do projeto.

“A continuidade do Projeto Bacabeira é uma solução inteligente. Não podemos mais esperar. O povo do Maranhão pode estar certo de que não descansarei um dia, não ensarilharei as armas enquanto não for encontrada uma solução para aquela refinaria, que será, também, uma solução em benefício do Brasil”,  finalizou.

Foto: J.Freitas

7 comentários »